BUSCA





Destaques NetSaber:
- Interpretação de Sonhos
- Dicionário de Nomes
- Frases de Bob Marley
- Frases de Alegria
- Frases de Carinho
- Frases de Amor
- Frases de Amigos
- Frases de Vida
- Frases de Amizade
- Arte e Cultura
- Biografia de Aristóteles
- Biografia de Charles Darwin
- Frases e Citações
- Jogos Online
- Livros para Download
- Ciências Biológicas

Buscar Palavras
   A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z


Palavras que começam com P

P.v.c.
s.m. (sigla do ing. polyvinylchloride) Policloreto de vinil, matéria plástica muito utilizada.

Pa
s.f. Ferramenta formada de uma chapa de ferro ou de madeira mais ou menos côncava, ajustada a um cabo e destinada a remover terra, ou detritos. / Parte larga e chata do remo. / Parte mais larga e carnuda da perna das reses. // Pá mecânica, engenho mecânico de grande força para executar obras de terraplenagem. // Fam. Ser da pá virada, ser estouvado, impetuoso, ter mau procedimento. (Us. também sem o "da": é um pá-virada; e igualmente como adj.: sujeito da pá-virada.)

Paba
s.m. (sigla do ing. para-aminobenzoic acid) Ácido paraminobenzóico.

Pabulagem
s.f. Bras. Fatuidade, vanglória, gabolice. / Orgulho, presunção, pedantismo.

Pabulo
s.m. Ant. Pasto, alimento, sustento. / Fig. Matéria, assunto para maledicência ou escárnio. / &151; Adj. e s.m. Bras. Fátuo, presumido, gabola; fanfarrão.

Pac
s.m. Informática Sigla de projeto assistido por computador. V. CAD.

Paca
s.f. Mamífero roedor, de pelagem castanha e malhas claras, de cauda reduzida a um tubérculo, e compr. de cerca de 70 cm. (Muito comum em quase todo o Brasil e América do Sul, tem carne muito apreciada.) / &151; Adj. Pop. Tolo, ingênuo, inexperiente.

Pacatez
s.f. Qualidade de pacato; índole pacífica.

Pacato
adj. Sossegado, que evita situações de disputa. / Que nada perturba, onde reina a paz, a tranqüilidade.

Pacemaker
iniciador do ritmo do coração; regulador cardíaco (pop)

Pachola
s.m. Preguiçoso, madraço. / Farsola, patusco. / &151; Adj. Bras. Cheio de si, pedante, vaidoso. / Apurado no trajar; elegante.

Pacholice
s.f. Bras. Ação própria de pachola; gabolice.

Pachorra
s.f. Fleuma. / Vagar, lentidão.

Pachorrento
adj. Molenga, vagaroso, lento.

Pachouchada
s.f. Palavra ou frase disparatada; tolice. / Dito obsceno.

Pachto
s.m. Língua indo-européia (grupo iraniano) falada no Afeganistão e escrita em caracteres árabes.

Paciencia
s.f. Virtude que faz suportar com resignação a maldade, as injúrias, as importunações etc. / Perseverança, constância. / Nome de certo jogo de cartas. // Perder a paciência, começar a não poder mais esperar, suportar ou procurar. // Revestir-se de paciência, esperar com calma.

Pacientar
v.i. Ter paciência, mostrar-se paciente.

Paciente
adj. Que tem paciência. / Filosofia. Que recebe a impressão de um agente físico. / &151; s.m. e s.f. Pessoa que sofreu uma operação cirúrgica, e, p. ext., pessoa que está doente (em relação ao médico).

Paciente de risco
paciente de risco (pop)

Pacificacao
s.f. Restabelecimento da paz e da ordem em um país, em uma sociedade etc. / Fig. Apaziguamento.

Pacificador
adj. e s.m. Que ou aquele que pacifica ou restabelece a paz.

Pacificar
v.t Restabelecer a paz, restituir a paz. / Fig. Restabelecer a calma.

Pacifico
adj. Amigo da paz, manso, sereno, tranqüilo. / Que é aceito sem controvérsia ou oposição; indiscutível.

Pacifismo
s.m. Doutrina dos que julgam que as negociações resolvem melhor os problemas entre as noções do que as guerras.

Pacifista
adj. e s.m. e s.f. Que ou quem propugna pela paz entre os países, a qualquer preço.

Pacitopenia
diminuição de todos os glóbulos brancos (pop)

Paco
s.m. Palácio real ou episcopal. / Fig. A corte, os cortesãos, as pessoas que habitam o palácio.

Pacoca
s.f. Bras. Carne assada, desfiada e pisada com farinha de mandioca ou de milho. / Amendoim torrado, moído e misturado com farinha de mandioca, algumas pitadas de sal e açúcar. / Fig. Confusão; mistura de coisas amarfanhadas. / Fig. Bras. (S) Coisa complicada, embrulhada.

Pacote
s.m. Conjunto de vários objetos amarrados ou embrulhados simultaneamente. / Objeto embrulhado e amarrado para ser mais facilmente transportado. // Art. gráf. Reunião de várias linhas compostas, ligadas com um barbante, e remetidas pelo compositor ao paginador. / &151; S.m.pl. Pop. Dinheiro. / Série de decretos-lei, medidas econômicas, regulamentos etc., relacionados entre si, expedida ou negociada de uma só vez.

Pacotilha
s.f. Conjunto de mercadorias que os passageiros e pessoal de bordo podiam levar consigo sem pagar transporte. / Artefato grosseiro e mal-acabado; fancaria.

Pacova
s.f. Bras. Banana. / Bras. (S) Espécie de banana grande. / &151; Adj. e s.m. e s.f. Bras. Moleirão, toleirão.

Pacovio
adj. e s.m. Tolo, toleirão, estúpido; simplório; idiota, parvo.

Pactario
adj. e s.m. Que ou aquele que faz pacto, que pactua; pactuário.

Pacto
s.m. Acordo, convenção entre Estados ou particulares.

Pactolo
s.m. Fonte de riquezas, grande riqueza inexplorada. (Do nome de um pequeno rio da Lídia, afl. do Hermo, célebre pelas pepitas de ouro que carreava desde que o rei Midas nele se banhou, e ao qual devia o rei Creso a sua imensa fortuna.)

Pactuar
v.t. Ajustar, contratar. / &151; V.i. Ceder, transigir.

Pactuario
s.m. Aquele que pactua, que tem pacto ou contatos com alguém; pactário.

Pacu
s.m. Nome comum a vários peixes chatos de água doce da família dos caracinídeos. / Planta medicinal do Amazonas.

Pacuera
s.f. Bras. Fressura de boi, porco ou carneiro. / / Pop. Bater a pacuera, morrer.

Pacuguacu
s.m. Peixe de rio, espécie de pacu grande.

Pacupeba
s.m Bras. Peixe de rio, espécie de pacu.

Pada
s.f. Pão pequeno. / Fig. Pequena porção, parte mínima.

Padaria
s.f. Lugar onde se faz e vende pão, biscoito e congêneres.

Paddock
s.m. (pal. ing.) No turfe, pista circular onde os cavalos são selados e passeiam, puxados à mão, antes de uma corrida. / Num autódromo, área onde os carros de corrida ficam estacionados.

Padecer
v.t. Ser atormentado, martirizado, afligido por. / Sofrer, suportar. / Admitir, consentir, permitir. / &151; V.i. Ser vítima de violências físicas; sentir dores físicas ou morais; estar doente.

Padecimento
s.m. Ação de padecer; sofrimento; doença.

Padeiro
s.m. Pessoa que faz ou vende pão.

Padieira
s.f. Verga de porta ou janela, que firma as duas ombreiras.

Padiola
s.f. Leito de emergência para transporte de feridos ou doentes; maca. / Espécie de tabuleiro quadrado ou retangular, com quatro varais, usado por operários para transporte de material (areia, pedra etc.).

Padioleiro
s.m. Homem encarregado de transportar feridos em padiola.

Padixa
s.m. Outrora, título do sultão otomano.

Padralhada
s.f. Pej. Grande número de padres.

Padrao
s.m. Metrologia Grandeza-tipo que serve para definir uma unidade. / Modelo-tipo legal dos pesos e das medidas. / Tipo, modelo. / Desenho de estamparia. // Padrão monetário, metal cujo valor comercial corresponde, em regime de cunhagem livre, ao valor nominal.

Padrasto
s.m. O que casa com mulher viúva, nas suas relações de parentesco com os filhos desta havidos em matrimônio anterior.

Padre
s.m. Sacerdote; sacerdote secular. / A primeira pessoa da Santíssima Trindade. (Nesta acepção, escreve-se com maiúscula.) // Santo Padre, o Papa.

Padre-cura
s.m. Pároco. / Jogo popular.

Padre-mestre
s.m. Sacerdote professor. / Bras. Capelão. / Fig. Sabichão.

Padre-nosso
s.m. Prece, oração que Cristo teria ensinado a seus discípulos e que os cristãos dirigem a Deus, pedindo-lhe proteção. // Fam. Ensinar padre-nosso ao vigário, ter a pretensão de ensinar alguma coisa a quem é entendido no assunto, a quem a sabe melhor.

Padrear
v.i. Procriar, reproduzir-se (especialmente cavalo ou jumento).

Padreco
s.m. Pej. Padre, sacerdote de pouco mérito ou muito jovem.

Padresco
adj. Pej. Relativo a padre; próprio de padre.

Padrinho
s.m. Aquele que leva uma criança à pia batismal, ou a acompanha no sacramento da crisma. / Pessoa que serve de testemunha em atos solenes, como casamento, colação de grau etc. / Patrono, protetor; defensor. / O que é escolhido para assistir à cerimônia da bênção de um navio, avião etc., e dar-lhe o nome.

Padroado
s.m. Direito de servir de protetor, adquirido por quem funda ou dota uma igreja. / Direito de conferir benefícios eclesiásticos. / Território onde se exercia esse direito.

Padroeiro
s.m. Santo de que se leva o nome, a quem uma igreja é dedicada. / Protetor.

Padronizacao
s.f. Ação ou efeito de padronizar; sistematização. / Processo de formação de padrões sociais; estandardização. / Indústria Uniformização dos tipos de fabricação em série, pela adoção de um único modelo.

Padronizado
adj. Estereotipado, feito segundo determinado tipo ou padrão. / Comum, vulgar.

Padronizar
v.t. Estabelecer o padrão de; servir de modelo; estandardizar. / &151; V.i. Estabelecer padrões, normas ou modelos.

Paella
s.f. (pal. esp.) Prato de arroz, condimentado com açafrão, refogado em óleo de oliva e cozido, que se serve com carnes, crustáceos, peixe, hortaliças etc.; iguaria originária da região de Valência (Espanha).

Paga
s.f. O que se dá em troca de um serviço prestado, ou de um favor. / Remuneração. / Recompensa.

Pagador
adj. Que paga. / &151; S.m. Pessoa que tem como encargo efetuar pagamentos.

Pagadoria
s.f. Seção de repartição pública onde se efetuam pagamentos.

Pagaia
s.f. Remo curto que se maneja sem o fixar na embarcação.

Pagamento
s.m. Ação ou efeito de pagar, de saldar. / Soma paga.

Paganismo
s.m. Religião dos que adoram vários deuses. / Ant. Designação dada outrora às religiões não cristãs. (Era o nome dado pelos antigos cristãos ao politeísmo, religião a que continuaram fiéis os camponeses [lat. paganus, i.e., camponês].)

Paganizar
v.t. Tornar pagão.

Pagao
adj. e s.m. Diz-se dos, ou os antigos povos não cristãos, assim como dos que se ligam ao politeísmo e a seus adeptos. / Fam. Nome dado às crianças ainda não batizadas.

Pagar
v.t. Quitar um débito, um imposto etc. / Satisfazer o preço, o valor de. / Remunerar. / Retribuir. / Expiar.

Pagelo
s.m. Peixe de água salgada, de cor róseo-prateada.

Pager
s.m. (pal. ing.) Bíper; em especial, espécie de bíper que recebe mensagens, apresentando-as numa tela.

Pagina
s.f. Cada um dos lados de uma folha de papel, pergaminho etc. / O que está escrito ou impresso na página. / Obra literária: as mais belas páginas de Castro Alves. / Fig. Época notável na vida de um homem ou de uma nação: as mais belas páginas da história do Brasil.

Paginacao
s.f. A operação de paginar. / A arte de paginar, de dispor a matéria e as ilustrações em uma página de livro, revista, jornal. / A ordem numérica das páginas de um livro, de um processo etc.

Paginador
s.m. Operário tipográfico encarregado de paginar. / Aquele que dispõe técnica e artisticamente a matéria constante de uma página; planejador gráfico; diagramador.

Paginar
v.t. Pôr em ordem numérica as páginas de um livro, revista, jornal. / &151; V.i. Reunir a composição para formar as páginas. / Dispor tecnicamente a matéria e as ilustrações de uma página de livro, revista, jornal.

Pago
adj. e part. pass. de pagar. Que se pagou. / Recompensado, remunerado, assalariado. / Fig. Vingado: estar pago de uma ofensa. / &151; S.m. O mesmo que paga.

Pagode
s.m. Pavilhão de construção típica, onde alguns povos do Oriente rendem culto a seus deuses. / Antiga moeda de ouro da Índia. / Pândega, farra, brincadeira.

Pagodeira
s.f. Fam. Divertimento, pagode, farra.

Paguro
s.m. Crustáceo anomuro que, para proteger seu abdome mole, costuma alojar-se nas conchas abandonadas dos gastrópodes. (Sin.: bernardo-eremita, eremita-bernardo.)

Pai
s.m. O que tem um ou diversos filhos; genitor. / Chefe de uma linha de descendentes. / Criador: Corneille é o pai da tragédia francesa. / Título dado aos membros padres de uma congregação religiosa. // Pai Eterno, Deus. // Pai espiritual, o que dirige a consciência de alguém. // Pai da pátria, deputado ou senador. / &151; S.m.pl. O pai e a mãe; os antepassados.

Pai-de-santo
s.m. Bras. Sacerdote do culto fetichista afro-brasileiro, chefe do terreiro, que transmite aos crentes as instruções recebidas da sua divindade, nas sessões de macumba.

Pai-de-terreiro
s.m. Pai-de-santo.

Pai-joao
s.m. Bras. Fantasia de carnaval, que representa um preto velho andrajoso.

Paica
s.f. Medida tipográfica do sistema anglo-americano, equivalente a 12 pontos e, no sistema Didot, a 11,22 pontos. / Designação dos caracteres usados comumente em máquinas de escrever, maiores que os tipos elite. (Aport. do inglês pica.)

Paina
s.f. Bras. Fibras sedosas, semelhantes ao algodão, que cobrem as sementes de algumas plantas bombacáceas, asclepiadáceas e tifáceas, e têm aplicação industrial.

Paineira
s.f. Árvore da família das bombacáceas, que produz a paina.

Painel
s.m. Tela, quadro. / Pintura feita em tela, tábua etc. / Almofada que se faz sobre as vergas das janelas e das portas. / Placa de madeira ou metal contendo indicações. // Painel da popa, a parte chata da popa do navio que fica por cima da curvatura da roda de proa. / Forro exterior da popa do navio, acima do cadaste.

Paio
s.m. Carne de porco acondicionada em tripa de intestino grosso. / &151; Adj. e s.m. Bras. (S) Toleirão, crédulo, ingênuo.

Paiol
s.m. Depósito de pólvora e outros petrechos bélicos. / Náutica Compartimento do navio onde se guardam pólvora, munições, bagagens, mantimentos. / Bras. Casa onde se recolhem gêneros agrícolas. / (MG e SP) Monte de milho. / (BA) Monte de cascalho.

Pairar
v.i. Estar à capa, cruzar, bordejar (um navio). / Adejar, esvoaçar sem sair do mesmo sítio. / Estar iminente, ameaçar. / Estar irresoluto, hesitar, vacilar.

Pairo
s.m. Náutica Ação de pairar; movimento do navio girando sobre seu próprio eixo.

Pais
s.m. Território social, política e geograficamente delimitado; nação. / Terra, região. / O reino, o império ou a república em que se nasceu; a pátria. / Região considerada do ponto de vista do clima, da fertilidade etc. / Conjunto dos habitantes de uma região, de uma nação. / Fig. Sítio, região irreal, sem limites precisos, comum a pessoas da mesma família intelectual ou moral: país das quimeras, país das maravilhas.

Paisagem
s.f. Extensão de território que se abrange num lance de vista; panorama, vista. / Desenho, quadro que representa uma cena campestre.

Paisagismo
s.m. Pintura ou desenho de paisagens. / Planejamento e arquitetura de jardins, parques e que tais.

Paisagista
adj. Relativo a paisagem. / &151; s.m. e s.f. Indivíduo que pinta ou desenha paisagens ou que planeja e cria jardins, parques e que tais.

Paisagistico
adj. Relativo a paisagem.

Paisano
s.m. O que não é militar (na gíria dos soldados). // &151; loc. adv. À paisana, em trajes civis (por opos. a em uniforme militar).

Paixao
s.f. Movimento violento, impetuoso, do ser para o que ele deseja. / Atração muito viva que se sente por alguma coisa. / Objeto dessa afeição. / Predisposição para ou contra. / Arrebatamento, cólera. / Amor, afeição muito forte. / Religião Descrição, que é feita no Evangelho, da condenação, da agonia e da morte de Jesus Cristo. (Neste sentido, escreve-se com maiúscula.) / Tipo de música vocal dramática que relata os sofrimentos de Cristo de acordo com o Evangelho. &151; É uma espécie de oratório. Acreditam os historiadores que a paixão foi cantada pela primeira vez no ano 300 d.C. A Paixão Segundo São Mateus, de Johann Sebastian Bach, é a maior das paixões compostas.

Paixoneta
s.f. Fam. Paixão amorosa passageira; amoricos; paixonite.

Paixonite
s.f. Fam. Paixão aguda, inclinação amorosa, em geral efêmera.

Paje
s.m. Bras. Personagem que exerce as funções de conselheiro, médico, sacerdote e feiticeiro, intermediário entre os indígenas e suas divindades, entre algumas tribos indígenas brasileiras. (Sin.: piaga.) &151; É dotado de poderes sobrenaturais, podendo prever o futuro, expulsar o espírito das doenças, encarnar-se em animais e tornar-se invisível. Os métodos de cura dos pajés compreendem massagens, banhos e algumas práticas elementares de cirurgia, e os medicamentos usados são ervas medicinais, raízes e sementes, além de substâncias animais e minerais. Os pajés conhecem os venenos e os usam com várias finalidades. Sabem preparar soluções purgativas, sedativas, narcóticas, estimulantes, contra a febre, e têm noção da influência do regime alimentar sobre a saúde. Entretanto, todos esses processos de cura estão fundados em feitos místicos e sobrenaturais.

Pajear
v.t. Bras. Cuidar de crianças; tomar conta de.

Pajelanca
s.f. Bras. Benzedura, arte de curar. / Prática dos curandeiros ou pajés da Amazônia. / Bruxaria. (V. UMBANDA.)

Pajem
s.m. Jovem nobre que está a serviço de um rei, príncipe ou senhor. / Menino que forma no cortejo da noiva.

Pajeu
s.m. Planta poligonácea. / Instrumento de cutelaria fabricado nos sertões de Pajéu, em Pernambuco. / Bras. (NE) Faca de ponta grande, com cabo de chifre em forma de anéis; p. ext., faca de ponta. / Árvore que floresce em junho, no sertão da Bahia.

Pal
s.m. (sigla de Phase Alternate Line). Sistema de tevê a cores que é uma adaptação aperfeiçoada do sistema NTSC. // PAl-M, padrão especial brasileiro do sistema PAL, onde M é a letra de registro no Conselho Consultivo Internacional de Radiodifusão, em Genebra.

Pala
s.f. Peça mais ou menos consistente da parte dianteira do boné, que serve para proteger os olhos. / A parte do vestuário que guarnece a gola. / Engaste da pedra preciosa numa jóia. / Heráld. Barra que divide o escudo de alto a baixo. / Liturgia Cartão quadrado, revestido de pano branco, com que se cobre o cálice.

Palace
adj. Designação que se costuma juntar, com valor adjetivo, ao nome de um hotel, como índice de categoria luxuosa: Copacabana Palace Hotel. (Var.: pálace.)

Palacete
s.m. Palácio pequeno; mansão.

Palaciano
adj. Diz-se do que tem cargo no palácio de um rei. // Modos palacianos, modos aristocráticos. / &151; S.m. Áulico, cortesão.

Palacio
s.m. Residência dos chefes de Estado, de um rei, ou de uma pessoa nobre. / P. ext. Residência grande e suntuosa. / Sede dos tribunais ou das câmaras: Palácio da Justiça.

Paladar
s.m. Abóbada óssea que separa a boca das fossas nasais. (Apresenta duas partes distintas: a anterior, óssea, o palato duro ou abóbada palatina; e a posterior, o palato mole ou

Paladino
s.m. Cavaleiro que acompanhava Carlos Magno à guerra. / Cavaleiro andante. / Fig. Homem que defende com ardor as grandes causas.

Paladio
s.m. Objeto sagrado ao qual era confiada a defesa de uma cidade ou país. / Fig. Garantia, salvaguarda. / Estátua de Palas (Minerva) que se encontrava em Tróia, onde era venerada como penhor de conservação da cidade. / Química Metal branco, cujo símbolo é Pd, de número atômico 46 e peso atômico 106,42, muito dúctil e duro, tendo como principal propriedade a absorção do hidrogênio. (Sua principal aplicação está na indústria relojoeira e na fabricação de instrumentos de física. Tem propriedades semelhantes às da platina.)

Palafita
s.f. Estaca que sustenta habitações lacustres. / Habitação desse tipo. / &151; S.f.pl. Ruínas de habitações lacustres pré-históricas encontradas às margens do lago do Jura.

Palafrem
s.m. Na Idade Média, cavalo de parada dos reis e nobres. / Cavalo elegante, de boa linhagem, próprio para montaria de senhoras.

Palafreneiro
s.m. Moço que cuidava do palafrém.

Palamenta
s.f. Conjunto dos objetos indispensáveis ao uso de uma embarcação pequena (remos, mastros, croques etc.). / Conjunto dos objetos necessários ao serviço de um boca-de-fogo.

Palamo
s.m. Zoologia Membrana existente entre os dedos de algumas aves, répteis e mamíferos.

Palanca
s.f. Muralha de defesa feita de estacas enterradas verticalmente e coberta de terra.

Palanfrorio
s.m. Conversa inconseqüente, tagarelice, palavrório.

Palangana
s.f. Tabuleiro onde são levados os assados à mesa. / Grande tigela.

Palanque
s.m. Estrado de madeira com degraus, construído para os espectadores de uma festa ao ar livre. / Bras. (S) Tronco ou esteio grosso ao qual se prende o cavalo para o domar ou tratar.

Palanquim
s.m. Antig. Espécie de cadeira usada antigamente pelos chineses e japoneses para transporte, como hoje os ocidentais usam os táxis. &151; O passageiro sentava-se ou recostava-se no palanquim, que tinha forma retangular, com aproximadamente 2,5m de comprimento, um metro de largura e um metro de altura. O palanquim tinha uma porta lateral e toda a estrutura apoiava-se em duas hastes. Segurando nessas hastes, quatro pessoas carregavam o palanquim. / Guarita colocada no dorso dos camelos e elefantes, para o transporte de pessoas.

Palatal
adj. e s.f. Fonética. Diz-se dos fonemas cuja zona de articulação é o palato: o [i] é uma vogal palatal; o [ch] é uma consoante palatal.

Palatalizacao
s.f. Ação de articular um fonema na região palatal. (Na evolução da língua portuguesa, criaram-se três consoantes palatais que não existiam no sistema de fonemas latinos: [ch], [lh], [nh].)

Palatalizado
adj. Fonética. Diz-se de um fonema que sofreu palatalização: o [nh] é uma consoante palatalizada.

Palatalizar
v.t. Tornar palatal (um fonema). (Var.: palatizar.)

Palatina
s.f. Ornato de peles que as senhoras usam no inverno sobre os ombros ou em volta do pescoço.

Palatinado
s.m. Dignidade do eleitor palatino. / Território, províncias governadas pelo eleitor palatino. / Cada província na antiga Polônia.

Palatino
adj. Dizia-se de um nobre encarregado de qualquer serviço no palácio de um soberano. // Conde palatino, grande dignatário que representava os antigos reis da Germânia junto aos duques. / &151; S.m. Na antiga Hungria, magistrado supremo. / Governador de província na antiga Polônia.

Palatizacao
s.f. Palatalização.

Palatizar
v.t. Palatalizar.

Palato
s.m. Céu da boca.

Palavra
s.f. Vocábulo provido de significação. / Faculdade natural de falar. / Oração, discurso; pregação, doutrina. // Arte da palavra, a retórica, a literatura. // Dom da palavra, a eloqüência. // De palavra, que cumpre o que promete: pessoa de palavra. // Só ter uma palavra, ater-se ao compromisso. // Medir (ou pesar) as palavras, tomar cuidado no que diz. // Dar palavra a, permitir (o presidente de uma assembléia) que alguém fale. // Pedir a palavra, solicitar permissão para falar, ou o direito de falar. // Direito de palavra, direito reconhecido a qualquer membro de corpo deliberativo de pedir e obter a palavra, nas condições previstas pelo regimento interno. / &151; S.f.pl. Promessas vagas, discursos vãos (por opos. a ações, obras). (V. VOCÁBULO.)

Palavrada
s.f. Palavrão.

Palavrao
s.m. Palavra grande e de pronúncia difícil. / Palavra obscena, grosseira, pornográfica; palavrada.

Palavreado
s.m. Reunião de palavras sem muito nexo ou importância. / Lábia; loquacidade. (Sin.: palavrório.)

Palavrear
v.i. Falar muito e com pouco siso.

Palavrorio
s.m. Palavreado.

Palavroso
adj. Que tem muitas palavras. / Prolixo, loquaz.

Palco
s.m. Estrado, tablado. / Parte do teatro destinada aos atores (a cena, os bastidores, camarins etc.). / Fig. Lugar onde se passa algum fato imponente ou trágico.

Paleal
adj. Que diz respeito ao manto dos moluscos. // Cavidade paleal, cavidade situada no manto onde estão situados os órgãos respiratórios dos moluscos.

Paleantropologia
ou PALEOANTROPOLOGIA s.f. Antropologia do homem primitivo.

Palemon
s.m. Nome científico do camarão-rosa.

Paleobotanica
s.f. Parte da paleontologia que estuda as plantas fósseis.

Paleoceno
adj. Geologia Diz-se do período de transição entre as formações secundárias e a base da era terciária, ou seja, o primeiro período neozóico.

Paleoclima
s.m. Clima de antiga era geológica.

Paleocristao
adj. Relativo, próprio ou pertencente aos primeiros cristãos: arte paleocristã.

Paleoecologia
s.f. Estudo das relações entre os organismos fósseis e seu meio.

Paleogeneo
adj. Geologia Diz-se do subsistema formado pela reunião do eoceno e do oligoceno. / Primeira metade do terciário.

Paleogeografia
s.f. Ciência que tem por fim a reconstituição hipotética da divisão dos mares e dos continentes no curso das eras geológicas.

Paleografia
s.f. Conhecimento dos escritos antigos e a arte de decifrá-los. &151; Através do exame cuidadoso das formas e abreviações das letras usadas antigamente em cada variedade de escrita, os paleógrafos aprendem a decifrar os velhos manuscritos. Geralmente podem concluir com precisão onde e quando os documentos não datados foram escritos. Desse modo, por vezes descobrem falsificações. A epigrafia, um ramo especializado da paleografia, é o estudo das inscrições feitas em material resistente, como a pedra e o metal.

Paleografico
adj. Relativo à paleografia.

Paleografo
s.m. Pessoa versada em paleografia.

Paleolitica
s.f. Geologia Primeiro período da idade da pedra; idade da pedra lascada.

Paleolitico
adj. História e Geologia Relativo à idade da pedra lascada. / &151; S.m. A idade da pedra lascada.

Paleologo
adj. e s.m. Que ou aquele que conhece as línguas antigas.

Paleontologia
s.f. Ciência que estuda os animais e vegetais fósseis, principalmente através dos traços deixados nos sedimentos geológicos.

Paleontologico
adj. Que pertence ou é relativo à paleontologia.

Paleontologo
s.m. Pessoa que se ocupa da paleontologia, ou é versada nela.

Paleossolo
s.m. Solo formado em condições antigas, que se encontra em um corte ou perfil, coberto por uma formação mais recente.

Paleoterio
s.m. Gênero de mamíferos fósseis, ungulados, mais ou menos do tamanho da anta, que viveram no começo do período terciário.

Paleozoico
adj. e s.m. Outro nome da era primária.

Palerma
adj. e s.m. e s.f. Diz-se de, ou pessoa tola, parva, estúpida; pacóvio(a).

Palermar
v.i. Proceder como palerma; embasbacar-se.

Palermice
s.f. Caráter, procedimento de palerma. / Parvoíce, tolice.

Palestino
adj. Que diz respeito à Palestina. / &151; Adj. e s.m. Natural ou habitante da Palestina.

Palestra
s.f. Conversa sobre coisas de somenos importância. / Conferência breve sobre assunto científico ou literário. / Entre os gregos e romanos, lugar público onde se praticavam exercícios corporais. / Os próprios exercícios.

Palestrar
v.i. Estar de palestra, conversar, cavaquear.

Paleta
s.f. Peça de madeira ou louça, geralmente oval, com um orifício para enfiar o polegar, onde os pintores põem e misturam as tintas.

Paleto
s.m. Casaco que se veste por cima do colete ou camisa.

Paletuvio
s.m. Nome dado a diversas plantas das regiões costeiras tropicais, que crescem em terrenos alagadiços, formando uma densa floresta.

Palha
s.f. Haste das gramíneas depois de despojada dos grãos. / Porção ou paveia dessas hastes. / Substância semelhante à palha.

Palhacada
s.f. Dito ou ato próprio de palhaço. / Grupo de palhaços. / Cena ridícula e burlesca.

Palhaco
s.m. Bufão, saltimbanco; arlequim. / Personagem cômica que provoca o riso. / Bras. Pessoa que só diz tolices ou faz papéis ridículos.

Palheiro
s.m. Lugar onde se guarda a palha. // Procurar agulha em palheiro, procurar coisa extremamente difícil de achar.

Palheta
s.f. Lâmina de metal ou madeira cujas vibrações produzem os sons em certos instrumentos de sopro (clarineta, oboé etc.). / Paleta. / Bras. (S) Chapéu de palha.

Palhetao
s.m. Palheta grande. / Parte da chave que movimenta a lingüeta da fechadura.

Palhete
adj. Da cor da palha. / Diz-se do vinho de coloração pouco carregada.

Palhetear
v.i. Conversar, mofando.

Palhoca
s.f. Cabana rústica, dos climas tropicais, coberta de palha ou sapé; caluje; choça.

Pali
s.m. Língua sagrada falada no sul da Índia, derivada do sânscrito. / No budismo, cânon dos livros sagrados.

Paliar
v.t. Atenuar, aliviar, solucionar de forma incompleta ou temporária. / Dissimular, encobrir, revestir de falsa aparência. / &151; V.i. Usar de delongas.

Paliativo
adj. Que serve para acalmar, aliviar temporariamente. / &151; S.m. Recurso empregado para atenuar ou adiar a solução de um caso. / Delonga, adiamento.

Palicada
s.f. Estacada de varas ou troncos fincados no solo, ligados entre si, para servir de defesa contra ataques. / Liça, terreno para justas e torneios.

Palidectomia
s.f. Destruição neurocirúrgica da parte do cérebro chamada "globus pallidum", que se pratica no tratamento do mal de Parkinson.

Palidejante
adj. Que se torna pálido; que empalidece.

Palidez
s.f. Qualidade ou estado de pálido.

Palido
adj. Descorado, que perdeu a cor forte. / Fraco, pouco vivo.

Palilalia
s.f. Dificuldade da fala, que consiste na repetição involuntária das palavras e, às vezes, das frases.

Palimpsesto
s.m. Manuscrito em pergaminho que, após ser raspado e polido, era novamente aproveitado para a escrita de outros textos (prática usual na Idade Média). (Modernamente, a técnica tem permitido restaurar os primitivos caracteres.)

Palindromo
adj. Diz-se de palavras, números ou frases que se podem ler indiferentemente da esquerda para a direita e vice-versa, sempre com o mesmo sentido: osso; 63736; orava o avaro.

Palingenesia
s.f. Eterno retorno. / Renovação, regeneração, renascimento. / Reaparição periódica dos mesmos fatos, vidas e almas. / Princípio filosófico e religioso admitido primeiramente pelos pitagóricos e estóicos. / Crença na persistência da humanidade através dos ciclos históricos, segundo Vico.

Palingenesico
adj. Relativo à palingenesia.

Palinodia
s.f. Poema no qual o autor se retrata daquilo que disse em outro. / Retratação do que foi dito. / Mudança de opinião. / Fraseado, palavreado, discurso sem importância.

Palinuro
s.m. Poética Piloto, guia.

Palio
s.m. Antig. rom. Nome dado pelos romanos ao manto dos gregos. / Ornamento de lã branca que consiste numa faixa semeada de cruzes pretas, com que o papa distingue os patriarcas, arcebispos e, às vezes, os bispos. / Sobrecéu portátil, suspenso por meio de varas, que serve nas procissões para cobrir o sacerdote, a hóstia consagrada, ou imagem venerada.

Palissandra
s.f. Árvore da família das bignoniáceas a que pertence o jacarandá. / Madeira tirada dessa árvore, de cor escura, às vezes com reflexos de violeta, muito usada em obras de marcenaria fina.

Palitar
v.t. Limpar com palito, esgaravatar.

Paliteira
s.f. Planta umbelífera.

Paliteiro
s.m. Fabricante de palitos. / Estojo ou recipiente de palitos.

Palito
s.m. Pequena haste, geralmente de madeira, fina e pontiaguda, que serve para esgaravatar os dentes. / Espécie de bolo comprido feito com farinha, gema de ovo, açúcar, amêndoa etc. / Fig. Pessoa muito magra. / Pop. Fósforo.

Palma
s.f. Ramo de palmeira. // Palma da mão, a parte côncava da mão. // Dar a palma, considerar alguém vencedor. // Levar a palma, alcançar a vitória. // Tratar na palma da mão, tratar com carinho, com excesso de atenções. // Bater palmas, aplaudir, chamar.

Palma-de-santa-rita
s.f. Gladíolo.

Palma-de-sao-jose
s.f. Planta ornamental da família das liliáceas.

Palmaceas
s.f. pl. Botânica. Grande família de plantas monocotiledôneas que se caracterizam por apresentarem o tronco alto e nu, encimado por um fascículo de grandes folhas, e à qual pertencem o coqueiro, a palmeira etc.

Palmada
s.f. Pancada com a palma da mão.

Palmado
adj. Botânica. Semelhante a uma mão aberta.

Palmar
adj. Relativo à palma da mão. / Referente à anastomose das artérias cubital e radial. / Fig. Visível, manifesto, evidente.

Palmares
s.m.pl. Região geobotânica do norte do Brasil, na qual predomina a vegetação de palmeiras (babaçu, carnaúba etc.).

Palmas
s.f.pl. Acompanhamento rítmico com batidas das palmas das mãos na dança e canto. / Aplausos.

Palmatoria
s.f. Espécie de régua de madeira, com uma das extremidades em forma circular, geralmente marcada por cinco furos em cruz, com a qual antigamente pais e professores castigavam as crianças, batendo-lhes com ela na palma da mão. (Sin.: férula, santa-luzia, menina-de-cinco-olhos.) // Dar a mão à palmatória, concordar com relutância, reconhecendo que se está sem razão. // Palmatória do mundo, indivíduo metido a moralista, que censura tudo e todos. / Botânica. Nome de algumas espécies de cactos.

Palmear
v.t. Aplaudir batendo palmas. / Impelir uma pequena embarcação com a mão. / Bras. Percorrer palmo a palmo; trilhar. / Empalmar, empunhar, pegar. / Desmanchar fumo na palma da mão. / &151; V.i. Bater palmas para aplaudir.

Palmeira
s.f. Nome comum às árvores da família das palmáceas (monocotiledôneas), cujas flores são unissexuadas. (Das 1.200 espécies que compõem a família, muitas fornecem produtos alimentícios, tâmaras, coco, óleo, palmito, sendo que de algumas espécies se fabrica o marfim vegetal.)

Palmeirim
s.m. Ant. Peregrino, forasteiro, estrangeiro.

Palmejar
v.i. O mesmo que palmear.

Palmer
s.m. Física. Instrumento de precisão que serve para medir pequenas espessuras.

Palmeta
s.f. Espátula para estender emplastros. / Cunha de mira para fazer abaixar ou levantar a culatra da peça de artilharia. / Lâmina de ferro que auxilia a firmeza da cunha na abertura das pedras. / Pequena cunha de madeira. / O mesmo que palmilha.

Palmier
s.m. (pal. fr.) Espécie de docinho seco, crocante, folheado em forma de coração espiral.

Palmifido
adj. Botânica. Diz-se de uma folha com nervuras palmadas, cujas divisões se estendem até o meio do limbo.

Palmilha
s.f. Revestimento interior da sola do calçado. (Sin.: palmeta, soleta.) / Parte inferior da meia, onde assenta o pé. / Tecido antigo.

Palmilhar
v.t. Percorrer a pé. / Pôr palmilhas em.

Palmilobado
adj. Botânica. Diz-se de uma folha cujas divisões são arredondadas.

Palminervado
adj. Diz-se de uma folha palmada cujas divisões se estendem até a base do limbo.

Palmipartido
adj. Botânica. Diz-se de uma folha palmada cujas divisões penetram até perto da base do limbo.

Palmipede
adj. Que tem os dedos dos pés ligados por uma membrana. / &151; S.m.pl. Zoologia Ordem de aves que têm os dedos dos pés unidos por uma membrana, como os patos, gansos, cisnes etc.

Palmitato
s.m. Sal ou éster do ácido palmítico.

Palmitico
adj. Diz-se do ácido graxo saturado, de fórmula CH3 (CH2)14CO2H, que é um dos constituintes dos sabões.

Palmitina
s.f. Éster palmítico da glicerina, um dos constituintes dos corpos graxos.

Palmito
s.m. Ramo de palmeira. / Parte terminal do caule das palmeiras, cujo miolo, recoberto pelas bainhas das folhas, é substância alimentar de agradável sabor.

Palmo
s.m. Distância entre a ponta do polegar e a do dedo mínimo, bem afastados um do outro (de 22 a 24 cm). // Palmo de terra, pequena extensão de terra. // Fig. Sete palmos de terra, cova, sepultura. // Não ver (não enxergar) dois palmos adiante do nariz, ser muito ignorante ou muito falto de inteligência.

Palmura
s.f. Membrana que liga os dedos dos palmípedes.

Paloma
s.f. Certo cabo náutico. / Poética Pomba.

Paloma
s.f. Certo cabo náutico. / Poética Pomba.

Palomba
s.f. Náutica Relinga da vela do estai. / Alça para içar no mastro a verga de uma vela latina. / Fio grosso usado para coser velas.

Palop
s.m. (sigla de PAÍS AFRICANO DE LÍNGUA OFICIAL PORTUGUESA). Os palops são Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Guiné-Bissau, Angola e Moçambique; a lusofonia acrescenta o Brasil e Portugal.

Palor
s.m. Palidez.

Palpacao
s.f. Ato de palpar. / Medicina Exploração de qualquer parte do corpo por meio da palma da mão ou dos dedos.

Palpar
v.t. Tatear com a mão para procurar ou examinar alguma coisa. (Var.: apalpar.)

Palpavel
adj. Que se pode tocar; tangível, real. / Fig. Evidente, manifesto.

Palpebra
s.f. Músculo coberto por uma dobra da pele, que pode recobrir a parte anterior do olho.

Palpebral
adj. Relativo às pálpebras.

Palpitacao
s.f. Movimento convulsivo. / Diz-se das batidas do coração quando se tornam mais fortes e sensíveis.

Palpitante
adj. Arfante; que respira com dificuldade; que ainda tem vida. / Fig. Emocionante, interessante pela atualidade.

Palpitar
v.i. Bater, pulsar, ter agitação convulsiva. / Pop. Dar opinião, dar palpite.

Palpite
v.i. Bater, pulsar, ter agitação convulsiva. / Pop. Dar opinião, dar palpite.

Palpiteiro
adj. e s.m. Que ou aquele que gosta de dar palpites.

Palpo
s.m. Apêndices articulados móveis situados ao lado da boca dos insetos. / Órgão sensorial dos miriápodes. / Órgão sexual dos vermes e do tarso da aranha macho. // Estar ou ver-se em palpos de aranha (ou papos de aranha), ver-se em dificuldades, em confusão, em rebuliço.

Palra
s.f. Fala, conversa, loquacidade, tagarelice.

Palrador
adj. e s.m. Que ou aquele que fala demais; tagarela.

Palrar
v.i. Articular sons sem perfeição ou sentido. / Falar muito. / Conversar, palestrar.

Palrear
v.i. Palrar.

Paludario
s.m. Recipiente ou local apropriado para a criação de animais anfíbios (rãs etc.).

Palude
s.m. Pântano, terra encharcada, paul.

Paludina
s.f. Molusco gastrópode vivíparo de água doce.

Paludoso
adj. Cheio de pauis, pantanoso. // Febre paludosa, antigo nome da febre intermitente do impaludismo, que se acreditava ser produzida pelas emanações dos pântanos.

Palurda
s.m. Molusco acéfalo.

Palurdio
adj. e s.m. Lorpa, parvo, palerma.

Palustre
adj. Que vive ou cresce nos pântanos. / Relativo ao impaludismo.

Pamela
Nome Greco-latino - Significado: Toda doçura.

Pamonha
s.f. Bolo de milho verde, leite de coco e outros ingredientes, cozido em folhas do próprio milho, ou da bananeira. / &151; s.m. e s.f. Indivíduo mole, preguiçoso, toleirão.

Pampa
s.m. Grande planície típica da região meridional da América do Sul, rica de pastagens. / &151; Adj. Diz-se do cavalo de cara branca, ou de corpo malhado.

Pampano
s.m. Haste da videira coberta de folhas e de frutos. / Arquitetura. Ornamento que tem a forma de um festão de parra e de bagos de uva.

Pampeiro
s.m. Vento típico das regiões dos pampas.

Pampilho
s.m. Agulhão, garrocha. / Vara comprida com ponta aguilhoada. / Designação de várias plantas da família das compostas.

Pan-africanismo
s.m. Doutrina que defende a unidade e a solidariedade dos povos africanos.

Pan-americano
adj. Relativo aos países das Américas.

Pan-arabismo
s.m Doutrina política que visa à união de todos os países de língua e civilizações árabes.

Pan-eslavismo
s.m. Sistema político que visa a agrupar todos os eslavos.

Pan-eslavista
s.m. e s.f. Partidário do pan-eslavismo.

Pan-eslavo
adj. Que diz respeito a todos os povos eslavos.

Pan-helenico
adj. Que diz respeito a todos os grupos humanos de origem grega.

Pan-helenismo
s.m. Sistema político que visa a reunir todos os gregos dos Balcãs, das ilhas do mar Egeu e da Ásia Menor em um só Estado.

Pan-islamico
adj. Que diz respeito ao pan-islamismo.

Pan-islamismo
s.m. Movimento religioso e político que procura reunir num só Estado todos os povos de religião muçulmana.

Panaca
adj. e s.m. e s.f. Gír. Diz-se de, ou pessoa tola, imbecil e pretensiosa.

Panaceia
s.f. Remédio pretensamente eficaz na cura de todos os males. / Fig. Medidas ou providências supostamente capazes de sarar todos os males, mas especificamente ineficazes.

Panache
s.m. (pal. fr.) Composto ou mistura de elementos diferentes: panaché de legumes.

Panacu
s.m. Grande cesto de vime com duas alças para frutas, louça, roupa etc.; canastra. (Var.: panacum.)

Panacum
s.m. Var. de panacu.

Panado
adj. Passado em farinha de rosca ou farinha de trigo antes de fritar. (Var.: empanado.)

Panama
s.m. Chapéu muito leve fabricado com tiras trançadas das folhas de uma palmeira (gênero Bombonax) da América Central e norte da América do Sul. / Fig. Negócios fraudulentos; roubalheira, negociata.

Panamenho
adj. Do Panamá. / &151; Adj. e s.m. Natural ou habitante desse país.

Panapana
s.f. Bras. Bando de borboletas, que migram em certas épocas, formando verdadeiras nuvens. / &151; S.m. Planta leguminosa-papilionácea.

Panar
v.t. Cobrir de farinha de rosca ou de farinha de trigo antes de assar ou fritar.

Panaricio
s.m. Tumor inflamatório, na ponta dos dedos ou na raiz da unha.

Panasco
s.m. Erva de pasto da família das umbelíferas.

Panateneias
s.f.pl. Festividades celebradas em Atenas em honra da deusa Palas Atena.

Panca
s.f. O primeiro e maior dos estômagos dos ruminantes. / Pop. Barriga grande.

Pancada
s.f. Golpe dado com a mão ou com arma contundente. / Choque, baque. / Bordoada, surra. / Som do pêndulo do relógio. / Chuva forte e passageira. / &151; Adj. Fig. Indivíduo estouvado e violento; amalucado. // Pancada de água, aguaceiro violento e repentino. // &151; loc. adv. De pancada, de uma só vez: perdeu tudo de pancada.

Pancadaria
s.f. Muitas pancadas, bordoada, tunda, surra. / Desordem, briga em que há pancadas.

Panclastite
s.f. Explosivo líquido constituído de uma mistura de peróxido de nitrogênio e de um líquido combustível.

Pancracio
s.m. Fam. Idiota, pateta; simplório, pacóvio, parvo. / Botânica. Certa planta de jardim.

Pancreas
s.m. Glândula abdominal volumosa, alongada, racemosa, de secreção externa e interna, situada atrás do estômago, relacionada com o baço e ligada ao duodeno por seus canais excretores, e cuja função é realizar, por meio do líquido que segrega, parte da digestão das substâncias alimentares. (Também se encontram nele as células que segregam a insulina, reguladora do metabolismo dos carboidratos.)

Pancreatico
adj. Relativo ao pâncreas.

Pancreatite
s.f. Inflamação do pâncreas.

Pancromatico
adj. Fotografia. Diz-se das emulsões sensíveis a todas as cores.

Pancudo
adj. e s.m. Que ou quem tem grande barriga; barrigudo.

Panda
s.m. Mamífero herbívoro, aparentado com o urso, que habita as regiões vizinhas do Himalaia, na China. A espécie está quase em extinção.

Pandanaceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas monocotiledôneas da África e da Polinésia.

Pandano
s.m. Gênero de plantas pandanáceas, que inclui espécies cultivadas para alimentação ou ornamento.

Pandarecos
s.m.pl. Bras. Fam. Frangalhos, pedaços, estilhas, cacos.

Pandecta
s.f. Certo tipo de impressão. / &151; S.f.pl. Compilação das decisões dos antigos jurisconsultos, as quais Justiniano converteu em lei; o mesmo que digesto.

Pandega
s.f. Festa alegre e ruidosa; estroinice, patuscada, farra.

Pandegar
v.i. Andar em pândegas, estroinar, farrear.

Pandego
adj. e s.m. Que ou quem gosta de pândegas, brincadeiras. / Divertido, estróina.

Pandeiro
s.m. Instrumento de percussão, próprio para marcar ritmos. &151; Compõe-se de uma armação circular de madeira, com aberturas espaçadas em que se colocam uma ou mais rodelas de metal chamadas soalhas, enfiadas em arames. Uma das bases é recoberta por uma pele esticada. Quando se vibra o instrumento, ou nele se bate com a palma da mão, as soalhas chocam-se entre si, produzindo um som característico. Trata-se de um instrumento muito antigo, já conhecido dos romanos e árabes, cujos pandeiros não tinham pele. Bastante utilizado no Nordeste do Brasil até metade do séc. XIX, o pandeiro dali desapareceu com o esquecimento das antigas danças coletivas de roda. Recentemente, no entanto, voltou a ter uso intensivo nas baterias de escolas de samba e nos conjuntos rítmicos, espalhando-se de novo por todo o país.

Pandemia
s.f. Extensão de uma epidemia a todo um continente, quiçá a todo o globo terrestre.

Pandemonio
s.m. Capital imaginária dos Infernos. / Reunião de indivíduos para a prática do mal ou promoção de desordens. / Fig. Assembléia tumultuosa. / Lugar onde reina a confusão e onde ninguém se entende; balbúrdia.

Pandiculacao
s.f. Espreguiçamento.

Pandilha
s.f. Ajuste entre várias pessoas para enganar alguém. / Bras. (S) Bando, quadrilha de malfeitores. / Grupo de animais. / &151; S.m. Indivíduo que entra em conluio. / Vadio, biltre.

Pandita
s.m. Título honorífico dado na Índia aos brâmanes possuidores de conhecimentos lingüísticos, religiosos e filosóficos. / P. ext. Sábio, mestre, letrado.

Pando
adj. Cheio, largo, bojudo; enfunado.

Pandora
s.f. Instrumento musical da família dos alaúdes, com um braço longo e três cordas, utilizado pelos gregos; tricórdio. / Gênero de moluscos lamelibrânquios, da família dos pandorídeos. // Mitologia Caixa de Pandora, origem do bem e do mal.

Pandorga
s.f. Música ruidosa, desafinada e sem compasso. / Mulher obesa. / Bras. (S) Papagaio de papel. / &151; S.m. Homem obeso. / Bras. Tolo.

Pandorideos
s.m.pl. Zoologia Família de moluscos lamelibrânquios.

Pandulho
s.m. Lastro das redes de pesca. / Pedra que serve de âncora a pequenas embarcações. / Bras. Barriga, estômago; o mesmo que bandulho. // Pop. Encher o pandulho, comer, comer à farta.

Pane
s.f. Parada acidental e repentina de um motor, por defeito de funcionamento.

Panegirico
s.m. Discurso em louvor de alguém. / Elogio em geral. / &151; Adj. Laudatório, encomiástico.

Panegirista
s.m. e s.f. Pessoa que faz um panegírico.

Paneiro
s.m. Pequeno cesto de vime com duas asas. / Banco nas pequenas embarcações, destinado aos passageiros. / Espécie de carruagem. / Pedaço de folha-de-flandres em que os pedreiros deitam a argamassa que estão usando.

Panejar
v.t. Pôr os panos ou roupagens em. / &151; V.i. Abanar, agitar-se.

Panela
s.f. Vaso de barro ou metal que serve para cozer alimentos. / Bras. Compartimento subterrâneo do formigueiro. / Redemoinho, sorvedouro em rio ou arroio. / Dente com cárie adiantada. / Bras. (S) Espécie de dormente de ferro. / Gír. Nádegas.

Panelada
s.f. Conteúdo de uma panela. / Grande quantidade de panelas. / Bras. (NE) Espécie de cozido, preparado com mocotó, tripas, miúdos de boi e legumes.

Panelinha
s.f. Panela pequena. / Fig. e Pop. Conluio para fins pouco sérios. / Grupo de políticos que, no poder, repartem entre si as vantagens decorrentes; grupo literário muito unido e dado ao elogio mútuo. // Desfazer a panelinha, desfazer a intriga, o enredo.

Panema
adj. e s.m. Caçador ou pescador que nada caça ou pesca. / Vítima de feitiço. / Sujeito sem sorte, infeliz na vida; caipora, azarento.

Panfletario
adj. Relativo a panfleto. / &151; S.m. Aquele que escreve panfletos.

Panfletista
s.m. e s.f. O mesmo que panfletário.

Panfleto
s.m. Escrito satírico ou violento, geralmente político.

Pangaio
s.m. Pequena embarcação asiática. / Port. Mandrião, farrista.

Pangare
adj. Bras. (S e GO) Diz-se do cavalo ou muar cujo pêlo é vermelho-escuro ou amarelado, com áreas desbotadas. / &151; S.m. Cavalo com tais características. / Cavalo ordinário ou manhoso.

Pangermanismo
s.m. Ideologia e movimento que visa a agrupar em um único Estado todos os povos de origem germânica.

Pangermanista
adj. Relativo ao pangermanismo. / &151; s.m. e s.f. Partidário do pangermanismo.

Panglossiano
adj. Que diz respeito ao Doutor Pangloss (personagem do romance Cândido, de Voltaire), que professava um otimismo beato, e para quem tudo parecia correr às mil maravilhas; otimista.

Pangolim
s.m. Mamífero desdentado da África e da Ásia, da família dos manídeos, coberto de escamas córneas, que se alimenta de formigas e térmitas.

Panico
adj. Que assusta, súbita e violentamente sem motivo. / &151; S.m. Medo, susto, eventualmente infundados.

Panicula
s.f. Botânica. Cacho de flores, de pedúnculos ramificados, no qual os ramos vão diminuindo da base para o vértice, assumindo forma cônica.

Paniculite
inflamação da gordura abdominal (pop)

Paniculo
s.m. Anatomia. Camada, acumulação de tecido. // Panículo adiposo, camada subcutânea de tecido adiposo.

Panificacao
s.f. Fabricação de pães. / Estabelecimento onde se fabricam e se vendem pães; padaria.

Panificar
v.t. Converter em pão; fazer pão.

Panificavel
adj. De que se pode fazer pão: farinha panificável.

Paniguado
adj. Apaniguado.

Panlexico
s.m. Dicionário que contém todas as significações, palavras e locuções; léxico universal.

Pano
s.m. Tecido de algodão, linho, lã, seda etc.; fazenda. / Vela de embarcação. / Fam. Mancha no rosto ou no corpo, sem descamação, produzida por gravidez etc. / Medicina Retículo vascular patológico, com infiltração de tecido de granulação que se forma na camada superficial da córnea. // Pano verde, a mesa de jogo e, p. ext., qualquer jogo de azar. // Teatro Pano de boca, tela que cobre a frente do palco e se levanta ao começar a representação. // Teatro Pano de fundo, tela que fica oposta ao pano de boca e tem pintado o fundo do quadro que a cena representa. // Pôr panos quentes, procurar atenuar os erros de alguém; contemporizar; proteger. // Ter panos para mangas, dispor em abundância de tudo que seja necessário para algum fim; ter muita coisa penosa, difícil, para fazer ou enfrentar. // &151; loc. adv.

Panoplia
s.f. Armadura completa de um cavaleiro na Idade Média. / Coleção de armas diversas dispostas artisticamente em uma espécie de escudo, com que se adornam as paredes.

Panoptico
adj. Sistema de construção que permite, de determinado ponto, avistar todo o interior do edifício.

Panorama
s.m. Vista, paisagem. / Grande quadro circular, disposto de forma que o espectador, colocado no centro, veja os objetos como se estivesse no cume de uma montanha, dominando todo o horizonte em volta.

Panoramico
adj. Relativo a panorama.

Panorpa
s.f. Inseto que vive nos bosques e no campo, com asas membranosas manchadas de escuro, denominado comumente mosca-escorpião, devido ao abdome flexível do macho que termina em forma de pinça. (Compr.: 3 cm; ordem dos neurópteros.)

Panqueca
s.f. Iguaria doce ou salgada feita de farinha de trigo, ovos, leite, manteiga etc., que constitui uma massa muito fina, geralmente recheada de carne, banana, maçã etc. / Fig. Ociosidade, vadiação.

Panria
s.f. Pop. Mandriice, indolência: estar de pânria. / s.m. e s.f. Indolente, preguiçoso.

Panriar
v.i. Andar na pânria; vagabundear.

Pantafacudo
adj. Que tem bochechas muito volumosas. / Diz-se de um homem gordo e pesado.

Pantagruelico
adj. Relativo a Pantagruel, personagem caricatural de um romance de Rabelais, o qual se singulariza por ser amante da boa mesa e do bom vinho. / Abundante em comidas e bebidas.

Pantagruelismo
s.m. Espécie de filosofia epicurista; busca exclusiva dos gozos materiais da vida. (Por alusão a Pantagruel.)

Pantalha
s.f. Bandeira de candeeiro; quebra-luz.

Pantalonada
s.f. Bufonaria semelhante às graças de Pantalone nas farsas da comédia italiana. / Truanice, patacoada.

Pantalonas
s.f.pl. Calças em geral de feitura larga nas pernas e na boca. /A calça de meia que as dançarinas e os acrobatas usam em cena.

Pantana
s.f. Fam. Ruína. // Dar em pantana, arruinar-se.

Pantanal
s.m. Grande pântano. / Região geofísica do Estado de Mato Grosso, na baixada por onde corre o Paraguai. (Compreende grande área cujas terras baixas permanecem alagadas durante a estação chuvosa.)

Pantano
s.m. Região baixa em que se acumula, formando um lençol de pequena espessura, água estagnada, que favorece o desenvolvimento de uma vegetação peculiar (amieiros, caniços, plantas aquáticas etc). (Sin.: charco, palude, paul, tremedal.)

Pantanoso
adj. Relativo a pântano; alagadiço.

Panteao
s.m. Templo consagrado pelos gregos e romanos a todos os deuses. / Monumento onde são guardados os restos mortais de homens ilustres. / Conjunto dos deuses de uma nação, de uma religião. (Var.: Panteon.)

Panteismo
s.m. Crença de que Deus e todo o universo são uma única e mesma coisa e que Deus não existe como um espírito separado. &151; O panteísmo ensina que Deus é todo o universo, a mente humana, as estações e todas as coisas e idéias que existem. A palavra panteísmo vem de dois termos gregos que significam tudo e deus. Poetas que escreveram sobre a natureza foram com freqüência adeptos do panteísmo. Um bom exemplo desta crença são alguns poemas do poeta português Fernando Pessoa. / Doutrina que concebe Deus como a única realidade verdadeira e o mundo como uma realidade subordinada, emanação ou "processo de Deus", segundo Spinoza.

Panteista
adj. Que diz respeito ao panteísmo. / &151; s.m. e s.f. Partidário do panteísmo.

Pantera
s.f. Gênero de mamíferos carnívoros da família dos felídeos, de pêlo mosqueado (exceto a pantera negra), notáveis pela grande ferocidade. &151; Aplica-se ao leopardo, que é nativo da Ásia e da África. O puma, da América, também conhecido como leão-da-montanha, o jaguar, a suçuarana, a onça-preta são igualmente chamados pantera.

Pantofobia
s.f. Medo mórbido de tudo; fobia completa.

Pantografico
adj. Relativo ao pantógrafo. / Feito ou executado pelo pantógrafo. // Porta pantográfica, porta feita de lâminas de ferro, aço, duralumínio, que se abre e se fecha à maneira de um pantógrafo.

Pantografo
s.m. Instrumento composto de quatro réguas dispostas sob forma de paralelogramo articulado que permite reproduzir mecanicamente um desenho, em escala maior ou menor do que o original. / Conjunto de várias réguas ou lâminas que se articulam da mesma forma. / Eletricidade. Dispositivo articulado de captação de corrente numa locomotiva elétrica, pelo atrito sob o fio de contato da catenária.

Pantologo
s.m. O que sabe tudo; enciclopedista.

Pantometro
s.m. Instrumento de agrimensor que serve para medir ângulos e traçar perpendiculares no terreno.

Pantomima
s.f. Representação teatral em que a palavra é substituída por gestos e atitudes. (Sin.: mimodrama.) / Arte dos gestos e das atitudes. (Sin.: mímica.)

Pantotenico
adj. Ácido pantotênico, ácido presente em todos os tecidos animais e necessário aos metabolismos dos lipídios e glucídios; vitamina B5.

Pantufa
s.f. Chinelo acolchoado e macio, geralmente de lã, que se usa nos dias frios. / Pop. Mulher grosseira, mal vestida mas muito enfeitada.

Pantufo
s.m. O mesmo que pantufa. / Pop. Homem gordo e barrigudo.

Pantum
s.m. Poema de origem malaia, composto de quadras com rima cruzada, e caracterizado pela repetição de certos versos e pelo paralelismo de duas idéias centrais.

Panturra
s.f. Barriga grande. / Soberba, vaidade, orgulho; prosápia.

Panturrilha
s.f. Saliência que fazem os músculos da parte posterior da perna; barriga da perna.

Panzer
s.m. (pal. al.) Veículo blindado; carro de combate.

Pao
s.m. Alimento feito de farinha amassada, geralmente fermentada, e cozida no forno. / Fig. Meio de vida, sustento. / Religião A hóstia: o pão da alma. // Pão ázimo, pão sem fermento. // Pão de munição, pão feito de farinha grosseira, para distribuição aos soldados. // Comer o pão que o diabo amassou, lutar muito para ganhar seu sustento, sofrer muito. // A pão e água, forma de punição em que se dá ao castigado apenas esse alimento. // Ficar a pão e laranja, ficar na miséria. // Tirar o pão da boca de, privar alguém dos meios de subsistência. // Pão, pão, queijo, queijo, com toda a franqueza, sem rodeios, com toda a exatidão.

Pao-de-lo
s.m. Bolo muito fofo e leve, feito de farinha de trigo, ovos e açúcar.

Pao-durismo
s.m. Bras. Fam. Qualidade ou ação de pão-duro; avareza.

Pao-duro
s.m. Bras. Fam. O mesmo que avaro.

Papa
s.f. Farinha cozida no leite ou na água até adquirir consistência de pasta mais ou menos espessa. / Qualquer alimento pastoso; mingau. // Papa opaca, massa de bismuto, opaca aos raios X, que se ingere antes de fazer uma radiografia do aparelho digestivo. // Papas de linhaça, cataplasma de farinha de linhaça. // Não ter papas na língua, falar francamente, sem medir as conseqüências.

Papa-arroz
s.m. Bras. Nome de dois pássaros fringilídeos. / Pássaro icterídeo, também conhecido por azulão e pássaro-preto.

Papa-figo
s.m. Pássaro amarelo com manchas negras e bico fino, semelhante ao melro. O mesmo que papa-moscas, taralhão.

Papa-fina
adj. Saboroso. / Excelente, magnífico. / &151; S.m. Indivíduo desfrutável, ridículo. / &151; S.f. Coisa excelente, requintada.

Papa-formigas
s.m. Nome dado a vários mamíferos desdentados que pegam os insetos com sua língua viscosa e filiforme, como o tamanduá. / Gênero de pássaros dentirrostros que se nutrem de insetos e principalmente de formigas.

Papa-goiaba
s.m. e s.f. Alcunha dada aos naturais ou residentes do Estado do Rio de Janeiro, em particular de Campos e da Baixada Fluminense, onde a goiabeira é muito cultivada.

Papa-hostia
(S)

Papa-jantares
s.m. e s.f.sing. e pl. Fam. Aquele que habitualmente come à custa dos outros ou em casa alheia.

Papa-mel
s.m. Irara.

Papa-moscas
s.m. Zoologia Pequena aranha da família dos salticídeos. / Pássaro que se alimenta dos insetos que apanha durante o vôo. (Compr.: 12 cm.) / Fig. e Fam. Simplório, lorpa, basbaque.

Papa-ovo
s.f. Bras. Nome de duas serpentes do gênero Spilotes. / Ave formicarídea do Rio Grande do Sul.

Papa-terra
s.m. Bras. Botânica. Nome de algumas plantas da família das rubiáceas. / Zoologia Nome comum a alguns peixes teleósteos.

Papada
s.f. Acúmulo de gordura sob o queixo; papo, papeira. / Bócio.

Papado
s.m. Dignidade do papa. / Administração, governo de um papa. (Diz-se também, no mesmo sentido, pontificado.)

Papagaiar
v.t. e v.i. Papaguear.

Papagaio
s.m. Nome genérico das aves psitaciformes. (Os papagaios, numerosos na Oceania e na América tropical, têm plumagem de cores vivas com predomínio do verde, patas adaptadas para trepar e apreender os alimentos, bico grosso e recurvado, e aparelho fonador que lhes permite imitar sons muito diversos, inclusive a voz humana. No Brasil, a família está representada por cerca de 75 espécies.) / Fig. Pessoa que repete alguma coisa de cor, sem compreender o que diz; pessoa que fala copiosamente. / Objeto voador, usado como brinquedo de meninos, que consiste numa armação de varetas de bambu ou madeira leve, sobre a qual se cola papel fino e resistente, em geral de cores variadas, e se solta ao vento, preso por um cordel, que a criança retém nas mãos; pandorga, pipa. / Pedaço de papel que se cola ou grampeia a uma folha para terminar o que falta escrever. / Bilhete ligeiro, com instruções dadas a funcionários por chefes de serviço; bilhete breve, recado escrito. / Nome dado, na gíria comercial, a qualquer título cambial, ou promissória. / Cabide ou cantoneira na cabeceira da cama, onde se coloca lâmpada, relógio etc. / A parte da espora a que se prende a roseta. / Recipiente de vidro, de forma adequada e dotado de um gargalo próprio para receber a urina de homens cuja doença os impede de saírem da cama; compadre.

Papagaio-do-mar
s.m. Ave palmípede dos mares árticos, de bico achatado, azul e vermelho, próxima dos pingüins. (Compr.: 35 cm.)

Papaguear
v.t. e v.i. Falar como papagaio, tagarelar.

Papai
s.m. Pai, na língua íntima dos filhos.

Papaina
s.f. Diástase do látex do mamoeiro.

Papal
adj. Que diz respeito ao papa.

Papalino
adj. Próprio do papa, papal. / Diz-se especialmente de cada um dos soldados que compõem a guarda do papa.

Papalvice
s.f. Caráter, ato ou dito de papalvo.

Papalvo
adj. e s.m. Parvo, pateta, boboca. / Indivíduo que se deixa enganar facilmente.

Papanca
s.f. Fam. Comezaina, comestíveis, comida. / Chul. Comércio sexual.

Papao
s.m. Monstro imaginário para amedrontar crianças; fantasma. / (Sin.: bicho-papão.)

Papar
v.t. e v.i. Fam. Comer. / Extorquir. / Ganhar. / Lograr. / Chul. Possuir sexualmente.

Paparicar
v.t. e v.i. Comer a miúdo e aos poucos, lambiscar. / Tratar (alguém) com paparicos, com excesso de zelo e de cuidados.

Paparicos
s.m.pl. Mimos, meiguices, afagos com que se tratam doentes ou entes queridos. / Gulodices.

Paparrotada
s.f. Comida de porcos, lavagem. / Ato ou dito de paparrotão; bazófia.

Paparrotao
s.m. Fam. Impostor, bazófio. / &151; Adj. Jactancioso, parlapatão.

Paparrotear
v.t. e v.i. Alardear com impostura; contar vantagens, bazofiar.

Paparrotice
s.f. Bazófia, impostura.

Papavel
adj. Diz-se do cardeal com probabilidades de ser eleito papa. / P. ext. Qualquer pessoa que está com possibilidades de ser escolhida para determinado posto ou função. / Diz-se do que se pode papar ou comer.

Papaveraceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas dicotiledôneas dialipétalas, que compreende a dormideira e a papoula.

Papaverina
s.f. Alcalóide do ópio.

Papear
v.i. Falar muito, palrar, papaguear. / Gorjear, chilrear.

Papeira
s.f. Bras. Medicina. Bócio. / Inflamação da parótida (trasorelho). / Saliência adiposa debaixo do queixo; papada. / Botânica. Arbusto trepador borragináceo.

Papel
s.m. Folha ou lâmina delgada feita de substâncias de origem vegetal (celulose, trapos, palha de arroz etc.), na qual se escreve, imprime, embrulha etc. / Documento, título, carteira de identidade, certificado, passaporte etc. / Economia e Finanças. Título que representa dinheiro sonante, como ação, letra de câmbio, apólice etc. / Parte que um ator desempenha numa peça de teatro, filme ou ópera. / Atuação, desempenho. / Emprego, função, uso. // Papel almaço, papel pautado, cuja folha, dobrada ao meio, dá quatro laudas de 33 x 22 cm, dimensões exigidas para correspondência oficial. // Papel apergaminhado, de alta qualidade, que imita o pergaminho legítimo. // Papel celofane, v. CELOFANE. // Papel de arroz, papel muito fino fabricado de palha de arroz. // Papel de tornassol, papel usado nos laboratórios de química para determinar a presença de ácidos. (V. TORNASSOL.) // Papel vegetal, papel de alta qualidade, apropriado para o desenho a nanquim. // Confiar ao papel, escrever no papel alguma coisa, especialmente o que seja objeto de segredo. // Fazer papel de, passar por, ou representar: fez papel de palhaço. // No papel, teoricamente, em projeto (opõe-se a de fato, na realidade): um exército de quarenta mil homens, mas só no papel.

Papel-biblia
s.m. Papel extremamente fino e resistente, usado na impressão de bíblias e outras obras extensas, com o que se diminui a grossura do volume.

Papel-carbono
s.m. Papel revestido de uma camada de carbono para tirar cópias.

Papel-filtro
s.m. Papel sem goma, poroso, que serve para filtrar líquidos.

Papel-moeda
s.m. Papel estampado com valor representativo e de curso forçado, emitido por um governo e que serve de dinheiro.

Papelada
s.f. Grande quantidade de papéis, de escritos inúteis.

Papelao
s.m. Papel muito grosso e forte. / Fig. Indivíduo fátuo, orgulhoso, parlapatão. / Bras. Fig. Papel ridículo ou vergonhoso; fiasco.

Papelaria
s.f. Estabelecimento comercial onde se vendem artigos de papel e objetos de escritório.

Papeleiro
s.m. Diz-se de quem trabalha no fabrico de papel. / Aquele que tem papelaria.

Papeleta
s.f. Papel avulso, que se fixa em algum lugar, com notas ou informações. / Impresso colocado à cabeceira dos pacientes nos hospitais, no qual são feitos os assentamentos relativos aos mesmos e às suas doenças.

Papelista
s.m. e s.f. Pessoa que trata de papéis ou investiga documentos antigos; arquivista.

Papelorio
s.m. Grande quantidade de papéis, i.e., documentos. / Bras. Papel ridículo, papelão, fiasco.

Papelotes
s.m.pl. Pedaços de papel que servem para enrolar os cabelos a fim de os encrespar.

Papelucho
s.m. Papel sem importância. / Pedaço de papel.

Papiao
s.m. Macaco cinocéfalo da África.

Papier-mache
s.m. (pal. fr.) Termo francês que significa papel mascado. &151; O papier-mârché é feito agitando-se o papel de jornal na água até que as fibras fiquem bem separadas. Em seguida, espreme-se o excesso de água e adiciona-se cola obtendo-se assim um material maleável que pode ser moldado na forma que se desejar. O material depois endurece, tornando-se bastante durável.

Papila
s.f. Nome de pequena saliência cônica formada à superfície da pele ou das membranas mucosas, principalmente da língua.

Papilar
/em forma de papila ou verruga (pop)

Papilionaceas
s.f.pl. Botânica. Subfamília das dicotiledôneas dialipétalas da família das leguminosas, cujo fruto é uma vagem. (Principais representantes: ervilhas, feijão, alfafa, trevo, acácia, amendoim.)

Papilionaceo
adj. Que tem a forma de borboleta. / Botânica. Diz-se de uma corola de cinco pétalas, cujo aspecto se assemelha ao de uma borboleta.

Papilite
neuropapilite, inflamação de uma papila (pop)

Papiloedema
excesso de líquido nos tecidos (edema) do disco óptico, da papila (pop)

Papiloma
s.m. Tumor benigno em forma de papila, que se desenvolve na pele ou nas mucosas.

Papiloso
adj. Semeado de papilas.

Papiro
s.m. Planta nativa da África tropical, da família das ciperáceas, cujas hastes são formadas de folhas sobrepostas, que os egípcios, depois de separar umas das outras, justapondo-as e colando-as em seguida, usavam para escrever.

Papirologia
s.f. Ciência auxiliar da história antiga, que se consagra ao estudo dos papiros.

Papirologo
s.m. Especialista em papirologia.

Papisa
s.f. Mulher que (segundo a lenda) exerceu as funções de papa.

Papismo
s.m. Nome com que os protestantes designam a doutrina católica romana e a autoridade do papa.

Papista
adj. e s.m. e s.f. Nome dado pelos protestantes aos católicos romanos. / Partidário da supremacia do papa.

Papo
s.m. Nas aves, e insetos, bolsa ou dilatação do esôfago, na qual os alimentos permanecem algum tempo antes de passarem ao estômago. / Pop. Estômago, barriga. / Aumento de volume do pescoço, provocado por várias causas. / Parte do vestuário, formando geralmente tufo ou pregas e que cobre o peito. / Fofo ou fole numa peça de vestuário mal talhada. / Fig. Arrogância, soberba. / Bras. Pop. Conversa. // Bras. Pop. Bater (um) papo, conversar, cavaquear. // Bras. Pop. Estar no papo, ter alcançado alguma coisa, tê-la como certa. // Estar ou viver de papo para o ar, estar sem fazer nada, descansar, repousar, folgar. // Estar ou ver-se em papos de aranha, o mesmo que ver-se em palpos de aranha. (V. PALPO.)

Papoula
s.f. Planta da família das papaveráceas, com propriedades narcóticas, da qual se extrai o ópio. / A flor dessa planta.

Paprica
s.f. Cul. Nome húngaro do pimentão, em geral vermelho. / Condimento vermelho preparado pela moagem do pimentão-doce, uma planta cultivada do gênero Capsicum. &151; A páprica é menos picante do que a pimenta-malagueta e tem um gosto mais adocicado.

Papudo
adj. Que tem grande papo; que tem papos. / Fig. Arredondado, cheio, proeminente. / Bras. Jactancioso, bravateiro. // Olhos papudos, olhos de pálpebras carnudas; olhos empapuçados.

Papula
s.f. Pequena elevação vermelha da pele, circunscrita e mais ou menos endurecida, que, às vezes, desaparece em pouco tempo.

Papuloso
adj. Que tem pápulas. / Que diz respeito à pápula.

Paque
s.m. Tipografia Trecho de composição ainda não paginada. / Composição tipográfica destinada a servir de matriz, na estereotipia.

Paquiderme
s.m. Diz-se do animal que tem a pele espessa (elefante, rinoceronte, hipopótamo).

Paquimetro
s.m. Fís. Instrumento empregado para medir pequenos comprimentos (até décimos de milímetros); compasso de espessura.

Paquinha
s.f. V. RALO3. / Dimin. de paca.

Paquistanes
adj. Do Paquistão. / &151; Adj. e s.m. Natural ou habitante desse país.

Par
adj. Que é representado por número divisível por 2. / Diz-se de coisas que se dispõem simetricamente duas a duas. / &151; S.m. Conjunto de duas pessoas. / Utensílio composto de duas peças iguais. / Pessoa igual a outra em posição social, ou hierárquica. / Cada uma das pessoas, na dança a dois. / Antig. Grande vassalo da Coroa, senhor de um pariato. / Membro da Câmara dos Lordes, na Inglaterra. // Câmbio ao par, igualdade de troca entre moedas de países diferentes. // Título (ou ação) ao par, o que tem valor de curso igual ao do seu valor nominativo. // &151; loc. prep. Estar a par de, estar informado a respeito de alguma coisa.

Para
prep. Indica direção, destino, fim, intuito, relação, proporcionalidade. / Matemática Exprime relação entre as quantidades: 2 está para 4 como 8 para 16.

Para-brisa
s.m. Placa de vidro ou de matéria transparente colocada na frente de um automóvel, locomotiva, avião etc., para preservar o condutor da poeira e da força do ar.

Para-choque
s.m. Peça destinada a amortecer os choques, colocada na frente e na traseira de um veículo.

Para-fogo
s.m. Anteparo para proteção contra o calor intenso da lareira.

Para-lama
s.m. Anteparo de metal colocado sobre as rodas de uma bicicleta, motocicleta, automóvel, para proteção contra os salpicos de lama.

Para-quedas
s.m. sing. e pl. Aparelho que se destina a diminuir a velocidade de queda de um corpo. (É usado especialmente pelos aviadores e tripulantes de um avião quando dele necessitam saltar. Compõe-se de um tecido de seda ou náilon que, quando aberto, tem forma de guarda-sol, e que fica preso ao corpo por meio de tiras de pano ou lona forte, sendo guardado em um saco que, no momento do salto, se abre automaticamente ou com a ajuda de um comando. Existem pára-quedas especiais, que, fixados à cauda de aviões, servem como freio por ocasião da aterrissagem.)

Para-quedismo
s.m. Arte, maneira de saltar de um avião em pleno vôo, utilizando-se de pára-quedas. (O pára-quedismo é objeto de competições.)

Para-quedista
s.m. e s.f. Pessoa exercitada em saltos de pára-quedas. / Militar especialmente treinado nesse exercício. / &151; Adj. Diz-se de unidade militar que se lança em pára-quedas em lugares estratégicos para ações rápidas.

Para-raios
s.m. Dispositivo composto de uma haste metálica, a cuja extremidade inferior está ligado um condutor em contato com o solo, que serve para preservar os aparelhos e as construções dos efeitos dos raios.

Para-sol
s.m. Designação, menos usada, de guarda-sol.

Para-vento
s.m. Espécie de biombo destinado a proteger do vento. (Sin.: guarda-vento.)

Parabase
s.f. Parte da comédia grega antiga, em que o autor dirigia aos espectadores, através do corifeu, observações estranhas ao assunto da peça.

Parabelo
s.m. Pistola automática, outrora usada pelo exército alemão. (Var.: parabélum.)

Parabenizar
v.t. Dar parabéns a.

Parabens
s.m.pl. Felicitações, congratulações.

Parabola
s.f. Comparação desenvolvida em pequeno conto, no qual se encerra uma verdade, um ensinamento. &151; Trata-se de uma história curta, cujos elementos são eventos e fatos da vida cotidiana. Esses acontecimentos ilustram uma verdade moral ou espiritual contida na história. Os escritores gregos e latinos usaram a parábola, mas seus exemplos mais perfeitos são os encontrados na Bíblia.

Parabolica
s.f. Usa-se por antena parabólica.(V. ANTENA.)

Parabolico
adj. Que concerne a parábola. / Em forma de parábola.

Paraboloide
s.m. Superfície produzida por uma parábola que se move sobre outra não contida no mesmo plano. // Parabolóide de revolução, superfície engendrada por uma parábola que gira em torno de seu eixo.

Paracentese
s.f. Cirurgia. Operação que consiste em praticar punção em cavidade cheia de líquido.

Paracleto
s.m. Teologia Nome dado ao Espírito Santo, nos Evangelhos. / Fig. Intercessor; mentor; auxiliador; defensor; consolador.

Paracronismo
s.m. Falta de cronologia que consiste em situar um acontecimento em data posterior àquela em que realmente sucedeu.

Paracusia
s.f. Medicina Zumbido ou ruídos imaginários nos ouvidos.

Parada
s.f. Ação de parar. / Lugar onde pára regularmente um veículo. / Pausa, interrupção. / Desfile de tropas em dias festivos. / Quantia ou objeto que se aposta em uma jogada. // Pop. Topar ou enfrentar (uma, qualquer) parada, aceitar o desafio, a proposta.

Paradeiro
s.m. Lugar, sítio onde uma pessoa ou coisa está, vai parar ou permanece.

Paradigma
s.m. Modelo, padrão, norma; exemplo. / Gramática Conjunto de flexões de uma palavra dada como modelo: paradigma dos verbos da 1.&170; conjugação; paradigma dos substantivos da 1.&170; declinação latina. / Lingüística Conjunto de formas que se associam por um traço lingüístico permanente, denominador comum de todas elas, traço na base do qual se estabelecem correlações e oposições.

Paradigmatico
adj. Que pertence ou é relativo a um paradigma.

Paradisiaco
adj. Que se assemelha ou pertence ao paraíso.

Parado
adj. Quieto, sem movimento. / Fito, fixo. / Desocupado, sem trabalho. / Suspenso, interrompido. / Inexpressivo, desanimado. / Abobalhado, apático.

Paradouro
s.m. O mesmo que paradeiro. / Bras. (RS) Lugar próximo da casa ou dos currais da estância, onde o gado manso costuma passar a noite.

Paradoxal
adj. Relativo a paradoxo. / Que contém paradoxo.

Paradoxismo
s.m. Retórica Oxímoro.

Paradoxo
s.m. Contradição, pelo menos aparente. (Ex.: falo melhor quando emudeço.) / Opinião contrária à opinião comum. / Filosofia. Contradição a que chega, em certos casos, o arrazoamento abstrato.

Parafasia
s.f. Distúrbio de linguagem, que consiste na troca e na deformação de palavras.

Parafernais
adj. pl. Diz-se dos bens não incluídos no dote, que a esposa reservou para si, e sobre os quais tem plena administração.

Parafernalia
s.f. Coisas de uso pessoal. / O que é necessário a uma atividade humana.

Parafimose
s.f. Estrangulamento da glande do pênis pelo prepúcio, que constitui uma das complicações da fimose.

Parafina
s.f. Mistura de hidrocarbonetos saturados sólidos, caracterizados por sua indiferença aos agentes químicos. &151; É um sólido branco semelhante à cera, parcialmente transparente, que não tem cheiro nem gosto. A parafina forma uma película à prova de umidade, sendo usada para impermeabilizar embalagens de papelão, como, por exemplo, as de sorvete. As velas também são feitas de parafina.

Parafinacao
s.f. Parafinagem.

Parafinado
adj. Que foi submetido a parafinagem. // Papel parafinado, papel impregnado de parafina.

Parafinagem
s.f. Ato ou efeito de passar em parafina.

Parafinar
v.t. Untar com parafina.

Parafise
s.f. Botânica. Filete estéril que acompanha os elementos produtores de esporos nos cogumelos.

Parafrase
s.f. Interpretação de um texto com palavras próprias, mantido o pensamento do original. / Tradução livre e em geral desenvolvida.

Parafrasear
v.t. Interpretar. / Reproduzir as idéias de um texto, dando-lhe redação pessoal.

Parafrasta
s.m. Aquele que desenvolve ou comenta um texto; autor de paráfrases.

Parafrastico
adj. Que diz respeito à paráfrase; da mesma natureza da paráfrase.

Parafrenia
s.f. Medicina Distúrbio mental caracterizado por mudanças na disposição e no caráter.

Parafusar
v.t. Fixar com parafuso. / &151; V.i. Fig. Pensar muito; meditar; matutar. / O mesmo que aparafusar.

Parafuso
s.m. Peça cônica ou cilíndrica, estriada em hélice, que se embute, fazendo-a girar sobre seu eixo longitudinal, seja em outra peça (chamada porca), atarraxada em sentido contrário, seja num meio resistente, por efeito combinado de rotação e pressão. / Aeronáutica. Acrobacia em que o avião descreve uma espiral muito fechada em torno do eixo de descida. / Bras. Certo passo do frevo pernambucano. / Bras. Dança regional sergipana ao som de versos cantados. / Bras. Um dos golpes de capoeira. // Parafuso sem fim, aquele cujos sulcos atuam sobre os dentes de uma engrenagem, imprimindo-lhe movimento de rotação em sentido perpendicular ao do parafuso. // Ter um parafuso frouxo ou a menos, ser meio doido, amalucado.

Paragao
s.m. Semelhança, comparação.

Paragem
s.f. Ato de parar. / Parte do mar propícia à navegação. / Região nas cercanias do lugar onde se está.

Parageusia
s.f. Perversão do sentido do gosto.

Paraglider
s.m. (pal. ing.) Parapente.

Paragoge
s.f. Fonética. Acréscimo de fonema no fim de uma palavra, sem lhe alterar o sentido; epítese: mártire por mártir.

Paragonar
v.t. Assemelhar, comparar.

Paragrafar
v.t. Dividir ou separar em parágrafos.

Paragrafia
s.f. Perturbação na linguagem escrita que consiste em o indivíduo escrever uma palavra por outra.

Paragrafo
s.m. Unidade de composição de um escrito, constituída por um ou mais de um período, em que se desenvolve ou explana determinada idéia central, a que geralmente se agregam outras,

Paraguaio
adj. Que diz respeito ao Paraguai. / &151; Adj. e s.m. Natural ou habitante do Paraguai.

Paraiba
s.f. Bras. Árvore simarubácea. / Bras. (S) Trecho de rio que não pode ser navegado. / Bras. Pop. Virago.

Paraiso
s.m. No Antigo Testamento, jardim de delícias onde Deus colocou Adão e Eva: paraíso terrestre. (A idéia de um paraíso terrestre é comum a muitos povos da Antiguidade.) / No Novo Testamento, lugar onde permanecem as almas dos bem-aventurados. / Lugar de recompensa das almas dos homens, após sua morte, em muitas religiões. &151; Jesus usou a palavra com este significado quando falou com o bom ladrão na cruz. / Fig. Lugar de delícias, lugar onde a gente se sente bem, em paz e sossego. / Originalmente, era uma palavra persa usada para os parques de diversões dos reis persas.

Paralactico
adj. Relativo a paralaxe.

Paralaxe
s.f. Astronomia. Ângulo formado por duas retas, que, partindo do centro de um astro, vão ter, uma no centro da Terra, outra ao ponto onde se acha o observador, e por meio do qual se determina a distância entre um astro e a Terra. / Deslocamento da posição aparente de um corpo, devido à mudança de posição do observador. / Fotografia. Ângulo formado pelos eixos ópticos da objetiva e do visor do aparelho, focados num mesmo objeto, e que falseia o objetivo em curtas distâncias.

Paralela
s.f. Linha paralela. / &151; S.f.pl. Traves ou barras horizontais, elevadas à mesma altura, ao lado uma da outra, e nas quais se fazem exercícios de ginástica.

Paralelepipedico
adj. Que tem a forma de um paralelepípedo.

Paralelepipedo
s.m. Geom. Hexaedro cujas faces, opostas e paralelas entre si, são paralelogramos. / Pequeno bloco de pedra, com essa forma, usado no calçamento de ruas e estradas.

Paralelismo
s.m. Estado do que é paralelo. / Correspondência entre duas coisas ou situações. / Gramática Identidade, similitude ou correspondência entre estruturas frasais, quanto ao ritmo, ao valor sintático, ao significado.

Paralelistica
adj. e s.f. Diz-se da, ou a cantiga de amigo, da poética trovadoresca, constituída por pares de dísticos seguidos de refrão, nos quais se repetem as mesmas palavras, com exceção da palavra-rima.

Paralelo
adj. Diz-se de duas ou mais linhas ou superfícies que, em toda a sua extensão, conservam sempre igual distância umas das outras. / Fig. Diz-se de duas ou mais coisas que marcham a par ou progridem na mesma proporção. / Fig. Semelhante, análogo. / &151; S.m. Cada um dos círculos imaginários que seccionam o globo terrestre em um plano paralelo ao equador. (Os paralelos, que são numerados de 0 a 90, ao sul e ao norte do equador, servem para determinar a latitude.) / Fig. Confronto, cotejo, comparação. / Retórica Escrito, discurso em que se comparam as qualidades físicas e morais, as experiências, os méritos de dois ou mais indivíduos. (Ex.: Vidas paralelas, de Plutarco.)

Paralelogramo
s.m. Quadrilátero cujos lados são paralelos dois a dois.

Paralisacao
s.f. Ação de paralisar. / Suspensão, interrupção de movimento, de atividade. / Entorpecimento.

Paralisar
v.t. Fazer parar; interromper. / Tornar paralítico. / Fig. Neutralizar, impedir de agir.

Paralisia
s.f. Privação total ou diminuição considerável da sensibilidade ou dos movimentos voluntários, manifestada em órgãos ou sistemas do organismo: paralisia muscular, paralisia facial. / Fig. Impossibilidade de agir, de operar; marasmo, entorpecimento; paralisia das atividades econômicas. &151; As principais causas da paralisia são os distúrbios circulatórios cerebrais (arterite, espasmo, hemorragia cerebral), as intoxicações (chumbo, álcool etc.), as infecções por vírus (poliomielite). A lesão pode estar localizada em um nervo (paralisia radial, cubital etc.), em um membro (paraplegia), em um lado do corpo (hemiplegia); quando atinge os quatro membros, é uma quadriplegia. A paralisia infantil (denominação imprópria, pois atinge igualmente os adultos) é a poliomielite. A paralisia geral é a sífilis dos centros nervosos; os distúrbios motores estão nela misturados com distúrbios sensitivos, sensoriais e mentais.

Paraliteratura
s.f. Conjunto das produções textuais (foto-romances, histórias em quadrinhos etc.) excluídas pelo julgamento social da literatura propriamente dita.

Paralitico
adj. Atingido pela paralisia. / &151; S.m. Pessoa atingida de paralisia.

Paralogismo
s.m. Raciocínio falso, feito de boa fé por falta de consciência de sua falsidade. / Linguagem ilógica ou desprovida de sentido, característica dos doentes mentais.

Paramagnetico
adj. Diz-se de uma substância que é atraída do mesmo modo que o ferro, mas de forma muito mais fraca.

Paramecio
s.m. Protozoário do ramo dos ciliados, comum nas águas doces estagnadas, cujo corpo atinge, às vezes, 1/5 de mm de comprimento.

Paramedico
adj. e s.m. Diz-se de, ou profissional que trabalha no campo da saúde como auxiliar de médico.

Paramentar
v.t. Adornar, enfeitar, cobrir com paramentos.

Paramento
s.m. Adorno, enfeite, ornato. / Superfície visível de qualquer obra de construção. / &151; S.m.pl. Vestes do sacerdote nas cerimônias religiosas. / P. ext. Panos de adorno do altar, bem como o conjunto de peças que o guarnecem.

Parametrico
adj. Relativo a parâmetro.

Parametro
s.m. Em uma expressão ou equação, letra distinta da variável, cujo valor numérico pode ser fixado arbitrariamente. / Grandeza mensurável que permite apresentar, de forma mais simples, as características principais de um conjunto estatístico. // Parâmetro de uma parábola, distância de seu foco à sua diretriz. / Elemento importante a levar em conta, para avaliar uma situação ou compreender um fenômeno em detalhe. / Informática Valor, opção, denominação ou característica que o usuário acrescenta ou altera, ao executar comando, a fim de modificá-lo ou ajustá-lo. (Quando não se indica um parâmetro, o programa decide por uma escolha automática [opção de máquina].)

Paramidofenol
s.m. Derivado do fenol, empregado como revelador fotográfico.

Paramilitar
adj. Que possui as características de uma força militar; que tem a estrutura e a organização de uma tropa ou exército, sem sê-lo.

Paraminobenzoico
adj. Ácido paraminobenzóico ou p-aminobenzóico, fator do complexo de vitamina B necessário à sua formação e essencial ao crescimento das bactérias, neutralizando os efeitos das sulfonamidas.

Paramnesia
s.f. Distúrbio da memória, que se manifesta por fabulação, localização errada no tempo, ou ilusão do já visto.

Paramo
s.m. Planície solitária; deserto. / Fig. O firmamento, a abóbada celeste. / O cume, o ponto culminante.

Paraneoplasico
adj. Diz-se de manifestações patológicas, em especial dermatoses, ligadas a um câncer em evolução, mas não diretamente causadas pela proliferação das células malignas.

Parangona
s.f. Tipografia Nome dado nas imprensas a duas qualidades de tipos: a parangona grande, que tem 21 pontos, e a parangona pequena, que tem 18 pontos.

Parangonar
v.t. Tipografia Reunir numa mesma linha de composição caracteres de corpos diferentes; alinhar parangonas.

Paraninfar
v.t. Servir como paraninfo em casamento, batismo, colação de grau etc.

Paraninfo
s.m. Padrinho ou testemunha de casamento, batismo, colação de grau etc. / Patrono, protetor.

Paranoia
s.f. Psicose caracterizada por um orgulho exagerado, egoísmo, suscetibilidade, desconfiança e mania de perseguição.

Paranoico
adj. Relativo à paranóia. / &151; S.m. Indivíduo atacado de paranóia.

Paranoide
adj. Caracterizado por, ou que lembra a paranóia. / Caracterizado por suspeição, tendências persecutórias ou megalomania. // Delírio paranóide, delírio caracterizado por sua incoerência e polimorfismo, que constitui uma das formas da esquizofrenia.

Paranormal
adj. Cujas causas e mecanismo, inexplicados no estádio atual do conhecimento, seriam imputáveis a forças de natureza desconhecida, de origem notadamente psíquica (diz-se de certos fenômenos, de existência estabelecida ou não): a percepção extra-sensorial e a psicocinese são exemplos de fenômenos paranormais. / &151; s.m. e s.f. Indivíduo dotado de paranormalidade.

Paranormalidade
s.f. Qualidade do que ou de quem é paranormal.

Parantropo
s.m. Australopiteco descoberto em 1948 no Transvaal.

Parapeito
s.m. Parede de apoio que se eleva mais ou menos à altura do peito. / Peitoril de janela. / Parte superior de uma trincheira, de uma fortificação, que protege uma peça de artilharia, de tal modo que os artilheiros podem fazer fogo por cima dela.

Parapente
s.m. Certo pára-quedas concebido para se lançar de uma encosta de montanha, do pico de uma falésia etc.; esporte praticado com esse tipo de pára-quedas; paraglider.

Parapentista
adj. e s.m. e s.f. Diz-se de, ou pessoa que pratica o parapente.

Paraplegia
s.f. Paralisia de certas partes simétricas do corpo. / Paralisia dos membros inferiores.

Paraplegico
adj. Que diz respeito à paraplegia. / &151; S.m. Indivíduo atacado de paraplegia.

Parapode
s.m. Órgão natatório, coberto de pêlos, dos anelídeos marinhos.

Parapsicologia
s.f. Ramo da psicologia que estuda as experiências que parecem transcender as leis da natureza.

Parapsicologo
s.m. Especialista em parapsicologia.

Parapsiquico
adj. Relativo à parapsicologia.

Parar
v.i. Cessar de andar, de mover-se. / Suspender uma ação. / Acabar. / Morar, residir, conservar-se. / Reduzir-se: não pára aí sua habilidade. // Bras. Pop. Parar com alguém, não querer mais relações com ele. // Bras. Pop. Parar em alguém, ter grande atração por essa pessoa. / &151; V.t. Impedir de andar, de mover-se. / Aparar: parou o golpe com destreza. / Pop. Apostar: parou vinte fichas no valete.

Parasceve
s.f. Véspera do sabá entre os judeus.

Parasitar
v.t. Sugar um animal ou vegetal para dele tirar seu sustento. / Fig. Viver à custa de outro.

Parasitario
adj. Relativo ao parasito ou parasita. / Que se comporta como o parasito. / Medicina Causado pela presença de parasitos.

Parasiticida
adj. e s.m. (Produto) que elimina parasitas.

Parasitico
parasitário; referente aos organismos que vivem à custa de outros organismos (pop)

Parasitismo
s.m. Modo de vida de um ser animal ou vegetal que retira de outrem sua nutrição, sem, entretanto, fazer que este morra. / Infestação por parasitos.

Parasito
s.m. Biologia. Ser que obtém seu alimento retirando-o de outro, chamado hospedeiro; p.ex., a tênia do homem. / O mesmo que parasita. / Fig. Pessoa que vive a expensas de outrem. / Radiofonia. Perturbações de origem atmosférica ou industrial, que interferem na recepção dos sinais radioelétricos. / &151; Adj. Que nasce, cresce ou vive em outros corpos originados em outros seres vivos. // Inseto parasito, inseto que, como o piolho, vive a expensas de outro animal. // Planta parasita, a que vegeta em outra planta e se nutre de sua seiva.

Parasitologia
s.f. Estudo dos parasitos do homem, dos animais e dos vegetais.

Parasitose
s.f. Doença provocada por parasitos.

Parassexualidade
s.f. Biologia. Conjunto de fenômenos de sexualidade primitiva, sem fecundação propriamente dita nem meiose, observados nas bactérias (transferência de um material genético de uma bactéria a outra por um ponto citoplásmico).

Parassimpatico
adj. e s.m. Diz-se de, ou um dos dois sistemas nervosos neurovegetativos. (Antagonista do simpático, o sistema parassimpático, agindo através da acetilcolina, diminui o ritmo cardíaco e acelera os movimentos do tubo digestivo.)

Parassimpaticomimetrico
substância que estimula directamente o sistema colinérgico ou parassimpático (pop)

Parassimpatolitico
adj. Que inibe o sistema parassimpático, que se opõe a sua ação (diz-se de uma substância).

Parassimpatomimetico
adj. Cujos efeitos são comparáveis à ação do sistema parassimpático (diz-se de uma substância).

Parassintese
s.f. Gramática Processo de criação de palavras que consiste na adjunção simultânea de prefixos e sufixos a um radical.

Parassintetico
adj. Gramática Relativo à parassíntese.

Parassismico
adj. Próprio para resistir a abalos sísmicos.

Parataxe
s.f. Gramática O mesmo que coordenação.

Parati
s.m. Bras. Cachaça fabricada em Parati, no Estado do Rio de Janeiro; p. ext., cachaça, aguardente. / Bras. Peixe mugilídeo.

Paratifico
adj. Relativo ao paratifo ou aos seus bacilos. // Bacilo paratífico, bactéria do gênero Salmonella.

Paratifo
s.m. Medicina Doença infecciosa com sintomas muito semelhantes aos da febre tifóide e produzida por bacilos paratíficos, bactérias do gênero Salmonella.

Paratifoide
adj. Diz-se de doenças infecciosas, vizinhas da febre tifóide, mas não tão graves.

Paratireoide
s.f. Qualquer das glândulas endócrinas situadas junto aos lobos laterais da tireóide. / &151; Adj. Relativo a essas glândulas.

Paratiroide
/relativo à glândula paratiróide (pop)

Paratormonio
s.m. Hormônio produzido pelas glândulas paratireóides e cuja secreção regula o teor de fósforo e de cálcio no organismo.

Paravante
s.m. Náutica A parte do navio compreendida entre o mastro grande e a proa.

Paravenoso
próximo de uma veia (pop)

Parceirada
s.f. Bras. Conjunto de parceiros; parceria.

Parceiro
s.m. Pessoa com quem se está associado num jogo, divertimento, exercício, empresa etc. / Associado em geral; companheiro.

Parcel
s.m. Recife, escolho, baixio.

Parcela
s.f. Pequena parte; pedaço, fração, fragmento. / Matemática Cada um dos números de uma adição.

Parcelado
adj. Dividido em parcelas. / Bras. Dizia-se outrora do exame feito separadamente por disciplina, em estabelecimento de ensino oficial, de nível secundário, não freqüentado pelo examinado.

Parcelar
v.t. Dividir em parcelas, aparcelar.

Parceria
s.f. Reunião de indivíduos para certo fim com interesse comum. / Sociedade, companhia. / Com. Toda associação comercial em que os sócios não são responsáveis senão pela parte ou quinhão com que entraram, e só recebem os lucros proporcionais ao que deram. (São parcerias a sociedade em comandita [da parte do fornecedor dos fundos] e a sociedade de capital e indústria [quando o sócio de indústria concorre meramente com o seu trabalho.]) // Parcerias marítima, agrícola, pecuária, contratos pelos quais os contratantes cedem a exploração das respectivas atividades mediante o recebimento de uma quota dos lucros.

Parcha
s.f. Casulo em que o bicho-da-seda morreu de doença.

Parche
s.m. Pano embebido em líquido ou barrado de ungüento, que se aplica no corpo em pontos dolorosos ou inflamados; emplastro.

Parcial
adj. Que faz parte de um todo. / Que ocorre apenas em parte: eclipse parcial, eleições parciais. / Favorável a uma das partes em litígio por não julgar ou decidir com inteira isenção, com absoluto senso de justiça: juiz parcial.

Parcialidade
s.f. Preferência injusta.

Parcimonia
s.f. Economia minuciosa de pequenas coisas.

Parcimonioso
adj. Que usa de parcimônia; econômico.

Parco
adj. Parcimonioso, reduzido.

Pardacento
adj. Tirante a pardo ou cinzento.

Pardal
s.m. Pequeno pássaro conirrostro, abundante tanto na cidade como nos campos.

Pardaloca
s.f. A fêmea do pardal; pardoca.

Pardavasco
adj. e s.m. Mestiço de negro e mulato. / Indivíduo amulatado.

Pardieiro
s.m. Casa de pequeno valor ou malconservada. / Edifício velho, em ruínas.

Pardo
adj. De cor escura, entre o branco e o preto. / &151; S.m. Mulato, mestiço.

Pardoca
s.f. Pardaloca.

Pareas
s.f.pl. Conjunto dos anexos do embrião, expulsos após o feto (placenta, parte do cordão umbilical, membranas que envolvem o feto); secundinas.

Parecenca
s.f. Qualidade de parecido; semelhança.

Parecer
s.m. Opinião expressa em resposta a uma consulta. / Juízo técnico sobre questão jurídica ou administrativa, emitido em processo por jurista, órgão do ministério público, ou funcionário especializado.

Parecido
adj. Semelhante, análogo.

Paredao
s.m. Parede alta e grossa; muralha. / Bras. (RS) Encosta abrupta de serra. / (MT) Margem de rio elevada e talhada a pique; ribanceira. / (PE) Cordão de recifes submersos.

Parede
s.f. Maciço de alvenaria que forma as fachadas de um edifício, que separa uma peça de outra, ou forma divisões internas. / Tudo que fecha ou divide um espaço. / Muro, tapume, tabique. / Superfície lateral de um recipiente, de um tubo. / Anatomia. Partes que circunscrevem uma cavidade, um órgão. / Fig. Greve. // Encostar (levar) alguém à parede, forçar alguém a ceder em face da força dos argumentos, da evidência dos fatos.

Paredes-meias
s.f.pl. Paredes que servem de separação a dois prédios contíguos. / &151; loc. adv. Com a separação de paredes-meias ou em casas contíguas.

Paredista
adj. Relativo a parede ou greve. / &151; s.m. e s.f. Grevista.

Paredro
(ê)

Paregorico
adj. Que suaviza ou acalma dores. // Elixir paregórico, tintura anisada de ópio canforado, empregada contra dores intestinais e diarréia.

Parelha
s.f. Um par, falando-se de alguns animais, especialmente cavalos e muares. / Estrofe de dois versos; dístico. / Pessoa ou coisa que emparelha com outra ou lhe é semelhante. / Cepo, com dois ferros, para abrir o filete com que uma tábua há de emparelhar com outra. / Número igual de pontos no jogo de dados.

Parelheiro
s.m. Bras. (SP a RS) Cavalo de boa raça, tratado para a disputa de corridas. / Cavalo ensinado a andar em parelhas.

Parelho
adj. Igual; semelhante aos de sua espécie, particularmente grãos de cereais. / &151; S.m. (SP) Roupa de homem (calça e paletó). / (RS) Campo que se estende plano e sem ondulações.

Parelio
s.m. Meteorologia Conjunto das imagens do Sol resultante da reflexão de seus raios em uma nuvem formada de cristais de gelo.

Parembole
s.f. Gramática Espécie de parêntese em que o sentido da frase incidente tem direta relação com o assunto da frase principal.

Paremia
s.f. Alegoria breve. / Expressão proverbial, provérbio.

Paremiologia
s.f. Coleção de provérbios.

Parenese
s.f. Exortação; discurso moral.

Parenetica
s.f. Arte de pregar, eloqüência sacra.

Parenetico
adj. Relativo à parênese e à parenética.

Parenquima
s.m. Anatomia. Parte específica de um órgão, oposta à parte de substrato conjuntivo. / Botânica. Tecido de nutrição (parênquima clorofilado), de reserva, ou de suprimento.

Parenquimatoso
adj. Relativo ao parênquima.

Parenta
s.f. Fem. de parente.

Parentais
s.f.pl. Antig. rom. Festas anuais em honra dos mortos.

Parental
adj. Relativo a pai e mãe.

Parente
s.m. e s.f. Pessoa descendente de um ancestral comum. / Pessoa ligada a outra por laços de consangüinidade ou de aliança. // Tratar como parente pobre, tratar com certo desdém.

Parentela
s.f. Os parentes considerados coletivamente.

Parenteral
adj. Que se faz por outra via que não a digestiva (boca, reto, falando-se da ministração de um medicamento).

Parentesco
s.m. Laço de consangüinidade ou de aliança. (Os etnólogos distinguem o parentesco real do parentesco de classificação.) / Laço jurídico que une duas pessoas, sendo uma descendente da outra, ou tendo uma e outra ancestral em comum. / Conjunto de descendentes. / Fig. Afinidade, analogia, conformidade, similitude. // Parentesco espiritual, afinidade de sentimentos e idéias.

Parentese
s.m. Frase, ou palavra acessória que forma um sentido à parte, no período em que se intercala. / Sinal ( ) que indica essa intercalação. / Matemática Sinal que, isolando uma expressão algébrica, indica que a mesma operação se aplica à expressão inteira. / Digressão: abrir um parêntese. // &151; loc. adv. Entre parênteses, incidentemente, sem ligação com o que precede ou o que se segue.

Parentetico
adj. Relativo a parêntese. / Posto entre parênteses.

Pareo
s.m. Vestuário Peça de tecido que se ata sobre o peito ou na cintura e que cobre as pernas até acima dos joelhos; traje tradicional do Taiti. / Saia longa, com pregas, inspirada no pareô taitiano.

Paresia
paralisia incompleta, parcial (pop)

Parestatal
adj. Bras. Diz-se da empresa ou instituição criada pelo Estado mas de administração autárquica e autonomia limitada às atribuições especificamente declaradas no ato que a criou.

Parestesia
s.f. Sensação anormal devida a um distúrbio funcional do sistema nervoso.

Pargo
s.m. Peixe marinho, semelhante ao vermelho, cuja carne é muito apreciada. (Compr.: 50 cm.)

Paria
s.m. Na Índia, nome dado a todos os sem casta, excluídos da sociedade. / Fig. Homem desprezado, repudiado pelos demais. (Var.: pariá.)

Pariato
s.m. Título e dignidade de um par. / Feudo a que esta dignidade está ligada. / Dignidade dos membros da Câmara Alta na Inglaterra.

Paridade
s.f. Qualidade do que é par. / Igualdade perfeita, conformidade. / Comparação que prova ser uma coisa igual a outra ou semelhante. / Valor pelo qual se estabelece a taxa de câmbio entre moedas, com base nos respectivos títulos e pesos.

Parietal
adj. Relativo a parede. / S.m. Anatomia. Cada um dos dois ossos que formam os lados e a abóbada do crânio. // Pintura parietal, figura gravada ou pintada nas paredes e abóbadas das cavernas pré-históricas; pintura rupestre.

Parietaria
s.f. Planta herbácea da família das urticáceas, que cresce perto dos muros.

Paripenada
adj. Botânica. Diz-se das folhas compostas, desprovidas de folíolo ímpar terminal, como as da ervilha.

Parir
v.t. Dar à luz (falando-se da fêmea vivípara quando expele do útero o ser que gerou). / Fig. Produzir. / Pej. Criar.

Pariseta
s.f. Planta dos bosques úmidos, de bagas azuladas. (Família das liliáceas.)

Parissilabico
adj. Gramática Diz-se das palavras latinas que têm em sua declinação o mesmo número de sílabas em todos os casos do singular: "auis" e "mare" são nomes parissilábicos.

Paritario
adj. Diz-se de um organismo em que duas partes em presença são representadas em pé de igualdade.

Parka
s.f. (pal. inuit) Espécie de casaco curto, com capuz, feito de tecido impermeável.

Parking
s.m. (pal. ing.) Estacionamento.

Parkinsonismo
s.m. Quadro mórbido da doença do sistema nervoso caracterizada por tremor e rigidez muscular. (Chama-se também paralisia agitante.)

Parlamentar
s.m. e s.f. Membro de um Parlamento. / O que é, na guerra, encarregado de fazer propostas ao comando adverso ou de discutir com seus delegados. / &151; Adj. Relativo a parlamento.

Parlapatao
adj. e s.m. Mentiroso, impostor; fanfarrão.

Parlapatice
s.f. Pantomima, fanfarronada; dito ou ato de parlapatão.

Parlatorio
s.f. Lugar onde, em certos estabelecimentos (conventuais, carcerários), se recebem visitas para conversar.

Parlenda
s.f. Palavreado; bacharelice. / Discussão importuna.

Parma
s.f. Escudo circular usado pelos antigos soldados romanos.

Parmesao
adj. De Parma (cidade da Itália). / Diz-se de uma variedade de queijo (originariamente fabricado nessa cidade), feito com leite desnatado e açafrão.

Parnasianismo
s.m. Escola ou doutrina dos parnasianos.

Parnasiano
adj. Que pertence ao Parnaso, que o habita. / Relativo à escola literária chamada Parnasianismo. / &151; S.m. Nome dado aos poetas que reagiram contra o lirismo romântico e passaram a cultivar uma poesia erudita e impessoal, caracterizada por grande apuro da forma.

Paroco
s.m. Sacerdote encarregado da direção espiritual e da administração de uma paróquia. / Vigário, cura, prior.

Parodia
s.f. Imitação burlesca, irônica. / Escrito satírico que imita uma obra literária.

Parodiar
v.t. Imitar, contrafazer. / Fazer paródia.

Parodista
s.m. e s.f. Autor de uma paródia, indivíduo que faz paródias.

Parodonte
s.m. Conjunto de tecidos que sustentam os dentes.

Parola
s.f. Palavra oca; palavreado, palanfrório. / Conversa, trela. / &151; Adj. e s.m. Paroleiro.

Parolagem
s.f. Tagarelice, lengalenga. / Conversa sem conseqüência.

Parolar
v.i. Conversar, tagarelar bazofiando.

Paroleiro
adj. e s.m. Que ou aquele que é amigo de parolagens; falador; embusteiro, bazófio.

Parolice
s.f. Ação de parolar, qualidade de paroleiro.

Parolim
s.m. No jogo, ato de dobrar a parada.

Paronimia
s.f. Qualidade de parônimo.

Paronimico
adj. Relativo aos parônimos, à paronímia.

Paronimo
s.m. Gramática Palavra cuja forma se parece à de outra: lactante e lactente; infligir e infringir; descrição e discrição.

Paroniquia
inflamação do dedo perto da unha; panarício (pop)

Paronomasia
s.f. Figura de retórica que consiste em aproximar as palavras cujo som é semelhante, mas cujo sentido é diferente: quem casa quer casa. (Var.: paranomásia.)

Paroquia
s.f. Território sobre o qual se estende a jurisdição de um padre. / Conjunto dos habitantes desse território.

Paroquial
adj. Da paróquia.

Paroquiano
s.m. Membro de paróquia.

Parosmia
s.m. Medicina Perversão do olfato.

Parotico
adj. Anatomia. Que está perto da orelha.

Parotida
s.f. Glândula salivar par, situada nas vizinhanças da orelha.

Parotidiano
adj. Relativo às parótidas.

Parotidite
/inflamação da glândula salivar; papeira (pop)

Paroxismico
adj. Relativo ao paroxismo; paroxístico.

Paroxismo
s.m. Extrema intensidade de uma doença, de uma paixão, de um sentimento. (Sin.: auge, apogeu, culminância.)

Paroxitono
adj. e s.m. Diz-se da, ou a palavra que tem acento tônico na penúltima sílaba: "desejo" é vocábulo paroxítono.

Parque
s.m. Lugar arborizado ou ajardinado de relativo tamanho, para passeio ou recreação. / Local de guarda de material militar. // Parque nacional, reservas biológicas ou naturais. // Parque industrial, complexo das indústrias de uma cidade, Estado ou país.

Parqueamento
s.m. Local delimitado para estacionamento de veículos. O mesmo que estacionamento.

Parquear
v.t. Estacionar veículo.

Parquetagem
s.f. Ato de parquetar. / Obra de parquete.

Parquetar
v.t. Cobrir de parquetes. // Parquetar um quadro, endireitar as pranchas desajustadas de uma tela pintada, ou consolidá-la aplicando travessões de madeira na moldura.

Parquetaria
s.f. Arte de fabricar e de colocar o parquete.

Parquete
s.m. Assoalho de tacos de madeira que formam desenhos ou figuras geométricas.

Parquimetro
s.m. Aparelho que serve para medir automaticamente o tempo de estacionamento autorizado de um automóvel em via pública.

Parra
s.f. Folha de videira; pâmpano. / Fig. Bazófia, parlapatice.

Parrana
adj. e s.m. e s.f. Pop. Diz-se da, ou pessoa reles, pulha. / Mal trajado, ou vestido com roupas fora da moda. / Retardatário. / Indiferente ao progresso.

Parreira
s.f. Videira que se eleva sobre uma latada.

Parresia
s.f. Retórica Afirmação arrojada; atrevimento oratório.

Parricida
s.m. e s.f. Pessoa que mata pai, mãe, ou qualquer outro ascendente legítimo. / &151; Adj. Diz-se do que se refere a esse crime: fúria parricida.

Parricidio
s.m. Crime de parricida.

Parrideos
s.m.pl. Zoologia Família de aves pernaltas.

Parrudo
adj. Rasteiro como as parras. / Baixo e grosso, atarracado. / Bras. Gír. Forte, musculoso, vigoroso. / &151; S.m. Alcunha depreciativa dos portugueses.

Parse
adj. e s.m e f.

Parsec
s.m. Astron. Unidade usada em astronomia para medir a distância entre as estrelas. &151; Tem 3,26 anos-luz, ou 3,08.1013 km de comprimento. A palavra parsec é uma combinação das palavras paralaxe e segundo. Um parsec é igual a uma distância que tem uma paralaxe de um segundo de arco.

Parsismo
s.m. Religião dos parses.

Partasana
s.f. Espécie de alabarda de lâmina comprida (séc. XV-XVII).

Parte
s.f. Porção de um todo; quinhão; fração; lote. / Lugar, local. / Litigante em processo judicial, ou pessoa que trata de seus interesses em órgãos públicos. / Comunicação verbal ou escrita. // Tomar parte em, participar em. // &151; loc. adj. À parte, diferente, excepcional: um fato à parte. // &151; loc. adv. À parte, separadamente: estudar à parte uma questão. // &151; loc. prep. Da parte de, em nome de. / &151; S.f.pl. Órgãos genitais externos de ambos os sexos. / Manhas, astúcias, melindres.

Parteira
s.f. Mulher cuja profissão é assistir os partos, ajudar as parturientes. (Sin.: obstetriz, comadre.)

Parteiro
adj. Diz-se do médico ou cirurgião especializado em obstetrícia. / Bras. (NE) Fam. e Ironic. Demasiado extremoso e com sinceridade duvidosa: Antônio está muito parteiro com o primo. / &151; S.m. Médico parteiro.

Partejar
v.t. Servir de parteiro ou de parteira. / Bras. (NE) Adular, bajular. / &151; V.i. Parir.

Partenogenese
s.f. Reprodução a partir de um óvulo ou de uma oosfera não fecundados. (A partenogênese natural se observa entre as abelhas [de que resulta o macho, ou o falso zangão], os pulgões e em alguns vegetais. Pode-se provocar artificialmente a partenogênese entre numerosos animais, mesmo entre os mamíferos [as coelhas].)

Partenogenetico
adj. Relativo à partenogênese.

Parti pris
(loc. fr).

Particao
s.f. Ato de partir, de dividir. / Heráld. Divisão de um escudo. (Há quatro divisões principais do escudo: o partido, o cortado, o talhado e o marcado; e seis divisões derivadas.) / Matemática Separação de um conjunto em partes distintas, de forma que um elemento pertença a uma só dessas partes. / Música Conjunto das partes de uma composição musical reunidas a fim de serem lidas simultaneamente.

Participacao
s.f. Ato de participar, seu resultado. / Sistema no qual os empregados de uma empresa estão associados aos lucros e, eventualmente, na direção.

Participante
adj. e s.m. e s.f. Que ou aquele que participa.

Participar
v.t. Fazer saber, comunicar, anunciar. / Tomar parte em. / Associar-se pelo sentimento, pelo pensamento; solidarizar-se com.

Participe
adj. e s.m. e s.f. Que, ou pessoa que participa; participante.

Participial
adj. Que pertence ao particípio.

Participio
s.m. Gramática Forma nominal que expressa, ao mesmo tempo, uma ação ou estado e uma qualidade. Em latim havia três tipos de particípio, correspondentes aos três tempos verbais do presente (amans, amantis), do passado (amatus, a, um) e do futuro (amaturus, a, um). Na morfologia portuguesa somente restou, dentro do paradigma verbal, o particípio passado, por isso mesmo chamado apenas de particípio. A forma em -nte, oriunda do particípio presente latino, fixou-se como adjetivo (água corrente, sol nascente, verso cantante), ou substantivo (estante, requerente, ouvinte), ou preposição (durante, mediante), aparecendo de modo esporádico na língua literária, com valor verbal: este é o caminho conducente à glória. Do particípio futuro latino restam alguns vestígios em palavras portuguesas como nascituro, futuro, imorredouro, vindouro.

Partico
adj. Relativo aos partos, povo asiático.

Particula
s.f. Pequena parte. / Gramática Nome genérico de vocábulos gramaticais de pequeno porte, normalmente átonos, como pronomes (me, te), preposições (a, com, de), conjunções (que, se). // Partícula apassivadora, o pronome se, em orações da voz passiva sintética: vendem-se casas. // Partícula de realce, elemento de reforço, próprio da linguagem afetiva: eu cá não creio em fantasmas! // Partícula elementar, constituinte fundamental da matéria (elétron, quark etc.) ou da luz (fóton) que parece, no atual estádio do conhecimento, não decomponível em outros elementos: física das partículas. &151; A noção de partícula elementar perdeu sua pertinência, uma vez que núcleons, prótons e nêutrons se revelaram constituídos de três quarks. A classificação atual distingue os léptons (elétron, fóton, bósons intermediários), que não participam das interações nucleares fortes, e os quarks e suas combinações (núcleons), que participam delas. A teoria prevê a existência do gráviton, que só participaria das interações gravitacionais.

Particular
adj. Que pertence exclusivamente a certas pessoas ou coisas. / Individual, pessoal. / Detalhado, circunstanciado. / Especial. / Não público; que tem caráter privado. / &151; S.m. Pessoa privada. // &151; loc. adv. Em particular, à parte, isoladamente: conversamos em particular.

Particularidade
s.f. Qualidade de particular; circunstância especial de um fato; minúcia, pormenor, minudência.

Particularismo
s.m. Visão particular ou pessoal de uma questão ou problema.

Particularista
adj. Relativo a particularismo.

Particularizacao
s.f. Ato de particularizar; seu resultado.

Particularizar
v.t. Referir circunstanciadamente, com todas as minúcias. / Fazer menção especial a, nomear. / &151; V.pr. Distinguir-se, singularizar-se.

Particularmente
adv. Especialmente. / Singularmente, de forma pessoal.

Partida
s.f. Ato de partir; saída. / Reunião de pessoas com o fim de se distraírem; serão. / Porção de mercadorias recebidas ou expedidas para comércio. / Lançamento de uma operação mercantil no livro Diário. / Prélio esportivo. / Número de jogos necessários para que um dos parceiros ganhe (certos jogos de cartas etc.). / Porção de gente armada: uma partida de bandoleiros. / Bras. (RS) Ensaio feito pelos corredores antes de uma largada de parelheiros. / Pequena corrida de cavalo que antecede a mais importante. // Partidas dobradas, sistema de escrituração em que cada lançamento é feito ao mesmo tempo no

Partidao
s.m. Fam. Ótimo partido. / Boa colocação. / Bom casamento.

Partidario
s.m. Pessoa ligada ao partido de alguém, ou a um sistema ou regime etc. / &151; Adj. Inspirado pelo espírito de partido.

Partidarismo
s.m. Paixão partidária; proselitismo.

Partido
s.m. Grupo de pessoas unidas pela mesma opinião, mesmos interesses e mesma ação política. / Determinação, resolução. / Lucro. / Pessoa para se casar. // Espírito partidário, cegueira, disposição favorável acerca de tudo que diz respeito ao partido. // Tomar partido, decidir-se. // Tomar o partido de alguém, decidir-se em seu favor.

Partidor
s.m. Ocupante de cargo judicial a quem compete fazer a partilha dos bens inventariados.

Partilha
s.f. Ato de dividir em partes ou porções. / Dir. Ato processual que atribui a cada herdeiro seu quinhão.

Partilhar
v.t. Dividir em várias partes. / Possuir com outros. / Fig. Participar. / Ter em comum.

Partilhavel
adj. Que pode ser partilhado.

Partinio
s.m. Liga de alumínio, tungstênio e magnésio.

Partir
v.i. Pôr-se no caminho, ir-se embora. / Ter seu começo. / Fig. Tomar por ponto de partida. / Emanar, provir.

Partisan
s.m. (pal. fr.) Combatente voluntário não pertencente a um exército regular e que luta por um ideal nacional, político, religioso etc.

Partista
adj. Bras. Cheio de partes, manhas, melindres, caprichos. / Arisco, assustadiço. / &151; Adj. e s.m. e s.f. Gír. escol. Diz-se do, ou o aluno que denuncia seus colegas, que apresenta queixas contra eles.

Partitivo
adj. Gramática Que designa uma parte de um todo: artigo partitivo.

Partitura
s.f. Disposição gráfica das diversas partes que formam uma peça musical, particularmente sinfônica.

Parto
s.m. Ato de parir, de dar à luz. / Fig. Esforço desmedido, o resultado desse esforço.

Parturejar
v.t. Produzir, dar à luz (muitas coisas).

Parturicao
s.f. Ato de dar à luz.

Parturiente
s.f. Mulher que está prestes a dar à luz, ou deu à luz há pouco tempo.

Paru
s.m. Bras. Botânica. Grande árvore da família das leguminosas. / Zoologia Nome comum a vários peixes marinhos, das famílias dos estromateídeos e dos cetodontídeos.

Parulia
s.f. Medicina Inflamação das gengivas com abscesso. (Var.: parúlida, parúlide.)

Parulida
s.f. Medicina O mesmo que parúlia.

Parulide
s.f. Medicina O mesmo que parúlia.

Parusia
s.f. Teologia Volta gloriosa do Cristo no fim dos tempos, para o Juízo Final. (Var.: parusia.)

Parvalhao
s.m. Grande parvo.

Parvalhice
s.f. Ação ou dito de parvo.

Parvenu
s.m. (pal. fr.) Pessoa que foi elevada acima de sua condição sem ter sabido aprender as maneiras que conviriam ao seu novo meio.

Parvo
adj. Pequeno. / Tolo, idiota. / Fátuo. / &151; S.m. Indivíduo atoleimado, idiota.

Parvoice
s.f. Ação ou dito de parvo; qualidade ou estado de parvo.

Parvulez
s.f. Puerícia; idade infantil; puerilidade. / Parvoíce.

Parvulo
s.m. Criança, menino. / &151; Adj. Dimin. de parvo; pequenino.

Pascacice
s.f. Qualidade de pascácio; ato ou dito de pascácio.

Pascacio
adj. e s.m. Lorpa, tolo, pacóvio, simplório.

Pascal
s.m. Unidade de pressão no Sistema Internacional de Unidades. &151; Seu símbolo é Pa. O pascal é também denominado newton por metro quadrado. É a pressão exercida por uma força constante e igual a 1 newton, uniformemente distribuída sobre uma superfície plana de área igual a 1m2, perpendicular à direção da força. Se uma força de 30 newtons age sobre uma área de 5m2, a pressão exercida é igual a seis pascais. Entre outras unidades de pressão incluem-se quilopascal, equivalente a mil pascais, e bar, igual a 100 mil pascais. A denominação pascal é homenagem ao cientista e filósofo Blaise Pascal.

Pascal-segundo
s.m. Unidade de medida de viscosidade dinâmica. (Símb.: Pa.s.)

Pascentar
v.t. e v.pr. O mesmo que apascentar.

Pascer
v.t. Pastar. / Deliciar, dar prazer a. / &151; V.i.. e v.pr. Apascentar-se. / Comprazer-se. / Nutrir-se, alimentar-se.

Pascoa
s.f. Festa anual dos judeus em comemoração da saída do Egito. / Festa anual da Igreja cristã comemorativa da Ressurreição de Jesus Cristo. / Comunhão coletiva. (A festividade da Páscoa foi fixada pelo Concílio de Nicéia [325 d.C.], no primeiro domingo após a lua cheia que se seguir ou anteceder o dia 21 de março. Sua data mais próxima é então a de 21 de março. Se a lua cheia cai a 20 de março, a seguinte será então a 18 de abril [29 dias após]. Se este dia for um domingo, a Páscoa será a 25 de abril. Assim, a festa da Páscoa oscila entre 22 de março e 25 de abril, e de sua data dependem as datas de todas as outras festas móveis:

Pascoela
s.f. Domingo que se segue ao da Páscoa. / Semana seguinte à semana santa.

Pasigrafia
s.f. Sistema de escrita que se propõe ser universal. / Sistema de abreviaturas taquigráficas.

Pasmaceira
s.f. Marasmo. / Pasmo, imbecil, embasbacamento.

Pasmado
adj. Admirado, surpreendido / Espantado.

Pasmar
v.t. e v.i. Causar pasmo ou admiração a. / Ficar estupefato.

Pasmo
s.m. Espanto; assombro. / &151; Adj. Pasmado, assombrado, espantado.

Pasmoso
adj. Que causa pasmo. / Admirável, prodigioso.

Paso doble
(loc. esp.)

Paspalhao
adj. e s.m. Tolo, parvo.

Pasquim
s.m. Jornal difamador. / Sátira, panfleto, libelo.

Pasquinada
s.f. Difamação escrita em pasquim.

Pasquineiro
s.m. Autor de pasquins; difamador.

Passa
s.f. Fruta curada ou seca ao sol, e especialmente a uva.

Passa-culpas
adj. e s.m. e s.f., sing. e pl. Que ou quem desculpa facilmente; indulgente.

Passa-pe
s.m. Dança viva e ligeira, em três tempos.

Passa-piolho
s.m. Pop. Talhe de barba de uma orelha a outra, por baixo do queixo.

Passacale
s.f. Dança lenta em três tempos, que, em geral, comporta uma série de variações.

Passada
s.f. Passo, movimento dos pés para andar. / Escancha. / Antiga medida de quatro palmos. / &151; S.f.pl. Diligências, esforços.

Passadeira
s.f. Pessoa que passa a ferro as roupas de uso. / Estabelecimento onde as roupas são passadas a ferro por processo mecânico. / Larga tira de tecido grosso que se estende, a modo de tapete, sobre escadas ou sobre o assoalho, para por ela se passar. / Arco da espada que prende a argola ao talim. / Série de degraus em telhado para evitar quebra de telhas quando se passa. / Vaso de cobre para transposição de melado nos engenhos. / Militar Instrumento para medir o calibre das balas de artilharia. / Náutica Cabo náutico de três cordões de linho.

Passadico
s.m. Passagem, corredor de comunicação. / Náutica Ponte de comando, exclusiva do comandante, do oficial de quarto e do timoneiro. / &151; Adj. Transitório, passageiro.

Passadismo
s.m. Culto do passado.

Passadista
adj. Relativo ao passado, ao passadismo. / &151; s.m. e s.f. Adepto do passadismo.

Passado
adj. Referente a um tempo já findo. / Diz-se de uma coisa que o tempo fez envelhecer, ou deteriorou. / &151; S.m. O tempo de outrora. / Gramática Pretérito, forma verbal que situa a ação num tempo anterior ao momento em que se fala. / Fig. Desapontado, atordoado.

Passador
s.m. Tira de couro por onde passa a ponta de uma correia, depois de enfiada na fivela dos arreios. / Anel de couro ou de metal enfiado num cinto e destinado a manter presa a extremidade livre do cinto já preso na fivela. / Anel de pano costurado na parte superior das calças, dentro do qual passa o cinto. / Filtro; coador. / Instrumento com crivo, próprio para espremer batatas cozidas. / Pregador de metal, tartaruga ou matéria plástica, usado para prender o cabelo. / Náutica Ferro ou pau pontiagudo, de que se servem os marinheiros, para dar passagem aos cordões dos cabos, onde são feitas costuras. / Rolo para passar tinta nas formas de impressão. // Bras.

Passageiro
adj. Que passa; transitório, efêmero. / &151; S.m. Pessoa que usa um meio de transporte.

Passagem
s.f. Ato de passar. / Lugar por onde se passa. / Travessia. / Quantia que se paga por uma viagem em qualquer veículo. / Bilhete ou comprovante desse pagamento. / Direito de passar pela propriedade de outro. (V. SERVIDÃO.) / Nas grandes cidades, galeria coberta por onde passam transeuntes. / Transição, mudança. / Lugar, trecho de uma obra que se cita ou se indica; passo. // &151; loc. adv. De passagem, por alto, incidentalmente. // Passagem de nível, lugar em que uma via férrea é cortada por um caminho, uma estrada, no mesmo nível.

Passal
s.m. Porção de terra cultivada, anexa à residência do pároco ou prelado, e que faz parte dos seus rendimentos. (Antigamente era um terreno de trinta passos.)

Passamanaria
s.f. Comércio, fábrica de passamanes. / Obra de passamanes.

Passamane
s.m. Fita de tecido ou renda com fio de ouro, seda etc., com que se ornam os móveis, tapeçarias, estofos, roupas etc.; passamanaria.

Passamaneiro
s.m. Pessoa que faz ou vende passamanes, galões etc.

Passamento
s.m. Morte; a agonia da morte.

Passante
s.m. e s.f. Pessoa que vai passando; transeunte.

Passaporte
s.m. Documento concedido aos viajantes por uma autoridade administrativa nacional a fim de certificar sua identidade perante autoridades estrangeiras. // Pedir, receber seu passaporte, solicitar ou encontrar-se (um embaixador, um diplomata) em situação de partida imposta pelas circunstâncias, em caso de dificuldades diplomáticas.

Passar
v.t. Ir de um lugar a outro. / Ir através. / Dirigir-se, apresentar-se. / Fig. Afastar-se, cessar, desaparecer. / Mudar de posição, elevar-se: passou a capitão. / Circular: passar de boca em boca. / Introduzir-se: esta palavra passou para a nossa língua. / Ser transmitido: o poder passou para os membros do novo governo. / Mudar de modo, de trabalho etc.: passar da brincadeira ao sério. / Ludologia Abster-se de jogar quando chega sua vez. / Ser representado, falando-se de uma peça de teatro, de um filme cinematográfico. / Ultrapassar. / Gír. escol. Ser aprovado (em exame, prova). // Passar pela cabeça, vir à mente, ocorrer. // Deixar passar, tolerar, admitir: deixar passar os erros. // Passar por, ser reputado como. / Sofrer um aborrecimento, uma dor, uma desagradável necessidade. // Passar a ferro, alisar a roupa a ferro. // Passar pelas armas, fuzilar. // Passar o tempo, empregá-lo em alguma coisa. / &151; v.pr. Escoar-se: o tempo se passou. / Ocorrer, acontecer.

Passareira
s.f. O mesmo que aviário.

Passarela
s.f. Passagem elevada para pedestres. / Pequena ponte, em geral estreita, destinada a desfile de manequins em exibição de modas, ou de candidatas a concursos de beleza. / Náutica Superestrutura mais elevada de um navio, na qual ficam certos membros de uma equipagem. / Ponte leve colocada entre um barco acostado e o cais de acostamento. / Teatro e Cin. Suporte dos projetores.

Passarinha
s.f. Baço de animal. / Bras. Pop. As partes pudendas da mulher. // Bater a passarinha a alguém, vir-lhe desejo ou palpite de alguma coisa (us. de preferência em frases negativas).

Passarinhar
v.t. Caçar pássaros. / Vadiar. / Espantar-se, assustar-se (em se tratando de cavalo). / Mover (o cavalo) a cabeça de um lado para o outro, a fim de impedir que lhe coloquem o freio ou que lhe toquem nas orelhas.

Passarinheiro
s.m. Caçador de pássaros. / Criador ou vendedor de pássaros. / &151; Adj. Relativo ao cavalo dado a passarinhar.

Passarinho
s.m. Dimin. de pássaro. / Casta de uva do Minho. / Árvore silvestre de flores vermelhas e amarelas. // Ver passarinho verde, mostrar alegria fora de propósito.

Passariuva
s.f. Árvore brasileira da família das leguminosas, comum no Amazonas, no Pará e ao longo da faixa litorânea, e que fornece madeira pesada, utilizada na construção civil etc. O mesmo que taxi.

Passaro
s.m. Pequena ave. (V. PASSARINHO.) / Designação comum às aves da ordem dos passeriformes.

Passaro-da-morte
s.m. O mesmo que mocho.

Passarola
s.f. Ave grande. / Denominação que se deu ao balão inventado pelo padre Bartolomeu de Gusmão.

Passatempo
s.m. Ocupação ligeira e agradável; entretenimento, divertimento; hobby.

Passavante
s.m. Passarela metálica de um petroleiro que liga os castelos de proa e de popa e a duneta ao castelo central. / Arauto da casa real.

Passavel
adj. Que é de qualidade mais ou menos aceitável.

Passe
s.m. Autorização para uma pessoa ou coisa passar ou ser passada. / O documento que contém essa autorização. / Bilhete ou assinatura de trânsito em empresa de transporte coletivo. / Desp. No futebol e outros esportes, ação pela qual um jogador passa a bola a outro. / Valor estipulado (em dinheiro) para a cessão de um esportista profissional de um clube a outro. / Esgr. Lance em que se avança sobre o contendor, fazendo passar o pé esquerdo adiante do outro. / Espirit. Ato de uma pessoa passar as mãos ao longo do corpo de outra, com o propósito de atuar sobre ela com fluidos mediúnicos, magnéticos etc. / Mecânica Trabalho executado por uma ferramenta sobre uma máquina em um só ciclo mecânico. / Tauromaquia Ação de passar o touro à capa. // Passe de mágica, lance de prestidigitação; fig. Ação que parece não ter explicação lógica.

Passe-partout
s.m. (pal. fr.) Parte das molduras de quadros feita de papelão grosso, tecido etc., que se coloca entre os caixilhos e a tela. / Pequena peça destinada a ajustar ou fazer adaptarem-se duas outras de calibres ou medidas diferentes, como agulhas a seringas de injeção, tomadas elétricas etc.

Passeador
adj. e s.m. Que ou quem passeia muito, que gosta de passear.

Passear
v.t e i. Levar a passeio. / Percorrer em passeio; percorrer certa extensão para fazer exercício ou por distração. / Viajar por divertimento. / Sair para divertir-se.

Passeata
s.f. Pequeno passeio. / Bras. Marcha coletiva realizada como manifestação pública de alegria ou de reivindicação cívica ou classista.

Passeio
s.m. Ação de passear. / Lugar onde se passeia; praça, largo, jardim etc., destinados ao passeio. / Parte lateral das ruas destinada ao trânsito de pedestres; calçada.

Passeriformes
s.m.pl. Zoologia Ordem de aves, de pequeno ou médio tamanho, na sua maior parte canoras, que constroem os ninhos muitas vezes com perfeição. (Compreende mais de 12.000 espécies; seu tipo é o pardal.)

Passerina
s.f. Pequeno pássaro da América, de penas de cores variadas, que pode ser criado em cativeiro.

Passiflora
s.f. Gênero de plantas da América tropical e da Ásia, que deve seu nome à forma de suas flores, cujos órgãos representam os instrumentos da Paixão (coroa de espinhos, pregos, martelo etc.).

Passifloraceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas dicotiledôneas dialipétalas, que tem por tipo o gênero Passiflora (entre elas, o maracujá).

Passim
(pal. lat.)

Passional
adj. Que concerne às paixões, e particularmente ao amor, ou que dele depende.

Passionario
s.m. Livro que contém a Paixão de Jesus, os cantos litúrgicos da semana santa. / Antigo livro que relata os sofrimentos dos mártires.

Passionista
s.m. e s.f. Membro de uma congregação de missionários, com sede em Roma, fundada em 1720 por São Paulo da Cruz, para conversão dos protestantes.

Passista
s.m. e s.f. Bras. Pessoa que faz o passo no carnaval. / (RJ) Indivíduo que dança o samba do partido-alto. / Diz-se da cavalgadura que só marcha a passo.

Passiva
adj. e s.f. Gramática Diz-se da, ou a voz (aspecto) do verbo em que o sujeito é o paciente e não o agente da ação.

Passivar
v.t. Gramática Dar a um verbo a forma ou significação passiva; apassivar. / Fig. Tornar indiferente.

Passivel
adj. Que está sujeito a sofrer certos efeitos. / Sujeito a penas e sanções.

Passividade
s.f. Natureza, estado do que é passivo.

Passivo
adj. Que sofre ou recebe uma ação sem reagir a ela. / Não atuante, inerte, que não participa. // Gramática Voz passiva, forma verbal que apresenta o sujeito da oração como paciente, e não como agente. // Resistência passiva, a que consiste em opor ao adversário a força da inércia. // Defesa passiva, a que é organizada pela população civil contra bombardeios, ataques aéreos etc. /

Passo
s.m. Movimento que faz um homem ou animal, levando um pé adiante do outro. / Movimento que o dançarino executa com os pés. / Fragmento de um bailado interpretado por um ou diversos dançarinos. / A andadura mais lenta do cavalo. / Trecho de um autor ou obra citada. / Passagem estreita e difícil. / Estreito. / Distância que separa duas espiras consecutivas de uma hélice ou dois filetes consecutivos de um parafuso, medidos paralelamente a seu eixo de rotação. // A passo de cágado, muito lentamente. // Dar um mau passo, cometer uma falta. / Marcar passo, não progredir. // Caminhar a passo de gigante, fazer progressos rápidos. // Passo de arma, na Idade Média, exercício de torneio que consistia na defesa de um passo, ou passagem. // Mecânica Passo de um parafuso, distância medida sobre uma geratriz entre duas interseções da espiral da porca ou do parafuso. // Passo de engrenagem, distância compreendida entre os planos que medeiam dois dentes consecutivos de um pinhão ou de uma roda dentada. // Passo de tiro, em um campo de tiro, colocação de cada atirador. // Sala dos passos perdidos, sala de um palácio de Justiça que precede as salas de sessão. // &151; loc. adv. Passo a passo, aos poucos, vagarosamente. //

Pasta
s.f. Substância de consistência semi-sólida, plástica, untuosa ao tato, que se obtém pela mistura de matérias sólidas e líquidas. / Pomada, creme. / Massa de tintas que o pintor prepara na paleta para aplicar na tela. / Porção de metal fundido e ainda por trabalhar. / Bolsa achatada, em geral de couro ou plástico, onde se carregam livros, papéis, documentos. / Conjunto das atribuições de um ministro de Estado; o próprio cargo de ministro. / Mineralogia Nas rochas microlíticas, substância que envolve os cristais, feita de micrólitos misturados em matéria vitrosa. // Pasta 007, maleta achatada e rígida, usada para transportar especialmente documentos; attaché-case.

Pastagem
s.f. Lugar onde o gado pasta; erva própria para alimentar o gado; pasto.

Pastar
v.i. Apascentar, pascer. / Roer, comer a erva não ceifada, que ainda está presa na terra (falando-se de animais).

Pastel
s.m. Massa de farinha de trigo frita ou cozida no forno e recheada de carne, camarão, galinha, queijo etc. / Tipografia Defeito de composição tipográfica, consistente na mistura de tipos. / Pintura Técnica de pintura feita com um bastão de massa constituída de água gomada, talco e pó de várias cores. &151; Seu colorido é suave e durável. Os pastéis podem ser feitos com maior rapidez do que as pinturas a óleo ou aquarela, mas mancham com facilidade e devem ser conservados sob vidro. Pastel é também o nome dos bastões com os quais se fazem essas pinturas. Podem ser usados com a ponta, para obter-se um traço fino, ou com o lado, para fazer um traço espesso. Os bastões de carvão são usados principalmente para desenhar rostos ou figuras humanas.

Pastel-dos-tintureiros
s.m. Planta da família das crucíferas, de que se extrai uma tinta azul.

Pastelao
s.m. Pastel grande; empadão./ Bras. (S) Indivíduo moleirão; pamonha. / Bras. Comédia em que predominam cenas de tropelias, em que se exploram motivos de riso fácil e de gosto discutível; comédia de chanchadas.

Pastelaria
s.f. Pasta ou massa trabalhada, ornamentada de formas diversas e assada. / P. ext. Pastéis, tortas, empadas, massas cozidas em geral. / Loja, mercadoria do pasteleiro.

Pasteleiro
s.m. Pessoa que faz ou vende pastelaria.

Pastelista
s.m. e s.f. Artista que desenha com pastel.

Pasteurella
s.f. Gênero de bactérias patogênicas, agentes das pasteureloses.

Pasteurelose
s.f. Infecção devida a bactérias do gênero Pasteurella (p. ex., septicemia hemorrágica, pseudotuberculose, peste etc.).

Pasteuriano
adj. Que tem ligação com Pasteur, com seus processos.

Pasteurizacao
s.f. Operação que consiste em levar a uma temperatura de 75&186;C a 85&186;C certas substâncias alimentares facilmente fermentáveis (leite, cerveja), para matar os micróbios sem lhes alterar o gosto nem lhes destruir as vitaminas.

Pasteurizar
v.t. Operar a pasteurização de. // Leite pasteurizado, leite que foi desembaraçado, pelo calor, de todos os germes patogênicos e da maior parte dos germes comuns.

Pastichador
s.m. Pessoa que faz pastiches.

Pastichar
v.t. Imitar servilmente o estilo, a maneira de.

Pastiche
s.m. Obra literária, artística, em que se imita grosseiramente o estilo de outros escritores, pintores, músicos etc. (Var.: pasticho.)

Pastificio
s.m. Bras. (SP) Fábrica de massas alimentícias.

Pastilha
s.f. Pasta de açúcar aromatizado, de chocolate etc., de formato geralmente redondo. / Preparação medicamentosa análoga. / Pequena peça de cimento e areia, vitrificada ou não, com que se recobrem, total ou parcialmente, as paredes de edifícios, ou de suas dependências (cozinhas, banheiros, varandas, terraços), como substituto do azulejo. // Em microeletrônica, fração de lâmina de semicondutor, de cerca de 1,5 x 1,5 mm, que pode conter desde um único dispositivo funcional até um microprocessador ou uma unidade de memória.

Pastinha
s.f. Dimin. de pasta. / Bras. Penteado em que uma pequena pasta de cabelo é puxada para a testa.

Pasto
s.m. Pastagem. / Alimento de gado. / Comida. / Terra cuja vegetação é aproveitada como alimento por bois, cavalos, ovelhas e outros animais. &151; Geralmente, esse alimento natural custa menos ao fazendeiro do que as rações de feno, trigo e outros grãos. Em regiões onde as pastagens são abundantes, os animais podem obter toda a alimentação de que necessitam no próprio pasto. No entanto, não resta dúvida de que os animais desenvolvem-se melhor quando alimentados, além do pasto natural, com comida mais rica e balanceada.

Pastor
s.m. Guardador de rebanho, zagal: as ovelhas e seu pastor. / Bras. (RS) Garanhão, cavalo reprodutor, / Ministro da religião protestante. / Fig. Cura de almas, pároco. // Bom pastor, Jesus Cristo. / &151; Adj. Campestre: os pobres pastores. / &151; Adj. e s.m. Diz-se de, ou uma raça de cães usados na guarda de rebanhos: cão pastor; pastor alemão. (Ver também ilustr. cães.) // Pastor alemão, Cão que é muitas vezes chamado de policial alemão, porque muitos deles são treinados para o trabalho policial. Alcança cerca de 60cm de altura, e pesa de 25 a 40kg. Lembra um lobo pela forma, maneira de andar e cor, e tem orelhas eretas e focinho longo e delgado. A cor desses cães varia do preto e bronzeado ao branco. Foram criados em primeiro lugar na Alemanha como guardas do exterior das casas. São inteligentes, vigilantes, fiéis e de boa índole. A fêmea é usada muitas vezes como cão de guia para cegos.

Pastorado
s.m. Dignidade de pastor. / Sua duração.

Pastoral
s.f. Poesia idílica, em regra dialogada, sobre assunto pastoril. / Peça de música que tem por tema a vida campestre. / Carta-circular dirigida por um bispo aos padres e aos fiéis de sua diocese.

Pastorear
v.t. Levar a pastar, vigiar (o gado) no pasto. (Sin.: apascentar, pascentar, pascer.)

Pastoreavel
adj. Que pode ser usado como pasto.

Pastoreio
s.m. Indústria pastoril. / Bras. (RS) Lugar onde se pastoreia o gado. / O gado que se pastoreia.

Pastorela
s.f. Gênero de cantiga medieval de origem obscura, que floresceu largamente no norte da França, donde migrou para o ocidente da península Ibérica. (É uma disputa entre uma pastora cantadeira e seu cavaleiro bem-amado.)

Pastoril
adj. Que concerne a pastor; próprio de pastor. / Que diz respeito à vida de pastor. / Fig. Rústico; campesino, bucólico. / &151; S.m. Bras. (NE) Folguedo popular que se representa, entre o Natal e a festa de Reis, em tablado ao ar livre, onde aparecem, além de uma personagem masculina jocosa, o Velho, algumas figuras femininas que dançam, as pastoras ou pastorinhas. // Literatura Gênero pastoril (ou bucólico), o que trata de cenas da vida pastoril (compreende o idílio e a égloga.)

Pastoso
adj. Em estado de pasta; viscoso, xaroposo. // Voz pastosa, voz arrastada e pouco clara, como se a boca estivesse cheia de saliva espessa. // Fusão pastosa, passagem progressiva do estado sólido ao estado líquido, que se produz no caso do vidro.

Pastrano
adj. e s.m. Que ou aquele que é rústico, grosseiro.

Pata
s.f. A fêmea do pato. / Pé do animal. / Pop. Pé grande. // Meter a pata, cometer uma gafe; intrometer-se.

Pataca
s.f. Bras. Moeda antiga de prata, que valia 320 réis. / Dinheiro, riqueza. // Coisa de meia pataca, coisa sem valor, sem importância; ninharia.

Patacao
s.m. Nome dado a várias moedas portuguesas antigas. / Bras. Antiga moeda de prata. / Relógio de bolso, muito grande; cebolão. / Fig. Bobo, tolo, parvo, idiota.

Patacho
s.m. Embarcação mercante, ligeira, de dois mastros.

Pataco
s.m. V. PATACÃO. / Fig. Homem estúpido, lorpa.

Patacoada
s.f. Jactância ridícula; impostura; disparate. / Bras. Léria, mentira.

Patacudo
adj. Endinheirado, rico.

Patada
s.f. Pancada dada com a pata; pancada com o pé. / Fig. Grosseria; ingratidão.

Patagio
s.m. Membrana que liga os flancos às patas, permitindo a diversos mamíferos e répteis planar de árvore em árvore: o patágio dos morcegos.

Patamar
s.m. Espaço mais ou menos largo à entrada da porta principal. / Espaço existente no topo de uma escada, ou entre os diferentes lanços de uma escadaria.

Patamaz
adj. e s.m. Pop. Que ou aquele que afeta santidade para iludir alguém; santarrão, beato falso.

Pataqueiro
adj. Diz-se do jogo em que os parceiros só arriscam pouco dinheiro. / Muito barato, reles, popular. / &151; S.m. Indivíduo rico. / Ator reles.

Patarata
s.f. Ostentação ridícula; mentira jactanciosa. / &151; s.m. e s.f. Pessoa que diz pataratas; pessoa tola, afetada, pretensiosa, fútil.

Pataratear
v.i. Dizer pataratas; bazofiar.

Patarras
s.m. Náutica Calabre grosso que segura os mastros ao costado do navio.

Patativa
s.f. Bras. Pássaro fringilídeo, de cor cinzenta e canto muito apreciado. / Fig. Cantor de voz maviosa. / Fig. Indivíduo falador.

Patau
s.m. Homem simplório, parvo, ignorante.

Patavina
adj. Pop. Coisa nenhuma, nada.

Patchuli
s.m. Planta aromática da família das labiadas, da Ásia e da Oceania, que se põe nas vestimentas de lã para afastar os insetos. / Óleo castanho empregado em perfumaria, que possui um odor rico, picante, silvestre. &151; Os fabricantes de perfume adicionam patchuli aos perfumes devido à sua fragrância duradoura. O óleo provém de folhas do vegetal patchuli. As folhas são amassadas, fermentadas parcialmente e secas. Uma corrente de vapor passa através delas e remove o óleo. O patchuli é produzido na Indonésia, na Maláisia, em Madagascar e em outros países.

Patchwork
s.m. (pal. ing.) Coberta feita com retalhos de tecido de cores e padronagens diferentes, cosidos uns aos outros. / Tecido cuja padronagem imita uma tal reunião de retalhos. / Fig. Qualquer conjunto formado de elementos heterogêneos ou disparatados.

Pate
s.m. Pasta que envolve carnes, peixes e recheios, tudo cozido juntamente. / Pasta de fígado de aves, especialmente de ganso, mas também de porco e outros animais.

Pateada
s.f. Ação de patear.

Patear
v.t. Manifestar reprovação batendo com os pés. / &151; V.i. Bater com as patas; bater com os pés no chão.

Patego
(ê)

Patela
s.f. Antig. rom. Prato de argila ou metal, no qual se apresentavam todas as espécies de iguarias. / Zoologia. Molusco comestível de concha cônica, muito abundante nos rochedos, e que surge na maré baixa. / Anatomia. Rótula, osso do joelho.

Patelha
s.f. Náutica Parte inferior do leme, e parte da quilha sobre a qual ele se move.

Patena
s.f. Liturgia Prato sagrado, de forma redonda, que serve para cobrir o cálice e receber a hóstia.

Patente
adj. O que se patenteia, que é evidente. / &151; S.f. Documento de concessão de um título, posto ou privilégio; esse posto ou privilégio. / Com. Título de registro de invenção, de marca de fábrica, de nome de produtos comerciais e industriais. / Contribuição que os membros mais antigos de uma corporação fazem pagar os que nela ingressam.

Patentear
v.t. Conceder ou registrar patente de invenção. / Tornar patente, evidente, exibir, demonstrar.

Pater-familias
s.m. Chefe de família, dono de casa, na Roma antiga. / Ironic. Pai autoritário. (Pl.: patres-famílias.)

Patera
s.f. Espécie de taça usada nos sacrifícios antigos.

Paternal
adj. Que lembra a proteção e o carinho de pai.

Paternalismo
s.m. Doutrina segundo a qual as relações entre patrões e empregados devem ser regidas pelas regras da vida familiar, cabendo aos primeiros decidir autoritariamente o que aos segundos convém. / Tendência para a proteção, para a tolerância; favoritismo, nepotismo.

Paternalista
adj. Que possui os caracteres do paternalismo. / &151; s.m. e s.f. Adepto do paternalismo.

Paternidade
s.f. Estado, qualidade de pai. / Relação jurídica entre pais e filhos. (Distingue-se a paternidade legítima, em que os filhos procedem de uma união entre pai e mãe, da paternidade adotiva, em que o filho é adotado.) / Fig. Criação, autoria.

Paterno
adj. Que é próprio do pai. / Do lado do pai. / Relativo à casa onde nascemos. / Fig. Relativo à pátria.

Patesca
(ê)

Pateta
adj. e s.m. e s.f. Que ou quem não tem finura de espírito; tolo(a), bobo(a), pacóvio(a), boboca.

Patetice
s.f. Dito ou ato de pateta; tolice.

Patetico
adj. e s.m. Que comove fortemente. / Anatomia. Diz-se de um dos músculos motores do olho.

Pathos
s.m. (pal. gr.) Tipo de experiência humana, ou sua representação em arte, que evoca dó, compaixão ou uma simpatia compassiva no espectador ou leitor: o páthos de "Os Retirantes" de Portinari. (Cf. patos.)

Patibular
adj. Relativo a patíbulo. / Com aspecto de criminoso, de malfeitor.

Patibulo
s.m. Cadafalso, forca; o estrado da forca, guilhotina etc.

Patifaria
s.f. Ação de patife; maroteira; sem-vergonhice.

Patife
adj. e s.m. Que ou aquele que tem procedimento desonesto e aproveitador; velhaco, maroto, biltre, bandido, desavergonhado, sem-vergonha, mau-caráter.

Patim
s.m. Calçado próprio para patinar, guarnecido nas solas de uma lâmina de metal para deslizar no gelo, ou de rodas para rolar em pavimentos lisos (cimento, madeira etc.). / Ferrov. Base de um trilho que repousa sobre os dormentes. / Elemento rígido, articulado, da largada de um veículo. / Parte de uma peça de máquina ou de um maquinismo destinado a deslizar sobre uma superfície, seja para servir de apoio a um conjunto em movimento (direção), seja para absorver a força em excesso (frenagem).

Patina
s.f. Carbonato de cobre que se forma nas estátuas e medalhas ou moedas de cobre antigas, constituindo uma camada geralmente verde ou esverdeada. / Concreções que se formam na superfície dos outros metais, do mármore, madeira etc., após longa exposição. / Oxidação das tintas pela ação do tempo e sua gradual transformação pela luz.

Patinacao
s.f. Ação de patinar; patinagem. // Quadra de patinação, local preparado para esse tipo de esporte.

Patinador
s.m. Pessoa que patina.

Patinagem
s.f. Ato de patinar; patinação. / Rotação, sem impulsionar, das rodas motrizes de um veículo, em conseqüência de aderência insuficiente. // Patinagem artística, exibição composta de figuras imóveis ou em movimento, de saltos acrobáticos e de dança, apresentada em competição ou em espetáculo.

Patinar
v.t. Produzir artificialmente a pátina. / &151; V.i. Cobrir-se de pátina.

Patinete
s.f. Veículo infantil que consiste numa tábua montada em duas rodas e munida de haste de direção.

Patinhar
v.i. Bater na água com os pés ou com as mãos. / Caminhar em água lodosa. / Escorregar. / Fig. Embaraçar-se em seu raciocínio, perder o fio do pensamento. / Diz-se de um veículo de tração mecânica, quando as rodas giram sem que ele se movimente.

Patio
s.m. Recinto descoberto ao lado ou no interior dos edifícios. / Recinto descoberto rodeado por edifícios. / Local junto às estações ferroviárias onde as locomotivas fazem manobras, ao formarem as composições. / Aula de latim ou belas-artes, nos antigos conventos de jesuítas. // Pátio de manobra, conjunto das zonas de um aeródromo ou aeroporto nas quais os aviões podem evoluir, tais como pistas, pistas de rolamento e áreas de estacionamento.

Patioba
s.f. Espécie de palmeira, também chamada pati. / Serpente venenosa.

Pativel
adj. Que se pode sofrer; tolerável.

Pato
s.m. Nome comum às aves anseriformes da família dos anatídeos, de hábitos aquáticos, voadoras, e migradoras quando no estado selvagem. (Caracteriza-se pelo bico chato e espatulado, guarnecido de lamelas.) / Fig. Indivíduo que, por ingenuidade, se deixa explorar. // Pagar o pato, pagar, ou sofrer as conseqüências por coisas que não fez.

Pato-silvestre
s.m. Ave palmípede que vive nas áreas com bosques.

Patoa
s.m. Cada um dos dialetos franceses (picardo, normando etc.). / P. ext. Dialeto de qualquer idioma. (Aport. do fr. patois.)

Patofisiologia
s.f. O mesmo que fisiopatologia.

Patofobia
s.f. Receio mórbido de contrair doença.

Patogenese
s.f. O mesmo que patogenesia e patogenia.

Patogenesia
s.f. O mesmo que patogenia e patogênese.

Patogenia
s.f. Exame e pesquisa do mecanismo pelo qual os agentes mórbidos provocam as doenças. O mesmo que patogênese, patogenesia.

Patogenico
adj. O mesmo que patógeno.

Patogeno
adj. Que provoca doenças. O mesmo que patogênico.

Patognomonico
adj. Diz-se dos sintomas próprios de cada moléstia e cuja identificação permite um diagnóstico certo.

Patola
s.f. A pata preênsil dos caranguejos, siris etc. / Náutica Peça larga de ferro, em que se entala um dos fuzis da âncora.

Patologia
s.f. Ciência das causas e dos sintomas das doenças.

Patologico
/mórbido, relacionado com uma doença determinada (pop)

Patologista
adj. e s.m. e s.f. Médico que se ocupa especialmente da patologia.

Patota
s.f. Bras. O mesmo que batota. / Bras. Gír. Grupo de vadios.

Patoteiro
adj. e s.m. Bras. Diz-se de, ou indivíduo que faz patotas; batoteiro.

Patranha
s.m. Mentira manifesta; história ou narração mentirosa.

Patranheiro
adj. e s.m. Que ou aquele que diz patranhas.

Patrao
s.m. O empregador. / Chefe de uma empresa industrial ou comercial. / O que comanda uma embarcação pequena.

Patria
s.m. País onde se nasceu ou a que vem a pertencer como cidadão. / Estado, província ou cidade onde se nasceu. / Conjunto das pessoas que, em comunhão de idéias e de interesses, se associaram para formar uma nação, seja esta organizada ou não em Estado independente.

Patriarca
s.m. Nome dado ao pai ou chefe de uma família ou tribo na Antiguidade. &151; Abraão, Isaac e Jacó foram patriarcas da nação hebraica. Mais tarde, o presidente do sinédrio, o alto conselho administrativo dos judeus, detinha o título de patriarca.

Patriarcado
s.m. Dignidade, funções de patriarca, na Igreja do Oriente. / Território submetido à jurisdição de um patriarca. / Sociologia Tipo familial caracterizado pela preponderância do pai sobre todos os demais membros da tribo.

Patriarcal
adj. Relativo a patriarca. / P. ext. Venerando, respeitável; conselheiral; bondoso. / Sociologia Diz-se de um tipo de família que floresceu outrora, na qual se concentrava no chefe ou patriarca, de autoridade absoluta, toda a instituição social do tempo.

Patriarcalismo
s.m. Caráter da vida patriarcal; influência social dos patriarcas.

Patriarcalista
adj. e s.m. e s.f. Relativo ao patriarcalismo. / O que é adepto ou simpatizante do patriarcalismo.

Patricia
Nome Latim - Significado: Da pátria.

Patriciado
s.m. Dignidade de patrício; estado ou condição de famílias patrícias. / Alta dignidade, não hereditária, que os imperadores romanos concediam, durante o Baixo Império, a cidadãos ou mesmo a reis bárbaros.

Patricio
adj. Nobre, elegante, distinto. /

Patrilinear
adj. Etnol. Diz-se de uma forma de filiação pela qual só conta o parentesco paterno.

Patrimonial
adj. Relativo ao patrimônio. / Que é do patrimônio.

Patrimonio
s.m. Bem que vem do pai e da mãe. / Conjunto dos bens, direitos e obrigações de uma pessoa jurídica. / Fig. O que é considerado como herança comum.

Patrio
adj. Pertencente ou relativo à pátria. / Relativo ou pertencente ao pai ou aos pais. / Paterno.

Patriota
adj. e s.m. e s.f. Pessoa que ama sua pátria, que se esforça por ser-lhe útil.

Patriotada
s.f. Bras. Pejor. Alarde de patriotismo; patriotice. / Rebelião infrutífera. / Grande número de patriotas.

Patrioteiro
adj. e s.m. Pejor. Aquele que alardeia patriotismo.

Patriotice
s.f. Pejor. Patriotismo. / Falso patriotismo. / Mania patriótica; patriotada.

Patriotico
adj. Relativo ao patriotismo.

Patriotismo
s.m. Amor à pátria.

Patristica
s.f. O mesmo que patrologia.

Patroa
s.f. Mulher do patrão. / Dona de casa. / Ama (em relação a criados). / Pop. Esposa.

Patrocinador
adj. e s.m. Que ou aquele que patrocina. / Firma comercial que custeia programas de rádio, televisão, espetáculos, disputas desportivas etc., para efeito de propaganda de seus produtos.

Patrocinadora
s.f. Fem. de patrocinador. / Senhora que dirige uma obra de benemerência.

Patrocinar
v.t. Dar proteção ou apoio a alguém, ou a alguma coisa. / Dar patrocínio.

Patrocinio
s.m. Proteção, auxílio, apoio. / Custeio de um programa de rádio, televisão etc., de um espetáculo ou de uma disputa esportiva.

Patrologia
s.f. Conhecimento da vida e das obras dos Padres da Igreja. / Coleção dos seus escritos: a patrologia de Migne. (Coleção dos textos dos Padres publicada por Jacques Paul Migne, em 1857, sob o nome de Patrologiae cursus completus, series graeca, e Patrologiae cursus completus, series latine, 1844-1886.) (Sin. patrística.)

Patrona
s.f. Padroeira, protetora. / Maleta de couro que os soldados usavam para levar cartuchos; cartucheira.

Patronal
adj. Relativo a patrão.

Patronato
s.m. Patrocínio. / Autoridade de patrão. / Proteção concedida por pessoa poderosa a um inferior. / Sociedade oficial ou privada que tem por fim readaptar à vida social os ex-condenados ou liberados condicionais. / Organização destinada a zelar pela infância abandonada. / Local onde essas sociedades têm sede.

Patronear
v.t. Servir como patrono. / Dirigir como patrão; proteger, patrocinar. / &151; V.i. Tomar ares de patrão; falar em tom de patrão.

Patronimico
adj. Relativo a pai, especialmente ao nome do pai ou a nomes de família. / &151; S.m. Sobrenome derivado do nome do pai. / Designação de cada um dos nomes que exprimem filiação ou descendência. (Rodrigues, filho de Rodrigo, é um patronímico.) / Nome de família ou dinastia (por opos. a prenome): Afonsinos, dinastia port. dos Afonsos, e Antoninos, dinastia romana, são exemplos de patronímicos. (V. PÁTRIO e GENTÍLICO.)

Patronimo
s.m. Nome patronímico, nome de família (por opos. a prenome.)

Patrono
s.m. Protetor, defensor, padroeiro. / Advogado, em relação a seus clientes.

Patrulha
s.f. Missão de ronda ou de reconhecimento da posição do inimigo, confiada a uma pequena formação de soldados, de aviões ou de navios. / A própria formação. (V. RADIOPATRULHA.) // Patrulha ideológica, grupo de pressão que cobra posições morais ou ação de alguém ou de outro grupo.

Patrulhamento
s.m. Ronda ou reconhecimento da posição do inimigo; patrulha. / Fig. Cobrança de posições morais ou de ação; exigência ou pressão para que algo se faça ou se cumpra segundo as expectativas; policiamento.

Patrulhar
v.i. Desempenhar a missão de patrulha; rondar, vigiar.

Patrulheiro
s.m. Soldado, avião ou navio que faz parte de uma patrulha.

Pattern
s.m. (pal. ing.) Modelo específico que representa de forma simplificada a estrutura de um fenômeno humano (sociológico, lingüístico, psicológico etc.). / Padrão.

Patua
s.m. Bras. Cesto de palha; balaio. / Bentinho, amuleto.

Patudo
adj. Que tem patas grandes. / Que tem penas nas patas.

Patureba
s.m. Bras. Bagre seco e salgado; (RS) mulato-velho. / Produto do cruzamento de pato com marreca; paturi. / (NE) Indivíduo simplório, atoleimado.

Paturi
s.m. Bras. Produto do cruzamento de pato com marreca, também chamado patureba.

Patuscada
s.f. Pop. Reunião de várias pessoas que estão comendo e bebendo alegremente; folgança, festança, pândega.

Patuscar
v.i. Andar em patuscadas; pandegar.

Patusco
adj. e s.m. Amigo de patuscadas; pândego, brincalhão. / Cômico, ridículo; extravagante.

Pau
s.m. Qualquer madeira; pedaço de madeira, lenha, lenho, acha. / Cajado, cacete, bordão. / Vara, ripa, viga. / Chul. Pênis. / Chifre, corno. / Bras. Pop. Cruzeiro: cigarro de dez paus. / Bras. (NE) Qualquer árvore cujo nome se desconhece. / Nome dado a várias peças cilíndricas de madeira. / Náutica Nome dado a muitas peças de madeira que fazem parte do aparelho do navio. / Pedaço de certas substâncias duras, geralmente sob a forma de cilindro (pau de canela) ou de paralelepípedo; barra (pau de chocolate). // Bras. (Amazônia) Pau à-toa, designação dada pelos caboclos aos vegetais cujos nomes desconhecem. // Bras. (NE) Pau com formiga, situação embaraçosa, coisa difícil. // Pop. Abrir nos paus, fugir, correr. // Bras. Levar pau, ir ao pau, ser reprovado nos exames. // Bras. Meter o pau em, espancar, surrar; fig. falar mal de, censurar; esbanjar, dissipar. // Mostrar com quantos paus se faz uma canoa ou uma jangada, aplicar um corretivo, dar uma lição. // Bandeira a meio pau, a que se hasteia a meia altura do mastro, em sinal de luto. // Dar por paus e por pedras, praticar desatinos, delirar. // Ser pau pra toda obra, prestar-se a tudo, servir para tudo. // Roncar ou comer o pau, haver pancadaria, barulho. / &151; Adj. inv. Bras. Diz-se de uma coisa maçante, cacete, embaraçosa: criou-se uma situação muito pau. // &151; loc. adv. Bras. Pau a pau, em igualdade de condições (numa competição, numa aposta etc.), renhidamente.

Pau-a-pique
s.m. Parede feita de ripas ou varas entrecruzadas, e barro; taipa. / Bras. (NE) Cerca ou curral feito de esteios fortes fincados a curta distância uns dos outros.

Pau-de-amarrar-egua
s.m. Bras. Indivíduo desmoralizado, que não inspira respeito, que a tudo se presta.

Pau-de-arara
s.m. Pau em que, no interior do país, se transportam penduradas pelos pés araras e outras aves. / Método de tortura, que consiste em amarrar os pulsos aos tornozelos da vítima e suspendê-la de uma vara ou cano de ferro que passa sob as articulações do joelho e cujas extremidades se apóiam nas bordas de duas mesas ou no espaldar de duas cadeiras. / Caminhão para transporte de emigrantes nordestinos, com varas longitudinais sobre as quais se estende uma lona como cobertura. / O emigrante que viaja nesses caminhões. // &151; s.m. e s.f. Depr. e Ironic. Nordestino.

Pau-de-cabeleira
s.m. Bras. Pessoa que serve de intermediário entre namorados; alcoviteiro. / Acompanhante de namorados.

Pau-de-sebo
s.m. Bras. Planta euforbiácea. / Mastro comprido e untado de sebo, que se ergue em festas de arraial, com prêmios no topo, para os que conseguirem escalá-lo; o mesmo que mastro de cocanha. (V. COCANHA.)

Pau-de-virar-tripa
s.m. Vara comprida com que se viram as tripas dos animais para as secar. / Pop. Magricela.

Pau-mandado
s.m. Indivíduo que faz tudo o que lhe mandam.

Pau-marfim
s.m. Planta da família das rutáceas, dos Estados meridionais do Brasil, e cuja madeira, de fibras muito finas e superfície levemente lustrosa, é muito apreciada para a fabricação de móveis, tacos de bilhar, revestimentos internos etc.

Paul
s.m. Pântano.

Paula
Nome Latim - Significado: Pequena.

Paulada
s.f. Pancada com pau, cacetada.

Paulatino
adj. Que é feito devagar, pouco a pouco. / Vagaroso, moroso.

Pauliceia
s.f. Designação dada à cidade de São Paulo, capital do Estado do mesmo nome. (Us. com maiúscula.)

Pauliciano
s.m. Membro de uma seita maniqueísta originada na Armênia (séc. VII-X), que pretendia reconduzir o cristianismo à simplicidade evangélica. / Dialeto falado na Bulgária e na Hungria pelos descendentes de paulicianos.

Paulificacao
s.f. Bras. Ação de paulificar; caceteação, chateação, amolação.

Paulificante
adj. Bras. Que paulifica; cacete, maçante, importuno.

Paulificar
v.t. Amolar, aborrecer, cacetear, chatear.

Paulina
s.f. Breve de excomunhão cominatória. / Fig. Praga.

Paulinismo
s.m. Doutrina de São Paulo.

Paulino
adj. Relativo a São Paulo. / &151; S.m. Partidário da doutrina de São Paulo.

Paulista
adj. e s.m. e s.f. Natural ou habitante do Estado de São Paulo. / &151; S.m. Religioso da Ordem de São Paulo. / Membro da companhia missionária de padres fundada em Nova York (1858) pelo padre Isaac Hecker. / &151; S.f. Carne dura de rês, entre a chã-de-dentro e a chã-de-fora. / &151; Adj. Que se refere ao Estado de São Paulo, pertencente a ele, ou dele originário.

Paulo
Nome Latim - Significado: Pequeno.

Paulovnia
s.f. Árvore originária do Extremo Oriente, de flores malvas, perfumadas, às vezes plantadas nos parques ou ao longo das ruas. (Alt.: até 15 m; as folhas podem medir 30 cm de comp.; família das escrofulariáceas.)

Pauperismo
s.m. Miséria, pobreza extrema.

Paus
s.m.pl. Naipe (de baralho) que tem a forma de um trevo negro.

Pausa
s.f. Suspensão, parada momentânea de uma ação. / Vagar, descanso. / Silêncio mais ou menos longo que se produz na cadeia falada depois de cada grupo fônico, no interior ou no fim de um enunciado. / Música Figura que indica uma duração de silêncio entre os sons.

Pausado
adj. Que é feito com pausa; lento; moderado; cadenciado.

Pausar
v.t. Pousar; demorar; repousar. / &151; V.i. Fazer pausa. / Descansar.

Pauta
s.f. Conjunto das linhas horizontais e paralelas impressas em papel em que se vai escrever. / Música Traçado de cinco linhas horizontais e paralelas onde se escrevem as notas e sinais de música; pentagrama musical. / Lista, relação. / Direito Relação das datas e dos feitos que hão de ser julgados por um juiz ou tribunal. // Pauta aduaneira, lista dos produtos que estão sujeitos a pagar taxa de importação. // &151; loc. adv. Em pauta, em discussão, na ordem do dia.

Pautado
adj. Riscado em pautas. / Posto em pauta, relacionado. / Moderado, metódico. / Guiado, regulado.

Pautar
v.t. Traçar linhas retas e paralelas, riscar em pautas. / Modelar; regular. / Pôr em pauta ou rol; relacionar.

Pavana
s.f. Antiga dança espanhola, nobre e lenta, de ritmo binário e quaternário, que, depois, passou para a música instrumental.

Pavao
s.m. Ave galiforme da família dos fusianídeos, originária da Ásia meridional, de plumagem magnífica nos machos, cujas penas da cauda podem ser abertas em leque. / Fig. Homem vaidoso, orgulhoso. // Enfeitar-se com penas de pavão, fazer parecer como seus méritos alheios; pavonear-se.

Paveia
s.f. O mesmo que gavela.

Paves
s.m. Grande escudo. / Bandeira; galhardete. / Marinha Parte do casco acima da ponte. // Grande pavês, conjunto de todos os pavilhões de um navio, içados da frente para trás, em sinal de festa. // Pequeno pavês, conjunto de pavilhões içados por um navio mercante para fim de identificação.

Pavia
s.f. Pêssego cuja polpa adere ao caroço.

Pavido
adj. Cheio de pavor; medroso, assustado; assombrado.

Pavilhao
s.m. Pequena construção isolada, casa situada em um parque, em um jardim. / Parte da construção situada seja na extremidade, seja no centro de um edifício, do qual se distingue. / Anatomia. Lâmina cartilaginosa recoberta de pele (pregueada e fixa no homem, móvel entre muitos mamíferos), onde se abre o conduto auditivo. / Extremidade escavada de um instrumento de sopro. / Estofo com que se recobre o cibório ou o tabernáculo. / Pequena bandeira utilizada para indicar a nacionalidade de um navio, para designar uma companhia de navegação, ou para sinalizar. // Anatomia. Pavilhão da trompa, extremidade alargada da trompa de Falópio. // Abaixar o pavilhão, ceder, reconhecer sua inferioridade. // Mostrar o (seu) pavilhão, em um combate naval, revelar sua nacionalidade, içando o pavilhão nacional.

Pavimentacao
s.f. Ação de pavimentar. / Revestimento do chão de uma estrada ou rua.

Pavimentar
v.t. Cobrir de revestimento o solo de uma rua, de uma estrada etc.

Pavimento
s.m. Recobrimento do chão de uma rua, estrada ou das partes de uma construção, por onde se anda. / O chão. / Cada um dos andares de um edifício.

Pavimentoso
adj. Histologia Diz-se do epitélio formado de células chatas.

Pavio
s.m. Torcida de algodão, envolvida em cera (das velas) ou embebida em líquido combustível (dos lampiões), a que se ateia fogo para iluminação. // De fio a pavio, de uma extremidade a outra, por completo.

Pavloviano
adj. Que concerne às experiências de Pavlov e de seus continuadores.

Pavoa
s.f. Fêmea do pavão.

Pavoneamento
s.m. Ato ou efeito de pavonear-se. / Jactância, vanglória, ostentação, soberba, prosápia.

Pavonear-se
v.pr. Adotar atitude vaidosa e enfatuada; ostentar, enfeitar-se, exibir-se (como um pavão com o leque aberto).

Pavor
s.m. Sensação provocada por medo violento; terror. / Grande susto; assombro.

Pavoroso
adj. Que apavora, medonho. / Horroroso, que inspira repulsa e indignação. / Horrível, monstruoso, espantoso.

Pavuna
s.f. Bras. (S) Vale profundo e escarpado.

Paxa
s.m. Governador de província em alguns países muçulmanos. / Bras. Fam. Indivíduo que leva vida faustosa, indivíduo poderoso e rico. / Pop. Homem que tem várias amantes.

Paz
s.f. Harmonia, concórdia. / Sossego, tranqüilidade. / Calma, repouso. / Estado de não-beligerância. // Paz armada, paz que se sustenta pelo temor que os inimigos têm um do outro. // Fazer as pazes, reconciliar-se.

Pc
s.m. (sigla do ing. personal computer) Computador individual, de capacidade relativamente reduzida.

Pe
s.m. Parte terminal do membro inferior que assenta no chão; pata (falando-se de animais). (O esqueleto do pé compreende o tarso [com sete ossos: astrálago, calcâneo, escafóide, cubóide e três cuneiformes], o metatarso [com cinco ossos: os metatarsianos] e as falanges [em número de três para cada dedo, exceto o grande dedo que só possui duas falanges].) / Base, parte inferior de diversos objetos que sobre ele descansam o seu peso: pé de mesa. / Parte do tronco ou do caule de um vegetal que mais se aproxima do solo; o próprio vegetal: dez pés de roseiras. / Parte da cama oposta à cabeceira. / Cada uma das unidades que compõem um par de sapatos, de meias. / Cada uma das unidades métricas do verso quantitativo: verso de seis pés. / Metrologia Unidade de comprimento divisível em doze polegadas, de extensão variável conforme o país. (No Brasil, atribuiu-se ao pé a dimensão de 0,3248 m.) / Versif. Linha de texto poético na literatura oral dos cantadores brasileiros; o mesmo que verso na terminologia tradicional. / Zoologia Órgão rastejador musculoso e mole dos moluscos. // &151; loc. adv. Pé ante pé, devagar, cautelosamente.

Pe-de-altar
s.m. Provento resultante, para um religioso, das contribuições relativas ao casamento, a um batizado, às cerimônias fúnebres etc.

Pe-de-atleta
s.m. Bras. Denominação popular dada a certo tipo de micose que se localiza nos pés. O mesmo que frieira.

Pe-de-boi
s.m. Pop. Pessoa aferrada a alguma coisa ou a alguma idéia. / Aquele que se apega ao dever, ao trabalho, e que não falta. / Burguês; reacionário; inimigo de inovações. / Botânica. O mesmo que bauínia.

Pe-de-cabra
s.m. Alavanca de ferro, de dimensões variáveis, com uma das extremidades fendida como um pé de cabra. / Bras. Pop. O diabo.

Pe-de-chumbo
s.m. Botânica. Nome popular de uma planta labiada também denominada cardeal-do-brasil. / Pop. Apelido dado, em outro tempo, aos portugueses e, posteriormente, aos imigrantes italianos.

Pe-de-galinha
s.m. Pop. Denominação dada às rugas da face, principalmente às que se localizam nos cantos dos olhos. / Bras. Nome comum a várias gramíneas, que apresentam na inflorescência distribuição semelhante à de um pé de galinha. / Náutica A extremidade do cabo que se divide em duas ou mais pernas. / Barra de ferro em forma de V, que liga a verga à forquilha da chapa do cabo dos mastros.

Pe-de-lobo
s.m. O mesmo que licopódio.

Pe-de-meia
s.m. Pecúlio; economia; mealheiro.

Pe-de-moleque
s.m. Bras. Doce feito com massa de açúcar preto e pedaços de amendoim. / Calçamento de pedra irregular. / Bras. (N) Bolo feito de farinha de mandioca.

Pe-de-vento
s.m. Ventania súbita. / Tufão. / Vento forte. / Fig. Pessoa estabanada, espalhafatosa, que se movimenta continuamente.

Pe-direito
s.m. Arquitetura. A distância ou altura que vai do chão ao teto. / Pilar sobre o qual assenta um arco, uma abóbada, uma armação de madeira.

Pe-frio
s.m. Bras. Pop. Indivíduo de má sorte, azarado, capaz de atrair infelicidade para os outros.

Pe-rapado
s.m. Bras. Indivíduo de baixa condição social; pessoa humilde; pessoa a que não se dá muita importância.

Pea
s.m. Hino em honra de Apolo. / Canto de guerra, de vitória, de festa.

Peaca
s.f. Correia que serve para prender o boi à canga. O mesmo que peia.

Peanha
s.f. Arquitetura. Pequeno pedestal de base redonda ou quadrada, e que serve de suporte a um busto; soco, supedâneo.

Peanho
s.m. Quilha; a parte inferior de um navio.

Peao
s.m. Nome dado ao trabalhador rural nas estâncias gaúchas. / Náutica Peça de ferro num mastro para encaixe da verga do traquete ou da vela grande. / Peça de menor importância no xadrez.

Pear
v.t. Prender com peias. / Fig. Embaraçar; impor obstáculos.

Pebrina
s.f. Doença dos bichos-da-seda, que se manifesta por pequenas manchas pretas semelhantes a grãos de pólvora na pele da lagarta.

Peca
s.m. Botânica. Árvore juglandácea. / Zoologia Nome comum da mata do Canadá.

Pecadilho
s.m. Falta leve, pecadinho.

Pecado
s.m. Religião Transgressão da lei de Deus ou dos mandamentos da Igreja.

Pecador
adj. e s.m. Que ou aquele que comete pecados. / Inclinado ao pecado.

Pecaminoso
adj. Que tem a natureza do pecado. / Cheio de pecados. / Que procede ou resulta da prática do pecado.

Pecar
v.i. Cometer um pecado. / Fig. Faltar a uma regra moral, a um dever social.

Pecari
s.m. Porco selvagem da América.

Pecha
s.f. Vício, defeito, balda.

Pechada
s.f. Bras. Choque de dois cavaleiros que correm em direções opostas. / Esbarro; encontrão. / Fig. Pedido de dinheiro; facada.

Pechblenda
s.f. Óxido de urânio natural, o mais importante dos minerais de urânio (40 a 90%), do qual se extrai também o rádio. (Sin.: uraninita.)

Pechincha
s.f. Lucro inesperado, ganho. / Coisa que se compra por preço ínfimo. / Bom negócio.

Pechinchar
v.t. Lucrar inesperadamente e sem o merecer. / Apanhar; alcançar; obter alguma coisa. / &151; V.i. Obter vantagem com que não se conta. / Bras. Fam. Pedir insistentemente redução de preço.

Pechincheiro
adj. e s.m. Que ou aquele que procura ou alcança pechinchas. / Amigo de pechinchar.

Pechisbeque
s.m. Liga de cobre e zinco, da cor de ouro, que pode enganosamente ser tomada por esse precioso metal. / Objeto de ouro falso. / Fig. Coisa de pouco valor.

Pecilotermo
adj. e s.m. (Animal) cuja temperatura varia com a do meio (répteis, peixes etc.); heterotermo (por opos. a homotermo.)

Peciolado
adj. Ligado por um pecíolo.

Peciolar
adj. Botânica. Relativo ao pecíolo; peciolado.

Peciolo
s.m. Botânica. Parte estreita que liga o limbo de uma folha ao caule ou haste, perto do qual se alarga muitas vezes em uma bainha.

Peco
(ê)

Peconha
s.f. Excreção venenosa ou corrosiva de certos animais e de alguns insetos, usada geralmente como arma de defesa. / Fig. Maldade, malícia. / Veneno em geral.

Peconhento
adj. Que tem peçonha; venenoso.

Pecora
s.f. Mulher de má vida; prostituta, meretriz.

Pecten
s.m. Anatomia. Osso do púbis.

Pectico
adj. Diz-se de uma substância orgânica contida nas membranas vegetais.

Pectina
s.f. Substância orgânica contida nas membranas celulares vegetais, e utilizada na fabricação de doces e geléias de frutas.

Pectineo
adj. Que tem a forma de pécten, ou de pente. / Relativo ao púbis. / &151; Adj. e s.m. Diz-se do, ou o músculo da parte superior e interna da coxa.

Pecuaria
s.f. Que diz respeito à criação e ao tratamento do gado.

Pecuario
s.m. O mesmo que pecuarista; criador de gado. / &151; Adj. Relativo ao gado em geral.

Pecuarista
s.m. e s.f. Bras. O mesmo que pecuário; criador de gado. / Aquele que entende de gado em geral.

Peculatario
s.m. Funcionário acusado de crime de peculato.

Peculato
s.m. Figura delituosa prevista no Código Penal, que consiste em furto ou apropriação de bens ou valores públicos.

Peculiar
adj. Que é próprio de alguém ou de alguma coisa; que constitui atributo característico de alguém ou de alguma coisa. / Relativo a pecúlio.

Peculiaridade
s.f. Qualidade do que é peculiar.

Peculio
s.m. Dinheiro acumulado por economia; bens. / Reserva de dinheiro constituída por uma pessoa em benefício de outra ou de si mesma.

Pecuniario
adj. Relativo a dinheiro.

Pecunioso
adj. Rico; que tem muita pecúnia, isto é, muito dinheiro; endinheirado.

Pedaco
s.m. Parte separada de um todo. / Bocado; fragmento de extensão considerável; naco. / Trecho. / Pop. Mulher bonita, de formas provocantes. // Pedaço de asno, grande asno, imbecil. //

Pedagio
s.m. Taxa que se paga para transitar em uma estrada, ponte etc.

Pedagogia
s.f. Teoria da educação e da instrução; estudo dos ideais da educação segundo determinada concepção de vida, e dos processos e técnicas mais eficientes para realizá-los.

Pedagogicamente
adv. Do ponto de vista pedagógico.

Pedagogico
adj. Relativo à pedagogia.

Pedagogismo
s.m. Sistema próprio dos pedagogos. / Aplicação sistemática e intransigente das doutrinas pedagógicas. / Fig. Pedantismo; dogmatismo.

Pedagogo
s.m. Profissional ou especialista em pedagogia; o que estuda e aplica a arte de educar.

Pedal
s.m. Mecanismo que permite obter com o pé um movimento de rotação ou um movimento alternativo de transmissão. / Ciclismo: os entusiastas do pedal. / Música Som abafado ou repetido, muitas vezes empregado no tom grave, e que pertence ou não aos acordes que se sucedem durante sua duração. // Teclado de pedais, conjunto de teclas de madeira (em número de 32 geralmente), colocado embaixo do consolo do órgão, que se abaixa com a ponta do pé ou com o calcanhar para que os tubos graves do órgão emitam sons.

Pedalar
v.t. Fazer mover os pedais de qualquer máquina. / &151; V.i. Andar de bicicleta.

Pedante
adj. e s.m. e s.f. Pessoa que faz alarde de si, de conhecimentos ou qualidades superiores aos que possui; afetado; pretensioso; pernóstico. / &151; Adj. Próprio do pedante.

Pedanteria
s.f. Pedantismo.

Pedantice
s.f. Pedantismo.

Pedantismo
s.m. Qualidade, modos de pedante. / Pretensão ridícula.

Pederasta
s.m. Que é dado à pederastia.

Pederastia
s.f. Práticas sexuais entre homens; homossexualismo masculino.

Pederneira
s.f. Pedra que se fere com o fuzil para produzir fogo. / Mineralogia Nome vulgar do sílex pirômaco. / Pedacinho dessa pedra que se punha nos fechos das armas antigas e que, sendo percutida pelo fuzil, produzia fogo que se comunicava à pólvora. &151; As pederneiras foram inicialmente usadas em mosquetes e depois em pistolas e fuzis. As armas de fogo com projéteis de percussão substituíram mais tarde as armas de pederneira. / &151; Adj. Diz-se de tudo que é duro e rijo. // &151; loc. adj. Fig. De pederneira, insensível, inexorável: coração de pederneira.

Pedestal
s.m. Suporte de pedra, metal, ou madeira, que sustenta uma estátua, coluna etc. / Fig. O que serve para elevar, para dignificar. // Pôr alguém num pedestal, testemunhar-lhe grande admiração; venerá-lo.

Pedestre
adj. e s.m. e s.f. Pessoa que anda a pé. / Diz-se da estátua que representa alguém de pé. / Fig. Rústico, rude: linguagem pedestre. / Bras. Ant. Soldado de polícia do Rio de Janeiro.

Pedestrianismo
s.m. Exercício que consiste em fazer grandes marchas a pé. / Disputa entre corredores ou andarilhos.

Pediatra
s.m. e f. Especialista em doenças de crianças.

Pediatria
s.f. Ramo da medicina dedicado ao tratamento de crianças. &151; Os médicos nele especializados são chamados pediatras. Fazem cursos que duram anos, para estudar particularmente as condições de saúde e as doenças das crianças. Contam, para isso, com sociedades de pediatria, hospitais infantis e publicações periódicas sobre essa especialidade.

Pediatrico
relativo à parte da medicina que trata das crianças (pop)

Pedicelado
adj. Botânica. Que tem pedicelo.

Pedicelario
s.m. Órgão preensor, minúsculo, com três dentes, dos equinodermos.

Pedicelo
s.m. Pequeno pedúnculo.

Pediculado
adj. Que tem pedículo.

Pedicular
adj. Relativo a piolho.

Pedicularia
s.f. Botânica. Planta de terrenos úmidos, da família das escrofulariáceas. (Sin.: erva-dos-piolhos.)

Pediculicida
adj. e s.m. (Agente) empregado para destruir pediculídeos (p. ex., piolhos).

Pediculideo
adj. e s.m. Relativo aos, ou espécime dos pediculídeos. // Pediculídeos, família de insetos da ordem dos anopluros. (São os piolhos da cabeça e corpo do homem.)

Pediculo
s.m. Haste própria de certas partes das plantas, e principalmente dos cogumelos. / Anatomia. Conjunto de artérias, veias e condutos que, grupados, se juntam a um órgão.

Pediculose
s.f. Contaminação por pediculídeos. / Conjunto de lesões cutâneas por eles provocadas.

Pedicuro
s.m. Especialista que trata das afecções epidérmicas do pé, extirpação de calos e desencravamento de unhas.

Pedida
s.f. Ant. O mesmo que pedido. / Licença para ceifar que o lavrador pede ao senhorio. / Diz-se da carta que um jogador pede em determinados jogos. / Bras. Pop. Aquilo que, sendo pedido ou sugerido, é considerado como excelente e oportuno. // Boa pedida, expressão para aprovar o que foi pedido.

Pedido
s.m. Solicitação; ato de pedir; encomenda. / Objeto ou assunto de uma petição. / Petição; rogo. / Solicitação formal de uma encomenda.

Pedigree
s.m. (pal. ing.) Genealogia de um animal de raça.

Pedinchao
adj. e s.m. Que ou aquele que pedincha; pidão.

Pedinchar
v.t. e v.i. Pedir muito, com freqüência, de modo importuno.

Pedinte
adj. Que pede. / &151; s.m. e s.f. Mendigo.

Pedioso
adj. Do pé: artéria pediosa.

Pedipalpos
s.m.pl. Zoologia Artrópodes aracnídeos que têm o palpo em forma de braços, e cujo exemplo mais comum é o escorpião. (Us. também como adj.)

Pedir
v.t. Rogar, solicitar, implorar. / Exigir, reclamar. // Pedir alguém em casamento, ou pedir a mão de alguém, solicitar ao pai (ou responsável) de uma moça permissão para desposá-la. // Pedir pelo amor de Deus, solicitar insistentemente, invocando a Deus. // Pedir soda, em linguagem popular esportiva, mostrar o contendor cansaço tal, que o leva a desistir da prova ou disputa.

Peditorio
s.m. Ato, ação de pedir, de implorar, geralmente em público e a muita gente. / Rogo ou súplica que se faz com insistência.

Pedodontia
s.f. Cuidados e tratamento dentário de crianças.

Pedodontista
adj. e s.m. e s.f. Relativo à pedodontia, ou dentista especializado em pedodontia.

Pedofilia
s.f. Atração sexual de um adulto por crianças.

Pedofilo
adj. Adulto que tem atração sexual por crianças.

Pedogenese
s.f. Modo de formação e de evolução dos solos.

Pedologia
s.f. Ciência que estuda os caracteres físicos, químicos e biológicos dos solos. (Sin.: edafologia.)

Pedologo
s.m. Especialista em pedologia.

Pedopsiquiatra
s.m. e s.f. Psiquiatra especializado em pedopsiquiatria.

Pedopsiquiatria
s.f. Psiquiatria de crianças e adolescentes.

Pedra
s.f. Corpo duro, sólido, da natureza da rocha, e que, em geral, serve para construção. / Calhau, seixo ou outro corpo sólido da mesma natureza. / Medicina Concreção que se forma em certos órgãos do corpo (bexiga, rins, vesícula biliar etc.); cálculo, litíase. / Dureza (semelhante à da pedra) que se encontra em alguns frutos. / Granizo. / Escol. Quadro-negro. / Peça nos jogos de tabuleiro (dama, gamão etc.). // Pedra de afiar ou amolar, arenito duro usado para afiar ferramentas cortantes; rebolo, esmeril. // Pedra de ara, pedra de altar. // Pedra angular ou pedra fundamental, marco inicial de uma construção, que é costume lançar-se solenemente, e que, em geral, encerra medalhas ou documentos comemorativos. / Fig. Base, fundamento. // Pedra britada, pedra quebrada, miúda (em geral do tamanho de um ovo de codorna [dita "pedra 1"] ou um pouco maior [dita "pedra 2"]). // Fig. Pedra de escândalo, pessoa ou coisa que é motivo de murmuração, de escândalo, de discórdia. // Pedra filosofal, substância procurada pelos alquimistas da Idade Média, e que, segundo criam, poderia transformar em ouro os metais vis, e curar ou remoçar o corpo humano; elixir; fig. coisa preciosa, milagrosa, mas difícil ou impossível de encontrar. // Pedra fina ou semipreciosa, gema não preciosa (como a ametista, a granada, a água-marinha, o topázio) usada em joalheria. // Pedra de fogo ou de isqueiro, sílex muito duro, que produz centelhas quando atritado; o mesmo que pederneira. // Pedra lascada, pedra polida, diz-se das épocas pré-históricas em que os instrumentos usados pelo homem eram constituídos por pedras apenas lascadas, ou já polidas. // Fig. No tempo da pedra lascada, tempo remoto, muito antigo. // Pedra litográfica, carbonato de cálcio, de porosidade finíssima, em que se pode gravar com tinta gorda um texto, ou desenho, para dele se tirarem várias cópias. // Pedra de mão, bloco de pedra (que se pode carregar com as mãos), usado em construção (geralmente alicerces). // Pedra preciosa, mineral duro, transparente ou translúcido, às vezes opaco, raro, de alto valor, e usado em joalheria e indústria. (Em muitos países, consideram-se como pedras preciosas apenas o diamante, a esmeralda, o rubi e a safira.) //

Pedra-ima
s.f. Ímã natural, magnetita.

Pedra-infernal
s.f. Nitrato de prata cristalizado, que serve para cautério.

Pedra-lipes
s.f. Nome vulgar do vitríolo azul; sulfato de cobre.

Pedra-pomes
s.f. Rocha vulcânica porosa, leve, muito dura, que serve para polir. &151; Tipo de vidro branco natural, que é um material valioso para limpar, esfregar e polir. Apresenta-se cheia de bolhas de ar, pois, na realidade, é uma espuma sólida. O vidro natural é formado quando a lava incandescente escorre de um vulcão e esfria rapidamente. Se a lava está cheia de gases vulcânicos, os gases escapam e transformam a lava em espuma.

Pedra-sabao
s.f. Variedade de esteatita. (A espécie mais conhecida no Brasil, sobretudo em Minas Gerais, também chamada saponito, é uma rocha de cor verde ou cinza-escura, formada essencialmente de talco e clorita, e muito macia. Constitui a matéria-prima da estatuária barroca [Aleijadinho e outros] e ainda hoje é usada na fabricação de certos utensílios domésticos [panelas, cinzeiros, estatuetas etc.].)

Pedra-ume
s.f. Sulfato de alumínio e potássio. / Botânica. Planta medicinal da família das mirtáceas.

Pedrada
s.f. Ato de arremessar uma pedra. / Pancada ou agressão com pedra. / Fig. Dito insultuoso; ofensa.

Pedral
adj. Relativo a pedra; pedregoso. / &151; S.m. Casta de figo.

Pedraria
s.f. Pedras preciosas e pedras finas utilizadas em joalheria.

Pedregoso
adj. Em que há muitas pedras.

Pedregulho
s.m. Pedra muito grande; penedo. / Bras. Grande quantidade de pedras miúdas. / Seixo, calhau.

Pedreira
s.f. Lugar rochoso, de onde se extraem pedras.

Pedreiro
s.m. Operário especializado que executa serviços de construção de pedra, areia, cal, tijolo etc., inclusive o revestimento das paredes; alvenel. / Ornitol. O mesmo que gavião.

Pedreiro-livre
s.m. Nome vulgar do maçom.

Pedres
adj. e s.m. e s.f. Que, pelo seu aspecto salpicado de preto e branco, lembra a cor da pedra. (Diz-se principalmente dos galináceos que apresentam essa cor: galinha pedrês.)

Pedro
Nome Grego - Significado: Rocha, pedra.

Pedro-botelho
s.m. Um dos nomes vulgares do diabo.

Pedroso
adj. Que apresenta constituição semelhante à da pedra; pétreo. / Que tem consistência igual à da pedra.

Pedunculado
adj. Que tem pedúnculo.

Pedunculo
s.m. Haste de uma flor ou de um fruto. / Anatomia. Cordão delgado que termina em um órgão.

Peeling
s.m. (pal. ing.) Intervenção dermatológica em que se faz a descamação da pele do rosto, para atenuar cicatrizes, lesões da acne etc.

Pega
(ê) s.f. Ave da família dos corvídeos. (Bastante grande [50 cm], de plumagem negra com reflexos metálicos, largas manchas brancas e longa cauda, faz no topo das árvores um grande ninho, para onde costuma levar objetos brilhantes.) / Designação imprópria das aves brasileiras da família dos icterídeos, conhecidas por soldado e encontro. / Nome de uma peça de bronze que se apóia sobre a parte da moenda das canas-de-açúcar. / Fig. Mulher que fala muito. / Náutica Peça chata de madeira, quadrada na parte superior, que cobre a cabeça do mastro para protegê-lo da chuva ou para sustentar um mastaréu. / &151; Adj. Diz-se do cavalo malhado de preto e branco.

Pega-fogo
s.m. Bras. (S) Baile muito animado; fandango campestre.

Pega-ladrao
s.m. Artifício que se coloca nos alfinetes de gravata, nos broches etc. com a finalidade de impedir que sejam roubados. / Dispositivo elétrico ajustado a portas, janelas ou móveis, para dar alarma em caso de roubo.

Pega-rapaz
s.m. Pop. Mecha de cabelos colada na testa em forma de vírgula.

Pegada
s.f. Vestígio de pé deixado no solo; rasto, sinal. // Ir nas pegadas, ir no encalço, perseguir.

Pegadilha
s.f. Discussão acalorada; desavença, altercação; peguilha.

Pegado
adj. Que está unido, colado a. / Junto, próximo, vizinho, contíguo.

Pegador
adj. e s.m. Tudo que pega ou agarra. / Utensílio de ferro que serve para arrumar o fogo ou para pegar as brasas do fogo. / Ictiologia Nome de um gênero de peixes malacopterígios, cujo tipo é a rêmora.

Pegajoso
adj. Que pega ou adere facilmente; glutinoso, pegadiço, viscoso. / Fig. Maçador, importuno.

Pegao
s.m. Grande pilar de alvenaria que serve de reforço à muralha de uma represa, à base de uma ponte, a pilastras de uma construção etc.

Pegar
v.t. Agarrar, segurar. / Fazer aderir; colar, grudar. / Comunicar por contágio ou contato; transmitir: ele me pegou a doença. / &151; V.i. Lançar raízes: a planta pegou. / Generalizar-se: a moda pegou. / Começar: pegou logo no trabalho. / Ser contíguo: esta sala pega com a outra. / Fam. Colar no fundo de um recipiente, durante o cozimento: o arroz pegou. / Pedir auxílio a: pegou-se com os santos. / Altercar: os dois pegaram-se feio. / Não dar motivo a crítica: não tem nada por que se lhe pegue. / Não prestar para nada: não tem por onde se lhe pegue. // Pegar no pesado, trabalhar. // Pegar no sono, adormecer. // Pegar fogo, incendiar-se. // Pop. Isso não pega, isso não convence.

Pegaso
s.m. Peixe com nadadeiras peitorais muito desenvolvidas, em forma de asas (daí o nome), e que vive no oceano Índico. (Compr.: 15 cm.)

Pegmatita
s.f. Variedade de granito, composto de quartzo, feldspato, mica, turmalina, usado em cerâmica.

Pego
s.m. Parte profunda de um rio, ou lago, onde não se pode tomar pé; perau, pélago. / Fig. Abismo, profundeza.

Peguilha
s.f. Começo de altercação, de desordem; pegadilha.

Peguilhar
v.i. Promover disputa; provocar. / Levantar dúvidas ou altercar por insignificâncias.

Pegureiro
s.m. Pastor; guardador de gado. / Bras. Cão de gado; cão de caça.

Peia
s.f. Dispositivo que segura os pés das bestas. / Fig. Obstáculo, estorvo, impedimento. / Bras. Correia, chicote. / &151; S.f.pl. Bras. (NE) Espécie de ligas de couro postas aos pés para subir em coqueiros.

Peidar
v.i. Chul. Emitir gás através do ânus.

Peido
s.m. Chul. Gás que sai através do ânus; traque.

Peidorrada
s.f. Chul. Série de peidos.

Peidorreiro
adj. e s.m. Chul. Que ou aquele que peida com muita freqüência.

Peignoir
s.m. (pal. fr.) Vestimenta leve que as mulheres usam em casa.

Peiote
s.m. Planta cactácea do México, cuja ingestão produz alucinações visuais.

Peita
s.f. Ant. Tributo a que estavam sujeitos os que não eram fidalgos. / Dádiva ou promessa feita a alguém com a intenção de subornar; suborno.

Peitar
v.t. Subornar. / Procurar corromper com peitas.

Peitica
s.f. Espécie de ave a que também se dá o nome de saci. / Pessoa impertinente, abusada. / Bras. (NE) Brincadeira de mau gosto, impertinência.

Peitilho
s.m. Peça do vestuário que cobre ou reveste o peito. // Peitilho da camisa, a parte da camisa que assenta sobre o peito.

Peito
s.m. Parte do tronco, entre o pescoço e o abdome, que contém os pulmões e o coração. / Seio da mulher. / Pulmões: doença do peito. / Parte que contém as costelas com a carne que as envolve: peito de peru. / Fig. Ânimo, valor, coragem. // Tomar a peito, empenhar-se. // Do peito, do íntimo da alma. // A peito, com decisão. // Bater nos peitos, arrepender-se. //

Peitoral
s.m. Peça guarnecida de pedras preciosas, que os faraós e os grandes sacerdotes dos judeus usavam sobre o peito. / Parte da armadura romana que protegia o peito. / Correia que cinge o peito do cavalo.

Peitoril
s.m. Travessa inferior dos marcos das janelas. / Parte superior de uma balaustrada, que fica à altura do peito e sobre a qual se pode debruçar.

Peitudo
adj. Que tem peitos salientes. / Pop. Valente.

Peixada
s.f. Prato feito com abundância de peixe e produtos do mar temperados. / Grande quantidade de peixe cozido.

Peixao
s.m. Peixe grande. / Pop. Mulher bonita, geralmente de formas avantajadas.

Peixaria
s.f. Estabelecimento onde se vende peixe.

Peixe
s.m. Animal vertebrado aquático, de corpo coberto de escamas, que se desloca na água, principalmente com a ajuda de nadadeiras, respira por guelras e cuja reprodução é ovípara. // Como um peixe na água, à vontade, no seu elemento. // Pregar aos peixes, falar em vão. // Não ser carne nem peixe, não ter opinião definida, não ser pró nem contra. // Pop. Nada ter com o peixe, não ter nada com a questão. // Vender o seu peixe, tratar dos seus interesses zelosamente. &151; Distinguem-se, na classe dos peixes, os acantopterígios, malacopterígios e osteodermos, com esqueleto ósseo, e os condropterígios, de esqueleto cartilaginoso.

Peixe-agulha
s.m. Nome comum a vários peixes escombrídeos, de forma alongada e cuja cabeça termina por um bico fino e pontiagudo.

Peixe-boi
s.m. Mamífero da ordem dos sirênios, família dos triquequídeos, de que há duas espécies, uma fluvial (que vive na Amazônia), e outra, marinha.

Peixe-boto
s.m. Mamífero cetáceo da família dos zifiídeos, que no verão aparece nas costas brasileiras. (Pode atingir 2,80 m de compr.)

Peixe-eletrico
s.m. Bras. O mesmo que poraquê.

Peixe-espada
s.m. Denominação dada a vários peixes escombrídeos que se caracterizam pela forma comprida e achatada do corpo, o que faz lembrar a lâmina de uma espada. (A espécie Xyphias gladius, a mais típica de todas, chega a medir 7 metros.) / Bras. Peixe ornamental. (O macho apresenta um prolongamento inferior da nadadeira caudal, em forma de espada.)

Peixe-espinho
s.m. Pequeno peixe marinho ou de água doce, que tem espinhos no dorso. (O peixe-espinho de água doce atinge 8 cm de compr., e o macho constrói no fundo um ninho onde vigia os ovos.)

Peixe-lixa
s.m. Nome comum aos peixes esqualos, cuja pele, muito áspera, se usa como lixa de madeira; é também chamado barroso ou simplesmente lixa.

Peixe-voador
s.m. Nome dado a várias espécies de peixes marínhos que realmente se projetam acima das águas, voando a grande distância.

Peixeira
s.f. Mulher que vende peixe. / Bras. (NE) Faca para cortar peixe; p. ext., faca muito comprida e afiada, que serve de arma. / Bras. (S) Travessa em que se serve peixe.

Peixeiro
s.m. Pessoa que vende peixe.

Pejado
adj. Cheio, pesado. / Envergonhado, que tem pejo. / Embaraçado. / Diz-se da mulher ou da fêmea dos animais quando estão grávidas.

Pejar
v.t. Encher, estorvar, embaraçar; ocupar totalmente sem deixar espaço. / &151; V.i. Tornar-se grávida (a mulher ou a fêmea de qualquer animal). / Bras. Parar de moer; deixar de moer, referindo-se a um engenho ou a um moinho. / &151; v.pr. Embaraçar-se, perturbar-se. / Envergonhar-se; corar de pejo, de vergonha.

Peji
s.m. No rito do candomblé, é o santuário onde são colocados os fetiches dos orixás e diante dos quais se colocam tijelas com a comida especial de cada um, ou outras oferendas. &151; O peji pode ser externo (sob árvores sagradas ou em casinholas) ou interno (armado no interior da casa do candomblé). A pessoa encarregada de olhar por ele recebe o título de pejigã e deve ser escolhida entre os ogãs (protetores ou patrocinadores) da casa.

Pejo
s.m. Pudor; vergonha; acanhamento.

Pejorativo
adj. Diz-se de palavra que adquiriu sentido torpe, humilhante, desagradável, ofensivo; depreciativo.

Pela
s.f. Bola, em particular a de borracha. / Jogo que consiste em atirar-se uma bola de borracha a um muro, com a mão, ou com raqueta.

Pelada
s.f. Futebol. Partida entre meninos ou rapazes descalços, jogada em terrenos baldios, ruas, praças ou praias. / P. ext. e Pej. Qualquer jogo de futebol pobre de técnica.

Pelado
adj. Sem pêlos, ou penas. / Glabro; calvo. / A que tiraram a pele. / Fig. Nu, despido. / Fig. Pobre, sem dinheiro.

Pelagem
s.f. Pêlo dos animais. / Ato de pelar, de tirar o pêlo a; tosquia.

Pelagianismo
s.m. Seita herética cristã defendida pelo monge Pelágio (360-425) que, essencialmente, consistia em uma posição antiagostiniana com relação à teoria da graça e da predestinação. (Considerando que a tese de Santo Agostinho sobre essas matérias se avizinhava por demais do maniqueísmo, sustentou que a graça está difusa na natureza e é um dos atributos do homem, que nasce sem pecado, embora os cometa no decorrer da sua existência. Condenado pelo Concílio de Éfeso, em 431, desapareceu como seita herética, vindo a surgir como objeto de discussão nas disputas teológicas no decorrer do séc. XVII.)

Pelagiano
adj. Relativo a Pelágio e à sua doutrina. / &151; S.m. Adepto dessa doutrina.

Pelagico
adj. Relativo ao mar. // Depósitos pelágicos, depósitos dos mares profundos.

Pelago
s.m. Mar profundo, longe das costas. / Abismo. / Fig. Imensidade; profundidade.

Pelagoscopia
s.f. Arte de examinar o fundo das águas.

Pelagra
s.f. Doença devida à carência de vitamina PP (ou B3), que se manifesta por lesões cutâneas e distúrbios digestivos e nervosos.

Pelagroso
adj. Que diz respeito à pelagra. / Que sofre de pelagra.

Pelame
s.m. Pelagem. / Operação em que se mergulham as peles em água e cal para lhes tirar o pêlo. / Coleção de peles; courama. / Pele dos animais.

Pelanca
s.f. Pele mole, caída. / Carne muito magra. / Bras. Gír. Repórter antigo no ofício; veterano.

Pelangana
s.f. Pelanca.

Pelar
v.t. Tirar o pêlo a. / Tirar a pele a; tirar a casca de um fruto ou de um legume. / Fig. Tirar os haveres a alguém, deixando-o sem nada. // Pelar-se por, gostar muito de: eu me pélo por um vinho.

Pelargonio
s.m. Planta de flores ornamentais, da família das geraniáceas; gerânio.

Pelaria
s.f. Coleção de peles, pelame. / Loja onde se vendem peles, peletaria.

Pelasgico
adj. Relativo aos pelasgos, primitivos habitantes da Grécia e da Itália.

Pele
s.f. Tecido que recobre o corpo do homem e dos animais. (Entre os vertebrados, a pele se compõe de uma epiderme, protetora por sua camada córnea e seus anexos, ou fâneros, e de um derma [muitas vezes desdobrado em uma hipoderme], que possui numerosas funções: tato, pelos corpúsculos táteis; excreção, pelas glândulas sudoríparas; regulação térmica, pelos vasos sangüíneos de diâmetro variável.) / Couro destacado do corpo do animal: pele de raposa. // Entrar na pele de, estar em lugar de outro. // Fam. Tirar a pele, explorar. // Vender caro a pele, defender-se vigorosamente antes de sucumbir.

Pele-vermelha
s.m. e s.f. Designação generalizada dos indígenas das tribos nativas da América do Norte, assim chamados por terem a pele acobreada e por se pintarem com matéria corante vermelha.

Peleador
s.m. Bras. (RS) Aquele que briga ou peleja (peleia) facilmente; brigão; turbulento.

Pelear
v.i. Bras. (RS) Pelejar, lutar, combater. / Pop. Insistir, teimar.

Pelega
s.f. Pop. Dinheiro em nota; nota bancária, geralmente de grande valor.

Pelegada
s.f. Bras. (S) Ajuntamento de homens rústicos, de trabalhadores do campo. / Pop. e Pej. Aqueles que, nos sindicatos de trabalhadores, agiam sob inspiração do Ministério do Trabalho ou de políticos ditos trabalhistas. / (RS) Grande quantidade de pelegos, isto é, de peles de carneiro preparadas.

Pelego
s.m. Bras. Pele de carneiro a que se deixa ainda aderente a lã. (Serve para tapete, ornamentação etc.) / (RS) Passo errado nas danças gaúchas. / Pop. e Pej. Denominação dada a membros de sindicatos que agiam sob inspiração do Ministério do Trabalho ou de políticos ditos trabalhistas. / Fig. Pessoa servil, dominada por outra; capacho.

Peleiro
s.m. Operário que prepara as peles. / Comerciante de peles.

Peleja
s.f. Luta, combate, briga. / Desentendimento, desavença.

Pelejador
adj. e s.m. Batalhador, lutador, combatente. / Desordeiro. / Aquele que trabalha esforçadamente, sem descanso, tendo em vista um objetivo certo.

Pelejar
v.i. Batalhar; combater; lutar. / Fig. Lutar por uma idéia, por um princípio, por uma doutrina, verbalmente ou por escrito. / Entrar em desacordo com alguém; oferecer-lhe oposição. / Bras. Insistir, teimar. / Pop. Trabalhar afanosamente.

Peleria
s.f. O mesmo que pelaria.

Pelerine
s.f. Pequeno manto de senhora que cobre apenas as costas e o peito. / Capa comprida e sem mangas que se põe sobre os ombros.

Peletaria
s.f. Bras. Loja onde se vendem peles.

Peleteiro
s.m. Pessoa que prepara, trabalha ou vende peles. O mesmo que peleiro.

Peleteria
s.f. Arte de preparar as peles com seu pêlo, para fazer peliças. /As próprias peles preparadas. / Comércio de peles.

Pelica
s.f. Peça de vestuário forrada ou guarnecida de peles finas e macias.

Pelicanideos
s.m.pl. Zoologia Família de aves palmípedes, que tem por tipo o pelicano. (Caracterizam-se por terem na parte exterior da base do bico um espaço privado de penas.)

Pelicano
s.m. Ave palmípede cujo bico possui uma bolsa ventral extensível, onde ficam armazenados os peixes destinados à alimentação dos filhotes: os pelicanos vivem nas regiões quentes.

Pelico
s.m. Roupa usada pelos pastores, geralmente feita de pele de carneiro. / Secundina.

Pelicula
s.f. Pele muito delgada. / Pele delgada que se destaca da pele, notadamente do couro cabeludo, produzindo uma descamação. / Fotografia. Folha celulósica delgada, coberta de um lado de gelatina sensibilizada, para receber a impressão da luz em um aparelho; filme: película cinematográfica. // Cinema. Película lavanda, película positiva de cor azul, que permite estabelecer negativos duplos.

Pelicula liquida
película líquida (pop)

Pelicular
adj. Botânica. Diz-se do perisperma que se apresenta em forma de lâmina delgada.

Pelintra
s.m. e s.f. Pessoa pobre e mal trajada, com pretensão a exibir-se e desejo de ostentação. / &151; Adj. Mal trajado e pretensioso. / Bras. Adamado; bem trajado.

Pelintrao
s.m. Homem maltrapilho, esfarrapado.

Pelintrice
s.f. Pop. Qualidade do que é pelintra. / Ato de mesquinharia ou sovinice.

Pellet
s.m. (pal. fr.) Comprimido medicamentoso destinado a ser introduzido sob a pele, onde é absorvido lentamente, o que permite ação prolongada.

Pelo
s.m. Fio delgado que cresce na pele de certos animais e dos homens. (Cada pêlo é provido, na raiz, de uma glândula sebácea.) / Coletivamente, todos os pêlos de um animal. / Botânica. Órgãos piliformes de certas plantas. // Em pêlo, completamente nu. // Ir ao pêlo (a alguém), bater-lhe. // Tirar o pêlo (a alguém), explorá-lo, despojá-lo de quanto tinha. // Vir a pêlo, vir a propósito.

Peloso
adj. Que tem pêlos; peludo.

Pelota
s.f. Pequena bola, em geral de borracha, para jogos infantis; bola de futebol. / Aparelho cirúrgico usado para compressões. / Almofada da funda herniária. / Almofada que serve para alisar o pêlo dos chapéus depois de engomados. // Pelota basca, jogo no qual o jogador lança a péla (bola) contra uma parede, com a mão ou com uma raqueta de madeira (pala), ou de palha (chistera).

Pelotao
s.m. Pequena unidade elementar constitutiva das organizações militares, em geral comandada por um tenente. // Pelotão de execução, grupo de soldados encarregados de fuzilar um condenado.

Pelote
s.m. Peça de vestuário antiga, de abas largas e grandes. // Em pelote, nu em pêlo.

Pelotica
s.f. Bolinha com que os prestidigitadores revelam suas habilidades. / Destreza manual própria dos prestidigitadores; prestidigitação. / Fig. Trapaça; confusão.

Pelotiqueiro
s.m. Aquele que faz peloticas. / Malabarista, prestidigitador.

Pelourinho
s.m. Coluna de pedra ou de madeira, utilizada antigamente para amarrar presos ou condenados e submetê-los à vergonha pública ou ao açoite. &151; Erguido na praça principal da cidade ou vila, em frente à Casa da Câmara, era às vezes instalado sobre alguns degraus para que ficasse bem exposto. No Brasil, foi muito usado para castigar escravos.

Pelouro
s.m. Coluna de pedra ou de madeira, utilizada antigamente para amarrar presos ou condenados e submetê-los à vergonha pública ou ao açoite. &151; Erguido na praça principal da cidade ou vila, em frente à Casa da Câmara, era às vezes instalado sobre alguns degraus para que ficasse bem exposto. No Brasil, foi muito usado para castigar escravos.

Pelouse
s.f. (pal. fr.) Gramado de onde se assiste às corridas no hipódromo.

Pelta
s.f. Entre os gregos antigos, pequeno escudo trácio, em forma de crescente.

Peltada
adj. Botânica. Diz-se de folha cujo pecíolo está o no limbo.

Pelucia
s.f. Tecido análogo ao veludo, que tem de um lado fios compridos, deitados, sedosos e brilhantes.

Peludo
adj. Coberto de pêlos. / Bras. Pop. Que tem muita sorte.

Pelugem
s.f. Conjunto de pêlos.

Peluginoso
adj. Que tem pelugem ou pêlos.

Pelve
s.f. Anatomia. Cavidade óssea da bacia. // Pelve renal, bacinete.

Pelvico
adj. Anatomia. Relativo à bacia. // Cintura pélvica, cintura formada, entre os mamíferos, pela soldadura de três pares de ossos: ílio, ísquio e púbis. // Nadadeiras pélvicas, nadadeiras abdominais dos peixes.

Pelviforme
adj. Que tem a forma de bacia, ou de taça.

Pena
s.f. Cada uma das peças que revestem o corpo das aves, composta de uma haste oca e de barbas (plumas). / Pequena peça de metal que se adapta à caneta para escrever; p. ext., a própria caneta. / Fig. O trabalho de escrita. / Parte espalmada da bigorna. / Extremidade superior de uma antena. // &151; loc. adv. Ao correr da pena, (escrito) com facilidade.

Penacho
s.m. Conjunto de penas em ramo com que se ornam chapéus, capacetes etc. / Crista. / Arquitetura. Parte triangular da abóbada que serve para sustentar a volta de uma cúpula. / Cilindro de lã que serve para limpar alguns instrumentos de sopro. / Fig. Algo de que alguém se orgulha.

Penada
s.f. Risco de pena. / A quantidade de tinta que a pena trazia consigo, cada vez que era mergulhada no tinteiro. / Opinião, voto, parecer. // De uma penada, (escrito) de maneira rápida, prontamente. // Dar uma penada por (alguém), intervir em favor de; fazer um pedido por.

Penado
adj. Padecente: alma penada.

Penal
adj. Relativo às infrações e às penas que podem atingir os delinqüentes.

Penalidade
s.f. Sanção, pena, castigo.

Penalista
s.m. e s.f. Especialista em direito penal; criminalista.

Penalizar
v.t. Causar pena, dó, piedade a. / &151; V.pr. Sentir pena.

Penalti
s.m. Futebol. Sanção aplicada a uma equipe por falta cometida dentro da área próxima ao gol, e que consiste em tiro livre direto ao gol, ficando na defesa apenas o goleiro. (A marca de pênalti fica a 11 m do gol.)

Penar
v.i. Padecer; sofrer pena ou dor. / Experimentar aflição ou sofrimento. / &151; V.t. Causar dor, sofrimento ou pena a alguém. / &151; V.pr. Afligir-se, contristar-se.

Penates
E LARES

Penca
s.f. Agrupamento de frutos e também de folhas. / Pop. Nariz grande. // Penca de filhos, uma porção de filhos. // Penca de chaves, uma porção de chaves, juntas na mesma argola. // Em penca, em grande quantidade.

Pence
s.m.pl. (pal. ingl.) Plural de penny. (V. PÊNI.)

Pendanga
s.f. Bras. O mesmo que pendenga. / Coisa que se usa a todo momento, para fins diferentes.

Pendant
s.m. (pal. fr.) Objeto de arte que se destina a figurar simetricamente com outro.

Pendao
s.m. Na Idade Média, flâmula usada por um gentil-homem no alto da lança, ao partir para a guerra. / Bandeira, estandarte, lábaro.

Pendencia
s.f. Qualidade ou condição daquilo que está pendente. / Rixa, briga, desentendimento; pendenga.

Pendenciar
v.i. Altercar; discutir; entrar em desacordo.

Pendenga
s.f. Bras. Desacordo, conflito, altercação, bate-boca. / Briga, rixa, contenda; disputa.

Pendente
adj. Que está suspenso, que pende. / Fig. Não decidido.

Pender
v.i.. e v.t. Estar suspenso ou pendurado. / Inclinar-se, descair. / Depender. / Ter propensão por, dar preferência.

Pendoado
adj. Que deitou pendão. (Diz-se do milho, quando começa a formar pendões de flores, mas também de qualquer vegetal em geral.)

Pendoar
v.i. Bras. Apendoar.

Pendor
s.m. Inclinação; declive. / Gosto acentuado para alguma coisa; vocação.

Pendula
s.f. Relógio de pêndulo.

Pendular
adj. Relativo a pêndulo.

Pendulo
s.m. Peça móvel, formada por um corpo pesado suspenso a um ponto fixo e que, sob a ação do próprio peso, realiza movimento isócrono de vaivém.

Pendura
s.f. Ação de pendurar. / Coisa pendurada. // Bras. Pop. Na pendura, sem dinheiro.

Pendural
s.m. Construção. Peça de madeira que assenta no centro da trave ou tirante, e sobre a qual se apóia a cumeeira.

Pendurar
v.t. Suspender; prender de modo que não toque no chão; dependurar. / Bras. Pop. Não pagar (conta); pôr no prego, empenhar.

Penduricalho
s.m. Coisa que fica pendurada, que pende como enfeite ou adorno. / Berloque. / Maneira pitoresca de designar uma condecoração.

Pendurucalho
s.m. Penduricalho.

Penedia
s.f. Aglomeração de penedos. / Rochedos.

Penedo
s.m. Pedra grande, rocha, penhasco.

Peneira
s.f. Utensílio composto por um aro de madeira ou de arame, de variada dimensão, revestido de uma tela de seda, crina, arame ou outro material, que serve para deixar passar as substâncias reduzidas a pequenos fragmentos e principalmente a farinha dos cereais. / Caixa de madeira com fundo de arame trançado, para separação da areia mais fina ou do cascalho, para construções.

Peneirar
v.t. Passar pela peneira. / Joeirar. / Chuviscar.

Peneplanicie
s.f. Na teoria do ciclo de erosão, estado final do relevo terrestre, que se caracteriza por relevos pouco pronunciados e vales pouco profundos.

Penetra
s.m. e s.f. Bras. Gír. Aquele que entra numa festa ou num baile sem ser convidado. / Carona.

Penetracao
s.f. Ato de penetrar. / Fig. Elevado grau de inteligência, de compreensão.

Penetrais
s.m.pl. A parte mais recôndita e interior de um objeto, especialmente de um edifício; ádito, cerne.

Penetrante
adj. Que penetra. / Fig. Pungente, intenso, agudo. / Sagaz, perspicaz. / Diz-se de uma irradiação que se propaga no interior de uma substância material, sem ser obstada pelos átomos desta.

Penetrar
v.t. Invadir, caminhar para dentro de, passar através de. / Compreender, descobrir. / &151; v.pr. Convencer-se intimamente, compenetrar-se.

Penetrometro
s.m. Instrumento que permite medir, por penetração, a resistência ou a dureza de um corpo, de uma superfície (especialmente do revestimento de um calçado).

Penfigo
s.m. Doença da pele que se manifesta por bolhas líquidas que descolam a epiderme.

Penha
s.f. Rochedo, penedo, penhasco; rocha.

Penhasco
s.m. Penha alta, rochedo elevado.

Penhor
s.m. Contrato em virtude do qual um credor recebe, como garantia da dívida, um objeto mobiliário. / O próprio objeto que é dado como garantia. / Fig. Garantia, segurança. // Casa de penhor, estabelecimento onde se empresta dinheiro, mediante depósito de jóias e outros objetos; prego.

Penhora
s.f. Ato ou efeito de penhorar. / Execução judicial de uma dívida.

Penhorado
adj. Tomado em penhor, apreendido por penhora. / Fig. Grato, reconhecido.

Penhorante
adj. Que penhora. / Que cria condições capazes de impor agradecimento, gratidão.

Penhorar
v.t. Dar um penhor para garantir uma dívida, um empréstimo. (Sin.: empenhar, caucionar, hipotecar.) / Fig. Dar motivo à gratidão. / &151; v.pr. Mostrar-se grato, reconhecido.

Penhorista
s.m. e s.f. Pessoa que detém bens ou objetos como garantia de dívida.

Peni
s.m. Moeda divisionária inglesa (símb.: d) que valia, até 1971, a duodécima parte do xelim e hoje corresponde à centésima parte da libra.

Penicilado
adj. Anatomia. Diz-se dos vasos capilares dispostos em forma de pincel.

Penicilina
s.f. Substância produzida pelo Penicillium notatum, cujas propriedades antibióticas foram descobertas em 1928 por Fleming.

Penicilinase
s.f. Enzima, presente em certas bactérias, que destrói a penicilina.

Penicilinorresistente
adj. Diz-se de micróbio que perdeu a sensibilidade à penicilina.

Penicilio
s.m. Bolor (cogumelos ascomicetos aspergiláceos) que se desenvolve nos queijos, frutos (cítricos), doces. (Uma das espécies desses cogumelos, Penicillium notatum, produz a penicilina.)

Penico
s.m Pop. Vaso de louça, de ferro, de plástico etc., que serve para deposição de urina ou fezes; urinol, bispote. // Chul. Pedir penico, acovardar-se, dar-se por vencido. (Usa-se também o eufemismo pedir louça.)

Peniforme
adj. Da forma de pena.

Peninsula
s.f. Porção de terra cercada de água por todos os lados, menos um, pelo qual se liga ao continente.

Peninsular
adj. Relativo a uma península ou a seus habitantes.

Penis
membro viril, falo, pene, verga (pop)

Penitencia
s.f. Religião Arrependimento, remorso de haver ofendido a Deus. / Um dos sete sacramentos da Igreja católica. / Pena que o confessor impõe ao confessado (penitente). / Jejuns, macerações que alguém impõe a si mesmo. / Punição, castigo infligido por alguma falta.

Penitencial
adj. Relativo a penitência. // Salmos penitenciais, salmos que se recitam em época de penitência (Salmos 6.&186;, 31.&186;, 37.&186;, 50.&186;, 101.&186;, 129.&186; e 142.&186; de Davi). /

Penitenciar
v.t. Impor penitência a alguém. / &151; V.pr. Arrepender-se; aceitar ou impor-se voluntariamente castigo por falta cometida. / Desculpar-se, mostrar arrependimento.

Penitenciaria
s.f. Estabelecimento oficial destinado à prisão de pessoas condenadas à pena da privação da liberdade.

Penitenciario
adj. Que se ocupa das casas de detenção; que concerne a esses estabelecimentos. / &151; S.m. Indivíduo preso em penitenciária.

Penitencieiro
s.m. Cardeal, membro da penitenciaria. / Padre encarregado por um bispo de absolver em certos casos especiais.

Penitente
adj. Que se arrepende. / &151; s.m. e s.f. Pessoa que faz penitência. / &151; S.m.pl. Designação dos religiosos da Ordem Terceira de São Francisco.

Penologia
s.f. Dir. Ciência que estuda as penas e suas modalidades de aplicação.

Penoso
adj. Difícil de suportar; cansativo, fatigante.

Pensador
s.m. Pessoa que reflete, pensa profundamente; pessoa que tem o hábito de meditar. / Filósofo. // Livre-pensador, v. LIVRE-PENSADOR.

Pensadura
s.f. Ato de fazer curativo em animais (cavalos, bestas de carga).

Pensamento
s.m. Ato de pensar. / Faculdade de conceber, combinar, comparar idéias. / Ato particular da mente. / Modo de pensar; opinião. / Meditação, fantasia. / Idéia, mente, espírito. / Máxima, sentença.

Pensante
adj. Que pensa, que faz uso da razão.

Pensao
s.f. Quantia em dinheiro paga periodicamente pelo Estado aos beneficiários dos seguros sociais, por invalidez, morte ou aposentadoria. // Pensão alimentícia, soma de dinheiro que se paga ou recebe, por sentença judicial, para fins de alimentos. / Casa que recebe hóspedes ou fornece refeições. / Mensalidade ou anuidade paga pela educação e sustento de aluno de internato.

Pensar
v.t. e v.i. Processo pelo qual a consciência apreende em um conteúdo determinado objeto; refletir; formar, combinar idéias. / Meditar, raciocinar. / Supor, cuidar, imaginar. / Cogitar, planejar.

Pensativo
adj. Profundamente ocupado com um pensamento. / Que marca a preocupação.

Pensil
adj. Que está suspenso. / Sustentado ou construído sobre colunas. // Ponte pênsil, v. PONTE.

Pensionar
v.t. Impor pensão ou encargo financeiro a alguém. / Dar ou pagar pensão a alguém.

Pensionario
adj. Relativo a pensão. / &151; S.m. Pensionista.

Pensionato
s.m. Casa de educação, colégio que recebe alunos internos. / Casa que recebe pensionistas. / Internato; patronato.

Pensioneiro
adj. Que paga pensão.

Pensionista
s.m. e s.f. Pessoa beneficiária de uma pensão especialmente do governo. / Pessoa que paga pensão em um hotel, casa particular etc. / Aluno de colégio interno.

Penso
s.m. Curativo; colocação de ataduras e medicamento para tratamento de lesão. / Cuidados de comida, curativo etc., feitos a criança, inválido ou animal. / Ração para o gado.

Pentacordio
s.m. Lira dos antigos, de cinco cordas. / Instrumento de cinco cordas. (Var.: pentacordo.)

Pentacordo
s.m. O mesmo que pentacórdio.

Pentacrino
s.m. Zoologia Lírio-do-mar. (Var.: pentacrino.)

Pentaculo
s.m. Estrela de cinco pontas, formada pelo prolongamento dos lados de um pentágono regular. (Conhecido também como pentalfa, pentagrama, selo-de-salomão ou signo-de-salomão, atribuem-se-lhe poderes mágicos e cabalísticos. Era usado como distintivo pelos pitagóricos.)

Pentadactilo
adj. Que tem cinco dedos.

Pentadecaedro
s.m. Geom. Poliedro que tem quinze faces.

Pentadecagono
s.m. Geom. Polígono com quinze lados e quinze ângulos.

Pentaedro
s.m. Matemática Sólido com cinco faces: uma pirâmide quadrangular é um pentaedro.

Pentagonal
adj. Relativo ao pentágono. / Que tem por base um pentágono.

Pentagono
s.m. Mat. Polígono com cinco lados e cinco ângulos. &151; Diz-se que é eqüilátero quando todos os seus lados possuem o mesmo comprimento. Quando seus ângulos são todos iguais, é chamado de eqüiângulo. Como todos os polígonos, à exceção do triângulo, o pentágono pode ser eqüilátero sem ser eqüiângulo, como também eqüiângulo sem ser eqüilátero. Um pentágono é regular se todos os seus lados e seus ângulos interiores são iguais. Nesse caso, cada um dos ângulos vale 108&176;, e o pentágono pode ser inscrito em um círculo. Um pentágono pode ser circunscrito em torno de um círculo traçando-se tangentes ao círculo pelos vértices de um pentágono regular inscrito.

Pentagrama
s.m. Pauta musical. / Geom. Pentágono regular estrelado, usado como distintivo pelos pitagóricos; o mesmo que pentáculo.

Pentalfa
s.m. O mesmo que pentáculo.

Pentamero
adj. e s.m. Diz-se de um inseto cujo tarso é dividido em cinco partes. / Diz-se dos seres ou órgãos cuja simetria é dividida em cinco partes: os ouriços-do-mar são pentâmeros. / Química Substância cuja massa molecular é cinco vezes maior que a de outra.

Pentametro
s.m. Metrificação gr. e lat. Verso de cinco pés, formado de dois dáctilos ou espondeus e uma sílaba longa, mais dois dáctilos e uma sílaba longa ou breve. (Vem sempre depois de um hexâmetro, com o qual forma um dístico elegíaco.)

Pentano
s.m. Química Hidrocarboneto saturado (C5H12), cuja fórmula contém cinco átomos de carbono.

Pentarca
s.m. Membro de uma pentarquia.

Pentarquia
s.f. Governo de cinco chefes; aliança de cinco nações.

Pentassilabo
adj. Que tem cinco sílabas. / &151; S.m. Vocábulo com cinco sílabas.

Pentastilo
adj. Arquitetura. Que tem cinco colunas. / Botânica. Que apresenta cinco estiletes. / &151; S.m. Templo grego cuja fachada apresenta cinco ordens de colunas. / Edifício com cinco filas de colunas. / Pórtico com cinco colunas.

Pentatlo
s.m. Entre os gregos antigos, conjunto dos cinco exercícios dos atletas (luta, corrida, salto, disco e dardo). (Hoje, o pentatlo clássico compreende: 200 m, 1.500 m rasos, salto em distância, disco, dardo.)

Pentatomo
s.m. Percevejo pequeno, verde, que vive em certas plantas.

Pentatonico
adj. Música Constituído de cinco tons: a gama chinesa é pentatônica.

Pente
s.m. Instrumento de osso, plástico etc., talhado em forma de dentes, que serve para pôr os cabelos em ordem, ou desembaraçá-los. / Instrumento com dentes longos e pontudos que serve para preparar a lã, o cânhamo, para a fiação. / Peça onde se encaixam os projéteis das armas automáticas de pequeno calibre: pente de balas. / Gênero de moluscos bivalves, de que algumas espécies são comestíveis. / Pêlos em forma de pente na extremidade de alguns dedos das patas dos artrópodes (aranha, abelha etc.).

Pente-fino
s.m. Pente pequeno, geralmente de formato especial, que se usa para limpar a cabeça. / Fam. Pessoa meticulosa, que procura defeito em tudo que examina. / Pop. Indivíduo finório, aproveitador, que de tudo tira partido. // Fig. Passar (algo) pelo pente-fino, examinar detalhadamente.

Penteadeira
s.f. Máquina que serve para pentear as fibras têxteis. / Pequeno móvel com espelho, diante do qual as mulheres se penteiam e dão cuidados ao rosto.

Penteado
adj. e s.m. Que tem os cabelos arranjados. / &151; S.m. Arranjo e compostura do cabelo; toucado.

Penteador
adj. Que penteia. / &151; S.m. Homem que faz penteados. / Espécie de roupão usado por quem vai pentear-se ou cortar o cabelo. / Roupão largo, preso à cintura, que as senhoras usam em casa; peignoir.

Pentear
v.t. Alisar, desembaraçar, compor (os cabelos) com o pente. / Bras. Fig. e Fam. Polir, limar, melhorar (o estilo), especialmente nos artigos e reportagens de jornais. / &151; v.pr. Alisar, desembaraçar, compor os próprios cabelos. // Vá pentear macacos, o mesmo que vá à(s) fava(s).

Pentecostes
s.m. Entre os judeus, festa em memória do dia em que Deus entregou a Moisés as Tábuas da Lei. / Festa cristã que se celebra cinqüenta dias após a Páscoa, em comemoração à descida do Espírito Santo sobre os Apóstolos.

Pentecostismo
s.m. Movimento e doutrina dos pentecostistas.

Pentecostista
adj. e s.m. e s.f. Relativo ao pentecostismo, ou membro de um dos movimentos religiosos protestantes que afirmam que os dons do Espírito Santo agem nos dias de hoje como o faziam na Igreja primitiva.

Pentelho
s.m. Chul. Pêlo que cobre o púbis. / Bras. Indivíduo chato.

Pentobarbital
s.m. Barbitúrico hipnótico, empregado por via intravenosa em anestesias gerais de curta duração e em narcoanálise.

Pentodio
s.m. O mesmo que pêntodo.

Pentodo
s.m. Física. Tubo eletrônico com cinco eletrodos. (Var.: pentodo.)

Penugem
s.f. As primeiras penas que nascem nas aves e que nunca desaparecem completamente. / Pêlos pequenos e macios que nascem pelo corpo e principalmente nas faces. / Pêlos que há na casca de alguns frutos, como no pêssego.

Penugento
adj. Que tem muita penugem.

Penujar
v.t. Cobrir-se de penugem.

Penujoso
adj. Cheio de penugem; penujento.

Penultimo
adj. Imediatamente antes do último.

Penumbra
s.f. Física. Sombra incompleta, produzida por um corpo que não intercepta inteiramente os raios luminosos; meia-luz, luminosidade frouxa. / Pintura. Gradação da luz para a sombra. / Fig. Ausência de notoriedade, de publicidade; retraimento.

Penuria
s.f. Extrema pobreza.

Peonia
s.f. Planta bulbosa que se cultiva por suas grandes flores vermelhas, rosadas ou brancas. (Família das ranunculáceas.)

Pepineira
s.f. Fig. Negócio fácil; mamata. / Pop. Patuscada; brincadeira.

Pepineiro
s.m. Botânica. Planta da família das cucurbitáceas, que produz o pepino.

Pepino
s.m. Fruto comestível da família das cucurbitáceas, que se consome em salada ou em conserva.

Pepita
s.f. Massa de metal em estado nativo, principalmente ouro.

Peplo
s.m. Entre os antigos, túnica de mulher, sem mangas, presa ao ombro por fivela.

Peponideo
adj. e s.m. Botânica. Diz-se do, ou o fruto das cucurbitáceas, que tem o mesocarpo volumoso e carnudo e grande cavidade cheia de sementes, como é o caso da abóbora.

Peponio
s.m. Fruto das cucurbitáceas, de mesocarpo volumoso e grande cavidade cheia de placentas com muitas sementes, como a abóbora.

Pepsia
s.f. Digestão dos alimentos no estômago, feita principalmente graças à ação da pepsina.

Pepsina
s.f. Uma das enzimas do suco gástrico, que, em meio ácido, começa a digestão das proteínas.

Peptico
adj Relativo à pepsina. / Que auxilia a digestão. // Úlcera péptica, designação genérica da úlcera que se localiza no estômago ou no duodeno.

Peptideo
s.m. Molécula constituída pela união de um pequeno número de moléculas de aminoácidos.

Peptona
s.f. Substância protídica solúvel resultante da ação da pepsina sobre as proteínas (em particular sobre a carne).

Pequena
adj. Diz-se da coisa que não é grande. / &151; S.f. Moça; namorada, garota.

Pequenez
s.f. Estado do que tem pouca extensão, pouco volume. / Modicidade. / Fig. Mesquinharia, estreiteza, baixeza.

Pequenino
adj. Muito pequeno. / &151; S.m. Menino, criança.

Pequeno
adj. De reduzido porte, de pouca extensão, de baixa estatura, franzino. / De pouca idade. / Fig. Que tem pouca importância pelo número, quantidade, intensidade, valor etc. / Que se humilha por respeito ou crença. / Expressão de amizade; namorado: meu pequeno. (Antôn.: grande, considerável, alto.) // Espírito pequeno, pessoa de idéias estreitas. / &151; S.m. Os fracos, os pobres, os humildes.

Pequeno-burgues
adj. e s.m. Pej. Pessoa de classe média abastada, que cultiva preconceitos e idéias estreitas.

Pequenote
adj. Fam. Um tanto pequeno.

Pequerrucho
adj. e s.m. Pequeno, pequenino, criança.

Pequi
s.m. Árvore brasileira, de cujo fruto se faz um licor apreciado. (Família das cariocaráceas.) O mesmo que pequizeiro.

Pequines
adj. e s.m. De Pequim. / &151; S.m. Dialeto chinês falado no norte da China e escolhido para ser a língua oficial do país.

Per
prep. Por. (Us. hoje apenas na locução de per si [um de cada vez, cada um isoladamente] e em combinação com os artigos definidos e os pronomes o[s] e a[s]: pelo[s], pela[s].)

Pera
s.f. Fruto da pereira. / Pequena peça que contém um interruptor de corrente elétrica. / Barba que se deixa crescer no queixo.

Pera-manteiga
s.f. Espécie de pêra muito sumarenta.

Peraltice
s.f. Qualidade de peralta.

Peralvilho
s.m. Homem que tem ridículas pretensões a elegante; janota, peralta, casquilho, almofadinha.

Perambeira
s.f. Bras. Abismo, precipício, despenhadeiro. (Var.: pirambeira.)

Perambular
v.i. Bras. Vaguear, passear.

Perante
prep. Na presença de; diante de; ante.

Perau
s.m. Zona profunda no leito de um rio ou à beira-mar; pego. / Bras. (RS) Declive forte, que dá para um rio; barranco.

Perca
s.f. Peixe dos lagos e dos rios mansos, com duas nadadeiras (a primeira espinhosa), voraz, de carne muito apreciada. (Compr.: até 50 cm.)

Percal
s.m. Tecido de algodão, liso e muito fechado, mais fino que o algodão.

Percalco
s.m. Aborrecimento ou desgosto natural em uma atividade ou empreendimento; transtorno.

Percalina
s.f. Tecido de algodão leve e brilhante, que serve para forro e também para encadernação de livros.

Perceber
v.t. Apreender pelos sentidos, pela mente; formar idéia de; notar. / Compreender bem; atinar com. / Receber (honorários, vantagens pecuniárias).

Percentagem
s.f. Fração por cento de qualquer coisa. / Taxa ou razão do juro.

Percentual
adj. Relativo a percentagem.

Percepcao
s.f. Apreensão da realidade ou de uma situação objetiva pelo homem. / Seu resultado: a percepção das cores. / Reação de um sujeito a um estímulo exterior, que se manifesta por fenômenos químicos, neurológicos, ao nível dos órgãos dos sentidos e do sistema nervoso central, e por diversos mecanismos psíquicos tendentes a adaptar esta reação a seu objeto, como a identificação do objeto percebido (ou seu reconhecimento), sua diferenciação por ligação aos outros objetos etc.

Perceptibilidade
s.f. Qualidade, caráter do que é perceptível.

Perceptivel
adj. Que pode ser apreendido pelos sentidos. / Fig. Que pode ser percebido ou compreendido.

Perceptivo
adj. Relativo à percepção pelos sentidos.

Percevejo
s.m. Zoologia Inseto parasito, da ordem dos hemípteros, do qual existem espécies domésticas, que podem afetar a criatura humana, e outras só encontradas nas plantas. / Prego pequeno, geralmente de cabeça larga ou redonda, usado para fixar papel, lona, plástico.

Percha
s.f. Vara, acessório de ginastas, equilibristas etc. / Pau a que se prendem panos para serem cardados. / Máquina especial usada para tornar paralelo o pêlo dos estofos. / Náutica Molduras que ornam a proa dos navios.

Percideos
s.m.pl. Zoologia Família de peixes acantopterígios que tem por tipo a perca.

Percival
Nome Grego - Significado: Gracioso.

Perclorato
s.m. Sal do ácido perclórico.

Percloreto
s.m. Cloreto que contém a maior quantidade possível de cloro.

Perclorio
s.m. Diz-se do mais oxigenado dos ácidos de cloro, HClO4.

Percluso
adj. Privado, no todo ou em parte, da faculdade de movimento.

Percorrer
v.t. Seguir em toda a sua extensão ou sentido. / Fig. Examinar rapidamente.

Percuciente
adj. Que produz percussão. / Fig. Que produz um choque que enseja adesão. / Profundo, penetrante.

Percurso
s.m. Trajeto em geral. / Caminho que segue um veículo, um curso de água. / Desp. Conjunto dos dezoito buracos, no golfe; caminho cheio de obstáculos que deve seguir um cavaleiro em competição.

Percussao
s.f. Choque resultante da ação brusca de um corpo sobre outro. / Operação elementar de funcionamento de uma arma de fogo, no curso da qual o percussor, ferindo a espoleta, provoca a detonação. / Medicina Método do exame clínico que permite descobrir pelo som (ausência de som ou sonoridade) o estado de ingurgitamento ou de vacuidade de um órgão. // Arma de percussão, arma de fogo portátil que funciona por percussão. // Instrumento de percussão, nome genérico que designa os instrumentos da orquestra de que se tira o som batendo; compreende principalmente os timbales, o bumbo, os pratos, o triângulo, bem como o vibrafone, os sinos e o xilofone.

Percussionista
s.m. e s.f. Especialista em tocar instrumentos de percussão.

Percussor
s.m. Peça metálica cuja ponta, sob a ação de uma mola, bate na espoleta destinada a inflamar a carga de pólvora de uma bala, um obus, uma mina etc.

Percutaneo
através da pele (pop)

Percutir
v.t. Dar uma batida em: o cão do revólver percute a espoleta. / Medicina Explorar por meio de pequenas batidas: percutir o ventre.

Perda
s.f. Ato ou efeito de perder ou ser privado de algo que possuía. / Diminuição que alguma coisa sofre em seu volume, peso, valor. / Prejuízo financeiro. / O ato de não vencer. / Militar O mesmo que baixa, em combate. / Mau emprego: perda de tempo. / Teologia Danação: causar a perda de uma alma. // Perdas e danos, prejuízos sofridos pelo credor, em virtude de diminuição do seu patrimônio e também por causa de lucros que deixou de perceber. // Perdas brancas, designação popular da leucorréia. // Perdas vermelhas, designação popular da metrorragia. // &151; loc. adv. Em pura perda, em vão, inutilmente.

Perdao
s.m. Remição de uma falta ou ofensa. / Fórmula de polidez empregada quando se perturba alguém: (peço) perdão!

Perder
v.t. Ficar privado de, deixar de ter (algo que se possuía), deixar (alguma coisa) extraviar-se. / Ficar em situação desvantajosa, ter mau êxito. / Arruinar, desgraçar. / Deixar de presenciar. / &151; v.pr. Errar o caminho, extraviar-se; deixar de ser visto ou ouvido; desaparecer, esvaecer. // Perder a cabeça, descontrolar-se. // Perder as estribeiras, perder a tramontana, desnortear-se, atarantar-se, cometer despropósitos. // Perder a hora, chegar atrasado. // Perder o tempo, esforçar-se em vão. // Perder a vez, não poder aproveitar o ensejo, ser preterido. // Perder de vista, deixar de ver, deixar de ter contato com. // Perder o siso, a razão, enlouquecer, amalucar. // Perder a vida, morrer. // Perder terreno, recuar, ser suplantado por (competidor). // Perder-se de ou estar perdido de (amor) por (alguém, alguma coisa), gostar muito de.

Perdicao
s.f. Ato ou efeito de perder; imoralidade; irreligiosidade. / Fig. Ruína moral.

Perdido
adj. Extraviado, desaparecido. / Pervertido. / Mal empregado. // Perdido de amores, loucamente apaixonado.

Perdigao
s.m. Macho de perdiz. / Bras. Espécie de codorna.

Perdigoto
s.m. Perdiz nova, que constitui uma caça muito apreciada. / Pop. Salpico de saliva que alguém lança ao falar.

Perdigueiro
s.m. Cão de orelhas pendentes, usado na caça às perdizes. / &151; Adj. Que caça perdizes.

Perdiz
s.f. Galináceo de certo porte, que faz seus ninhos no solo, e é muito procurado como caça.

Perdiz-vermelha
s.f. Zoologia Ave galinácea encontrada na Europa.

Perdoar
v.t. Conceder perdão, renunciar a punir; absolver. / Ver sem despeito, sem inveja: ninguém perdoa o êxito dos outros.

Perdoavel
adj. Que se pode perdoar. / Que merece ser perdoado; compreensível, admissível; tolerável.

Perdulario
adj. e s.m. Que ou aquele que gasta desregradamente; gastador, dissipador.

Perduracao
s.f. Grande duração.

Perdurar
v.t. Durar muito tempo. / Continuar a existir.

Perduravel
adj. Que pode durar muito; duradouro. / Eterno.

Pereba
s.f. Bras. Ferida; inflamação cutânea. / Gír. esport. Mau jogador.

Perecedouro
adj. Que pode ou há de perecer; morredouro; perecível.

Perecer
v.i. Ter fim, deixar de existir; morrer. / Fig. Cair em ruína, em decadência.

Perecimento
s.m. Ato de perecer; morte. / Definhamento.

Perecivel
adj. Sujeito a alterar-se, a extinguir-se. // Mercadoria perecível, mercadoria que exige consumo imediato, como as frutas e os legumes.

Peregrinacao
s.f. Romaria, viagem feita a um lugar de devoção. / Viagem a terras distantes. / Fig. Penosa movimentação por vários lugares, imposta por trabalhos e obrigações.

Peregrinar
v.i. Andar em peregrinação. / Viajar, andar longamente por lugares vários e distantes. / Ir em romaria.

Peregrinismo
s.m. Emprego de palavra ou frase estranha ao vernáculo; estrangeirismo.

Peregrino
s.m. Pessoa que vai em peregrinação; romeiro. / Gafanhoto migrador que sai da Arábia e chega à Índia, ao Egito, à África do Norte. / Tubarão viajante de grande porte (até 15 m de compr. e 8 t), mas inofensivo ao homem. / Outro nome do falcão.

Pereira
s.f. Gênero de árvores frutíferas da família das rosáceas cujo fruto é a pêra.

Pereiro
s.m. Bras. O mesmo que aguilhada.

Perempcao
s.f. Modo de extinção de uma relação jurídica processual em virtude do texto legal, ou decorrente de inércia ou desinteresse do autor da ação.

Perempto
adj. Extinto por perempção.

Peremptorio
adj. Diz-se daquilo a que não se pode replicar. / Decisivo, dogmático, categórico. / Relativo a perempção.

Perene
adj. Que dura muitos anos; eterno. / Diz-se de rio, de fonte que não seca nas estações estiosas.

Perenidade
s.f. Caráter do que dura sempre ou muito tempo.

Perenifolio
adj. Cujas folhas velhas não caem antes de as novas já se terem desenvolvido, ou cujas folhas de várias brotaduras se conservam sem cair (por opos. a caducifólio).

Perenizar
v.t. Tornar perene.

Perequete
adj. Pop. Faceiro; exageradamente elegante; muito enfeitado.

Perereca
s.f. Anfíbio semelhante à rã, de dedos pegajosos, que vive geralmente em árvores junto à água. (Ordinariamente verde, muda de cor segundo o meio; tem 5 cm de compr.) / Bras. Pop. Vulva.

Pererecar
v.i. Bras. Mover-se agitadamente de um lado para outro. / Ficar desnorteado. / (RS) Saltitar, dar pulos.

Perestroika
s.m. (pal. russa) Na U.R.S.S., política de reconstrução econômica posta em prática por M. Gorbachev a partir de 1985 e que se apoiava especialmente na prática da glasnost.

Perfazer
v.t. Completar o número. / Fazer, cumprir, alcançar.

Perfeccionismo
s.m. Escola inglesa do séc. XVII que afirmava a desnecessidade da religião para que o homem atingisse a perfeição. / Busca excessiva, patológica, da perfeição.

Perfectibilidade
s.f. Qualidade, caráter do que é perfectível.

Perfectivel
adj. Suscetível de ser aperfeiçoado ou de se aperfeiçoar.

Perfectivo
adj. Que atinge ou chega à perfeição. / Que perfaz ou termina alguma coisa.

Perfeicao
s.f. Qualidade do que é perfeito em seu gênero. / &151; S.f.pl. Qualidades da alma e do corpo. // Teologia Perfeições divinas, atributos de Deus em grau infinito. //

Perfeitamente
adv. De modo perfeito. / Sim, certamente.

Perfeito
adj. Que reúne todas as qualidades; que não tem defeitos; ideal, impecável; excelente. / Completo, absoluto, total. / Gramática Diz-se dos tempos verbais que exprimem ação passada e acabada.

Perfidia
s.f. Deslealdade, traição, infidelidade. (Antôn.: lealdade, sinceridade.)

Perfido
adj. Desleal, que falta à fé jurada; traidor, infiel, desleal.

Perfil
s.m. Conjunto dos traços do rosto de uma pessoa visto de lado. / Aspecto, representação de um objeto visto de lado. / Descrição em traços rápidos, retrato moral de uma pessoa. / Arquitetura. Desenho de um corte perpendicular de cima a baixo de um edifício. // Perfil do solo, corte vertical do terreno desde a superfície até a rocha matriz que lhe deu origem, a fim de estudar suas diversas camadas. // &151; loc. adv. De perfil, de lado.

Perfilado
s.m. Produto metalúrgico alongado, com perfil constante de seção especial.

Perfilar
v.t. Desenhar o perfil de. / Alinhar; aprumar. / &151; V.pr. Endireitar-se; pôr-se firme. / Militar Pôr-se em posição de sentido

Perfilhar
v.t. Adotar, receber como filho, de acordo com a lei. / Seguir, adotar, abraçar, defender (uma doutrina, teoria, princípio). / Botânica. Emitir (a planta) rebentos.

Perfolhada
adj. Botânica. Diz-se da folha que envolve totalmente o caule de forma a parecer soldada ao mesmo.

Performance
s.f. (pal. ingl.) Resultado obtido, em cada uma de suas exibições em público, por um cavalo de corrida, por um atleta etc. / Conjunto dos resultados obtidos em um teste. / Proeza esportiva:

Perfumar
v.t. Encher, impregnar de aroma agradável, de perfume.

Perfumaria
s.f. Comércio, loja onde se vendem perfumes.

Perfume
s.m. Cheiro, odor agradável. / Fig. Agrado, deleite.

Perfumista
s.m. e s.f. Pessoa que faz ou vende perfumes.

Perfumoso
adj. Que tem ou exala perfume; cheiroso, odorífero.

Perfunctorio
adj. Superficial, efêmero; pouco duradouro. / Que se faz só para constar e não porque seja necessário. (Var.: perfuntório.)

Perfuracao
s.f. Ato ou efeito de perfurar. / Medicina Abertura acidental dos intestinos, do estômago etc.

Perfurador
adj. Que serve para perfurar.

Perfurante
adj. Que é próprio para perfurar. // Bala perfurante, projétil de aço, particularmente duro, destinado a perfurar blindagens.

Perfurar
v.t. Fazer furo ou furos em.

Perfuratriz
s.f. Máquina que serve para perfurar cartões, metal, madeira. / Ferramenta rotativa para abrir buracos de mina. / O mesmo que perfuradora.

Perfusao
s.f. Introdução lenta e contínua de uma substância medicamentosa ou de sangue em um organismo ou em um órgão. (Praticam-se perfusões intravenosas, subcutâneas, retais.)

Pergaminaceo
adj. Que tem o aspecto ou a consistência do pergaminho. / Que lembra o pergaminho. / O mesmo que pergaminháceo.

Pergaminho
s.m. Pele de ovino ou caprino, curtida e preparada para se escrever, forrar livros, e outros usos. / Fig. Título de nobreza; diploma universitário.

Pergaminhoso
adj. Que tem a aparência ou a natureza do pergaminho.

Pergula
s.f. Armação de madeira ou alvenaria, disposta em filas paralelas de colunas a modo de corredor ou túnel, para servir de suporte a trepadeiras, em pátios ou jardins.

Pergunta
s.f. Indagação, interrogação que se dirige a alguém a propósito de qualquer coisa; quesito, questão, inquirição. // Pergunta de algibeira, pergunta preparada a propósito de alguma coisa e a que se pretende dar o aspecto de casual, com a intenção de confundir o interpelado.

Perguntador
adj. e s.m. Que ou aquele que pergunta muito; curioso, indagador.

Perguntar
v.t. Fazer perguntas; indagar. / Procurar saber; interrogar, inquirir.

Perianal
/em volta do ânus (pop)

Perianto
s.m. Botânica. Conjunto dos envoltórios florais (cálice e corola).

Periartrite
/inflamação dos tecidos que rodeiam uma articulação (pop)

Periastro
s.m. Astronomia. Ponto da órbita de um astro em que este se encontra mais próximo de outro astro, em torno do qual gravita.

Peribolo
s.m. Espaço de terreno em torno dos templos gregos, decorado de estátuas e monumentos votivos. / Espaço entre um edifício e o muro que o cerca.

Pericardio
s.m. Membrana serosa que envolve o coração.

Pericardite
/inflamação da envoltura do coração (pop)

Pericarpo
s.m. Conjunto dos tecidos que constituem o fruto e envolvem as sementes.

Pericia
s.f. Qualidade de perito; habilidade, destreza. / Exame feito por perito, isto é, por pessoa habilitada.

Pericial
adj. Relativo a perícia.

Periciclo
s.m. Botânica. Camada celular que constitui a parte mais externa do cilindro central do caule e da raiz das plantas vasculares.

Pericles
Nome Grego - Significado: Muito glorioso.

Periclitante
adj. Que está em perigo; que periclita. / Que decai de maneira perigosa.

Periclitar
v.i. Estar em perigo. / Correr o risco de não chegar a termo, de não se efetuar. / Entrar em decadência, caminhar para a ruína.

Pericondrio
ou PERICONDRO s.m. Membrana que reveste as cartilagens não articulares.

Pericranio
s.m. Periósteo que reveste externamente o crânio.

Periculosidade
s.f. Estado ou qualidade daquele ou daquilo que oferece perigo. / Direito Conjunto de fatos ou circunstâncias que mostram a possibilidade de alguém tornar-se perigoso, de praticar um crime.

Peridinios
s.m.pl. Algas marinhas e de água doce, unicelulares, ciliadas.

Peridoto
s.m. Mineralogia Silicato de magnésio e de ferro das rochas eruptivas. / Pedra fina também denominada olivina.

Peridual
situado em torno da envoltura do sistema nervoso central (pop)

Peridural
adj. Epidural. / &151; S.f. Anestesia peridural. // Anestesia peridural, anestesia regional produzida por injeção de um anestésico no espaço epidural (região do osso sacro); anestesia epidural.

Perieco
s.m. Geografia Diz-se do indivíduo que habita no mesmo paralelo que outro, mas em meridiano oposto. (Mais us. no pl.)

Perielio
s.m.

Periergia
s.f. Retórica Apuro vicioso e excessivo na maneira de falar ou de escrever.

Periferia
s.f. Contorno ou linha que limita uma superfície curvilínea; circunferência. / Superfície da face externa de um sólido. / O que fica nos arredores, nas circunjacências de algum lugar.

Periferico
adj. Relativo à periferia. / Que está na periferia, isto é, no contorno ou na parte exterior de algum centro. / Botânica. Diz-se do embrião quando cerca o perispermo. / &151; Adj. e s.m. Informática (Equipamento) conectado ao computador, que não faz parte da unidade central de processamento (p. ex., unidades de disco flexível, impressoras etc.).

Periflebite
s.f. Inflamação em torno de uma veia. (Opõe-se a flebite, inflamação no interior de uma veia.)

Perifrase
s.f. Processo que consiste em expressar por muitas palavras o que se poderia dizer em poucos termos; rodeio, circunlóquio. / Retórica Emprego de um grupo de palavras em lugar do termo próprio. (Neste sentido, as perífrases assumem, quase sempre, a feição de figuras [metáforas, metonímias e, sobretudo, antonomásias]: mensageira da primavera por andorinha; o poeta dos escravos por Castro Alves.) // Gramática Perífrase verbal, locução formada de verbo principal acompanhado de auxiliar: estou trabalhando, tenho trabalhado, hei de vencer.

Perifrastico
adj. Relativo a perífrase, que contém perífrase.

Perigalho
s.m. Pele do pescoço, descaída por magreza ou velhice. / Pelanca. / Náutica Cabo que sustenta a extremidade superior de um mastro da mezena, ou que sustenta e serve para levantar o centro de um toldo.

Perigar
v.i. Estar em situação perigosa; correr perigo de alguma coisa.

Perigeu
s.m. Ponto da órbita, real ou aparente, de um astro, quando mais se aproxima da Terra. (Contr.: apogeu.)

Periglaciario
adj. Diz-se de um sistema de erosão caracterizado pela importância do gelo e do degelo na evolução das formas de relevo, que interessa geralmente (mas não exclusivamente) as regiões próximas das geleiras.

Perigo
s.m. Estado, situação de uma pessoa que corre grandes riscos. // Em perigo de, em risco de.

Perigoso
adj. Que oferece perigo. / Prejudicial, pernicioso.

Perilo
s.m. Remate piramidal muito agudo.

Perimetral
adj. m. e f. Perimétrico.

Perimetria
s.f. Geom. Medida dos perímetros.

Perimetrico
adj. Relativo ou pertencente a perímetro; perimetral.

Perimetro
s.m. Matemática Linha de contorno de uma figura geométrica. / Soma dos lados de um polígono. / Contorno de qualquer espaço.

Perimir
v.t. Direito Acabar, pôr termo a (uma ação judicial); extinguir.

Perinatal
pouco antes ou depois do nascimento (pop)

Perinatalidade
s.f. Período que precede e que sucede imediatamente ao nascimento.

Perinatalogia
s.f. Parte da medicina que trata da perinatalidade.

Perineal
/relativo à região limitada pelo escroto-ânus, no homem, e pela vulva-ânus, na mulher (pop)

Perineo
s.m. Anatomia. Região compreendida entre o ânus e os órgãos sexuais.

Perineorrafia
s.f. Reconstituição cirúrgica do períneo, na mulher, necessária em casos de prolapso uterino ou de lesões devidas ao parto.

Periodicidade
s.f. Estado do que é periódico.

Periodico
adj. Que se reproduz com intervalos de tempos iguais. / Que aparece em época certa. / Matemática Diz-se de uma função que retoma seu valor quando a variável sofre um acréscimo igual a um múltiplo qualquer de uma quantidade fixa chamada "período": as funções trigonométricas são funções periódicas. // Fração periódica, fração que, no seu desenvolvimento decimal, reproduz sem cessar a mesma série de números, seja a partir da vírgula, seja a partir de certa decimal. / &151; S.m. Jornal, revista, boletim etc., que aparece em épocas certas.

Periodismo
s.m. Estado do que está sujeito a movimentos periódicos. / Jornalismo.

Periodista
s.m. e s.f. Aquele que escreve em periódicos; jornalista.

Periodo
s.m. Espaço de tempo, época, fase. / Tempo que um planeta ou um cometa leva para completar sua revolução ou para voltar à mesma posição: o período lunar é de pouco mais de vinte e sete dias. / Cada uma das grandes divisões das eras geológicas. / Gramática. Frase constituída por uma ou mais orações, sintaticamente estruturadas. / Matemática. O menor número fixo que se pode ajuntar à variável de certas funções a fim de que retomem o mesmo valor. / Física. Intervalo de tempo constante que separa duas passagens sucessivas de uma grandeza variável pelo mesmo valor, com o mesmo sentido da variação: período de um pêndulo, de uma corrente alternativa. // Matemática. Período de uma fração periódica, série de números que, no desenvolvimento decimal desta fração, se reproduz sem cessar, seja a partir da vírgula, seja a partir de certa decimal. // Período de um radielemento, tempo ao fim do qual a metade da massa de um radielemento se desintegrou.

Periodo de latencia
tempo de espera (pop)

Periodontia
s.f. Ramo da odontologia que se ocupa das periodontopatias.

Periodonto
s.m. Odontologia Conjunto dos tecidos de revestimento e sustentação que envolvem o dente. (Compreende a membrana periodontária, a gengiva e o osso alveolar.)

Periodontopatia
s.f. Qualquer condição mórbida do periodonto.

Perioperativo
período de hospitalização aquando de uma operação (pop)

Perioral
à volta da boca (pop)

Periorbital
/à volta da órbita (pop)

Periosteo
s.m. Membrana conjuntiva que envolve os ossos e assegura seu crescimento em espessura.

Periostite
s.f. Inflamação do periósteo.

Peripatetico
adj. Que pertence ao peripatetismo. / &151; S.m. Discípulo e partidário da filosofia de Aristóteles.

Peripatetismo
s.m. Filosofia de Aristóteles. (O nome da escola filosófica de Aristóteles provém do fato de ele ministrar suas lições passeando nos jardins de Liceu, arrabalde na antiga Atenas, onde dava aulas a seus discípulos.)

Peripecia
s.f. Circunstância ocasional que intercorre inesperadamente em alguma situação; incidente; episódio; aventura.

Periplo
s.m. Navegação em torno de um mar, de um país.

Periptero
adj. Diz-se de um edifício circundado de uma única fileira de colunas: a Igreja da Madeleine, em Paris, é um edifício períptero.

Periquito
s.m. Ave trepadora da família dos psitacídeos, que vive em todas as regiões quentes, muito procurada como ave de viveiro ou de gaiola por seu valor decorativo. / Pequeno candeeiro de folha-de-flandres, com uma torcida de algodão que, embebida em querosene, alimenta a luz; bibiano, fifó. / Botânica. Planta ornamental da família das amarantáceas, de folhas estreitas, amarelas e matizadas de outras cores, utilizada em canteiros.

Periscios
s.m.pl. Habitantes das zonas polares, onde a sombra percorre em um só dia todos os pontos do horizonte.

Periscopico
adj. Diz-se de uma lente que dá ao campo visual uma grande perspectiva.

Periscopio
s.m. Aparelho óptico, formado de lentes e prismas de reflexão total, que permite ver por cima de um obstáculo. / Tubo deslizante equipado com um sistema óptico que permite a um submarino mergulhado observar a superfície.

Perispermo
s.m. Botânica. Tecido nutritivo de certas sementes (nenúfar, pimenta). (Var.: perisperma.)

Perissodactilos
s.m.pl. Zoologia Subordem dos mamíferos ungulados, que compreende os animais cujos dedos são em número ímpar, sendo o médio o mais desenvolvido, como é o caso dos tridigitados e dos solípedes (rinoceronte, anta.)

Perissodatilos
s.m.pl. Var. de perissodáctilos.

Perissologia
s.f. Retórica Vício de linguagem que consiste em repetir com outras palavras idéia já expressa; redundância, pleonasmo vicioso.

Peristaltico
adj. Relativo ao peristaltismo. // Movimento peristáltico, constrição anular que se propaga em sentido normal ao longo do tubo digestivo: o conjunto dos movimentos peristálticos permite a progressão dos alimentos.

Peristaltismo
s.m. Movimento de contração do tubo digestivo em onda progressiva, de cima para baixo, de forma a deslocar seu conteúdo no sentido do ânus.

Peristilo
s.m. Arquitetura. Galeria de colunas isoladas, em torno de um edifício ou de um pátio. / Conjunto das colunas da fachada de um edifício.

Peristomio
s.m. Botânica. Borda da abertura da urna dos musgos, guarnecida de dentes que se afastam no tempo seco. / Zoologia Borda da abertura da concha dos moluscos gastrópodes. / Fenda na superfície de certos protozoários ciliados, no fundo da qual se abre a boca.

Peritecio
s.m. Botânica. Envelope da frutificação (asco) de certos fungos, líquens e cogumelos (p. ex., a trufa).

Perito
adj. Que é hábil, experimentado, entendido em alguma coisa. / &151; S.m. Aquele que oficialmente realiza exames, ditos periciais.

Peritoneal
adj. Relativo ao peritônio.

Peritonio
s.m. Membrana serosa que reveste a cavidade do abdômen (peritônio parietal) e os órgãos que nele se encontram (peritônio visceral).

Peritonioscopia
s.f. Medicina Laparoscopia.

Peritonite
/inflamação da envoltura do abdominal (pop)

Periurbano
adj. Situado na vizinhança imediata de uma cidade; relativo a esse espaço.

Perivascular
à volta dos vasos sanguíneos (pop)

Perjurar
v.t. Abjurar: perjurou a fé paterna. / &151; V.i. Quebrar o juramento, jurar falso, cometer perjúrio: é melhor não prometer que perjurar depois.

Perjurio
s.m. Juramento falso ou violação de juramento.

Perjuro
adj. e s.m. Que ou aquele que comete perjúrio, que jura falso.

Perla
s.f. Hérald. Peça honrosa de segunda ordem, em forma de Y, constituída pela metade superior de uma aspa e pela inferior de uma pala. / Forma antiga e popular de pérola.

Perlifero
adj. Que encerra, que produz pérolas.

Perlongar
v.t. Ir ao longo de; costear; percorrer. / Dilatar; demorar; adiar.

Perlongo
s.m. Bras. Telhado em declive, que se estende de um lado e de outro da cumeeira.

Perlustrar
v.t. Percorrer observando. / Examinar com os olhos.

Permanecer
v.i.. e v.pred. Ficar (em algum lugar, posição ou atitude) por tempo prolongado; durar. / Conservar-se, continuar, continuar a ser.

Permanencia
s.f. Ação de permanecer. / Estado do que é permanente. / Duração constante, continuação.

Permanente
adj. Que permanece. / Que dura sem intermitência nem mudança. / Constante, ininterrupto; definitivo. / &151; S.m. Cartão ou senha que dá a seu possuidor o direito de ingressar sem pagar em casa de diversões, ou viajar gratuitamente em viaturas de determinada empresa. / Tratamento dado aos cabelos para ondulá-los duravelmente.

Permanganato
s.m. Sal do ácido permangânico HMnO4: os permanganatos de potássio e de cálcio são poderosos antissépticos.

Permeabilidade
s.f. Propriedade dos corpos que se deixam atravessar por líquidos, gases. // Permeabilidade magnética, propriedade de um corpo que se deixa atravessar por um fluxo magnético. // Permeabilidade seletiva, propriedade que têm as células vivas de absorver certas substâncias e rejeitar outras.

Permear
v.t. Penetrar; atravessar. / Fazer passar pelo meio; furar. / &151; V.i. Sobrevir. / Estar de permeio. /

Permeavel
adj. Diz-se dos corpos que se deixam atravessar por fluidos. / Fig. Aquele que se deixa influenciar.

Permeio
adv. Em meio. // &151; loc. adv. De permeio, no meio, entre coisas ou pessoas; através.

Permiano
s.m. Último período da era primária, que sucedeu ao carbonífero, de duração aproximada de 30 milhões de anos.

Permissao
s.f. Ação de permitir. / Autorização, consentimento, licença. / Retórica Figura pela qual o orador deixa ao juízo dos ouvintes ou do adversário a decisão de alguma coisa. (Ex.: Se estou certo ou errado ao afirmar que a Pátria é eterna, dizei-o vós que comigo a vedes resistir aos mais fortes embates.)

Permissivel
adj. Que pode ser permitido. / Que é aceitável, admissível, lícito.

Permissivo
adj. Que permite alguma coisa, que dá autorização. / Tolerante, indulgente: sociedade permissiva.

Permitir
v.t. Dar a liberdade, o poder de fazer, de dizer. / Autorizar. / Tolerar. / &151; V.pr. Tomar a liberdade, a licença de.

Permuta
s.f. Troca, intercâmbio, permutação.

Permutabilidade
s.f. Caráter do que é permutável.

Permutacao
s.f. Ato ou efeito de permutar; permuta; transposição recíproca de duas coisas; troca. / Biologia. Entrecruzamento ou cavalgamento de dois cromossomos durante a meiose. / Matemática. Passagem de determinada ordem de sucessão de m elementos a outra ordem de sucessão dos mesmos elementos. // Matemática. Permutação de "m" elementos, cada uma das ordens de sucessão nas quais se podem dispor esses elementos.

Permutar
v.t. Dar uma coisa em troca de outra; trocar.

Permutavel
adj. Suscetível de permutação; que se pode trocar.

Perna
s.f. Parte dos membros inferiores (no corpo humano) compreendida entre o joelho e o pé. (O esqueleto da perna é formado da tíbia e do perônio.) / O membro inferior inteiro. / Cada um dos membros locomotores dos animais. / Haste de uma coisa bifurcada: as pernas do compasso. / Haste de uma letra maiúscula: as pernas de um A. / Construção. V. ASNA. // Perna mecânica, aparelho de prótese cirúrgica que substitui a perna amputada. // Dar às pernas, fugir. // Estirar as pernas, espairecer, passear. // Com uma perna às costas, com muita facilidade. // Passar a perna em alguém, passar-lhe à frente; lográ-lo; enganá-lo. // Trocar pernas, andar à toa, passear.

Perna-de-pau
s.m. Bras. Nome popular do maçaricão, ave pernalta da família dos caradriídeos. / Pop. Designação pejorativa que se dá, no futebol, ao mau jogador.

Pernada
s.f. Passada longa. / Cambapé.

Pernalta
s.f. Na antiga classificação zoológica, ordem de aves que se distinguem por terem as pernas muito longas, como a cegonha, a garça-real, o grou, o alcaravão. (Usa-se adjetivamente: ave pernalta.)

Pernambucana
s.f. Bras. (NE) Faca de ponta.

Pernas sem repouso
sensação de formigueiro profundo em ambas as pernas (pop)

Pernear
v.i. Agitar muito as pernas; espernear. / Saltar, dar pulos.

Perneta
s.f. Perna pequena. / &151; s.m. e s.f. Bras. Pessoa que só tem uma perna, ou que tem uma perna defeituosa.

Pernicioso
adj. Prejudicial, nocivo, ruinoso; perigoso. / Diz-se de uma febre palustre, muito grave, acompanhada de delírios, e amiúde mortal.

Pernil
s.m. A parte mais delgada da perna de um animal, especialmente do porco. / Perna magra e delgada. // Pop. Espichar ou esticar o pernil, morrer.

Pernilongo
adj. Que tem as pernas longas. / &151; S.m. Ave aquática também chamada perna-de-pau. / No Brasil em geral, e particularmente em Minas, designação dada a qualquer mosquito da família dos culicídeos. (V. CARAPANÃ.)

Pernoitar
v.i. Passar a noite, dormir; ficar durante a noite em algum lugar.

Pernoite
s.m. Bras. Trabalho durante a noite. / Plantão noturno.

Pernosticismo
s.m. Bras. Qualidade de quem é pernóstico.

Pernostico
adj. Afetado, pretensioso, presumido, pedante.

Peroba
s.f. Designação comum a várias árvores cuja madeira é aplicada principalmente na construção civil. / &151; Adj. e s.m. e s.f. Fig. Indivíduo maçante, importuno.

Peroba-rosa
s.f. Bras. Árvore da família das apocináceas, cuja madeira, de cor avermelhada, é usada em construção civil.

Perola
s.f. Concreção esférica ou de outra forma, que se cria em torno de corpos estranhos, entre o manto e a concha de certos moluscos bivalves. / Pequena bola de vidro, de metal etc., que serve de ornamento. / Arquitetura. Ornamento em forma de pequena bola com que se decoram as molduras / Gota de líquido límpida: as pérolas do orvalho. / Fig. O que há de melhor no gênero:

Perolifero
adj. Diz-se das ostras em que se formam pérolas.

Peroneiro
adj. Anatomia. Diz-se de três músculos da perna que causam a flexão da planta do pé. / Diz-se de uma artéria que irriga o tornozelo e os músculos profundos da panturrilha. / Diz-se dos nervos sensitivos e motores da face externa da perna, do tornozelo e do pé.

Peronio
s.m. Osso comprido e fino que constitui o esqueleto da parte externa da perna.

Peronismo
s.m. Doutrina política formulada por Juan Domingo Perón.

Peronosporaceas
s.f.pl. Botânica. Família ou ordem de cogumelos inferiores, parasitos de vegetais, nos quais produzem os míldios. (Pertencem à classe dos sifomicetes.)

Peroracao
s.f. Última parte, conclusão de um discurso: a peroração resume de forma sucinta e emocionante os principais argumentos do discurso.

Peroral
através da boca (ingestão de remédios, por exemplo) (pop)

Perorar
v.i. Ir terminando um discurso, estar na parte final dele. / Discorrer longamente e com ênfase.

Peroxidase
s.f. Enzima que catalisa as reações de oxidação.

Peroxido
s.m. Óxido que contém mais oxigênio que o óxido normal.

Perpassar
v.t. Passar junto ou ao longo de. / Passar além de. / Fazer correr ou roçar. / Mover repetidamente através ou ao longo de. / Postergar, preterir. / &151; V.i. Decorrer.

Perpendicular
adj. Que faz ângulo reto com. // Retas perpendiculares, retas que se encontram formando ângulo reto. // Reta perpendicular a um plano, reta perpendicular a todas as retas do plano que a encontram. // Planos perpendiculares, planos que se cortam formando diedros adjacentes iguais. // Estilo perpendicular, variedade de estilo gótico criada na Inglaterra no séc. XIV, caracterizada pela substituição das curvas e contracurvas das decorações do gótico flamejante por linhas retas paralelas.

Perpendiculo
s.m. Fio de prumo.

Perpetracao
s.f. Ato de perpetrar, de cometer ou praticar.

Perpetrar
v.t. Cometer, praticar, realizar (ato condenável).

Perpetua
s.f. Nome dado a várias plantas cujas flores duram muito. / As flores dessas plantas. / Em alguns lugares, nome dado à sempre-viva e à saudade. &151; Adj. Fem. de perpétuo.

Perpetuacao
s.f. Ato de tornar perpétuo; seu resultado.

Perpetuar
v.t. Fazer durar sempre, imortalizar.

Perpetuidade
s.f. Qualidade do que é perpétuo; perenidade, eternidade.

Perpetuo
adj. Que não cessa, que dura sempre; constante, contínuo, permanente; perene, eterno. / Diz-se de quem ocupa cargo ou função vitalícios.

Perplexidade
s.f. Embaraço de uma pessoa que não sabe que decisão tomar. / Hesitação.

Perquiricao
s.f. Ato de perquirir; perquisição.

Perquirir
v.t. Inquirir, indagar, investigar com minúcia; pesquisar.

Perquisicao
s.f. O mesmo que perquirição.

Perrengue
adj. e s.m. e s.f. Bras. Desalentado, alquebrado, fraco. / Adoentado; sem forças. / Imprestável. / Covarde, medroso. / Que tem manqueira crônica; capenga.

Perrenguear
v.i. Bras. Andar adoentado, sem forças. / Fraquejar.

Perrexil
s.m. Botânica. Planta umbelífera muito usada em conserva. / Fig. Estimulante para o apetite. / Casta de uvas brancas.

Perrice
s.f. Pop. Qualidade daquilo que emperra; teimosia; obstinação, pirraça.

Perro
(ê)

Persa
adj. Que se refere ou pertence à Pérsia; iraniano, pérsico. / &151; Adj. e s.m. e s.f. Natural, ou habitante da Pérsia, hoje Irã. / &151; S.m. A principal das línguas vivas, da família iraniana, falada no Irã.

Persal
s.m. Sal derivado de um peróxido, que, em contato com a água, dá a água oxigenada.

Perscrutador
adj. e s.m. Que ou aquele que perscruta; investigador, perquiridor.

Perscrutar
v.t. Indagar, investigar, averiguar minuciosamente, penetrar, escrutar.

Persecucao
s.f. O mesmo que perseguição.

Perseguicao
s.f. Ato ou efeito de perseguir, de ir no encalço de uma pessoa ou coisa que foge. / Ato ou efeito de oprimir ou prejudicar alguém.

Perseguidor
adj. e s.m. Que ou aquele que persegue, acossa, importuna ou atormenta.

Perseguir
v.t. Ir no encalço de. / Acossar, importunar, prejudicar. / Atormentar.

Perseidas
s.f.pl. Astronomia. Chuva de estrelas cadentes que parece vir da constelação de Perseu. (Visível entre 9 e 11 de agosto.)

Perseveranca
s.f. Qualidade ou ato do que persevera. / Firmeza, constância.

Perseverante
adj. Que persevera.

Perseverar
v.t. Persistir, continuar firme e constante em um sentimento, uma resolução.

Persiana
s.f. Dispositivo de fechamento de uma abertura, que se compõe de um caixilho de tabuinhas horizontais, às vezes móveis, com a finalidade de deixar penetrar o ar, impedindo a entrada da luz solar.

Persicaria
s.f. Botânica. Planta da família das poligonáceas, que medra em lugares úmidos.

Persico
adj. Da antiga Pérsia; persa. // Arquitetura. Ordem pérsica, ordem cujo entablamento está carregado de figuras de cativos.

Persignacao
s.f. Ato de persignar-se.

Persignar-se
v.pr. Ato de benzer-se, fazendo três sinais da cruz (um na testa, outro na boca e o terceiro no peito, na altura do coração).

Persio
adj. e s.m. O mesmo que persa.

Persistencia
s.f. Ato de persistir. / Qualidade do que dura.

Persistente
adj. Que dura, que se mantém inalterável.

Persistir
v.t. Perseverar, ser constante. / &151; V.i. Perdurar.

Persona-grata
s.f. (do lat.) Significa, em linguagem diplomática, uma pessoa que será bem recebida pela potência junto à qual é acreditada. / Diz-se de pessoa que tem prestígio junto a alguém, a órgãos públicos etc.

Personado
adj. Botânica. Diz-se das corolas com dois lábios fechados, que caracterizam as plantas das famílias escrofulariáceas, bignoniáceas e orobancáceas. (Ex.: boca-de-leão) (Sin.: mascarino.)

Personagem
s.m. e s.f. Figura dramática (em lat. dramatis persona, "figura do drama") e, p. ext., seres, em regra humanos, criados por autores de peças de teatro, romances, contos, poemas, filmes etc. / Intérprete, protagonista. / Pessoa de importância por sua posição social, ou por ser considerada ilustre. / Qualquer pessoa considerada do ponto de vista do seu valor pessoal.

Personalidade
s.f. Individualidade consciente. / Caráter pessoal e original. / Pessoa conhecida em razão de suas funções, de sua influência etc.

Personalismo
s.m. Visão particular das coisas de um ponto de vista muito pessoal. / Sistema filosófico que afirma a integral valorização da pessoa humana em sua totalidade, na transcendência da Natureza e na superação do individualismo atomista.

Personalizar
v.t. Personificar. / Encarnar ou representar a pessoa de alguém. / Indicar, nomear a pessoa de. / Tornar pessoal; dar caráter pessoal a.

Personificacao
s.f. Ato ou efeito de personificar. / Pessoa que encarna ou representa com perfeição uma idéia ou algo abstrato. / Retórica Atribuição a seres inanimados, ou a algo abstrato, de ações, qualidades, ou sentimentos próprios do homem; animismo, prosopopéia. / Psicologia Tendência psicológica que procura estabelecer analogia entre uma palavra abstrata e diversas imagens concretas.

Personificar
v.t. Considerar como pessoa, atribuir a ser inanimado ou a idéia abstrata a figura, os sentimentos, a linguagem de uma pessoa. / Encarnar algo de maneira perfeita; ser o modelo de: Nero personifica a crueldade, Harpagão personifica a avareza.

Perspectiva
s.f. Des. Representação, num plano, dos objetos como se apresentam à vista. / P. ext. Aspecto dos objetos vistos de longe; panorama. / Fig. Esperança ou crença numa coisa provável ou desejada, embora distante. / Recuo, distanciamento do observador em face do objeto. // Em perspectiva, com esperança de realização em futuro próximo.

Perspectivo
adj. Relativo à perspectiva. O mesmo que perspético. (Var.: perspetivo.) // Plano perspectivo, plano que apresenta as dimensões dos objetos com as modificações decorrentes da perspectiva.

Perspetico
adj. O mesmo que perspectivo.

Perspicacia
s.f. Penetração, agudeza de espírito; sagacidade.

Perspicaz
adj. Que percebe o que é difícil de perceber; que tem agudeza de espírito; sagaz, penetrante.

Perspicuidade
s.f. Qualidade de perspícuo, qualidade daquilo que é fácil de compreender. / Clareza, nitidez.

Perspicuo
adj. Claro, inteligível, fácil de compreender. / Perspicaz.

Perspiracao
s.f. Transpiração ligeira.

Persuadir
v.t. Levar a crer ou a aceitar; aconselhar, induzir. / &151; V.pr. Convencer-se; decidir-se.

Persuasao
s.f. Ato de persuadir.

Persuasiva
s.f. Qualidade daquilo que persuade facilmente. / Habilidade ou talento para persuadir.

Persuasivo
adj. Que tem o poder, o dom de persuadir.

Persulfato
s.m. Química Sulfato em que o metal tem valência relativamente alta. (Os persulfatos, em geral, são substâncias brancas, dotadas de enérgico poder oxidante.)

Persulfeto
s.m. Composto que contém mais enxofre que o sulfeto normal.

Pertenca
s.f. Aquilo que faz parte de; pertence, propriedade; atribuição.

Pertence
s.m. Aquilo que faz parte de alguma coisa. / Aquilo que é propriedade de alguém. / Declaração feita em apólices e outros títulos, para legalizar a transmissão da propriedade deles.

Pertencente
adj. Que pertence a alguém ou a alguma coisa. / Que é propriedade de alguém. / Que faz parte de alguma coisa ou é inerente a ela. / Relativo, concernente.

Pertencer
v.i. Ser propriedade de alguém. / Fazer parte de. / Dizer respeito a, concernir. / Ser merecido, caber. / Ser da competência ou atribuição de alguém.

Pertiga
s.f. Ant. Vara; varapau. / A vara do carro que vai do recavém ao cabeçote. (Var.: pírtiga.)

Pertinacia
s.f. Qualidade ou ação de pertinaz; obstinação, persistência, tenacidade.

Pertinaz
adj. Que não desiste nem desanima facilmente; obstinado, teimoso, persistente.

Pertinencia
s.f. Qualidade do que é pertinente; do que concerne. / Qualidade lógica de ligação entre um elemento de prova e aquilo que se pretende provar.

Pertinente
adj. Pertencente, concernente; conveniente, apropriado.

Perto
adv. A pouca distância: a vila fica perto. // &151; loc. prep. Perto de, próximo de, nas vizinhanças de: perto de casa; mais ou menos, cerca de, quase: eram perto das seis horas. // &151; loc. adv. De perto, a pequena distância.

Pertosse
esgana, coqueluche, tosse convuls(iv)a (pop)

Perturbacao
s.f. Ato ou efeito de perturbar. / Distúrbio, tumulto. / Mal-estar passageiro, tontura. / Agitação física e psíquica produzida pela emoção. / Alteração das condições físicas normais de qualquer meio ou ambiente (de densidade, de temperatura etc.).

Perturbador
s.m. Que ou aquele que perturba.

Perturbar
v.t. Ato de causar alteração ou transtorno. / Confundir, embaraçar, atrapalhar (a outrem). / &151; v.pr. Perder a serenidade de espírito, atrapalhar-se, atarantar-se; intimidar-se; envergonhar-se.

Peru
s.m. Ave galinácea originária da América do Norte, de grande porte, que pode pesar até 19 kg, de carne muito apreciada. / Bras. Chul. Pênis.

Perua
s.f. Fêmea do peru. / Bras. Chul. Mulher de vida irregular; meretriz. / Bras. Camioneta; autolotação.

Peruano
adj. Do peru. / &151; Adj. e s.m. Natural ou habitante desse país.

Peruar
v.i. Bras. Ficar ao lado de uma mesa de jogo observando a atuação dos jogadores. / Requestar.

Peruca
s.f. Cabeleira postiça. O mesmo que chinó.

Pervagar
v.t. Percorrer em vários sentidos; atravessar. / Andar ao acaso, sem destino.

Perversao
s.f. Tudo o que é contrário às leis da natureza e da vida moral. / Anomalia; corrupção.

Perversidade
s.f. Qualidade de perverso; maldade, malignidade, ruindade.

Perverso
adj. e s.m. Que age com perversidade. / Malvado, maligno, ruim.

Pervertedor
adj. e s.m. Que, ou o que perverte. (Sin.: perversor.)

Perverter
v.t. Fazer algo contrário às leis da natureza e da vida moral; mudar o bem em mal; corromper.

Pervertido
adj. Que se perverteu; depravado, devasso.

Pervinca
s.f. Planta herbácea dos lugares sombrios, de flores azuis ou malvas, de pétalas encurvadas. (Família das apocináceas.)

Pervio
adj. Que dá passagem; onde se pode penetrar livremente; franco.

Perxina
s.f. Arquitetura. Porção triangular curvilínea que faz parte de uma abóbada, reforçando-a. (Var.: perchina.)

Pesa-acido
s.m. Areômetro para medir a densidade das soluções ácidas.

Pesa-alcool
s.m. Sin. de alcoômetro.

Pesa-leite
s.m. Sin. de galactômetro.

Pesa-xarope
s.m. Areômetro para apreciar a densidade de um xarope.

Pesada
s.f. O que se pesa de uma só vez na balança; pesagem. / Esforço exercido sobre o braço de uma alavanca ou em uma corda, para levantar um corpo ou tirá-lo do lugar.

Pesadao
adj. Muito pesado. / Fig. Molenga; que tem movimentos lentos e pesados. / Gordo.

Pesadelo
s.m. Sonho agitado, com sensação de opressão. / Fig. Qualquer fato penoso. / Fam. Pessoa importuna, ou desagradável.

Pesado
adj. Que pesa muito. / Lento: andar pesado. / Aborrecido, enfadonho, monótono: estilo pesado. / Grosseiro, pouco educado: gracejo pesado. / De digestão difícil: comida pesada. / Penoso de suportar: jugo pesado. / Desp. O mesmo que peso-pesado. // Veículo pesado, para transporte de carga. / Pop. Pessoa sem sorte, caipora.

Pesadume
s.m. Peso, carga. / Fig. Desgosto, tristeza, pesar.

Pesagem
s.f. Ato de pesar. / Local nos campos de corrida onde os jóqueis se pesam. / Recinto privilegiado em torno desse local.

Pesames
s.m.pl. Manifestação de pesar, condolências pela morte de alguém, ou por algum infortúnio de que alguém é vítima. (Raramente us. no sing.)

Pesar
v.t. Tomar o peso a, sopesar; determinar o peso de alguma coisa, pondo-a na balança. / Ter o peso de. / Fig. Cotejar, ponderar: pesar prós e contras. / Importunar, fatigar; desgostar: sua presença me pesa; pesa-me de vos haver ofendido. (No último desses sentidos, o e é fechado.) // Pesar as palavras, falar meditando cautelosamente no que diz.

Pesaroso
adj. Que tem pesar, desgostoso.

Pesca
s.f. Ato ou efeito de pescar.

Pescada
s.f. Ato ou efeito de pescar.

Pescadinha
s.f. Peça de metal, cilíndrica e fina, que serve aos chapeleiros para que possam moldar a aba dos chapéus. / Bras. Peixe cienídeo.

Pescado
s.m. O produto de uma pesca. / Qualquer peixe.

Pescador
adj. e s.m. Que ou aquele que pesca, que tem por profissão pescar.

Pescar
v.t. Apanhar peixe. / Fig. e Fam. Apreender de relance e ocasionalmente uma informação esparsa: onde pescou ele a notícia? // Não pescar nada, não compreender, não entender coisa alguma de um assunto. // Pescar em águas turvas, aproveitar-se de situação confusa ou difícil para tirar proveito pessoal.

Pescaria
s.f. Atividade que consiste em apanhar peixes por processos vários; pesca. / Gír. escol. Cola, ato de obter auxílio fraudulentamente em um exame. / Pop. Maneira genérica de indicar prisão de muita gente ou apreensão de coisas: a polícia fez uma boa pescaria.

Pescocao
s.m. Pop. Pancada com a mão, no pescoço; tapa, tabefe.

Pescoco
s.m. Parte do corpo que liga a cabeça ao tronco. / Colo; garganta; cachaço. / P. ext. Gargalo.

Peseta
s.f. Unidade monetária principal da Espanha (símb.: PTA), dividida em 100 cêntimos.

Peso
s.m. Qualidade de um corpo pesado. / Resultado da ação do peso sobre um corpo. / Pedaço de metal de um peso determinado que serve para pesar outros corpos. / Corpo pesado suspenso pelas correntes de um relógio para lhe dar movimento. / Desp. Esfera metálica de 7,257 kg (4 kg para as competições femininas) que se lança com um braço o mais longe possível. / V. BOXE. / Fig. Tudo aquilo que fatiga, oprime, atormenta: o peso dos negócios, do remorso, dos anos. / Força, importância, consideração: isto dá peso ao argumento. // A peso de ouro, muito caro. // Ter dois pesos e duas medidas, julgar de forma desigual de acordo com o interesse. // Ter peso, ter autoridade, ter as qualidades necessárias. // Homem de peso, homem de mérito, de consideração. // Peso molecular, peso de uma molécula-grama de um corpo. // Peso morto, peso de um aparelho, de um veículo, que absorve uma parte do trabalho útil; fardo inútil. // Peso específico ou volumétrico de um corpo, quociente do peso de um corpo por seu volume.

Pespegar
v.t. Impingir, pregar, assentar.

Pespontar
v.t. Aplicar pespontos em. / Fig. Presumir.

Pesponto
s.m. Ponto da costura em que a agulha torna sucessivamente a entrar um pouco atrás do lugar em que saiu o ponto anterior.

Pesqueira
s.f. Lugar em que há armações de pesca. / Essas próprias armações.

Pesqueiro
s.m. Lugar que serve de viveiro, abrigo ou comedouro de peixes. / Fio com anzol numa das extremidades e aselha (pequeno gancho) na outra. / &151; Adj. Que se relaciona com a pesca.

Pesquisa
s.f. Ato ou efeito de pesquisar; busca, investigação, recolhimento de dados. / Exame de laboratório.

Pesquisador
adj. e s.m. Que ou quem procura, pesquisa. / Que ou quem tem o espírito voltado para a descoberta, que se consagra à pesquisa científica.

Pesquisar
v.t. Investigar, com a finalidade de descobrir conhecimentos novos. / Recolher elementos para o estudo de algo.

Pessario
s.m. Aparelho que serve para manter no lugar certos órgãos internos. / Dispositivo circular para cobrir o colo do útero a fim de impedir a fecundação.

Pessegada
s.f. Doce de pêssego.

Pessego
s.m. Fruto comestível arredondado e amarelo. &151; Tem um caroço duro e rugoso. Sua polpa pode ser macia ou firme. Os pessegueiros crescem na maioria das regiões temperadas. Os cientistas acreditam que a China é a terra natal do pêssego. Acreditam ainda que já existiam pessegueiros na China há pelo menos quatro mil anos. Não se sabe quando o pessegueiro foi introduzido na Europa, mas se sabe que foi trazido para o continente americano pelos colonos europeus.

Pessegueiro
s.m. Árvore originária da Ásia, cujo fruto é o pêssego. (Família das rosáceas.)

Pessimismo
s.m. Estado de espírito dos que pensam que tudo caminha para o pior. (Antôn.: otimismo.) / Filosofia. Doutrina filosófica que afirma a existência do mal do mundo, de forma primária, substancial e predominante, sendo impossível sua supressão, pois esta representaria necessariamente a supressão da existência; daí, portanto, a inutilidade de qualquer esforço nesse sentido, salvo a redenção da existência através do processo de sua autodissolução.

Pessimista
adj. e s.m. e s.f. Que ou quem acredita que tudo vai mal. / Filosofia. Discípulo ou adepto das filosofias pessimistas.

Pessoa
s.f. A criatura humana; homem ou mulher. / O homem, enquanto ser moral. / O ser humano, o corpo, a vida de alguém. // Direito Pessoa física, o ente humano como existe realmente. // Pessoa jurídica, entidade coletiva que a lei considera como uma unidade com direitos e deveres distintos dos seus componentes, tal o caso das instituições públicas (pessoas jurídicas de direito público, como os Estados, as organizações políticas internacionais, a ONU) e das sociedades civis, religiosas, fundações etc. (pessoas jurídicas de direito privado). // Religião As três Pessoas da Santíssima Trindade, o Pai, o Filho e o Espírito Santo.

Pessoal
adj. Pertencente ou relativo à pessoa. / Exclusivo, próprio e particular de cada pessoa. / Gramática Diz-se da forma verbal que se flexiona para indicar a qual das três pessoas do colóquio se refere a ação: infinitivo pessoal. / &151; S.m. Conjunto das pessoas que servem numa repartição, numa empresa; trabalhadores de um estabelecimento. / Conjunto de pessoas da mesma profissão. / Os companheiros, os amigos; a família.

Pessoalidade
s.f. Qualidade daquilo que é pessoal. O mesmo que personalidade.

Pestana
s.f. Pêlo que nasce nas bordas das pálpebras; cílio, celha. / Música Aplicação horizontal do dedo indicador, para comprimir simultaneamente mais de uma corda do violino, do violão, do violoncelo etc. / Tira pregada a uma peça do vestuário. / O mesmo que orelha, nas brochuras dos livros. // Tirar uma pestana, cochilar, tirar uma soneca. // Queimar as pestanas, estudar muito, aplicar-se nos estudos.

Pestanejante
adj. Relativo ao pestanejo. / Que produz o pestanejo.

Pestanejar
v.i. Mover as pestanas; mover as pálpebras rapidamente. / Fig. Tremeluzir. // Sem pestanejar, sem fazer o mais ligeiro movimento.

Pestanejo
s.m. Ato de pestanejar.

Pestanudo
adj. Que tem pestanas grandes.

Peste
s.f. Doença infecciosa e contagiosa, endêmica em certos países do Oriente, muitas vezes epidêmica, provocada pelo bacilo de Yersin e transmitida ao homem pela pulga do rato. / P. ext. Qualquer doença epidêmica grave, causadora de mortalidade em massa. / Fig. Indivíduo muito perverso. &151; A peste bubônica é caracterizada por um gânglio infectado, ou bubão, na região correspondente ao ponto da mordida ou picada, e por um estado infeccioso grave. / A peste pulmonar sobrevém em certos doentes atingidos pelo bubão, podendo então transmitir-se diretamente ao homem, pela tosse. De prognóstico muito sombrio outrora, a peste possui, atualmente, um tratamento eficaz: soroterapia, sulfas, a estreptomicina e as tetraciclinas. Medidas preventivas compreendem a fiscalização e desinfecção dos navios, a destruição dos ratos e a vacinação.

Pestifero
adj. Que produz peste; pestilencial; pernicioso; pútrido. / &151; S.m. Doente de peste, pestoso.

Pestilencia
s.f. Peste. / Doença contagiosa. / Mau cheiro.

Pestilencial
adj. Relativo a peste ou a pestilência. / Que tem os caracteres de peste. / Infecto, pútrido. / Fig. Que corrompe, que desmoraliza. (Sin.: pestilento, pestilente, pestilencioso.)

Pestilencioso
adj. O mesmo que pestilencial.

Pestilente
adj. O mesmo que pestilencial.

Pestilento
adj. O mesmo que pestilencial.

Pestilo
s.m. Aldraba. / Traqueta que serve para fechar uma porta.

Pestoso
adj. Relativo a peste. / &151; S.m. Doente de peste; pestífero.

Peta
s.f. Mentira, lorota, patranha, engano, logro. / Mancha no olho do cavalo. / Lula. / Bras. (N) Espécie de bolo leve de mandioca. / Tecnologia Prolongamento de madeira usado para evitar que o vidro se risque.

Petala
s.f. Botânica. Cada uma das peças florais, comumente coloridas e sedosas, cujo conjunto forma a corola das flores, e que envolvem imediatamente os estames.

Petaliforme
adj. Que tem a forma de pétala.

Petaloide
adj. Botânica. Que se assemelha a pétala.

Petardo
s.m. Engenho portátil destinado a destruir algo por explosão; bomba, máquina infernal. / Futebol. Fig. Chute violento.

Petaso
s.m. Chapéu de copa baixa e abas largas usado pelos antigos gregos e romanos.

Petauroide
s.m. Esquilo-voador da Austrália.

Peteca
s.f. Pequena bola de pano ou de couro, com um chumaço de penas fortemente preso a um cabo, que os jogadores lançam ao ar, uns para os outros, com a palma da mão. // Fazer alguém de peteca, fazer de alguém joguete ou motivo de escárnio.

Peteleco
s.m. Bras. Piparote que se dá geralmente na orelha. / (RS) Jogo que se disputa num tabuleiro pequeno, impulsionando aos piparotes botões ou rodelas de madeira.

Petequia
s.f. Pequena mancha de hemorragia cutânea ou submucosa, cuja coloração, vermelho-purpúrea a princípio, vai tornando-se gradativamente azulada ou amarelada. (Us. também no pl.)

Petequias
/pequenas manchas avermelhado-rouxas na pele (pop)

Peticao
s.f. Ato de pedir. / Requerimento. / Solicitação por escrito para obter justiça, pedir um favor. // Direito. Petição inicial, exposição dirigida ao juiz pelo advogado quando dá início à causa. // Lógica. Petição de princípio, sofisma ou erro de raciocínio que consiste em dar como fundamento de uma proposição a demonstrar a mesma proposição expressa com outras palavras: o fumo faz mal à saúde porque prejudica o organismo. (V. CÍRCULO [VICIOSO].)

Peticionar
v.i. Fazer uma petição.

Peticionario
s.m. Pessoa que faz uma petição; requerente.

Petico
s.m. Bras. (S) Cavalo pequeno, baixo. / P. ext. Pessoa de pequena estatura.

Petigris
s.m. Zoologia Designação especial dada a um tipo de esquilo que tem o pêlo de cor acinzentada.

Petimetre
adj. e s.m. Pelintra. / Indivíduo requintadamente elegante. / Peralvilho.

Petinga
s.f. Sardinha miúda; peixe miúdo de que os pescadores se servem como isca.

Petipe
s.m. Escala ou régua com divisões que serve para a determinação de medidas. / Escala de redução de mapas e cartas.

Petisca
s.f. Jogo de pontaria que consiste em atirar pedras a um alvo (geralmente uma moeda) colocado no chão para ver quem o acerta; ganha a moeda quem consegue atingi-la.

Petiscar
v.t. e v.i. Comer pouco. / Comer lentamente, saboreando a comida. / Fam. Ter conhecimentos superficiais a respeito de alguma coisa. / Ferir lume, tirar centelha com fuzil e pederneira ou com o isqueiro.

Petisco
s.m. Comida apetitosa e boa. / Fuzil com que se tira centelha. / Fig. Coisa boa. / Pessoa fisicamente apreciável, elegante.

Petisqueira
s.f. Pop. Coisa boa; aquilo que se petisca. / Prato gostoso. / Pescaria Tipo especial de rede usado em Portugal. / Bras. Pop. Restaurante, casa de pasto.

Petit mal; epilepsia menor
pequeno mal, epilepsia com ataques pouco intensos (pop)

Petit-four
s.m. (pal. fr.) Designação genérica de uma série de docinhos, uns de pastelaria seca (p. ex., os sequilhos), outros, doces glaçados, estes em geral recobertos de um fondant, outros, ainda, frutos recobertos de glace ou confecções de pasta de amêndoa, de formas e cores variadas.

Petit-gris
s.m. (pal. fr.) Pequeno caracol comestível de concha acinzentada, finamente raiada de marrom-escuro. (Pl.: petits-gris.)

Petit-pois
s.m. (pal. fr.) Ervilha verde sem casca. (Pl.: petits-pois.)

Petitorio
adj. Relativo a pedido ou petição. / &151; S.m. Direito A petição inicial de uma demanda ou ação judicial; a exposição do fato, seu amparo legal e formulação final do pedido.

Petiz
s.m. Fam. Criança pequena. / Menino; garoto.

Petizada
s.f. Grupo de petizes. / Ajuntamento de crianças.

Petrarquismo
s.m. Imitação da poesia de Petrarca.

Petrea
adj. Nome dado outrora às regiões da Arábia formadas de desertos pedregosos. (Var.: petréia.)

Petrechar
v.t. Munir de petrechos; aparelhar; o mesmo que apetrechar.

Petrechos
s.m.pl. O mesmo que apetrechos.

Petrel
s.m. Ave palmípede, marinha, da família dos procelarídeos, que vive ao largo dos oceanos, e que somente vem à terra para fazer o ninho.

Petreo
adj. Semelhante à pedra, duro como a pedra. / Fig. Desumano, cruel.

Petrificacao
s.f. Ação ou efeito de petrificar. / Transformação da substância de um corpo orgânico em uma substância pedregosa.

Petrificante
adj. Que tem a faculdade de petrificar.

Petrificar
v.t. Mudar em pedra. / &151; v.pr. Converter-se em pedra; empedernir-se. / Fig. Causar estupefação.

Petrodolar
s.m. Dólar proveniente de um país exportador de petróleo, empregado (mais freqüentemente a curto prazo) por intermédio do sistema bancário internacional.

Petrogenese
s.f. Geologia Processo de formação das rochas.

Petrografia
s.f. Estudo da formação e da composição mineralógica dos rochedos. (Sin.: litologia.)

Petrografico
adj. Relativo à petrografia.

Petrografo
s.m. Especialista em petrografia. / Aquele que se dedica à petrografia.

Petrolato
s.m. Substância gelatinosa, obtida pela desparafinação de óleos pesados de petróleo. &151; É incolor ou de cor amarelada. O petrolato é empregado em remédios e cosméticos. É também vendido sob o nome comercial de vaselina.

Petroleiro
adj. Relativo ao petróleo. / &151; Adj. e s.m. Diz-se do, ou o navio de construção especial para o transporte de cargas líquidas inflamáveis, sobretudo petróleo.

Petroleo
s.m. Óleo mineral natural combustível, de cor muito escura, dotado de cheiro característico mais ou menos pronunciado, de densidade que varia de 0,8 a 0,95, e formado de hidrocarbonetos.

Petrolifero
adj. Que contém ou produz petróleo.

Petrologia
s.f. Estudo das rochas relativamente à sua formação e às diversas transformações químicas e físicas.

Petronio
Nome Latim - Significado: O quarto filho.

Petroquimica
s.f. Ciência, técnica e indústria dos produtos químicos derivados do petróleo.

Petroquimico
adj. e s.m. Relativo à petroquímica, ou indivíduo especializado na química dos derivados do petróleo.

Petulancia
s.f. Vivacidade impetuosa, ousadia; atrevimento, arrogância.

Petulante
adj. Que manifesta um ardor exuberante; vivo, impetuoso; atrevido.

Petume
s.m. Palavra tupi que designa o tabaco.

Petunia
s.f. Botânica. Grupo de plantas herbáceas, nativas principalmente da Argentina e do Brasil. &151; São extensamente cultivadas nos jardins das Américas e da Europa. Seus caules são cobertos de minúsculos pêlos. A petúnia é muito apreciada por suas flores grandes e aveludadas em forma de funil. Essas flores, que podem ser vermelhas, brancas, róseas e roxas, desabrocham do inverno para a primavera.

Peuga
s.f. Meia curta (também chamada soquete).

Peugada
s.f. Rastro; o mesmo que pegada. // Ir na peugada de alguém, seguir-lhe os passos.

Pevide
s.f. Semente de diversos frutos. / Película que aparece na língua de algumas aves, especialmente galinhas, e as impede de beber. / Parte carbonizada da torcida ou pavio quando se apaga a chama. /

Pexotada
s.f. Ato de pexote; má jogada, disparate cometido no jogo. / Falta que uma pessoa comete por inexperiência, ingenuidade, ou ignorância.

Pexote
s.m. Pop. Mau jogador, na gíria esportiva. / Novato; inexperiente. / Bras. Pequena broca empregada para abrir furos nas pedras, ou para quebrá-las.

Pez
s.m. Substância resinosa do pinheiro e de outras árvores pináceas. / Substância betuminosa, sólida ou semi-sólida, natural ou artificial, resíduo da destilação de líquidos densos; alcatrão; breu; piche.

Pfenning
s.m. Unidade monetária alemã, igual a 1/100 de marco. (Pl. alem.: Pfennige.)

Ph
/pH (pop)

Ph-metro
s.m. Aparelho que mede o pH.

Photoflood
s.m. (pal. ing.). Fotografia. Lâmpada incandescente (tungstênio) de forte intensidade e espectro contínuo, muito usada em fotografia de interiores.

Pi
s.m. Décima sexta letra do alfabeto grego () correspondente ao p. / Matemática Símbolo que representa a razão constante entre o perímetro do círculo e o comprimento do seu diâmetro, tomada, aproximadamente, com o valor de 3,1416.

Pia
s.m. Doença infecciosa e contagiosa das regiões tropicais, produzida por um espiroqueta, e que provoca lesões cutâneas. / Bouba, framboesia.

Pia-batismal
s.f. Nome vulgar de várias espécies de orquídeas.

Pia-mater
s.f. A mais interna das meninges que revestem o encéfalo e a medula espinhal. (A pia-máter, a aracnóide e a duramáter constituem as meninges.)

Piaba
s.f. Bras. Peixe de água doce que apresenta duas manchas escuras arredondadas nos lados. / Peixe marinho. / (PE) Coisa de pouca importância; pequena quantia.

Piabanha
s.f. Bras. Peixe caracinídeo de água doce.

Piacaba
s.f. Fibra produzida por palmeiras da América e utilizada na fabricação de vassouras. / Essas palmeiras. (Var.: piaçava.)

Piada
s.f. Pio, piado, pieira. / Dito espirituoso e picante; anedota; chalaça. / Remoque.

Piadista
adj. e s.m. e s.f. Diz-se de, ou pessoa que costuma dizer piadas.

Piado
s.m. Pio, pieira.

Piaga
s.m. Bras. O mesmo que pajé.

Pianissimo
adv. Música Com uma muito fraca intensidade de som. (É representado por P.P.) / &151; S.m. Trecho executado pianíssimo.

Pianista
s.m. e s.f. Pessoa que toca piano.

Pianistica
adj. Diz-se de uma composição musical escrita no estilo próprio do piano.

Piano
s.m. Instrumento de teclado que produz bela e variada sonoridade. &151; É um instrumento muito desenvolvido e é o único que reproduz ao mesmo tempo melodia e harmonia, tendo a capacidade de cobrir quase todos os sons usados na música, além de oferecer uma extraordinária variedade de notas suaves ou fortes, com maior ou menor rapidez, e belos efeitos sonoros.

Piano-bar
s.m. Bar em que um pianista cria um fundo de ambiência musical.

Pianoforte
s.m. Instrumento de cordas percutidas e teclado, inventado no séc. XVIII, cuja evolução deu nascimento ao piano atual.

Pianola
s.f. Piano cujo maquinismo interno permite que ele toque automa-ticamente, sem auxílio de pianista.

Piao
s.m. Brinquedo de madeira ou de metal, de forma aproximadamente cônica e provido de uma ponta, o qual se lança ao chão e se faz girar por meio de um cordel enrolado nele, ou por efeito de pressão sobre uma mola; piorra, pitorra.

Piar
v.i. Dar pio (diz-se de muitas aves). // Nem piar, não dizer nada, não protestar; não gemer.

Piara
s.f. Manada de éguas. / Vara de porcos. / Bando de animais ou multidão de gente. / Grupo de animais do mesmo tamanho e da mesma idade. // Da mesma piara, da mesma ninhada.

Piau
s.m. Bras. Nome dado às piabas maiores.

Piazza
s.f. (pal. it.) Espaço livre para pedestres num conjunto arquitetural urbano.

Pib
s.m. (sigla) Produto Interno Bruto.

Pica
s.f. Medicina Perversão do paladar, a qual se manifesta no decurso da gravidez e de certas doenças, especialmente a ancilostomose. / Lança antiga. / Chul. Pênis.

Pica-boi
s.m. Pássaro africano, da família dos esturnídeos, que pousa no dorso dos ruminantes, onde cata os insetos parasitos de que se alimenta.

Pica-pau
s.m. Zoologia Nome vulgar das aves da família dos picídeos, que, com seu bico forte, ferem a casca das árvores para delas extrair as larvas de que se alimentam. / Espingarda de carregar pela boca.

Pica-peixe
s.m. Zoologia Pássaro sindáctilo, que se sustenta de peixe, também chamado martim-pescador. / Náutica Pau que ajuda a prender no gurupés a bujarrona.

Picada
s.f. Ação ou efeito de picar. / Ferida feita por pequeno objeto contundente, como agulha ou alfinete. / Mordedura de inseto. / Caminho estreito aberto no mato.

Picadeira
s.f. Martelo pequeno, usado pelos pedreiros para lavrar as pedras. / Ferro de picar mós; picareta.

Picadeiro
s.m. Lugar onde se ensinam ou amestram cavalos, ou se fazem exercícios de equitação. / Parte central, circular, dos circos, onde se fazem as exibições; arena./ Náutica Cada uma das peças sobre as quais assenta a quilha do navio em construção. / Bras. (NE) Lugar onde se depositam as canas ainda por moer, nos engenhos de açúcar.

Picadinho
s.m. Preparação culinária feita com carnes, peixes, legumes e condimentos bem picados.

Picado
adj. Mordido por insetos; coberto de picadas ou pequenos orifícios. / Melindrado, ligeiramente ofendido. / Partido em pedacinhos. // Mar picado, mar agitado ou encapelado. / &151; S.m. Música. Trecho que se executa em ligeira separação dos sons. / Culinária. Iguaria feita com pedaços de carne ou peixe. (Neste sentido, é o mesmo que picadinho.)

Picador
s.m. Mestre de equitação. / Amestrador de cavalos. / Aquele que abre picadas ou atalhos. / Espécie de alicate com que se furam ou picotam os bilhetes dos passageiros de estrada de ferro etc. / Tauromaquia. Nas corridas espanholas, aquele que pica o touro com a vara.

Picana
s.f. Bras. O mesmo que aguilhada.

Picanco
s.m. Nome de algumas aves trepadoras do norte da Europa. / Ave da família dos laniídeos.

Picante
adj. Que pica. / Muito temperado. / Intenso: frio picante. / Fig. Malicioso.

Picao
s.m. Espécie de escopro com ponta, para lavrar pedra. / Instrumento de ferro encabado e com ponta, que serve para picar pedra; picareta. / Ferrão de aguilhada.

Picar
v.t. e v.i. Ferir com objeto pontudo. / Ferir ligeiramente. / Morder, quando se trata de insetos ou répteis. / Culinária. Cortar em pequenos pedaços. / Tauromaquia. Farpear (o touro). / Reduzir a fragmentos. / Causar comichão, desconforto: o frio picou-me a pele. // Bras. Pop. Picar a mula ou picar o burro, retirar-se, partir. / &151; V.i. Morder a isca (o peixe). // Picar de esporas, esporear o cavalo. / &151; v.pr. Melindrar-se. / Aborrecer-se: ela se pica por nada.

Picardia
s.f. Maldade, velhacaria. / Desfeita, pirraça.

Picaresco
adj. Diz-se dos romances e das peças de teatro cujo herói é um aventureiro ou um vadio: o romance picaresco nasceu na Espanha no séc. XVI, com "Vida de Lazarillo de Tormes

Picareta
s.f. Instrumento de ferro encurvado de duas pontas e cabo comprido, que serve para arrancar pedras, furar terra etc. / &151; s.m. e s.f. Indivíduo sem mérito, que, usando de embustes, se insinua entre pessoas de bem para tirar proveito; cavador. (Também se usa como adjetivo.)

Picaretagem
s.f. Bras. Pop. Cavação; negociata. / Atividade, nem sempre muito lícita, para obtenção de vantagens.

Picaro
adj. e s.m. Diz-se do, ou aventureiro, velhaco, astuto; ridículo. / Tipo de personagem descarada, travessa e bufona, que figura em obras da literatura espanhola dos séc. XVI-XVII, com repercussão em várias literaturas.

Picarra
s.f. Mistura de terra, areia e pedra; cascalho. / Rocha sedimentar altamente endurecida. / Ardósia.

Piccolo
s.m. (pal. it.) Música Flautim.

Pichacao
s.f. Ato ou efeito de untar com piche; pichamento. / Inscrição feita à mão, com pincel ou freqüentemente aerossol (p. ex., num muro de cidade, na parede de um prédio etc.); grafite. / Ling. inform. Ato de falar mal de alguém; censura.

Pichamento
s.f. Ato ou efeito de untar com piche; pixação.

Pichar
v.t. Bras. Aplicar piche em; untar com piche. / Gir. Falar mal de.

Piche
s.m. Substância negra, mole e gomosa; é o resíduo da destilação de alcatrão ou de petróleo. &151; Em sua forma natural, é chamado asfalto. O piche é altamente adesivo e repelente à água. É utilizado para impermeabilizar pisos e coberturas, pavimentar estradas e em aplicações à prova de água. É usado também na fabricação de elétrodos de carbono para células eletrolíticas que produzem alumínio. / Pez.

Pichel
s.m. Pequeno jarro para tirar vinho das pipas ou tonéis.

Picho
s.m. O mesmo que pichel.

Pichorra
s.f. Pichel com bico. / Pequeno cântaro de barro branco com bico. / Bras. Pop. Égua. // Mijar fora da pichorra, comportar-se mal; desrespeitar alguém; faltar à palavra dada.

Pick-up
s.m. (pal. ing.) Leitor elétrico de discos de fonógrafo, que serve para traduzir as vibrações acústicas registradas por tensões elétricas correspondentes. / Conjunto que se compõe de um pick-up, um amplificador e um alto-falante. / Caminhão pequeno; furgão.

Picles
s.m.pl. Legumes e/ou verduras condimentadas conservadas em vinagre aromatizado.

Picnometro
s.m. Tecnologia Pequeno frasco para medir a densidade de um sólido ou de um líquido.

Picnose
s.f. Biologia. Degeneração do núcleo da célula, caracterizada por uma condensação da cromatina.

Pico
s.m. Ponta aguda; bico. / Espinho, acúleo. / Montanha cujo cimo termina em ponta; agulha. / Sabor um tanto ácido; pique, travo. / Fig. Malícia leve; sal. // &151; Loc. pron. indef. E pico, um pouco mais: meio-dia e pico.

Pico do debito
auge ou pico do fluxo, do débito (pop)

Picola
s.f. Instrumento de ferro, em forma de cunha, com cabo, que os canteiros usam para alisar a pedra.

Picole
s.m. Bras. Sorvete solidificado, preso à extremidade de um palito.

Picotado
adj. Que apresenta picote. / Marcado por uma fileira de pequenos furos para facilitar o corte manual.

Picotagem
s.f. Ato de picotar.

Picotar
v.t. Fazer picotes em. / Marcar, perfurar com o picotador. / Picar em pequenos pedaços.

Picote
s.m. Certo ponto de renda ou de bordado fino. / Tecido grosseiro de lã, usado nos séc. XVII e XVIII. / Recorte denteado dos selos postais. / Linha de perfurações que, em blocos de papel ou em recibos e outros documentos, permite que se destaque uma parte do conjunto. / Comp. Fragmento que se desprende quando se efetua uma perfuração em um suporte de informação, tal como um cartão ou fita de papel; o mesmo que confete.

Picoto
(ô)

Picrato
s.m. Sal de ácido pícrico.

Pictografia
s.f. Sistema primitivo de escrita em que as idéias e os objetos eram representados por desenhos. &151; Antes do desenvolvimento do alfabeto, muitos povos antigos transmitiam suas mensagens por meio do sistema pictográfico. Os egípcios gravavam ou pintavam pictogramas em tumbas e monumentos.

Pictografico
adj. Em que os conceitos são representados por cenas figuradas ou por símbolos complexos.

Pictograma
s.m. Desenho ou signo de uma escrita pictográfica. / Desenho esquemático normalizado, destinado a significar, especialmente, em locais públicos, certas indicações simples (p. ex., direção da saída, interdição de fumar, localização dos banheiros públicos etc.).

Pictorico
adj. Que concerne à pintura.

Picueta
s.f. Picuinha.

Picuinha
s.f. O primeiro pipilar da ave. / Remoque, caçoada. / Coisa que se faz por implicância, como provocação, para aborrecer alguém.

Picuma
s.f. Bras. Fuligem. / Teia de aranha, enegrecida pela fuligem e engrossada pela poeira aderente.

Pidao
adj. e s.m. Bras. Que ou aquele que pede muito, que vive pedindo; pedinchão.

Pidgin
apos. e s.m. (Pidgin é a pronúncia chin. da pal. ing. business.) Lingüist. Diz-se de, ou sistema de comunicação lingüística rudimentar, nascido da simplificação de línguas em contato, e que serve apenas para necessidades limitadas (especialmente comerciais), não sendo língua materna de nenhum falante. (O pidgin english é uma mistura de inglês e chinês.)

Piedade
s.f. Compaixão, dó, pena, comiseração. / Teologia Virtude que leva a render a Deus a honra que lhe é devida. / Devoção, afeição e respeito pelas coisas da religião. // Piedade filial, amor respeitoso aos pais.

Piedoso
adj. Que tem piedade. / Diz-se de pessoa que sente por seus semelhantes um amor respeitoso, e pratica atos inspirados por esse sentimento.

Piegas
adj. e s.m. e s.f. Que ou quem é dado a pieguices. / Pessoa afetada, ridícula nas maneiras, dada a infantilidades. / Que ou quem é ridiculamente sentimental.

Pieguice
s.f. Sentimentalidade excessiva. / Afetação exagerada e às vezes ridícula de sentimentos. / Qualidade daquele que é piegas.

Pieira
s.f. Doença que acomete o gado quando fica por muito tempo em solo enlameado e pouco limpo. / Som característico, rouco e abafado, provocado pela respiração difícil dos asmáticos e outros doentes do aparelho respiratório.

Pielite
s.f. Inflamação da mucosa que reveste os bacinetes e os cálices dos rins.

Pielonefrite
/inflamação conjunta do rim e da pélvis renal (pop)

Piemonte
s.m. Geologia Região situada entre a montanha e a planície. / Depósito sedimentar no sopé das montanhas.

Pier
s.m. (pal. ing.) Embarcadouro; cais, molhe.

Pieride
s.f. Borboleta de asas brancas mais ou menos malhadas de preto segundo as espécies, cuja lagarta se nutre de repolho, rábano e nabo. / &151; S.f.pl. As Musas.

Pierrete
s.f. Bras. Fantasia de carnaval, feminina, inspirada na de pierrô. / Mulher que usa essa fantasia.

Pierro
s.m. Palavra de origem francesa, que designa uma personagem de pantomima de feição ingênua e sentimental. &151; Teve como origem o personagem italiano Pedrolino. O pierrô se veste com uma blusa e calças bufantes brancas, pintando também o rosto de branco. Sempre aparece como um criado doméstico honesto e franco. Na pantomima inglesa, o pierrô é uma espécie de palhaço. Também é apresentado como um poeta apaixonado pela Colombina. / Fantasia de carnaval que é a reprodução do vestuário dessa personagem. / Aquele que usa essa fantasia.

Pieta
s.f. (pal. it.) Escultura ou quadro que representa a Virgem da Piedade.

Pietismo
s.m. Movimento religioso nascido na Igreja luterana alemã do séc. XVII como reação ao dogmatismo da Igreja oficial.

Pietista
adj. e s.m. e s.f. Que concerne ao pietismo ou quem o pratica.

Piezeletricidade
s.f. Fís. Conjunto de fenômenos elétricos produzidos por pressões ou deformações exercidas sobre certos corpos. &151; Certos minerais não metálicos, como o quartzo, o sal de Rochene, a turmalina e alguns outros cristais, têm propriedades elétricas especiais. Em 1880, Pierre e Jacques Curie, dois cientistas franceses, descobriram que alguns cristais desenvolvem uma carga elétrica sobre a superfície quando submetidos a uma pressão ou a uma tração ao longo de um eixo.

Piezeletrico
adj. Que contém piezeletricidade.

Piezo
s.m. Unidade de pressão (símb.: pz) correspondente à pressão uniforme que produz sobre uma superfície plana de 1 metro quadrado uma força total de 1 esteno.

Piezografo
s.m. Aparelho para a medida das pressões e das forças vibratórias, pelo método piezelétrico.

Piezometro
s.m. Física. Instrumento para medir a compressibilidade dos líquidos.

Pifano
s.m. O mesmo que pífaro.

Pifao
s.m. Pop. Bebedeira.

Pifaro
s.m. Tipo simples de instrumento de sopro de madeira que se assemelha à flauta. &151; Para obter sonoridade, o músico sopra por uma abertura existente na extremidade superior do instrumento. As notas são controladas pelos dedos que tapam ou não os seis orifícios existentes no corpo do pífaro. Esse instrumento não tem chaves e não pode produzir os sons da escala cromática. Atualmente, poucos são aqueles que tocam pífaro, tendo o flautim tomado o seu lugar. / O mesmo que pífano.

Pife-pafe
s.m. Jogo de cartas com dois baralhos e dois ou mais parceiros; biriba, canastra. (Var.: pif-paf.)

Pifio
adj. Baixo, vil, reles, grosseiro.

Pigarra
s.f. Bras. Doença peculiar aos galináceos; gogo.

Pigarrear
v.i. Tossir com pigarro, para expelir o catarro ou outra coisa que incomode a garganta.

Pigarrento
adj. Que tem pigarro; que causa pigarro.

Pigarro
s.m. Embaraço na garganta produzido por catarro, fumo etc. / Lus. Pau que sustenta o cabeçalho de um carro, a fim de que não pouse no chão.

Pigarroso
adj. Pigarrento.

Pigmentacao
s.f. Formação, acumulação de pigmentos nos tecidos e especialmente na pele.

Pigmentar
adj. Relativo a pigmento: mancha pigmentar.

Pigmento
s.m. Substância colorida, finamente pulverizada, que confere sua cor a um material, quando misturada a esse material ou aplicada sobre sua superfície em uma camada delgada. &151; O pigmento não se dissolve; permanece em suspensão quando misturado ou moído no líquido durante a preparação da tinta. Substâncias coloridas que se dissolvem em líquidos e produzem seus efeitos coloridos tingindo são chamadas corantes. Os vários métodos de pintura diferem entre si quanto ao material com o qual a cor é aplicada, mas os pigmentos usados são os mesmos em todos os tipos. / Matéria corante do organismo: pigmento biliar etc. / Matéria corante insolúvel na água.

Pigmeu
adj. e s.m. Diz-se de, ou homem excessivamente pequeno (no sentido próprio e no figurado). / &151; S.m. Indivíduo pertencente a certas raças humanas de pequena estatura, da África central.

Pignoraticio
adj. Direito Relativo ao contrato de penhor.

Pijama
s.m. e s.f. Vestuário caseiro, folgado e leve, composto de casaco e calças, usado geralmente para dormir. / Calças leves e folgadas que se usam na Índia.

Pilador
adj. e s.m. Que ou aquele que pila, que tritura num pilão; mão de pilão.

Pilaf
apos. e s.m. (pal. turca) Diz-se de, ou certo prato de arroz muito temperado, geralmente servido com carne, peixe etc.

Pilao
s.m. Peça, geralmente de madeira, de extremidade rombuda ou arredondada, que serve para pilar, socar, esmagar, ou triturar (café, milho, amendoim etc.) num gral ou almofariz. (Diz-se também

Pilar
s.m. Construção. Coluna simples que sustenta uma construção. / Poste, estaca, esteio, pilastra. / Fig. Sustentáculo moral.

Pilastra
s.f. Saliência retangular presa a uma edificação ou parede com a mesma disposição da coluna; pilar.

Pile
adj. Forma de cristalização especial do açúcar, que se faz em lascas. / &151; S.m. O açúcar que apresenta essa forma de cristalização.

Pileca
s.f. Cavalo pequeno e ordinário; cavalicoque; rocim.

Pileo
s.m. Barrete de bispo. / Ant. Barrete de feltro usado pelos romanos nas saturnais. / Botânica. Chapéu ou umbráculo de certos basidiomicetos. / Zoologia A parte superior da cabeça das aves.

Pileque
s.m. Pop. Embriaguez, bebedeira.

Pilha
s.f. Amontoado de coisas colocadas umas sobre as outras. / Aparelho que transforma em corrente elétrica a energia produzida por uma reação química. // Pilha atômica, reator nuclear que produz grande quantidade de energia pela fissão de um núcleo de urânio ou de plutônio.

Pilhagem
s.f. Ato de pilhar. / O que resulta do que se pilhou. / Saque praticado por soldados que conquistam uma cidade ou por multidões amotinadas.

Pilhar
v.t. Praticar a pilhagem; saquear. / Cometer furto. / Apanhar, agarrar, surpreender (alguém furtando ou praticando ato desonesto).

Pilheira
s.f. Lugar onde se empilham coisas. / Recanto, perto da casa, onde são amontoados detritos.

Pilheria
s.f. Coisa que se diz com intenção humorística, às vezes ofensiva. / Graça, chiste.

Pilheriar
v.i. Dizer pilhérias, gracejar.

Pilherico
adj. Que diz respeito a pilhéria; engraçado, espirituoso.

Pilifero
adj. Que tem pêlos.

Pilo
s.m. Dardo pesado de que se serviam os romanos.

Pilocarpina
s.f. Alcalóide extraído do jaborandi.

Piloereccao
pelos ou cabelos em pé, erecção do pelo ou cabelo (pop)

Pilone
s.m. O mesmo que pilono.

Pilono
s.m. Pórtico monumental, situado à entrada dos templos egípcios.

Pilorico
adj. Relativo ao piloro.

Piloro
s.m. Anatomia. Orifício pelo qual se comunicam o estômago e o duodeno.

Pilosidade
s.f. Qualidade de piloso; que tem pêlos.

Pilosismo
s.m. Desenvolvimento anormal de pêlos em partes do corpo onde habitualmente não crescem ou são escassos.

Piloso
adj. Relativo aos pêlos, aos cabelos.

Pilossebaceo
adj. Relativo ao pêlo e à glândula sebácea anexa: o furúnculo é uma infecção do aparelho pilossebáceo.

Pilota
s.f. Pop. Estafa, cansaço por ter andado muito. / Perda, derrota.

Pilotagem
s.f. Ação de pilotar, de conduzir, de dirigir embarcações, aviões, carros de corrida etc.

Pilotar
v.t. Conduzir um navio, um avião, um automóvel etc. / Fig. Servir de guia a alguém.

Pilotear
v.t. O mesmo que pilotar.

Pilotis
s.m.pl. Pilastras ou colunas que sustentam edifícios, a fim de deixar área livre de circulação no pavimento térreo.

Piloto
s.m. Pessoa a quem são confiadas a manobra e a condução de um navio, de um avião, de um veículo blindado, de um automóvel de corrida etc. / Zoologia Pequeno peixe dos mares quentes e temperados que segue os navios e que parece servir de guia aos tubarões. (Compr.: de 20 a 30 cm.) / Fig. Guia. / Aquele que realiza experiências semelhantes com automóveis. // Piloto de linha, aquele que é encarregado da condução de um avião em uma linha comercial. / &151; Adj. Que serve de modelo e como experiência: usina piloto, plano piloto.

Pilrete
s.m. Pop. e Pej. Homem muito pequeno; homúnculo.

Pilriteiro
s.m. Botânica. Planta da família das rosáceas. (Das flores dessa planta extrai-se um princípio ativo, que é tônico cardíaco poderoso, usado como auxiliar dos digitálicos no tratamento dos distúrbios do coração.) (Sin.: espinheiro-alvar.)

Pilrito
s.m. Fruto do pilriteiro.

Pilula
s.f. Medicamento em forma de pequenina bola. // Fig. Engolir a pílula, ser iludido, crer numa mentira; aceitar tarefa a contragosto. // Dourar a pílula, apresentar, sob aspecto favorável, uma coisa desagradável.

Pilular
adj. Em forma de pílula. // Massa pilular, mistura própria para fazer pílulas.

Pimenta
s.f. Botânica. Nome de várias plantas piperáceas e solanáceas; pimenteira. / O fruto dessas plantas, empregado como tempero e como estimulante do apetite. &151; Existem inúmeras espécies de pimentas, encontradas sobretudo nas regiões quentes do mundo, inclusive na América tropical e subtropical.

Pimenta-do-reino
s.f. Planta da família das piperáceas. / Condimento de sabor picante, formado pelo fruto seco, e/ou pulverizado dessa planta.

Pimental
s.m. Lugar ou campo plantado de pimenteiras.

Pimentao
s.m. Arbusto perene, nativo das Américas e cultivado principalmente por seu fruto. &151; Nas áreas em que caem geadas, os pimentões são cultivados como plantas anuais. Os botânicos classificam o fruto do pimentão como uma baga. O fruto encerra muitas sementes. O sabor forte e ardente dos pimentões é produzido pela capsicina, um composto encontrado nas paredes do fruto.

Pimenteira
s.f. Pimenta. / Vaso em que se leva a pimenta à mesa.

Pimenteiro
s.m. Planta da família das verbenáceas.

Pimpao
adj. Vestido com elegância; taful; gracioso.

Pimpar
v.i. Fazer-se de pimpão; ostentar; exibir-se. / Levar vida farta e divertida.

Pimpinela
s.f. Planta aromática dos prados úmidos, com flores purpurinas, da família das rosáceas.

Pimpolho
s.m. Rebento de videira; sarmento, vergôntea. / Fig. Criança saudável e bem desenvolvida; petiz, guri.

Pin-up
s.f. (pal. anglo-amer.) Jovem bonita. / Mulher (jovem) que trabalha em teatro de revista ou posa para fotografias. (Redução de "pin-up girl", i.e., retrato de moça digno de ser pregado com alfinete na parede de quarto de rapazes.)

Pina
s.f. Cada uma das peças curvas que formam a circunferência da roda de madeira de um veículo (carroça, carro de boi).

Pinaca
s.f. Barco de pesca com fundo chato, estreito e pequeno.

Pinaceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas fanerógamas gimnospérmicas.

Pinacoteca
s.f. Museu de pintura. / Qualquer coleção de obras de pintura.

Pinaculo
s.m. A parte mais elevada de um edifício, de uma montanha etc. / Arquitetura. A parte superior de um contraforte. (Sin.: cimo, auge, cume.) // Fig. Estar no pináculo, estar numa alta posição ou no poder.

Pinasio
s.m. Cada uma das pequenas fasquias que nos caixilhos das portas e janelas servem para segurar e separar os vidros uns dos outros. / Bras. Cada uma das tábuas verticais que sustentam a tábua horizontal do degrau das escadas.

Pinca
s.f. Instrumento com braços articulados, semelhante a uma pequena tenaz, cujas extremidades, achatadas ou redondas, servem para segurar objetos. / Parte da frente da ferradura de um cavalo. / Parte interior e inferior do casco do cavalo. / Cost. Prega cosida pelo avesso do tecido para diminuir a largura e dessa forma ajustar a roupa ao corpo. (Neste caso usa-se também a forma pence, aport. do fr. pince.)

Pincar
v.t. Segurar, prender ou apertar com pinça, ou como com pinça.

Pincaro
s.m. Pináculo; cume, pico.

Pince-nez
s.m. (pal. fr.) Óculos leves que se mantêm no nariz pela pressão de uma mola.

Pincel
s.m. Instrumento formado por um tufo de pêlos preso à extremidade de um cabo, que serve para pintar, espalhar cola etc. / Fig. Maneira de pintar: pincel audacioso. / O próprio pintor: excelente pincel.

Pincel-de-estudante
s.m. Botânica. Planta da família das compostas, ornamental. encontrada no Brasil.

Pincelada
s.f. Traço, toque de pincel.

Pincelar
v.t. Aplicar o pincel em; pintar ou tingir com pincel.

Pinceleiro
s.m. Recipiente com duas divisões onde os pintores apanham o óleo e limpam os pincéis. / Vendedor ou fabricante de pincéis.

Pinchar
v.t. Jogar, fazendo dar saltos; empurrar. / Bras. Fam. Atirar longe; jogar fora. / &151; V.i. Fam. Pular, saltar, dar pinchos. / &151; v.pr. Bras. Lançar-se.

Pincho
s.m. Pulo, salto, cabriola. / Pequeno pé-de-cabra. / Port. Lingüeta de ferro que levanta a tranqueta da aldraba.

Pindaiba
s.f. Corda feita com fio de palha de coqueiro. / Árvore anonácea. / Fam. Penúria, falta de dinheiro. // Estar ou andar na pindaíba, estar sem dinheiro.

Pindarico
adj. À maneira de Píndaro.

Pindoba
s.f. Bras. Planta da família das palmáceas.

Pindorama
s.m. A região das palmeiras. / Designação popular dada ao Brasil pelos naturais da região andina. / Antiga designação dada ao Brasil.

Pineal
adj. Que tem forma de pinha. // Glândula pineal, corpúsculo oval, do tamanho de uma ervilha, situado no mesencéfalo. (O mesmo que epífise [glândula].)

Pinga
s.f. Gota; pingo. / Pop. Bebida; vinho. / Cachaça; aguardente. // Ficar sem pinga (ou pingo) de sangue, empalidecer; perder as cores. // Estar na pinga, estar embriagado.

Pingadeira
s.f. Sucessão de pingos. / Pop. Negócio que rende pouco mas continuamente. / Pop. Mênstruo. / Blenorragia. / Parte saliente de uma cornija, ou telhado suplementar, cujo fim é fazer que a água da chuva caia a certa distância da base da parede.

Pingado
adj. Cheio de pingos; que caiu gota a gota. / Pop. Embriagado. / Pop. Diz-se do leite em que se pingam algumas gotas de café.

Pingar
v.t. Deitar pingos em. / &151; V.i. Deixar cair de si um líquido aos pingos. / Chover brandamente, começar a chover./ Gotejar.

Pingente
s.m. Jóia ou pedra preciosa que pende em forma de gota e que fica presa em outra. / Peça de cristal facetado ou polido que orna um lustre. / Triângulo esférico colocado entre os grandes arcos que suportam uma cúpula, que permite passar do plano quadrado ao plano circular. / Passageiro que viaja no estribo de bonde ou ônibus, ou vai pendurado à porta de um trem.

Pingo
s.m. Pequena porção de qualquer líquido (leite, café, água em geral, chuva). / Gota. / Bras. Porção muito pequena. / (RS) Cavalo de sela, bom e bonito.

Pingue
adj. Gordo. / Fértil, abundante. / Rendoso, lucrativo.

Pingue-pongue
s.m. Jogo que lembra o tênis, praticado sobre uma mesa por dois adversários (ou duas duplas deles), que rebatem uma pequena bola de plástico com raquetes de pequenas dimensões; tênis de mesa.

Pinguela
s.f. Gancho ou pequeno pau com que se armam ratoeiras, armadilhas, arapucas. / Peça de madeira atravessada sobre um leito de água para servir de ponte.

Pinha
s.f. Conjunto das sementes do pinheiro. / Fruto de certas plantas, especialmente as da família das anonáceas. / Objeto ou ornato semelhante à pinha.

Pinha-da-baia
s.f. Botânica. O mesmo que fruta-de-conde.

Pinha-marinha
s.f. Molusco bivalve de concha triangular, que chega a ter 60 cm.

Pinhal
s.m. O mesmo que pinheiral.

Pinhao
s.m. Cada uma das sementes contidas na pinha; semente do pinheiro. / Peça do diferencial dos automóveis.

Pinheira
s.f. Bras. Arbusto da família das anonáceas, que produz a pinha ou fruta-de-conde.

Pinheiral
s.m. Terreno plantado de pinheiros. O mesmo que pinhal.

Pinheirinho
s.m. Pequeno pinheiro. / Planta da família das podocarpáceas.

Pinheiro
s.m. Nome comum do maior e mais importante grupo das coníferas. &151; Há outras árvores que produzem cones e pertencem à família dos pinheiros. Entre essas, encontram-se os lariços e os abetos, mas todas diferem do gênero Pinus, que abrange cerca de 80 espécies distribuídas pelas regiões temperadas.

Pinheiro-guarda-sol
s.m. Árvore da família das pináceas, da região mediterrânea, assim chamada pela forma de sua copa.

Pinheiro-maritimo
s.m. Planta da família das pináceas.

Pinheiro-silvestre
s.m. Planta medicinal da família das pináceas.

Pinho
s.m. Madeira do pinheiro; pinheiro. / Bras. Pop. Violão, viola.

Pinicar
v.t. Bras. Picar, com o bico, como fazem as aves. / Beliscar. / Picar (produzir comichão ou ligeira ardência). / Bras. (S) Picar, fincar as esporas. / (NE) Piscar.

Pinima
s.f. Bras. Praga, coisa ruim, daninha ou fatal. / Implicância, birra. / &151; Adj. Ruim, de pouco valor.

Pinipede
adj. Que tem os pés em forma de barbatanas. / &151; S.m.pl. Zoologia Ordem de mamíferos marítimos, adaptados também à vida em terra, como as focas, as morsas, as

Pino
s.m. Haste de metal, cilíndrica e alongada, que se introduz em orifícios de duas ou mais peças para as ligar ou lhes permitir a articulação. / Haste de válvula em motor de explosão. / Cada uma das peças que se introduzem numa tomada para estabelecer contato elétrico temporário. / O ponto mais alto a que chega o Sol ou qualquer astro; zênite. // Sol a pino, o sol ao meio-dia. // Bater pino, baterem os tuchos de um motor de explosão em marcha forçada; fig. e pop. revelar cansaço ou exaustão. // &151; loc. adv. A pino, a prumo, verticalmente.

Pinoia
s.f. Chul. Mulher taful e de maus costumes. / Bras. Pop. Coisa sem valor; mau negócio. (Us. também como adj.)

Pinot
s.m. (pal. fr.) Casta francesa de uvas, cultivada especialmente na Borgonha.

Pinote
s.m. Salto de cavalgadura; escoiceamento. / Pulo, pirueta.

Pinotear
v.i. Dar pinotes.

Pinscher
s.m. (pal. al.) Raça de cães de pequeno porte, de cor preta e avermelhada ou acaju.

Pint
s.m. (pal. ingl.) Unidade de medida de capacidade anglo-saxônica, equivalente a 0,56825 l na Grã-Bretanha, 1,136 l no Canadá e 0,473 l nos Estados Unidos da América.

Pinta
s.f. Nódoa, pequena mancha, sinal. // Gír. Ter pinta brava, ser indivíduo suspeito, perigoso. // Boa pinta, elegante, de bom aspecto. // Conhecer pela pinta, classificar à primeira vista. // Ter pinta de, parecer, ter o aspecto de: tem pinta de artista.

Pintado
adj. Colorido, coberto de tinta. / Fig. Descrito com exatidão. / &151; S.m. Ant. Chita (tecido).

Pintalgado
adj. Que tem cores ou desenhos variados; sarapintado.

Pintalgar
v.t. Diversificar por cores e desenhos variados; variegar, matizar; sarapintar.

Pintao
adj. Bras. Diz-se do fruto que principia a amadurecer. / Mestiço.

Pintar
v.t. Reproduzir por linhas e/ou por cores. / Colorir. / Recobrir de tinta. / Tingir. / Fig. Descrever, representar verbalmente de maneira fiel. / &151; V.i. Mudar de cor. / Surgir, aparecer, despontar. / &151; v.pr. Maquilar-se. // Pintar o sete, divertir-se muito, fazer tropelias, andar na pândega.

Pintarroxo
s.m. Pequeno pássaro da família do tentilhão. &151; O pintarroxo comum vive na Europa e no norte da Ásia. Via de regra, é castanho, com listras escuras no dorso. A fronte e o peito do macho adquirem coloração vermelha durante a estação de acasalamento. Os pintarroxos são pássaros de gaiola muito apreciados, por causa de seu canto mavioso e sua alegre disposição de ânimo.

Pintassilgo
s.m. Zoologia Pássaro canoro também conhecido como canário selvagem por causa de seu canto mavioso. &151; O pintassilgo americano, a espécie mais comum na América do Norte, é encontrado na maior parte dos E.U.A. e no sul do Canadá.

Pinto
s.m. Filhote de galinha, pintinho. / Pop. Pênis, especialmente de meninos. / Antiga moeda de prata, portuguesa, que valia 480 réis. / Pop. Coisa fácil. // Pinto calçudo, pinto que tem as pernas cobertas de penugem.

Pintor
s.m. Pessoa que exerce a arte da pintura, ou tem por profissão pintar. / Fig. Escritor que descreve algo de maneira viva e fiel.

Pintura
s.f. Ação de pintar; arte de pintar. / Obra de arte, especialmente a realizada com tintas, que representa uma pessoa, objetos, uma paisagem. / Revestimento das superfícies por uma matéria colorida. / Fig. Descrição: a pintura dos costumes.

Pinturesco
adj. Pitoresco.

Pinula
s.f. Pequena placa de metal colocada perpendicularmente em cada extremidade de uma alidade.

Pinyin
s.m. (pal. chin.) Sistema de transcrição fonética dos ideogramas chineses adotado na República Popular da China a partir de 1958. (Baseia-se na pronúncia pequinesa.)

Pio
s.m. Voz imitativa de certas aves. / Recurso de que se servem caçadores para atrair pássaros. / Instrumento adaptado para esse fim.

Pioderma
infecção da pele (pop)

Piogenico
infeccioso, que produz pus (pop)

Piolheira
s.f. Grande quantidade de piolhos. / Fig. Porcaria; pocilga. / Pop. Negócio que rende pouco; coisa de nenhum valor. / Habitação imunda.

Piolhento
adj. Que tem piolhos; sujo, imundo.

Piolho
s.m. Pequeno inseto que suga a seiva de plantas ou o sangue de animais. &151; Os piolhos são parasitos de animais e vegetais. Três tipos de piolhos parasitam a espécie humana, o piolho-da-cabeça, o piolho-do-corpo e o piolho-do-púbis. Os piolhos-do-corpo são os principais transmissores, para o homem, do tifo exantemático. O tifo exantemático, causado por uma rickettsia, transmitida pelo piolho, é uma doença febril aguda, altamente infecciosa e epidêmica. Além do tifo exantemático, os piolhos são transmissores da febre recorrente e causadores de uma dermatite irritante, a pediculose. Os piolhos-do-púbis, vulgarmente conhecidos como chatos, afetam a região das virilhas e do púbis, assim como, mais raramente, as axilas, o tórax, os cílios e os supercílios.

Piolho-de-cobra
s.m. Bras. Nome vulgar da centopeia e do embuá.

Pioneirismo
s.m. Caráter ou qualidade de pioneiro.

Pioneiro
s.m. Explorador de sertões; aquele que primeiro abre ou descobre caminhos através de regiões desconhecidas. / Fig. O que se antecipa na adoção ou defesa de novas idéias ou doutrinas; precursor.

Pior
adj. Comparativo irregular de mau; mais mau; que excede em maldade ou em ruindade. / Precedido de artigo, o mais mau: o pior de todos (superl.). / &151; Adv. Comparativo de mal, mais mal:

Piora
s.f. Ato ou efeito de piorar.

Piorar
v.t. Tornar pior, agravar. / &151; V.i. Tornar-se pior.

Piorreia
s.f. Medicina Derramamento de pus. / Supuração entre o dente e os tecidos vizinhos.

Pipa
s.f. Vasilha de madeira, menor que o tonel e maior que o barril. / Variedade de papagaio de papel, brinquedo de meninos. / Cachimbo. / Pop. Beberrão. / Pop. Pessoa gorda, de formas cheias e pesadas.

Piparote
s.m. Pequena pancada com a cabeça do dedo médio ou do indicador, que, momentaneamente apoiados ao polegar, dele se soltam com força.

Pipeline
s.m. (pal. ing.) Canalização, tubulação usada para o transporte a grandes distâncias de fluidos, especialmente petróleo (oleoduto) ou gás (gasoduto).

Piper-cub
s.m. (pal. ing.) Avião muito leve destinado a observação ou turismo.

Piperaceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas dicotiledôneas, cujo tipo é a pimenteira.

Piperina
s.f. Química Alcalóide da pimenta.

Piperonal
s.m. Química Produto resultante da oxidação do ácido pipérico, empregado em perfumaria pelo seu cheiro semelhante ao do heliotrópio.

Pipeta
s.f. Tubo de vidro usado nas análises e experiências de laboratório.

Pipi
s.m. Urina, pênis ou vagina, na linguagem das crianças. // Fazer pipi, urinar. O mesmo que fazer xixi.

Pipia
s.f. Tubo pequeno e delgado, geralmente de palha, que produz som agudo e forte quando soprado. / Bras. Determinada ave. // Voz de pipia, voz muito aguda, de falsete.

Pipiar
v.i. Piar (as aves); produzir som semelhante ao das aves. / &151; S.m. O piar das aves. (Var.: pipilar.)

Pipio
s.m. Ato de pipiar.

Pipoca
s.f. Bras. Grão de milho arrebentado ao calor do fogo para se comer. / Fig. Verruga; pequeno grão ou caroço na pele. / Na linguagem dos garimpeiros, diamante grande. // Pipocas!, exclamação que traduz aborrecimento, decepção.

Pipocar
v.t. e v.i. Bras. Arrebentar; explodir; estalar. / Ferver em borbotões.

Pipoqueiro
s.m. Bras. Vendedor de pipocas.

Piprideos
s.m.pl. Zoologia Família de aves de pequeno porte, gritadoras, de bico largo e curto, e a que pertence o tangará.

Pique
s.m. Jogo feito com trinta e duas cartas. / Casta de tecidos feito de dois panos aplicados um sobre o outro e unidos por pontos cujas linhas formam desenhos.

Piquenique
s.m. Passeio com refeição no campo, na praia, ao ar livre.

Piqueta
s.f. Estaca que se crava no chão para demarcar terrenos.

Piquetar
v.t. Cravar estacas para demarcar o traçado de um terreno, uma estrada etc.

Piquete
s.m. Tropa que se mantém disponível na caserna para prestar serviços eventualmente. // Piquete de greve, grupo de grevistas postos diante de um local de trabalho para impedir a entrada de trabalhadores.

Piquira
adj. e s.m. Diz-se do, ou o cavalo de pequena estatura. / Peixe miúdo. / Fig. Indivíduo insignificante. / Homem baixinho.

Pira
s.f. Fogueira onde os gregos e romanos queimavam cadáveres. / Fig. Crisol, prova.

Piracema
s.f. Bras. (AM) Arribação de peixes em grandes cardumes. / Época em que ocorre essa arribação, principalmente para a desova. / Cardume de peixes. / Bras. (SP) O rumor que fazem os peixes ao subir para a nascente na época da desova.

Pirado
adj. Gír. Fora de si, adoidado.

Piralene
s.m. Composto orgânico líquido utilizado para isolamento e refrigeração de transformadores elétricos e cuja decomposição acidental, sob o efeito do calor, provoca emanações tóxicas de dioxina.

Piralide
s.f. Nome dado a várias borboletas noturnas, cujas lagartas são geralmente nocivas. (As da pirálide da videira consomem-lhe as folhas e os pedúnculos florais.) O mesmo que pírale.

Piramboia
s.f. Peixe dipnóico das bacias do Amazonas e do Paraguai. &151; Mede até 1,20m de comprimento e é de cor cinza-azeitonada, com manchas negras irregulares. Quando nascem, as pirambóias respiram através de guelras, como a maioria dos peixes. Mas, com a idade, esses órgãos vão-se atrofiando e a respiração passa a se fazer pelos pulmões. A pirambóia é então obrigada a vir repetidamente à tona para sorver ar pela boca.

Piramidal
adj. Que tem forma de pirâmide. / Fig. Colossal, notável, monumental. / Botânica. Diz-se de diversas plantas que crescem em forma de pirâmide. // Mineralogia Sistema piramidal, conjunto das formas cristalinas que se originam de uma forma piramidal comum.

Piramide
s.f. Monumento de base retangular e quatro faces triangulares, que formam uma ponta na extremidade superior. / Fig. Amontoamento de objetos em forma de pirâmide. / Apresentação de acrobacia em que umas pessoas se apóiam sobre outras, formando uma espécie de pirâmide. // Pirâmide das idades, representação gráfica das idades de um grupo humano (geralmente um estado), apresentando-se em abscissas negativas o número dos homens e em abscissas positivas o número das mulheres. // Anatomia. Pirâmide de Malpighi, elemento cônico que forma a substância medular do rim. // Matemática. Pirâmide regular, a que tem por base um polígono regular e cujo vértice se projeta ao centro desse polígono. (As faces de uma pirâmide regular são triângulos isósceles iguais.) (A área lateral de uma pirâmide regular tem por valor o semiproduto do perímetro de sua base por seu apótema. O volume de uma pirâmide é igual à terça parte do produto da superfície da base pela altura.)

Piranha
s.f. Peixe voraz que habita predominantemente a bacia do rio Amazonas e de seus afluentes como o Araguaia e o Tocantins. &151; Alguns cientistas consideram as piranhas mais perigosas que os tubarões. As piranhas só atingem de 10cm a 45cm de comprimento, mas atacam sempre em cardumes. Por vezes, os cardumes são constituídos de milhares de exemplares.

Pirao
s.m. Bras. Papa grossa de farinha de mandioca misturada em água ou em caldo. / Pop. Pitéu; qualquer coisa boa. / Gír. Mulher bonita e de formas tentadoras.

Pirar
v.i. Gír. Safar-se; fugir. / Ficar fora de si, como sob a ação de estupefacientes.

Pirarucu
s.m. Peixe da bacia amazônica, de coloração escura, com partes avermelhadas. &151; Sua cauda é vermelha. As nadadeiras dorsal e anal se situam bem atrás, junto à cauda. As escamas são grandes e ásperas, e a língua possui uma parte óssea de cerca de 20cm de comprimento, toda coberta de espinhos.

Pirata
s.m. e s.f. Fig. Pessoa que enriquece à custa de outrem. / Bras. Malandro, namorador, conquistador barato. // Pirata aéreo, pessoa que, sob ameaça, muda a rota de um avião em pleno vôo, com objetivos políticos ou intenção criminosa.

Pirataria
s.f. Ação de pirata. / Vida de pirata. / Crime cometido no mar contra um navio, sua equipagem ou sua carga. // Pirataria aérea, crime que consiste em desviar, em pleno vôo, um avião da sua rota.

Piratear
v.i. Fazer pirataria. / Roubar como os piratas.

Pireletricidade
s.f. Eletricidade que se desenvolve, num cristal, graças à variação da temperatura.

Pireno
s.m. Química Hidrocarboneto que se encontra no alcatrão da hulha.

Pires
s.m. Pratinho que se coloca debaixo de uma xícara. / Pratinho para colher esmolas.

Piretico
adj. Medicina Febril; que provoca febre.

Piretoterapia
s.f. Medicina Tratamento clínico pela elevação da temperatura.

Piretrina
s.f. Substância vermicida e inseticida que entra na composição do pó de piretro.

Piretro
s.m. Nome comum a várias espécies de plantas da família das compostas, de cujos capítulos, secos e pulverizados, se faz um inseticida. (Var.:píretro.)

Pirexia
estado febril (pop)

Piri
s.m. Espécie de junco de terrenos pantanosos de que se fazem esteiras no Norte do Brasil; piripiri.

Pirico
adj. Relativo à pira ou ao fogo.

Piridoxina
s.f. Vitamina B6.

Piriforme
adj. Que tem forma de pêra.

Pirilampo
s.m. Inseto coleóptero pentâmero que emite luz fosforescente; vaga-lume.

Piripiri
s.m. Pimenta-malagueta; condimento feito com essa pimenta. (Em Portugal, pelo menos, é pal. paroxítona.)

Pirita
s.f. Sulfeto metálico natural de ferro (FeS2) ou de ferro e cobre (calcopirita) [FeCuS2], que produz cristais com reflexos dourados.

Piroca
s.m. Bras. Chul. Pênis, especialmente de menino. / Gír. (AM) Calvo, careca.

Pirocar
v.t. Bras. Esfolar; descascar. / &151; V.i. Pelar-se, perder a pele ou a casca. / Encalvecer.

Piroclastico
adj. Originado de atividade vulcânica explosiva (diz-se de rocha, sedimento).

Piroeletricidade
s.f. Polarização elétrica de certos cristais sob a ação de uma variação de temperatura.

Pirofobia
s.f. Receio mórbido do fogo.

Piroforico
adj. Que se inflama espontaneamente em contato com o ar.

Piroforo
s.m. Substância que se inflama espontaneamente em contato com o ar.

Pirofosforico
adj. Química Diz-se de um ácido que se obtém pelo aquecimento do ácido fosfórico natural.

Piroga
s.f. Tipo de canoa movida a remo, constituída de um só tronco escavado. &151; A piroga é uma embarcação primitiva, rústica, caracterizada por sua forma comprida e estreita e que alcança boa velocidade. É usada comumente por indígenas de várias partes do mundo.

Pirogalico
adj. Ácido pirogálico, pirogalol.

Pirogalol
s.m. Fenol derivado do benzeno, empregado como revelador fotográfico.

Pirogenacao
s.f. Reação química produzida pela ação do calor.

Pirogenico
/que causa febre (pop)

Pirografo
s.m. Aparelho elétrico utilizado em pirogravura para modelar diversos materiais (madeira, cobre, marfim, osso etc.).

Pirogravador
s.m. Artista especializado em pirogravura.

Pirogravar
v.t. Praticar a pirogravura.

Pirogravura
s.f. Arte de desenhar sobre uma superfície de madeira ou couro com uma ponta incandescente ou uma chama fina. &151; Às vezes o desenho é reproduzido por meio de chapas quentes submetidas à pressão. O veludo e até mesmo o vidro podem ser decorados dessa maneira.

Pirola
s.f. Botânica. Gênero de plantas rizomatosas, típico da família das piroláceas.

Pirolatria
s.f. Adoração ao fogo.

Pirolenhoso
adj. Química Diz-se de um ácido impuro obtido pela destilação da madeira.

Pirolise
s.f. Química Decomposição química obtida por aquecimento.

Pirolito
s.m. Certo estribilho popular.

Piromancia
s.f. Adivinhação por meio do fogo.

Piromania
s.f. Compulsão ou impulso mórbido de atear fogo às coisas. &151; Os psiquiatras acreditam que muitos pirômanos sentem excitação sexual em decorrência da ação de atear fogo. Tais emoções são tomadas como relacionadas ao prazer normal que sente a criança ao brincar ou olhar para o fogo. Um pirômano pode sentir desejo de cometer incêndio premeditado.

Piromaniaco
adj. Que diz respeito a piromania./ &151; S.m. O mesmo que pirômano.

Piromano
s.m. Indivíduo atacado de piromania.

Pirometria
s.f. Medida das altas temperaturas.

Pirometrico
adj. Relativo à pirometria.

Pirometro
s.m. Instrumento usado para medir as temperaturas muito elevadas. (A luneta pirométrica de Féry, com aparelhamento termoelétrico, é utilizada para determinar a temperatura de fornos metalúrgicos.)

Piroscopio
s.m. Instrumento para indicar que a temperatura atingiu determinado grau.

Pirose
s.f. Dor cáustica ao longo do esôfago, desde o epigastro até a faringe; azia.

Pirosfera
s.f. Parte do globo terrestre situada entre a barisfera e a litosfera.

Pirossulfurico
adj. Diz-se de um ácido que se obtém aquecendo o ácido sulfúrico.

Pirotecnia
s.f. Ciência das matérias explosivas. / Arte de manipular as matérias explosivas e as composições pirotécnicas. / Fabricação dos fogos de artifício. / Pirotécnica.

Pirotecnico
adj. Que se refere à pirotecnia. // Composições pirotécnicas, misturas ou combinações que servem para produzir fogos de artifício. / &151; S.m. Especialista em pirotécnica. / Fogueteiro.

Piroxenio
s.m. Nome de um grupo de minerais freqüentemente encontrado com outros minerais conhecidos por feldspatos. &151; Os piroxênios são compostos de ferro, calcário, magnésio e sílica. Esses minerais, juntamente com os feldspatos, constituem as lavas e rochas ígneas mais escuras.

Piroxila
s.f. Produto resultante da ação do ácido nítrico sobre matéria celulósica (madeira, papel etc.).

Pirraca
s.f. Coisa feita por acinte, de propósito; desfeita; teimosia.

Pirracento
adj. Dado a fazer pirraças.

Pirralho
s.m. Criança; pessoa de pequena altura.

Pirrica
adj. e s.f. Antig. gr. Dizia-se de, ou dança militar em que os executantes se apresentavam armados.

Pirrol
s.m. Composto heterocíclico incolor C4H5N, de ciclo pentagonal, extraído do alcatrão de hulha.

Pirronico
adj. e s.m. Que ou aquele que segue a doutrina do pirronismo. P. ext. Que duvida ou finge duvidar de tudo.

Pirronismo
s.m. Doutrina do filósofo Pirro. / Hábito de duvidar de tudo, real ou aparentemente. / Ceticismo. / Fam. Teimosia, obstinação.

Pirueta
s.f. Coreogr. Rodopio sobre um pé. / Salto acrobático; cabriola. / Evolução arrojada feita por aviões.

Piruetar
v.i. Fazer piruetas, saltar, dar cabriolas.

Pirulito
s.m. Bala em forma de cone, presa a um palito por onde se pega para que se possa ser chupada. / Pop. Pessoa muito magra.

Pisa
s.f. Ato de pisar. / Maceração da uva com os pés. / Bras. (NE) Sova, surra, tunda.

Pisa-mansinho
adj. e s.m. e s.f. Que ou aquele que é sonso, disfarçado, manhoso.

Pisadura
s.f. Contusão que deixa marca azulada. / Mancha em uma fruta que foi apertada.

Pisamento
s.m. Ação de pisar, pisadela, pisadura; pisa (das uvas).

Pisar
v.t. e v.i. Calcar, esmagar uma coisa pouco resistente. / Andar, pôr os pés sobre. / Moer com pilão. / Fig. Magoar com pancada. / Fig. Ofender, melindrar. / Vencer, subjugar. // Pisar aos pés, desprezar, humilhar. // Pisar o palco, representar um teatro. // Pisar em ovos, andar de mansinho, agir com cautela. // Pisar nos calos ou na trouxa, atingir o ponto sensível de alguém, ofender.

Pisca
s.f. Grão miúdo, coisa muito pequena; pó; átomo; fagulha.

Pisca-pisca
s.m. Autom. Farol luminoso intermitente, que indica mudança de direção, ou pede atenção.

Piscadela
s.f. Ato de piscar o olho. / Sinal dado por esse modo.

Piscar
v.t. e v.i. Entreabrir os olhos, fechá-los e abri-los rapidamente. / Fig. Diz-se das luzes que tremem. // Piscar a (ou para) alguém, olhar para alguém piscando os olhos, ou dar-lhe sinal por esse modo.

Piscatoria
s.f. Composição poética semelhante à égloga, que trata de coisas de pesca e cujas personagens são pescadores.

Piscatorio
adj. Relativo à pesca ou aos pescadores.

Piscicola
adj. Relativo à piscicultura. / Zoologia Certa espécie de parasitos dos peixes.

Piscicultor
s.m. Aquele que se dedica à piscicultura.

Piscicultura
s.f. Arte de criar e de multiplicar peixes.

Pisciforme
adj. Que tem forma de peixe.

Piscina
s.f. Tanque artificial para a natação.

Piscivoro
adj. Que se alimenta de peixes.

Pisco
s.m. Ave passeriforme da família dos turdídeos, comum nas matas européias.

Piscoso
adj. Que é abundante em peixe.

Pisiforme
adj. Que tem a forma e o tamanho de uma ervilha. / &151; S.m. Anatomia. Quarto osso da primeira fila do carpo.

Piso
s.m. Parte horizontal do degrau de uma escada, onde se pisa. / Pavimento, andar de um edifício etc. / Soalho, chão.

Pisolita
s.m. Geologia Grão, geralmente calcário, de 2 ou 3 mm.

Pisolitico
adj. Que diz respeito a pisólita. / Rocha formada de pisólitas.

Pisotear
v.t. Bras. Calcar com os pés; pisar. / Fig. Humilhar; maltratar, espezinhar.

Pisoteio
s.m. Ato ou efeito de pisotear.

Pista
s.f. Vestígio. / Rastro deixado por pessoa ou animal. / Via, caminho reservado a automóveis, bicicletas, cavalos etc. / Terreno onde pousam, ou de onde decolam os aviões. / Estrado ou soalho onde se dança. // Seguir na pista de, seguir os passos de.

Pistache
ou PISTÁCIO

Pistacho
s.m. O mesmo que pistache.

Pistacia
s.f. Árvore resinosa terebintácea.

Pistacio
s.m. O mesmo que pistache.

Pistao
s.m. V. ÊMBOLO (de motor). / Instrumento musical de sopro também chamado cornetim ou trompete.

Pistilo
s.m. Órgão sexual feminino dos vegetais fanerogâmicos, que forma o verticilo central da flor.

Pistola
s.f. Arma de fogo leve, de cano curto, que se dispara com uma só mão. / Pulverizador de tinta. / Nome de várias moedas antigas, especialmente uma moeda de ouro francesa, de valor variável, e outra espanhola, também de ouro, que valia dois escudos. / Chul. Pênis.

Pistolao
s.m. Pistola grande. / Bras. Fig. Pessoa influente que intervém em favor de outra.

Pita
s.f. Material têxtil extraído das folhas da agave, com o qual se fazem cordas.

Pitada
s.f. Porção que se pode apanhar de algumas substâncias com dois dedos. / Porção de rapé, que se toma entre o polegar e o indicador, para cheirar. / Ação de fumar cigarro, sobretudo cigarro de palha, ou cachimbo.

Pitagorico
adj. Que diz respeito a Pitágoras, à sua escola ou às suas doutrinas.

Pitagorismo
s.m. Doutrina de Pitágoras.

Pitagorista
s.m. e s.f. Adepto da doutrina de Pitágoras.

Pitanca
s.f. Ração dada nas comunidades. / Prato extraordinário que se dá em dias festivos. / Esmola da missa. / P. ext. Toda espécie de comida, à exceção do pão.

Pitanga
s.f. Fruto da pintangueira. &151; Essa é um arbusto brasileiro, muito ramificado, que se pode tornar uma árvore se devidamente cultivado. Cresce nos terrenos arenosos próximos ao mar. Tem folhas verdes, pequenas e lustrosas. As flores são também pequenas, mas alvas e solitárias.

Pitangueira
s.f. Planta da família das mirtáceas, que produz a pitanga.

Pitar
v.t. e v.i. Bras. Pop. Fumar, cachimbar. // Pitar do Vicente, passar mal; padecer; ver-se em dificuldades.

Pitecantropo
s.m. Nome de um fóssil de primata, encontrado em Java, em 1891, com numerosos caracteres humanos. (É considerado como intermediário entre o macaco e o homem.)

Piteira
s.f. Pequena peça, de madeira, de metal ou de outras substâncias, a que se adapta um cigarro ou um charuto, para fumar. / O mesmo que boquilha. / Planta amarilidácea, de cuja seiva se faz aguardente e cujas folhas fornecem fibras têxteis; agave.

Pitem
s.m. Pequeno entalhe numa viga, para facilitar a introdução de pregos de forma que sua cabeça se embeba também na madeira.

Piteu
s.m. Fam. Petisco; coisa boa; manjar saboroso.

Pitia
s.f. Profetisa que dava oráculos em nome de Apolo de Delfos.

Pitiatico
adj. Relativo ao pitiatismo.

Pitiatismo
s.m. Conjunto de perturbações nervosas ou histéricas suscetíveis de cura pela sugestão.

Pitico
adj. Relativo a Pítia. // Apolo pítico, Apolo vencedor da serpente Píton.

Pitiriase
s.f. Dermatose caracterizada pelo aparecimento de pequenas manchas rosadas e escamosas.

Pitiu
s.m Cheiro próprio do peixe na salga. / Qualquer cheiro que lembre esse, sobretudo o do bacalhau.

Pito
s.m. Bras. Cachimbo, cigarro. / Na bola de futebol, tubo de borracha onde se aplica a bomba para enchê-la. / Bras. (S) Cavalo magro. // Estar de pito aceso, estar assanhado, excitado. //

Pitomba
s.f. Bras. Fruto da pitombeira. &151; Essa árvore, alta, de grande copa e casca lisa, é encontrada do Pará até São Paulo. As folhas são alternas e compostas. As flores, pequenas, brancas e perfumadas, formam cachos finos e compridos. A pitomba é uma baga de cerca de 25mm, de forma esférica e casca dura. Suas sementes vêm envoltas por matéria carnosa transparente, comestível e de sabor agridoce.

Pitombada
s.f. Golpe e arremesso de pitomba ou de caroço dessa fruta. / Tapa, bofetão.

Pitombeira
s.f. Árvore sapindácea do Brasil cujo fruto é a pitomba.

Piton
s.m. Serpente da Ásia e da África, não venenosa, que constringe as presas com seus anéis. (O píton reticulado, ou molura, da península da Malásia, mede de 7 a 10 m e atinge o peso de 100 kg; é a maior serpente que existe atualmente.) / Adivinho, mágico, profeta.

Pitonisa
s.f. Sacerdotisa de Apolo; pítia. / Mulher que prediz o futuro; profetisa.

Pitoresco
adj. Que chama a atenção pela beleza, pela originalidade. / Que diz respeito à pintura. / Digno de pintar-se.

Pitosporo
s.m. Arbusto de folhas ornamentais e flores odorantes.

Pitu
s.m. Bras. Grande camarão de água doce.

Pituita
s.f. Humor branco e viscoso segregado por diversos órgãos, particularmente nariz e brônquios. / Vômito aquoso que sobrevém pela manhã nos alcoólatras ou nas pessoas atacadas de gastrite.

Pituitario
adj. Relativo à pituíta. // Membrana pituitária, membrana mucosa que forra as cavidades nasais. // Glândula pituitária, a hipófise.

Pium
s.f. Bras. (N) Espécie de mosquito muito miúdo.

Piuria
s.f. Presença de pus na urina. (Var.: piúria.)

Pivete
s.m. Rolo de substâncias aromáticas que se queima para perfumar. / &151; s.m. e s.f. Criança ladina com ares de adulto. / Gír. Menino(a) ladrão, ou que anda com gatunos, auxiliando-os.

Pivo
s.m. Haste metálica que serve para sustentar coroas nas raízes ou incrustações dos dentes. / Fig. Centro, base, causa principal.

Pivotante
adj. Botânica. Diz-se de uma raiz que se enterra perpendicularmente, como prolongamento natural do caule.

Pixaim
s.m. Carapinha. / &151; Adj. Encarapinhado (falando-se do cabelo).

Pixel
s.m. (pal. ing.) Qualquer dos mínimos elementos discretos que em conjunto constituem uma imagem (p. ex., numa fotografia, numa tela de tevê).

Pixide
s.f. Cofre ou vaso fechado, que servia outrora para guardar jóias, para encerrar a hóstia sagrada. / Botânica. Cápsula de fruto, cuja parte superior se levanta à maneira de tampa, como a do morrião.

Pixidio
s.m. Botânica. Gênero de frutos secos que se abrem transversalmente como na sapucaia.

Pizza
s.f. (pal. it.) Iguaria, sob a forma de torta, feita de massa de farinha de trigo e guarnecida com queijo, tomate, anchovas etc.

Pizzaria
s.f. Restaurante especializado em pizzas; loja em que se vendem pizzas para viagem.

Pizzicato
s.m. (pal. it.) Passagem de música que se executa dedilhando as cordas de um instrumento que ordinariamente se toca com arco.

Pk
s.m. Constante que caracteriza o grau de dissociação iônica de um eletrólito a uma dada temperatura.

Placa
s.f. Folha de metal mais ou menos espessa; chapa; lâmina. / Lâmina metálica fixa em parede, que sustenta, na parte inferior, vela ou candeeiro. / Reparo dos morteiros. / Broche. / Condecoração. / Chapa de metal que se prega nos veículos com o número da licença para circular. / Física. Um dos elétrodos de um tubo eletrônico. / Computação. Placa plana, retangular, de fibra de vidro, na qual se gravam chips e outros componentes eletrônicos do computador; placa de circuitos impressos. / Computação. Adaptador. // Placa lógica, placa do computador onde ficam os circuitos principais do computador (a unidade central de processamento, os chips de apoio ao microprocessador, a memória RAM e diversos slots de expansão); placa-mãe.

Placa dentaria
tártaro (pop)

Placa-mae
s.f. Comp. Placa lógica.

Placar
s.m. Tabuleta onde se inscrevem os resultados de competições esportivas, eleições etc. / O próprio resultado dessas competições: o placar do jogo foi 2 x 2.

Placebo
/medicamento destinado mais a agradar do que a beneficiar o (pop)

Placenta
s.f. Nos mamíferos, órgão que serve para estabelecer a comunicação entre o sistema circulatório do feto e o da mãe durante a gestação. (A placenta humana, pesando de 500 a 600 g, é expulsa logo após o parto.) / Botânica. Região do ovário onde são fixados os óvulos.

Placentario
adj. Que pertence à placenta. / &151; S.m.pl. Zoologia Grande divisão dos mamíferos que possuem placenta.

Placidez
s.f. Qualidade ou estado do que é calmo; tranqüilidade, serenidade, sossego.

Placido
adj. Calmo, tranqüilo, sereno, sossegado.

Placido
adj. Calmo, tranqüilo, sereno, sossegado.

Placito
s.m. Aprovação, beneplácito. / Promessa que os bispos fazem de viver castamente. / Pacto.

Plafonie
s.m. (aport. do fr. plafonnier) Lâmpada ou lustre muito colado ao teto.

Plaga
s.f. País, região.

Plagal
adj. Diz-se de um dos oito tons do canto gregoriano.

Plagiador
s.m. O mesmo que plagiário.

Plagiar
v.t. Copiar obras alheias, apresentando-as como de sua própria autoria.

Plagiario
s.m. Autor que apresenta como de sua autoria o que copiou de outrem. O mesmo que plagiador.

Plagio
s.m. Ação do plagiário; cópia, mais ou menos disfarçada, de obra alheia.

Plagioclasio
s.m. Mineralogia Nome genérico dos feldspatos de lascagem oblíqua.

Plagiostomos
s.m.pl. Zoologia Ordem de peixes cartilaginosos de boca ventral, em forma de U invertido.

Plaid
s.f. (pal. escocesa) Manta de tecido enxadrezado, nas cores de um clã, com que os escoceses, em vestimenta nacional, recobrem o dorso. / Capa de viagem, em tecido quadriculado.

Plaina
s.f. Ferramenta de carpinteiro, constituída por uma peça de madeira ou metal na qual vai embutida uma lâmina de aço afiada, e destinada a desbastar ou alisar madeira; cepilho. / Implemento ligado a um trator e utilizado na movimentação de terra para aterro, abertura de estradas etc.

Plana
s.f. Classe, categoria, ordem.

Planador
adj. Que plana ou paira. / &151; S.m. Avião sem motor que faz evoluções no ar utilizando as correntes atmosféricas.

Planalto
s.m. Terreno elevado, que se estende em planície.

Planar
v.i. Pairar, sem mover as asas, falando-se de aves; ou sem ação do motor, falando-se do avião, planador etc.

Plancto
s.m. Conjunto de seres microscópicos ou de pequeno tamanho em suspensão no mar ou em água doce, que servem de alimentação a grande número de peixes etc.

Planctofago
adj. Que se alimenta de plancto; planctonívoro.

Planctonico
adj. Relativo ao plancto.

Planctonivoro
adj. Planctófago.

Planejamento
s.m. Ação ou efeito de planejar. / Plano de trabalho pormenorizado. / Função ou serviço de preparação do trabalho. // Planejamento familiar, instituição de uma série de medidas para melhorar as condições da vida no lar (alimentação, higiene, limitação de nascimentos etc.).

Planejar
v.t. Traçar; fazer o plano de. / Projetar, fazer tensão de. / Programar, planificar. / Planear.

Planeta
s.m. Astro sem luz própria que gira em torno do Sol. &151; São conhecidos atualmente nove planetas principais; em ordem de proximidade do Sol, são: Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano, Netuno e Plutão, a maioria deles com satélites.

Planetario
adj. Relativo aos planetas. // Sistema planetário, conjunto de planetas que giram em torno do Sol. / &151; S.m. Aparelho que demonstra o movimento dos planetas em torno do Sol. &151; O termo também inclui outras máquinas que mostram o Sol, a Lua, as estrelas e os planetas e seus satélites. Além disso, o edifício no qual esse equipamento é exposto e operado é chamado planetário. Alguns planetários são parte de observatórios e museus. Muitos planetários menores encontram-se em bibliotecas, escolas e universidades.

Planetarizacao
s.f. Propagação no mundo inteiro de um fenômeno humano local.

Planetoide
s.m. Astronomia. Pequeno planeta cuja órbita se encontra geralmente entre as de Marte e Júpiter. (Só é visível por meio de potente telescópio.)

Planetologia
s.f. Ciência cujo objeto é o estudo dos planetas e, mais genericamente, de todos os corpos do sistema solar, exceto o Sol.

Planeza
s.f. Característica de uma superfície plana.

Plangente
adj. Que chora, que pranteia. / Lastimoso, triste, lamentoso.

Planger
v.i. Soar tristemente. / Lastimar-se, chorar. / &151; V.t. Anunciar tristemente (falando-se de sino).

Planicie
s.f. Grande extensão de terreno plano; campina, esplanada.

Planificacao
s.f. Ciência que tem por objetivo o estabelecimento de programas econômicos, comportando não somente os objetivos a serem atingidos, mas igualmente a previsão das diversas etapas do financiamento e da realização do programa e, eventualmente, a descrição da estrutura dos organismos a serem criados em vista desta realização.

Planificador
adj. e s.m. Que ou o que se ocupa da planificação.

Planificar
v.t. Organizar, dirigir seguindo determinado plano.

Planimetria
s.f. Parte da geometria que estuda as superfícies planas. / Arte de medir as superfícies planas.

Planimetro
s.m. Instrumento para medir as superfícies planas.

Planisferio
s.m. Carta ou mapa que representa em um mesmo plano os dois hemisférios terrestres.

Planismo
s.m. Doutrina segundo a qual a expansão econômica não pode ser assegurada sem risco de crise senão pela planificação.

Plano
adj. Raso, liso, sem diferenças de níveis. / Fig. Fácil, acessível, claro. / &151; S.m. Traçado representando as diferentes partes de uma cidade, de um edifício, de uma máquina etc. / Planta, mapa, projeto. / Conjunto de medidas ou providências a serem tomadas; projeto.

Plano-concavo
adj. Que tem uma superfície plana e outra côncava.

Plano-convexo
adj. Que tem uma superfície plana e outra convexa.

Planorbe
s.m. Gênero de moluscos gastrópodes de água doce. (Mede 3 cm de diâmetro.)

Planta
s.f. Vegetal; ser vivo desprovido de movimento locomotor. / Parte inferior do pé do homem ou dos animais, que pousa no chão. / Desenho ou traçado que representa uma cidade, uma casa etc., em projeção horizontal.

Plantacao
s.f. Ato de plantar. / Lugar onde se cultivam plantas.

Plantadeira
s.f. Agricultura. Máquina de plantar. / Peça acessória de trator, que trabalha à frente deste, entre as esteiras, para receber sementes e espalhá-las pela terra arada.

Plantador
s.m. Aquele que planta.

Plantaginaceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas dicotiledôneas.

Plantao
s.m. Serviço para que é nomeado diariamente um soldado de cada companhia, caserna etc., a fim de policiar e responder pela limpeza da mesma. / Soldado que está nesse serviço. / Serviço noturno em hospitais, fábricas, redações de jornais etc. / Pessoa encarregada de tal serviço.

Plantar
v.t Introduzir um vegetal na terra para aí criar raízes. / Cultivar, amanhar, semear. / Fig. Fundar, estabelecer. / Implantar, fazer cultivar. / Incutir no ânimo, insinuar. / Fazer fixar, deixar parado. / &151; v.pr. Conservar-se, manter-se estacionado.

Plantel
s.m. Bras. Lote de animais de boa raça, especialmente bovinos e eqüinos, reservados para a reprodução. / Grupo de animais selecionados. / Fig. Grupo de atletas de agremiação desportiva, principalmente de futebol, com que se conta para formar uma ou mais equipes.

Plantigrado
adj. e s.m. Que ou aquele que anda sobre as plantas dos pés.

Plantio
s.m. Ação ou efeito de plantar; plantação.

Plantula
s.f. Embrião de uma planta contido numa semente.

Planturoso
adj. Volumoso, cheio, abundante, copioso.

Planura
s.f. Planície. (V. PLANALTO.)

Plaque
s.m. Folha metálica delgada, geralmente amarela ou dourada, com que se revestem objetos de metal ordinário. / Metal ordinário com que se fabricam objetos de adorno, à imitação do ouro.

Plaqueta
s.f. Pequena placa metálica. / Livro pequeno de poucas páginas. // Anatomia. Plaqueta sangüínea, elemento do sangue de grande influência em sua coagulação (número normal de 250.000 por mm3).

Plasma
s.m. A parte líquida do sangue constituída pelo soro e pelo fibrinogênio. / A substância orgânica fundamental das células e tecidos. O mesmo que protoplasma. / Física. Fluido composto de moléculas gasosas, íons e elétrons. (Estima-se que 99% da matéria do Universo exista sob a forma de plasma.)

Plasmaferese
s.f. Operação que consiste em separar dos glóbulos do sangue o plasma.

Plasmar
v.t. Formar ou modelar em gesso, em barro etc.

Plasmatico
adj. Do plasma, relativo ao plasma. / Formado por plasma. // Membrana plasmática, a que envolve a célula viva.

Plasmico
adj. Plasmático.

Plasmidio
s.m. Biologia. Elemento genético dos microrganismos (bactérias, certos fermentos), formado por um fragmento de A.D.N. independente do A.D.N. cromossômico.

Plasmificar
v.t. Transformar (um gás) em plasma.

Plasminogenio
precursor inactivo da plasmina (pop)

Plasmocito
s.m. Célula livre dos tecidos orgânicos, de núcleo excêntrico e citoplasma basófilo, que intervém no processo de imunidade humoral.

Plasmodesma
s.m. Biologia. Delgada fibrila de protoplasma, que estabelece contato fisiológico entre células vizinhas, atravessando-lhes as membranas.

Plasmodio
s.m. Massa protoplasmática com muitos núcleos. / Hematozoário responsável pela malária.

Plasmolise
s.f. Reação (perda de água, diminuição de volume) de uma célula viva imersa numa solução hipertônica. / Medicina Estado de uma célula cuja tensão osmótica é a mesma que a do líquido ambiente.

Plastia
s.f. Cirurgia. Intervenção destinada à reparação de um defeito ou à restauração de uma parte do corpo; plástica, operação plástica.

Plastica
s.f. Arte de modelar figuras em gesso, barro etc. / P. ext. A conformação, os contornos do corpo humano. / Arte de reconstituir artificialmente qualquer parte lesada do corpo humano; operação de embelezamento.

Plasticidade
s.f. Qualidade das matérias que podem ser moldadas. / Psicologia Capacidade de um sujeito para adaptar-se às condições ambientes.

Plasticizacao
s.f. Var. de plastificação.

Plastico
adj. Passível de ser moldado ou modelado. / Relativo à plástica, à forma sensível: artes plásticas. // Matéria plástica, o mesmo que plástico (s.m.), matéria sintética fabricada com o emprego de macromoléculas e suscetível de ser modelada ou moldada. // Operação plástica, intervenção cirúrgica destinada a restabelecer ou modificar formas anatômicas, quer por necessidade de restauração em casos de acidentes (queimaduras deformantes, feridas traumáticas etc.), quer por motivos de ordem estética (malformações congênitas).

Plastidios
s.m.pl. Formações das células vegetais que se podem encher de diversas substâncias nutritivas (amilo) ou de pigmentos (clorofila).

Plastificacao
s.m. Ação de plastificar. / O mesmo que plasticização.

Plastificadora
s.f. Máquina de plastificar (papel, tecido etc.). / Estabelecimento onde se plastifica (p. ex., um documento).

Plastificar
v.t. Tornar plástico. / Recobrir (papel, tecido etc.) com uma película de matéria plástica transparente: plastificar uma carteira de identidade. / Adicionar um produto plastificante a.

Plastigel
s.m. Plastissol que se apresenta sob a forma de gel.

Plastissol
s.m. Pasta obtida por dispersão de uma resina pulverulenta num plastificante líquido, capaz de ser moldada, fundida ou transformada num filme contínuo por aplicação de calor.

Plastrao
s.m. Gravata larga, que cobre o peito, de pontas cruzadas obliquamente. / Peitilho de camisa. / Almofada de esgrimista. / Couraça.

Plataforma
s.f. Terraço, eirado. / Obra de terra, concreto, metal ou madeira sobre a qual assenta a artilharia. / Estrado na parte posterior ou anterior de alguns vagões. / Grande estrado fixo que há nas estações das estradas de ferro para facilitar o embarque ou desembarque dos passageiros. / Pop. Aparência, simulacro. / Bras. Programa de governo de um candidato a cargo eletivo. // Plataforma giratória, grande disco horizontal móvel em torno de um eixo para deslocar vagões de estrada de ferro. // Plataforma espacial, estrado de onde se lançam foguetes e outros projéteis espaciais. // Plataforma continental, zona marítima que se segue ao litoral, de profundidade média de 200 m e de largura variável, estabelecida por ato soberano dos respectivos países.

Platanaceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas dicotiledôneas, a que pertence o plátano.

Platano
s.m. Árvore da família das platanáceas, que dá uma madeira castanho-vermelhada. &151; Cresce em baixadas férteis e ao longo de cursos de água. É encontrado em grande número na América do Norte. A árvore pode alcançar cerca de 50m de altura e seu tronco pode ter diâmetro de 4m. A casca na parte inferior do tronco é castanho-avermelhada. A casca verde-oliva dos galhos se rompe e forma pequenas escamas. Quando estas placas soltam, deixam à mostra uma casca interna de cor creme.

Plateia
s.f. O pavimento do teatro entre a orquestra e os camarotes, onde ficam os espectadores. / P. ext. Os espectadores.

Platelmintios
s.m.pl. Zoologia Ramo do reino animal que compreende os vermes de corpo longo e achatado. (Divide-se em três classes: turbelários, cestóides e trematóides).

Platelminto
s.m. Verme de corpo achatado. &151; Os platelmintos vivem na água ou na terra, ou como parasitos dos corpos de seres humanos ou de outros animais.

Plateresco
adj. Diz-se do estilo arquitetônico da primeira renascença espanhola, caracterizado por uma ornamentação comparável com a das peças de ourivesaria.

Platibanda
s.f. Arquitetura. Moldura chata, mais larga que saliente. / Grade ou muro que rodeia um terraço. / Bordadura de um canteiro de jardim.

Platina
s.f. Metal precioso de símbolo Pt, número atômico 78, massa atômica 195,08, de cor branca acinzentada, muito denso e inoxidável. &151; A platina, que é encontrada ligada a outros metais em areias produzidas pela desagregação de rochas antigas, é um metal muito duro, dúctil, maleável, muito tenaz, de densidade 21,5, e com ponto de fusão em 1.755 &186;C. É inoxidável a qualquer temperatura e resiste à ação de numerosos ácidos. É empregada na fabricação de vasos nos quais se podem efetuar reações a temperaturas elevadas ou em presença de certos ácidos. Emprega-se também na construção de numerosos aparelhos de precisão e em joalheria.

Platinado
adj. Que contém platina. / Coberto por uma fina camada de platina. / Da cor da platina: cabelos platinados. / &151; S.m. Mecânica Contato que distribui a corrente na devida seqüência para as velas dos cilindros dos motores de explosão.

Platinagem
s.f. Aplicação de uma fina camada de platina sobre certos metais. / Ação de dar a cor de platina a.

Platinar
v.t. Cobrir com uma mistura de estanho e mercúrio para branquear. / Dar o tom de platina a.

Platinifero
adj. Diz-se do minério que contém platina.

Platinotipia
s.f. Processo fotográfico baseado na ação da luz sobre os sais de platina e os sais ferrosos.

Platirrino
adj. e s.m. Antropol. Diz-se do, ou indivíduo que tem o nariz achatado, como é próprio da raça negra.

Platirrinos
s.m.pl. Zoologia Grupo de símios americanos, caracterizados por narinas muito separadas e por terem 36 dentes.

Plato
s.m. O mesmo que planalto. / Pequena extensão de terreno plano situada numa ligeira elevação.

Platoniano
adj. Relativo à filosofia de Platão. / &151; S.m. O partidário dessa doutrina.

Platonico
adj. Que tem relação com o sistema ou a filosofia de Platão. / O que é puramente ideal: amor platônico.

Platonismo
s.m. Filosofia de Platão e seus discípulos. / Qualidade do que é platônico.

Plausibilidade
s.f. Qualidade de ser plausível, de ser admissível.

Plausivel
adj. Aceitável, razoável, admissível. / O que pode passar por verdadeiro.

Play-back
s.m. (pal. ing.) Interpretação mímica com que um ator acompanha a difusão ou reprodução de um registro sonoro realizado antecipadamente. / Esse registro sonoro previamente efetuado. / Registro antecipado do acompanhamento, no processo de gravação, p. ex., de uma música, ao qual se sobrepõe mais tarde a interpretação de um solista (vocal ou instrumental) ou a voz de um locutor. (Equivalente preferível: pré-sonorização.)

Play-ground
s.m. (pal. ing.) Terreno ou pátio de certa extensão destinado a brincadeiras e jogos infantis.

Play-off
s.m. (pal. ing.) Jogo ou série de jogos finais que visam determinar o vencedor entre disputantes ou equipes empatados. / Série de jogos disputados depois do fim de uma temporada regulamentar, a fim de determinar o vencedor de um campeonato.

Playboy
s.m. (pal. ing.) Homem de posses que, não tendo ocupação certa, passa o tempo em diversões.

Plebe
s.f. Antig. rom. Classe popular da sociedade romana (por opos. aos patrícios, a classe aristocrática). / As classes mais baixas; ralé, populaça, gentalha.

Plebeidade
s.f. Condição ou qualidade do que, ou de quem é plebeu; plebeísmo.

Plebeismo
s.m. Estado, condição, modos, usos e maneiras de plebeu; vulgaridade, prosaísmo, plebeidade. / Gramática Uso de palavras chulas.

Plebeu
adj. Próprio da plebe; que não é nobre; sem refinamento, vulgar, prosaico, popular, comum. / &151; S.m. Homem da plebe, homem do povo. &151; Os plebeus pertenciam à classe popular da sociedade na antiga República Romana. Entre eles estavam os escravos libertos, os agricultores e os vassalos dos patrícios. Não se sabe como se originou a diferença entre plebeus e patrícios, embora já existisse no início do séc. VI a.C.

Plebiscito
s.m. Antig. Decreto emanado do povo romano, reunido em comício. / Voto expresso diretamente pelo povo, que tem por objeto deliberar sobre uma proposta, uma lei ou resolução que lhe é submetida.

Plecopteros
s.m.pl. Insetos pertencentes à ordem Plecoptera. &151; Os insetos dessa ordem depositam seus ovos na água. As formas jovens ou larvas vivem em cursos de água ou ao longo dos baixios rochosos de lagos e açudes. Constituem importante parcela da ração alimentar das trutas e de outros peixes de água doce. Os insetos adultos possuem asas, mas não voam bem e raramente se afastam muito dos locais em que foram procriados. Muitas vezes podem ser vistos se esgueirando e subindo em rochedos à margem da água.

Plectognatos
s.m.pl. Zoologia Ordem de peixes malacopterígios que têm a maxila superior soldada ao crânio.

Plectro
s.m. Instrumento que servia para fazer vibrar as cordas da lira. / Fig. A poesia, o gênio poético.

Pleiade
s.f. Reunião de poetas, de homens ilustres. / Astronomia. Constelação vulgarmente chamada Sete-Estrelo.

Pleistoceno
s.m. Época geológica na história da Terra que, segundo muitos geólogos, começou há cerca de 1.750.000 anos e terminou aproximadamente há dez mil anos. &151; A época plistocena abrangeu um período chamado Idade do Gelo, quando várias camadas de gelo cobriram vastas regiões da Terra. Antropólogos crêem que o ser humano primitivo começou gradualmente a evoluir para a forma atual durante o Plistoceno. / &151; Adj. Diz-se das camadas desse período: terrenos plistocenos.

Pleiteante
adj. Que pleiteia. / &151; s.m. e s.f. Pessoa que é parte num processo judicial ou administrativo.

Pleitear
v.i. Litigar, demandar, contestar na justiça. / Defender a própria causa ou a de uma parte em juízo. / &151; V.t. Discutir, disputar. / Defender em juízo. / Candidatar-se.

Pleito
s.m. Questão judicial, demanda, litígio. // Pleito eleitoral, eleições para funções públicas.

Plenamente
adv. Inteiramente, completamente. / &151; S.m. Grau de aprovação em exame com nota entre 6 e 9 (em escala de 0 a 10).

Plenario
adj. Pleno, completo. / &151; S.m. Qualquer assembléia ou tribunal que reúne em sessão todos os seus membros, e, p. ext., o local onde se reúnem em sessão.

Plenilunio
s.m. Lua cheia (v. LUA).

Plenipotenciario
adj. Diz-se do agente diplomático munido de plenos poderes: ministro plenipotenciário.

Plenitude
s.f. Estado ou qualidade do que está completo, cheio, inteiro. / Totalidade.

Pleno
adj. Cheio, inteiro, completo. / Precedida da prep. em, forma locuções que expressam com mais energia a idéia de "no meio de": em pleno dia, em plena rua.

Pleno-emprego
s.m. Situação alcançada quando a totalidade da mão-de-obra disponível de um país tem a possibilidade de conseguir emprego.

Pleonasmo
s.m. Repetição, na mesma frase, das mesmas idéias por meio de palavras diferentes. (V. REDUNDÂNCIA.)

Pleonastico
adj. Que contém pleonasmo; redundante.

Plesiossauro
s.m. Gênero de répteis fósseis da fauna mesozóica, que atingiam 5 m de comprimento.

Pletora
s.f. Medicina Superabundância de sangue. / Botânica. Excesso de seiva, que dificulta a florescência e a frutificação dos vegetais. / Fig. Exuberância, plenitude.

Pletorico
adj. Superabundante.

Pleura
s.f. Membrana serosa que forra o tórax e envolve os pulmões.

Pleural
adj. Relativo à pleura.

Pleuris
s.m. Inflamação da pleura; pleurisia, pleurite. &151; O pleuris é devido, na maioria das vezes, a uma infecção tuberculosa ou a uma infecção por germes piógenos. Manifesta-se por aparecimento de grande quantidade de líquido que pressiona o pulmão e dificulta a respiração. Os sintomas do pleuris são: dificuldade respiratória, tosse, e outros sinais de infecção, como febre etc. A punção permite examinar o líquido, introduzir antibióticos e eventualmente esvaziar a pleura em caso de derrame muito abundante. O prognóstico de todas as formas (tuberculosa ou não) de pleuris beneficiou-se enormemente com o uso dos antibióticos.

Pleurisia
pleurite, inflamação da membrana que reveste os pulmões e a cavidade torácica (pop)

Pleurite
s.f. O mesmo que pleuris.

Pleuritico
adj. Relativo ao pleuris ou atacado de pleuris. / &151; S.m. Aquele que padece de pleuris.

Pleurodinia
s.f. Medicina Dor reumática nos músculos e nervos intercostais.

Pleuronectideos
s.m.pl. Zoologia Família de peixes malacopterígios, de corpo chato, que nadam de lado, como o linguado.

Pleuronecto
s.m. Gênero de peixes chatos, assimétricos, da família dos pleuronectídeos.

Pleuropneumonia
s.f. Inflamação simultânea da pleura e do pulmão.

Pleurote
s.m. Cogumelo basidiomiceto comestível, que vive em troncos de árvores.

Pleuroto
s.m. Gênero de cogumelos agaricáceos; algumas espécies são comestíveis.

Plexiglas
s.m. Matéria plástica (polimetacrilato de metila) transparente, dura, deformável sob calor, empregada especialmente como vidro de segurança pelas indústrias aeronáutica e automobilística.

Plexo
s.m. Anatomia. Entrelaçamento de ramificações nervosas: o plexo solar está localizado atrás do estômago.

Plinio
Nome Latim - Significado: Completo, pleno.

Plinto
s.m. Arquitetura. Peça quadrangular que serve de base a uma coluna ou pedestal. / Soco em que assentam os pés de uma estátua; alaque.

Plioceno
s.m. Geologia A última das cinco épocas do período terciário, posterior ao mioceno. / &151; Adj. Diz-se das camadas dessa época: terrenos pliocenos.

Plissado
adj. Que tem dobras; franzido, pregueado.

Plissagem
s.f. Operação de plissar; pregueado; franzido.

Plissar
v.t. O mesmo que preguear.

Plistoceno
s.m. Época geológica na história da Terra que, segundo muitos geólogos, começou há cerca de 1.750.000 anos e terminou aproximadamente há dez mil anos. &151; A época plistocena abrangeu um período chamado Idade do Gelo, quando várias camadas de gelo cobriram vastas regiões da Terra. Antropólogos crêem que o ser humano primitivo começou gradualmente a evoluir para a forma atual durante o Plistoceno. / &151; Adj. Diz-se das camadas desse período: terrenos plistocenos.

Pluma
s.f. Pena de ave especialmente preparada para adorno.

Plumaceiro
s.m. Aquele que prepara plumas, ou comercia com elas.

Plumagem
s.f. Conjunto de penas que cobrem uma ave.

Plumbagina
s.f. Grafita, substância mineral escura com que se fazem lápis.

Plumbaginaceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas dicotiledôneas gamopétalas cujo tipo é o gênero plumbago.

Plumbeo
adj. De chumbo. / Cor de chumbo.

Plumbifero
adj. Que contém chumbo.

Plumbismo
s.m. Saturnismo.

Plumeo
adj. Poética Que tem plumas; emplumado.

Plumetis
s.m. Bordado de agulha que consiste em cobrir completamente um desenho com fios de algodão, seda etc., enchendo por baixo de modo que forme relevo.

Plumitivo
s.m. Depr. Jornalista, escritor.

Plumula
s.f. Botânica. A parte do embrião de onde se forma a haste do vegetal. / Pena delicada e pequena.

Plural
adj. e s.m. Gramática Diz-se da, ou a flexão nominal com que se indica a existência de mais de um ser. (Essa indicação se faz pela presença de um morfema final, que se representa na escrita pela letra s [ou uma de suas variantes es e is]; já nos nomes não-oxítonos terminados em s, a oposição singular-plural se manifesta pela concordância do artigo ou de outro determinativo: os alferes, lápis vermelhos.)

Pluralidade
s.f. O maior número; o geral. / Multiplicidade. / Gramática Característica de uma palavra no plural.

Pluralismo
s.m. Multiplicidade; o que não é único. / Doutrina filosófica que não admite, no mundo, senão seres múltiplos e individuais. / Sistema político que se baseia na coexistência de grupamentos ou de organismos diferentes e independentes em matéria de administração ou de representação: pluralismo sindical, pluralismo partidário.

Pluralista
adj. Relativo ao pluralismo. / Que adota o pluralismo / &151; s.m. e s.f. Que é adepto do pluralismo.

Pluralizar
v.t. Pôr, ou usar no plural. / Aumentar em número; multiplicar.

Plurianual
adj. Que dura ou vale por vários anos.

Pluricelular
adj. Formado de várias células: os animais pluricelulares são chamados metazoários.

Pluridisciplinar
adj. Relativo a várias disciplinas literárias, científicas, técnicas etc.

Plurilobado
adj. Multilobado.

Pluripartidarismo
s.m. Sistema político que admite a existência de diversos partidos; existência legal de diversos partidos num sistema político.

Plurivalente
adj. Química Que pode ter muitas valências. / Que pode receber muitos valores. // Lógica plurivalente, lógica, não clássica, que admite mais de dois valores da verdade (por opos. a lógica bivalente).

Plutocracia
s.f. Governo em que o poder pertence às classes ricas.

Plutocrata
s.m. e s.f. Pessoa poderosa por sua fortuna.

Plutocratico
adj. Que pertence à plutocracia.

Plutonio
s.m. Metal de símbolo Pu, número atômico 94, massa atômica 244, obtido artificialmente a partir do urânio. (A propriedade de cindir-se por bombardeio com neutrônios confere-lhe grande importância, sendo utilizado nas bombas atômicas.)

Plutonismo
s.m. Teoria que explicava a formação da crosta terrestre pela ação do fogo interior.

Pluvial
adj. Relativo à chuva; que provém da chuva. // Águas pluviais, águas de chuva.

Pluviometria
s.f. Medição da quantidade de chuva que cai num local durante certo período.

Pluviometrico
adj. Relativo à pluviometria.

Pluviometro
s.m. Instrumento utilizado para medir a quantidade de chuva que cai em um determinado lugar ou região durante um certo período de tempo. &151; De um modo geral, usa-se um pluviômetro simples. Tem a forma de um cilindro, e uma cobertura removível. Dentro do cilindro há um tubo estreito e comprido onde é medida a precipitação pluvial. A extremidade superior do tubo é ligada a um funil. A chuva cai no funil e escorre para dentro do tubo. A boca do funil tem uma superfície dez vezes maior que a do tubo. Isso significa que se 1mm de chuva cai no funil, encheria 10mm do tubo. A chuva no tubo é medida por uma "régua" especial. Com essa régua, uma profundidade de 10mm dá uma leitura de 1mm de precipitação.

Pluviosidade
s.f. Estado chuvoso. / Quantidade de chuva caída em certo lugar durante período determinado.

Pluvioso
adj. O mesmo que chuvoso.

Pneu
s.m. Forma abreviada de pneumático.

Pneuma
s.m. Espírito aéreo que alguns médicos antigos tinham como a causa da vida e das doenças. / Na filosofia estóica, princípio espiritual considerado como o quinto elemento.

Pneumalergeno
adj. e s.m. (Alérgeno) que provoca uma alergia respiratória.

Pneumatica
s.f. Ramo da física que estuda as propriedades dos gases, em repouso ou em movimento. &151; Numerosas máquinas e ferramentas empregadas na indústria resultaram do conhecimento adquirido sobre as leis da pressão e elasticidade do ar.

Pneumatico
adj. Relativo ao ar ou a gás. / Que funciona com ar comprimido. // Máquina pneumática, aparelho destinado a fazer o vácuo num recipiente.

Pneumatoforo
s.m. Zoologia Vesícula de ar que serve de flutuador às medusas e animais marinhos semelhantes.

Pneumectomia
s.f. Ablação cirúrgica de um pulmão ou de parte dele.

Pneumocistose
s.m. Pneumopatia grave que sobrevém a prematuros, crianças recém-nascidas debilitadas e pacientes imunodeprimidos, e que é uma complicação freqüente na AIDS.

Pneumococo
s.m. Bactéria do tipo diplococo, que produz a pneumonia e outras infecções.

Pneumoconiose
s.f. Nome genérico das doenças causadas pela presença de poeira ou partículas sólidas no aparelho respiratório.

Pneumogastrico
adj. e s.m. Medicina Comum ao pulmão e ao estômago. / Nervo que parte do bulbo e dá ramos aos brônquios, coração, aparelho digestivo e rins.

Pneumografia
s.f. Registro dos movimentos respiratórios.

Pneumologia
s.f. Parte da medicina que estuda os pulmões e as doenças relacionadas com eles.

Pneumologista
s.m. e s.f. Médico especializado em pneumologia e tisiologia.

Pneumonia
s.f. Inflamação do parênquima pulmonar produzido por uma bactéria (pneumococo) ou vírus específicos. &151; A pneumonia é uma doença que percorre um ciclo típico; começa por uma elevação brusca da temperatura, com calafrios, manifesta-se por sinais mais ou menos intensos (tosse, expectoração rósea); termina, após um período de febre alta, por uma "crise" no curso da qual a micção constante e os suores abundantes precedem a convalescença, mas representam uma carga para o coração. Os antibióticos encurtam a fase da febre da pneumonia, mas não modificam o ciclo da doença. (Há outras pneumonias: por aspiração de alimentos, por vírus etc.)

Pneumonico
adj. Atacado de pneumonia. / Relativo à pneumonia.

Pneumopatia
s.f. Qualquer afecção pulmonar.

Pneumoperitonio
s.m. Presença de ar no peritônio, patológica ou terapêutica.

Pneumotorax
s.m. Derramamento espontâneo de ar na pleura. / Método de tratamento da tuberculose pulmonar por introdução de nitrogênio ou ar na cavidade pleural.

Po
s.m. Partículas tenuíssimas e extremamente leves que pairam no ar ou se depositam nas coisas; poeira; polvilho. / Qualquer substância sólida pulverizada. / Medicamento seco e moído. / Gír. Cocaína em pó.

Po-de-arroz
s.m. Pó fino que se aplica à pele com finalidade cosmética.

Poalha
s.f. Poeira leve na atmosfera.

Pobre
adj. Desprovido ou mal provido do necessário. (Antôn.: provido, afortunado, rico.) / Estéril, que produz pouco. / Mau em seu gênero: um orador pobre. / Desgraçado, que inspira piedade: um pobre homem. (Neste caso, antepõe-se ao substantivo.) / &151; s.m. e s.f. Pessoa que vive em estado de necessidade.

Pobre-diabo
s.m. Fam. Pessoa insignificante, sem eira nem beira. / Pessoa de ânimo fraco, sem personalidade.

Pobremente
adv. Na pobreza, de modo pobre.

Pobretao
s.m. Aquele que é muito pobre. / Pessoa pobre, mas que procura não aparentar essa condição. / Pessoa que se finge pobre e pede sem necessidade legítima.

Pobreza
s.f. Estado do que ou de quem é pobre. / Miséria, penúria, indigência.

Pobrezinho
s.m. Diminutivo de pobre, expressão de afetuosa comiseração.

Poca
(ô)

Pocao
s.m. Bras. O lugar mais fundo de rio, lago, ou igarapé.

Poceiro
s.m. Indivíduo especializado em cavar poços.

Pocilga
s.f. Curral de porcos. / Casa ou lugar onde há imundície.

Poco
s.m. Abertura profunda cavada no solo, geralmente com parede de alvenaria, de que se tira água para uso caseiro ou industrial. / Perfuração, geralmente vertical, de diâmetro uniforme, feita no solo com o fim de extrair minério ou carvão, ou para outro fim industrial. // Poço das correntes, compartimento do barco destinado à guarda das correntes das âncoras. // Poço de petróleo, abertura feita no solo para extração de petróleo. // Fig. Poço de ciência, pessoa de muita cultura.

Poco artesiano,
poço no qual a água se eleva acima do nível da água mantida abaixo do solo. Quando a água se eleva acima da superfície da terra, o poço é chamado poço artesiano fluente.

Poda
s.f. Ação ou efeito de podar: a poda favorece o crescimento das plantas.

Podadeira
s.f. Instrumento com dois gumes que se utiliza para cortar os ramos de uma árvore. / Tesoura de podar ramos.

Podador
s.m. Pessoa que poda.

Podagra
s.f. Afecção gotosa nos pés.

Podagrico
adj. Relativo à podagra.

Podao
s.m. Instrumento de lâmina recurvada maior que o cabo, para cortar madeira, podar árvores etc. / Tesoura própria para podar; podadeira. / Fig. Pessoa trôpega, desajeitada, sem habilidade.

Podar
v.t. Botânica. Suprimir entre duas safras os rebentos que brotaram em uma árvore; cortar ramos de plantas. / Fig. Aparar, eliminar os excessos, desbastar.

Podaria
s.f. Matemática Lugar geométrico dos pés das perpendiculares baixadas de um ponto fixo sobre as tangentes a uma curva dada.

Poder
s.m. Capacidade ou possibilidade de fazer uma coisa. / Direito de agir, de decidir, de mandar. / Autoridade, governo de um país. / Mandato, procuração. // Poder espiritual, o que pertence à Igreja. // Poder temporal, o que é atribuído ao Papa como soberano territorial (por opos. ao poder espiritual); autoridade civil. / &151; S.m.pl. Conjunto de atribuições que alguém pode exercer em função do seu cargo: os poderes de um embaixador. // Poderes públicos, conjunto de autoridades governamentais que detêm o poder num país. // Poderes da República, os três poderes que compõem o governo de uma república: legislativo, executivo e judiciário.

Poderio
adj. Grande poder, autoridade. / Império. / Domínio, jurisdição.

Poderoso
adj. Que tem muito poder, grande influência. / Que dispõe de grandes forças, de grandes recursos. / Influente, altamente colocado.

Podestade
s.m. Primeiro magistrado das cidades do norte e centro da Itália nos séc. XIII e XIV.

Podio
s.m. Muro que circundava a arena dos anfiteatros formando um estrado no qual se encontravam os lugares de honra. / Espécie de pedestal ou plataforma onde se colocam os vencedores das competições esportivas.

Podoa
s.f. Podadeira.

Podologia
s.f. Estudo do pé e suas doenças.

Podologo
s.m. Especialista em podologia.

Podometro
s.m. Instrumento destinado a medir os passos de uma pessoa que anda, e que também indica, aproximadamente, a distância percorrida.

Podre
adj. Estragado, corrompido, em decomposição, deteriorado, fétido.

Podridao
s.f. Estado de podre. / Fig. Degradação, deterioração.

Podridao-branca
s.f. Doença criptogâmica das vinhas, das árvores frutíferas.

Poedeira
adj. e s.f. Diz-se de, ou galinha que põe muitos ovos.

Poedouro
s.m. Lugar onde as galinhas põem os ovos.

Poeira
s.f. Terra ou qualquer outra matéria reduzida a pó. / O pó que está no ar. // Poeira atômica, as pequenas partículas, carregadas de energia nuclear, que ficam no ar após uma explosão atômica. // Poeira cósmica, conjunto de partículas espalhadas pelo espaço galáctico.

Poejo
s.m. Erva medicinal da família das labiadas.

Poema
s.m. Obra literária em verso, geralmente um pouco extensa. / Obra em prosa, com o estilo e as fabulações da poesia. / Poema Sinfônico, peça orquestral bastante longa, com um único movimento e geralmente construída sobre uma história. Muitos poemas sinfônicos seguem a forma do primeiro movimento das sonatas, tal como desenvolvido nas sinfonias, mas com um conteúdo predominantemente emocional e dramático. Muitos compositores que empregaram a forma livre do poema sinfônico introduziram o leitmotiv (repetição de breves frases ou passagens melódicas) para unificar a obra. O poema sinfônico se tornou muito usado em meados do séc. XIX. Franz Liszt e Richard Strauss se destacaram como compositores de poemas sinfônicos.

Poemeto
s.m. Poema curto.

Poente
s.m. O ocidente. / O ocaso. / O pôr-do-sol. / &151; Adj. Que se põe. / Ant. Que põe.

Poesia
s.f. Arte de fazer versos. / Cada gênero poético. / Obra em verso, poema. / Característica do que toca, eleva, encanta. Forma especial de linguagem, mais dirigida à imaginação e à sensibilidade do que ao raciocínio. &151; Em vez de comunicar principalmente informações, a poesia transmite sobretudo emoções. Vejamos o poema Epigrama n.&176; 1, de Cecília Meireles:

Poeta
s.m. Aquele que escreve em verso. / Aquele que tem faculdades poéticas. / Fig. Homem sonhador, visionário.

Poetastro
s.m. Mau poeta.

Poetica
s.f. Arte de elaborar composições poéticas. / Tratado de versificação. / Conjunto de recursos expressivos, especialmente quanto à técnica do verso, de um escritor, de uma época.

Poetico
adj. Que pertence à poesia, que é próprio dela. / Apropriado para inspirar um poeta. / Que comove; emocionante.

Poetisa
s.f. Feminino de poeta.

Poetizar
v.t. Tornar poético. / Embelezar, idealizar.

Pogrom
s.m. (pal. russa) Movimento organizado visando ao extermínio de certas coletividades, em especial dos judeus. / Chacina de judeus.

Poial
s.m. Lugar onde se põe alguma coisa. / Banco fixo de madeira, de pedra etc., junto a um muro, ou às paredes externas de uma casa.

Pointer
apos. e s.m. e s.f. (pal. ing.) Diz-se de, ou cão perdigueiro de origem inglesa.

Pois
conj. Portanto, por conseqüência, à vista disso. / Porque.

Poise
s.m. (pal. fr.) Unidade de viscosidade dinâmica (símb.: P), no sistema C.G.S.

Poiseuille
s.m. (pal. fr.) Unidade de viscosidade dinâmica (símb.: P), no sistema C.G.S.

Poita
s.f. Náutica Corpo pesado que serve de âncora às pequenas embarcações para fundear; fateixa, pandulho.

Pojar
v.t. e v.i. Intumescer, inchar.

Polaca
s.f. Dança e música nacionais da Polônia. / Mulher natural da Polônia; polonesa. / Chul. Prostituta estrangeira.

Polaciuria
s.f. Micções muito freqüentes e pouco abundantes. (Var.: polaciúria.)

Polaco
adj. Da Polônia. / &151; Adj. e s.m. Que ou aquele que é natural ou habitante da Polônia. (Sin.: polonês, polônio.)

Polacra
s.f. Barco do Mediterrâneo, de velas quadradas. O mesmo que polaca.

Polaina
s.f. Peça, geralmente de lã, que se usa por cima do sapato, cobrindo o peito do pé. / Pertence da armadura que protege a parte inferior da perna e o peito do pé.

Polar
adj. Que está perto dos pólos; que lhes pertence. / Fig. Antagônico, diametralmente oposto: opiniões polares. / Eletricidade. Relativo aos pólos de um ímã ou de uma pilha. // Círculo polar, círculo paralelo ao equador, que marca os limites das zonas polares onde, por ocasião do solstício, é dia ou noite durante vinte e quatro horas.

Polaridade
s.f. Física. Qualidade que permite distinguir se é positivo ou negativo cada um dos pólos de um ímã ou de um gerador elétrico.

Polarimetro
s.m. Física. Aparelho que serve para medir a rotação do plano de polarização da luz.

Polariscopio
s.m. Física. Instrumento para verificar se uma luz emana diretamente de uma fonte ou se já sofreu o fenômeno da polarização.

Polarizacao
s.f. Propriedade de as ondas eletromagnéticas (e mais a luz) apresentarem uma divisão privilegiada da orientação das vibrações que as compõem. / Propriedade das partículas elementares cujos núcleos apresentam uma orientação privilegiada de seu spin. / Tensão contínua aplicada a um tubo eletrônico ou a um transistor, destinada a regular sua zona de funcionamento. / Produção, num eletrolisador, numa bateria ou num acumulador percorridos por uma corrente, de uma força eletromotriz de sentido oposto àquele que produz a corrente. / Fig. Concentração da atenção, das atividades, das influências, num mesmo tema ou pessoa: polarizacão de opinião. // Polarização dielétrica, criação, por um campo elétrico, de dipolos num dielétrico.

Polarizado
adj. Que se polarizou. / Fig. Concentrado; que incidiu, que convergiu.

Polarizador
adj. Que polariza.

Polarizar
v.t. Causar a polarização de. / Fig. Concentrar, atrair a atenção.

Polarografia
s.f. Método de análise de metais imersos em soluções salinas baseado na medida da tensão de polarização na eletrólise.

Polaroid
s.f. (marca registrada) Máquina fotográfica que revela instantaneamente a foto obtida. / Folha transparente que polariza a luz que a atravessa.

Polca
s.f. Dança de andamento rápido, em compasso de 2 por 4, de origem polonesa.

Polder
s.m Região conquistada pelo homem com a drenagem e conseqüente utilização de trechos de mar, lagoa ou pântano.

Poldro
s.m. Cavalo novo, com menos de um ano de idade.

Pole
s.f. Roldana. / Mecanismo para infligir a estrapada. / Fig. Qualquer coisa que aflige ou atormenta. // Dar tratos de polé, afligir, atormentar.

Pole-position
s.f. (pal. ing.) Primeiro lugar da primeira fila na largada numa corrida de carros. / &151; s.m. e s.f. Piloto ou pilota primeiro colocado para a largada, numa corrida de carros. (Sin. port. preferível: ponteiro ou ponteira.)

Poleame
s.m. Conjunto de polés, roldanas, cadernais, bigotas etc., para levantar pesos, para retorno dos cabos etc.

Polear
v.t. Dar tratos de polé a; infligir a estrapada.

Polegada
s.f. Menor unidade de distância no sistema de medidas dos países anglo-saxônicos. &151; Um pé contém 12 polegadas, e uma jarda equivale a 36 polegadas. Qualquer distância menor que uma polegada é medida em frações de polegada. Já o sistema métrico mede pequenas distâncias em centímetros e milímetros. Uma polegada equivale a 2,54cm. O símbolo da polegada é ". / Medida inglesa de comprimento equivalente a 25,40 mm.

Polegar
s.m. O dedo mais grosso e mais curto da mão, oposto aos outros quatro dedos, no homem e nos primatas. / O dedo mais grosso do pé.

Poleiro
s.m. Galho de árvore, pau roliço ou espécie de escada onde se acomodam as aves para dormir ou descansar. / Fig. Posição elevada.

Polemarco
s.m. Chefe do exército em algumas cidades gregas antigas.

Polemica
s.f. Discussão, controvérsia sobre questões políticas, literárias, científicas etc.

Polemicar
v.i. O mesmo que polemizar.

Polemico
adj. Que participa de polêmicas. / Que gosta de discutir.

Polemista
adj. e s.m. e s.f. Que ou quem faz polêmica ou sustenta polêmica com outrem.

Polemizar
v.i. Discutir; estabelecer polêmica. / O mesmo que polemicar.

Polemologia
s.f. Estudo da guerra considerado como um fenômeno de ordem social e psicológica.

Polemologo
s.m. Especialista em polemologia.

Polen
s.m. Botânica. Conjunto de grãos microscópicos formados pelos estames e que são os elementos masculinos da reprodução dos vegetais com flores.

Polenta
s.f. Papa feita com farinha de milho. / O mesmo que angu.

Polex
s.m. Pólice.

Polia
s.f. Roda que gira em torno de um eixo e que tem na periferia uma ranhura, dentro da qual trabalha uma correia de transmissão de movimento. / Biologia. Nome genérico de várias larvas de insetos que se criam em algumas substâncias orgânicas, como o couro e o toucinho. / Botânica. Doença que ataca as crucíferas, ocasionada por um fungo da família das albugináceas.

Poliacido
adj. e s.m. (Base ou radical básico) capaz de neutralizar diversas moléculas de um radical ácido.

Polialcool
s.m. Substância que possui diversos grupamentos da função álcool.

Poliamido
s.m. Polímero resultante da policondensação de diácidos ou diaminas ou aminoácidos: o nylon é um poliamido.

Poliandra
adj. e s.f. Diz-se de, ou mulher que tem mais de um marido. / Botânica. Diz-se de, ou flor que possui grande número de estames.

Poliandria
s.f. Matrimônio de mulher com vários homens. / Regime, observado em sociedades matrilineares, no qual diversos homens, em geral irmãos ou primos, participam da posse de uma mesma mulher.

Polianteia
s.f. Antologia de obras de um homem ilustre, organizada em sua homenagem. / Antologia referente a algum evento notável.

Poliarquia
s.f. Governo de muitos.

Poliartrite
s.f. Forma de reumatismo em que várias articulações são atingidas simultaneamente.

Polibutadieno
s.m. Polímero do butadieno, utilizado na fabricação das borrachas sintéticas.

Police
s.m. O dedo polegar.

Policentrico
adj. Que tem vários centros de direção, de decisão. / Geom. Formado por vários arcos de circunferência, cada qual com um centro (diz-se de curva).

Policentrismo
s.m. Existência de vários centros de direção ou decisão numa organização, num sistema.

Polichinelo
s.m. Boneco, títere; personagem cômica de teatro de marionetes. / Fig. Bobo, homem sem caráter. // Segredo de polichinelo, aquele de que todos participam.

Policia
s.f. Ordem ou segurança públicas. / Conjunto de regras impostas aos membros de uma coletividade com o objetivo de garantir a ordem, a tranqüilidade e a segurança públicas. / Corpo de funcionários incumbidos de fazer respeitar essas regras e de reprimir o crime. &151; A palavra polícia vem do latim politia, procedente do grego politeia, que originalmente significava organização política, sistema de governo.

Policiado
adj. Guardado pela polícia, vigiado. / Civilizado, equilibrado, comedido.

Policial
adj. Relativo à polícia: medida policial. // Filme policial, romance policial, que trata de assunto policial. / &151; s.m. e s.f. Membro da polícia.

Policiar
v.t Guardar, vigiar com auxílio da polícia ou conforme os regulamentos policiais. / Conter, refrear. / &151; v.pr. Conter-se, dominar-se.

Policiclico
adj. Que se enrosca várias vezes. / Química Diz-se de um composto orgânico cuja fórmula desenvolvida comporta vários núcleos.

Policitacao
s.f. Promessa; proposta de contrato ainda não aceita, mas que obriga o proponente.

Policlinica
s.f. Estabelecimento de assistência médica no qual são tratadas diferentes doenças.

Policloreto
s.m. Policloreto de vinil, polímero do cloreto de vinil, importante na classe das matérias plásticas. (Abrev. corrente: P.V.C.)

Policondensacao
s.f. Química Conjunto de reações pelas quais diversas substâncias, como um diácido e uma diamina, se unem para produzir um corpo de massa molecular elevada.

Policroismo
s.m. Propriedade que tem um corpo transparente de apresentar cores diferentes segundo a incidência da luz.

Policromia
s.f. Estado, qualidade de um corpo com diversas cores.

Policromo
adj. De diversas cores; em que se empregam muitas cores.

Policultura
s.f. Sistema de exploração do solo, que consiste em obter vários tipos de produtos numa mesma propriedade, numa mesma região.

Polidactilia
s.f. Aberração caracterizada pela presença de mais de cinco dedos na mão ou no pé.

Polidez
s.f. Delicadeza, civilidade, cortesia.

Polidipsia
/sede excessiva persistente; sintoma de diabetes mellitus descompensada (pop)

Polido
adj. Alisado, brunido, lustroso, limpo. / Que observa as conveniências sociais; educado, civil, cortês.

Polidor
adj. e s.m. Que ou aquele que pule. / Utensílio de joalheiro, de dourador e de gravador para polimento de peças de ouro, prata, ou lâminas de cobre etc.

Poliedrico
adj. Que tem a forma de um poliedro.

Poliedro
adj. Matemática Que tem muitas faces planas. / &151; S.m. Sólido com muitas faces planas.

Poliembrionia
s.f. Formação de vários embriões em um só ovo.

Poliergo
s.m. Gênero de insetos himenópteros da família dos formicídeos.

Poliester
s.m. Matéria sintética resultante da combinação de poliácidos com álcoois não saturados, ou com compostos glicogênicos.

Poliestireno
s.m. Matéria termoplástica obtida pela polimerização do estireno.

Polietileno
s.m. Matéria plástica resultante da polimerização do etileno.

Polifasico
adj. Que tem várias fases. / Correntes elétricas alternadas produzidas simultaneamente por circuitos idênticos.

Polifonia
s.f. Termo musical para designar várias melodias que se desenvolvem independentemente, mas dentro da mesma tonalidade. &151; As composições polifônicas têm várias partes simultâneas e harmônicas. As partes são independentes, mas de igual importância. Embora a música polifônica seja primordialmente vocal, o termo também pode aplicar-se a obras instrumentais. Polifonia é uma palavra que vem do grego e que significa de muitas vozes. / Música vocal contrapôntica.

Polifonico
adj. Relativo à polifonia.

Polifonista
adj. e s.m. e s.f. (Compositor, músico) que pratica a polifonia.

Poligala
s.f. Planta herbácea das poligaláceas, com flores dialipétalas.

Poligamia
s.f. Sistema em que um homem tem mais de uma esposa ao mesmo tempo, ou, menos comumente, a um sistema em que uma mulher tem mais de um marido concomitantemente. &151; A palavra poligamia vem de duas palavras gregas, que significam muitos casamentos. Os cientistas usam o vocábulo poliginia para designar aquele que tem mais de uma esposa ao mesmo tempo, e poliandria, para designar a mulher que tem mais de um marido ao mesmo tempo.

Poligamo
adj. e s.m. Diz-se de, ou homem casado simultaneamente com várias mulheres, ou mulher casada com vários homens. / Botânica. Diz-se das plantas que têm ao mesmo tempo flores hermafroditas e flores unissexuais.

Poligenismo
s.m. Doutrina segundo a qual as diferentes raças humanas derivariam de diferentes espécies primitivas.

Poliginia
s.f. Qualidade ou estado de polígino. / Casamento de um homem com várias mulheres.

Poligino
adj. Que tem várias mulheres. / Botânica. Que tem muitos pistilos em cada flor.

Poliglota
adj. e s.m. e s.f. Diz-se de, ou pessoa que sabe várias línguas.

Poliglotico
adj. Escrito em muitas línguas. / Relativo a poliglota.

Poligonaceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas fanerogâmicas. O mesmo que poligôneas.

Poligonal
adj. Que tem muitos ângulos. / Diz-se de um sólido cuja base é um polígono.

Poligono
s.m. Matemática. Figura plana limitada por segmentos de reta. &151; As linhas são chamadas lados. A soma dos lados é o perímetro. Os ângulos formados pelos lados são os ângulos do polígono, e os pontos de encontro dos lados são os vértices do polígono.

Poligrafo
s.m. Autor que escreve sobre vários assuntos. / Máquina com que se podem tirar muitas cópias do mesmo escrito. / Máquina que, com várias penas, faz simultaneamente mais de um registro do mesmo fenômeno.

Polilobado
adj. Que apresenta vários lobos; multilobado.

Polimento
s.m. Ação ou efeito de polir; brilho, verniz. / Fig. Educação, finura no trato.

Polimerizacao
s.f. Processo químico importante na produção de borracha sintética, plásticos, tintas e fibras artificiais. &151; Nesse processo, moléculas chamadas monômeros se combinam umas com as outras formando moléculas maiores denominadas polímeros. Se os monômeros são idênticos, o processo é chamado homopolimerização. Se são diferentes, o processo é dito copolimerização.

Polimerizar
v.t. Produzir a polimerização de.

Polimero
adj. e s.m. Tipo de molécula formado quando duas ou mais moléculas chamadas monômeros se combinam umas com as outras. Um polímero pode conter milhares de monômeros.

Polimorfismo
s.m. Qualidade do que é polimorfo. / Química Propriedade que têm certas substâncias de tomar diferentes formas de cristalização.

Polimorfo
adj. Que é sujeito a mudar de forma. / Que se apresenta sob diversas formas.

Polinesico
adj. Da Polinésia.

Polinesio
adj. Polinésico. / &151; Adj. e s.m. Natural ou habitante da Polinésia.

Polineurite
s.f. Neurite que incide simultaneamente em diversos nervos, por uma intoxicação (alcoolismo, p. ex.), ou por uma infecção (vírus); polinevrite.

Polinevrite
neurite múltipla; inflamação de muitos nervos um por cada vez (pop)

Polinico
adj. Relativo a pólen; que contém pólen.

Polinio
s.m. Massa de grãos de pólen aglomerados, como nas orquídeas.

Polinizacao
s.f. Passagem do pólen de um estame para o estigma da flor. / Polinização Cruzada, método segundo o qual muitas plantas produzem sementes que vão dar origem a novas plantas. O pólen masculino, produzido nas anteras dos estames, e os óvulos femininos, produzidos nos ovários dos pistilos, formam as sementes. As plantas que produzem sementes nos próprios pistilos com o pólen de outras plantas são plantas de polinização cruzada. Alguns salgueiros, por exemplo, só possuem estames masculinos, e outros só possuem pistilos femininos. Cada nova planta é formada por duas plantas. Uma planta que se autopoliniza produz sementes com os próprios estames e pistilos.

Polinomio
s.m. Matemática Soma algébrica de monômios.

Polinuclear
adj. Cujo núcleo, segmentado ou irregular, parece múltiplo (diz-se de célula). / &151; S.m. Biologia. Granulócito (glóbulo branco polinuclear).

Polio
s.f. Forma reduzida de poliomielite.

Poliolefina
s.f. Poliolefinas, classe de fibras sintéticas obtidas a partir de polímeros hidrocarbonados (como o etileno e o propileno).

Poliomielite
s.f. Doença infecciosa ou epidêmica que ataca a substância cinzenta da medula espinhal, causando paralisias de um ou mais grupos musculares.

Poliomielitico
adj. Relativo à poliomielite. / &151; Adj. e s.m. Atacado de poliomielite.

Polipeiro
s.m. Reunião de pólipos, lugar onde eles vivem agrupados.

Polipeptideo
/elemento de uma proteína; composto de dois ou mais aminoácidos unidos por ligações peptídicas (pop)

Polipeptidio
s.m. Química Substância formada pela combinação de vários aminoácidos.

Polipetalas
adj. Botânica. Diz-se das plantas cujas flores têm muitas pétalas.

Poliploide
adj. e s.m. Biologia. Diz-se do, ou o núcleo de uma célula com mais de dois cromossomos.

Polipo
s.m. Medicina Tumor pediculado. / Zoologia Cada um dos indivíduos de uma colônia de celenterados.

Polipodiaceas
s.f.pl. Botânica. Família de fetos de delicada folhagem, à qual pertencem as avencas e samambaias.

Poliporaceas
s.f.pl. Botânica. Família de cogumelos, parasitos das árvores, cujo tipo é o políporo, vulgarmente chamado orelha-de-pau ou urupê.

Poliporo
s.m. Gênero de cogumelos basidiomicetos que crescem geralmente nas árvores; orelha-de-pau, urupê.

Poliposo
adj. Relativo ao pólipo.

Polipropileno
s.m. Matéria plástica obtida pela polimerização do propileno, muito utilizada em cordoaria.

Poliptico
s.m. Quadro pintado em vários painéis.

Poliptoto
s.m. Retórica Emprego, num período, de um termo sob variadas formas gramaticais: querer, quero, mas antes não o quisesse.

Polir
v.t. Tornar luzidio; dar lustre a; brunir. / Retocar, corrigir, aperfeiçoar. / &151; v.pr. Tornar-se polido, lustroso. / Civilizar-se, educar-se.

Polissacaridio
s.m. Química Qualquer hidrato de carbono do grupo que contém mais de três moléculas de açúcar simples.

Polissemia
s.f. Faculdade que tem uma palavra de apresentar diferentes sentidos.

Polissemico
adj. Que apresenta polissemia; que diz respeito à polissemia.

Polissilabico
adj. Gramática Que tem mais de três sílabas.

Polissilabo
adj. e s.m. Gramática Diz-se da, ou a palavra que é formada de mais de três sílabas.

Polissindeto
s.m. Figura de construção que consiste em repetir uma conjunção, ou preposição, mais vezes do que a ordem gramatical exige: "Viúva e triste e posta em vida escura, / sem marido, sem reino, e sem ventura." (Lus., III, 104.)

Polissindeton
s.m. Figura de construção que consiste em repetir uma conjunção, ou preposição, mais vezes do que a ordem gramatical exige: "Viúva e triste e posta em vida escura, / sem marido, sem reino, e sem ventura." (Lus., III, 104.)

Polissintetico
adj. Diz-se das línguas que fundem em uma só palavra uma série de elementos semânticos e de relação gramatical, de tal sorte que, muitas vezes, os limites da oração coincidem com os da palavra: o esquimó é língua polissintética.

Polissulfeto
s.m. Mescla de vários sulfetos do mesmo metal.

Politeama
s.m. Teatro em que se dão espetáculos de diversos gêneros.

Politecnico
adj. Que abrange muitas artes ou ciências. // Bras. Escola politécnica, denominação antiga das escolas de engenharia.

Politeismo
s.m. Crença em vários deuses, como também o seu culto. &151; A crença em um único Deus é chamada de monoteísmo. Na Antiguidade, as pessoas aprenderam a temer as forças da natureza. Encaravam o Sol, a Lua, as tempestades, as estações e outras forças como seres personalizados. Mais tarde, o povo começou a cultuar as forças da natureza como espíritos ou deuses.

Politeista
adj. Relativo ao politeísmo. / &151; Adj. e s.m. e s.f. Que ou aquele que professa o politeísmo.

Politerapia
terapia múltipla (pop)

Politica
s.f. Ciência do governo dos povos. / Direção de um Estado e determinação das formas de sua organização. / Conjunto dos negócios de Estado, maneira de os conduzir. / Fig. Maneira hábil de agir; astúcia; civilidade. // Ciência política, ramo das ciências sociais que trata do governo e da organização dos Estados.

Politicagem
s.f. Política reles e mesquinha de interesses pessoais. / Atos de politiqueiros.

Politicalha
s.f. Politicagem.

Politicamente
adv. De acordo com as regras da política. / Fig. Com habilidade astuciosa.

Politicar
v.i. Ocupar-se de política; discorrer sobre política.

Politico
adj. Relativo ao governo de um Estado. // Direitos políticos, direitos em virtude dos quais um cidadão participa do governo. / Fig. Astuto, esperto, hábil: encontrou uma solução política. / &151; S.m. Aquele que se dedica à política.

Politicologia
s.f. Estudo dos fatos políticos no Estado e na sociedade; ciência política.

Politiqueiro
adj. e s.m. Pej. Diz-se de, ou indivíduo que pratica a baixa política, usando de processos pouco corretos; politicante.

Politizacao
s.f. Ação de politizar; seu resultado.

Politizar
v.t. Dar caráter político a. / Educar politicamente. / Dar consciência política a.

Politonalidade
s.f. Música Termo que designa a superposição de melodias, cada qual com tonalidade diferente.

Politrico
adj. Que tem muitos cabelos, muitos pêlos compridos. / &151; S.m. Botânica. Gênero de musgos, comuns nos bosques, que atingem 10 cm de altura.

Politropico
adj. Diz-se de uma transformação termodinâmica no curso da qual a entropia do sistema se altera (por opos. a isentrópico).

Poliuretano
s.m. Matéria plástica empregada na indústria de tintas, vernizes ou para fazer espumas e elastômeros.

Poliuria
s.f. Secreção muito abundante na urina. (Var.: poliuria.)

Poliurico
adj. Relativo à poliúria.

Polivalente
adj. Química Que tem mais de uma valência. / Medicina Diz-se dos produtos biológicos que visam a vários agentes patogênicos.

Polivinilico
adj. Obtido por polimerização de monômeros derivados do vinil (diz-se de resinas).

Polo
s.m. Cada uma das duas extremidades do eixo imaginário em torno do qual a esfera terrestre faz uma volta completa em 24 horas. / As duas regiões das extremidades do eixo da Terra. / Fig. Extremos, que não se encontram: estão em pólos diferentes. // Pólos de um ímã ou pólos magnéticos, os dois pontos opostos de um ímã, nos quais parece concentrada a força magnética. // Pólos de uma pilha, as duas extremidades dela.

Polonesa
s.f. Dança e música nacionais da Polônia. / Espécie de casaco largo e comprido, para senhoras. / Mulher natural da Polônia. (V. POLACA.)

Polonio
s.m. Símbolo químico Po, é um elemento metálico radioativo, pertencente à série radioativa do urânio. &151; Marie e Pierre Curie descobriram o elemento em 1898. O polônio ocorre naturalmente no minério uraninita. É produzido artificialmente pelo bombardeamento de bismuto com nêutrons.

Polpa
s.f. Nome dado a certos tecidos carnosos dos animais (polpa dentária), ou dos vegetais (a polpa açucarada de frutos carnudos).

Polposo
adj. Formado de polpa. / Que tem aparência de polpa.

Polpudo
adj. Que tem muita polpa; carnudo. / Fig. Diz-se de negócio rendoso.

Poltrao
adj. Covarde, pusilânime, medroso.

Poltrona
s.f. Cadeira de braços, larga e estofada. / Bras. Nos teatros e cinemas, cadeira na platéia.

Poltronaria
s.f. Qualidade ou procedimento de poltrão.

Poluicao
s.f. Ato ou efeito de poluir.

Poluir
v.t. Sujar; manchar; envenenar. / Fig. Corromper; profanar; macular.

Polvarim
s.m. Var. de polvorim.

Polvarinho
s.m. O mesmo que polvorinho.

Polvilhar
v.t. Cobrir de pó, de polvilho; empoar. / Cobrir ou salpicar de sal, farinha, açúcar etc.

Polvilho
s.m. Pó muito fino. / Resíduo da lavagem da tapioca. / Bras. Tapioca ou goma. / Qualquer substância em pó de aplicação culinária ou medicamentosa. / &151; S.m.pl. Pós que se põem no cabelo para branqueá-lo.

Polvo
s.m. Animal marinho, de corpo mole, provido de oito braços chamados tentáculos. / Fig. Pessoa insaciável.

Polvora
s.f. Mistura inflamável e explosiva, composta de enxofre, carvão e salitre. &151; Usada pelos primitivos chineses, árabes e povos da Índia, suas técnicas exatas de fabricação só foram conhecidas pelo mundo ocidental em 1242, quando Roger Bacon, da Universidade de Oxford, Inglaterra, publicou um livro no qual ensinava a fabricá-la. Atualmente a pólvora não é considerado explosivo dos mais poderosos.

Polvoraria
s.f. Fábrica de pólvora.

Polvorim
s.m. Pólvora de grão muito miúdo. / Pó que sai da pólvora.

Polvorinho
s.m. Utensílio onde se leva a pólvora para a caça.

Polvorista
s.m. e s.f. Aquele que trabalha em fábrica de pólvora.

Polvorosa
s.f. Azáfama; grande atividade; agitação; rebuliço.

Polvoroso
adj. Cheio de pó; poeirento.

Poma
s.f. Seio de mulher; mama. / Ant. Qualquer esfera ou bola.

Pomada
s.f. Preparado farmacêutico ou de perfumaria, formado pela mistura de um excipiente (substância gordurosa ou sintética) com medicamentos ou perfumes.

Pomar
s.m. Terreno plantado de árvores frutíferas.

Pomba
s.f. Fêmea do pombo. / Vasilha de cobre, usada nos engenhos de açúcar, para onde se passa o caldo limpo da cana. / Bras. Pop. Região púbica da mulher. / Bras. (NE) Pop. Pênis. //

Pombal
s.m. Habitação preparada para os pombos domésticos; columbário.

Pombinha
s.f. Dimin. de pomba. / Carne tirada da cauda e das pontas das nádegas das reses. / Bras. (S) Região púbica da mulher.

Pombo
s.m. Nome comum a várias aves da família dos columbídeos, de caracteres zoológicos semelhantes aos dos galináceos mas de hábitos idênticos aos dos pássaros.

Pombo-correio
s.m. Variedade de pombo utilizada para comunicações e correspondência.

Pomicultor
s.m. Aquele que se dedica à cultura das árvores pomíferas ou de frutos; fruticultor.

Pomicultura
s.f. Cultura de árvores frutíferas.

Pomo
s.m. Fruto carnudo de qualquer planta da família da rosa que apresente diversos carpelos coriáceos. &151; A maça, a pêra e o marmelo têm cinco carpelos. O cálice e os estames dos pomos começam acima dos carpelos e são bastante aparentes nos frutos maduros. A porção carnuda do fruto que envolve o coração, ou cerne, é chamada receptáculo. / Poética O peito ou seio da mulher. // Pomo de discórdia, o motivo da discórdia.

Pomo-de-adao
s.m. Anatomia. Nome vulgarmente dado à saliência da parte anterior do pescoço do homem.

Pomologia
s.f. Parte da agronomia que se ocupa das árvores frutíferas.

Pomologico
adj. Relativo à pomologia.

Pomologista
s.m. e s.f. Pessoa que se dedica à pomologia.

Pomologo
s.m. Especialista em pomologia.

Pompa
s.f. Fausto, magnificência, suntuosidade. // &151; S.f.pl. Pompas fúnebres, serviço funerário de grande aparato.

Pompeano
adj. Que diz respeito a Pompéia, antiga cidade romana, soterrada pela erupção do Vesúvio no ano de 79. / &151; S.m. Natural ou habitante de Pompéia.

Pompear
v.t. Exibir com orgulho; ostentar. / &151; V.i. Ostentar pompa ou luxo; apresentar riqueza. / Fig. Ostentar vício ou beleza.

Pompilio
s.m. Gênero de insetos himenópteros, comuns na Europa.

Pompom
s.m. Borla de fios curtos e tosquiados de lã, de seda etc., que serve de ornamento ou para aplicar pó-de-arroz.

Pomposo
adj. Que é feito com pompa. / Grandiloqüente, exagerado.

Pomulo
s.m. Maçã do rosto.

Ponche
s.m. Mistura de uma bebida forte com diversos ingredientes (limão, chá, açúcar).

Poncheira
s.f. Recipiente onde se faz ou serve o ponche.

Poncho
s.m. Capa de lã, quadrada, com uma abertura no centro.

Ponderacao
s.f. Ato de ponderar; reflexão; caráter de uma pessoa bem equilibrada, calma. / Placidez, serenidade, tranqüilidade.

Ponderado
adj. Refletido, equilibrado; sereno, calmo.

Ponderador
adj. e s.m. Que ou quem pondera; avaliador.

Ponderal
adj. Relativo a peso.

Ponderar
v.t. Avaliar, estudar, pesar; apreciar, examinar; expor, observar, considerar. / &151; V.i. Meditar, refletir.

Ponderavel
adj. Que se deve ponderar; digno de ponderação. / Que pode ser pesado; que tem um peso.

Ponderoso
adj. Pesado. / Fig. Digno de atenção, convincente. / Importante.

Ponei
s.m. Cavalo pequeno com pêlo longo.

Ponente
s.m. Vento que sopra do ocidente.

Ponerinideos
s.m.pl. Zoologia Grupo de insetos himenópteros formicídeos.

Pont-leveque
s.m. (pal. fr.) Queijo de leite de vaca, de pasta macia, quadrado, fabricado na Normandia.

Ponta
s.f. Extremidade aguda e picante. / Extremidade das coisas que se vão afinando. / Faixa de terra que avança no mar. / Pequena quantidade. / Pequeno papel numa peça de teatro ou filme. / Futebol. Extremidade, esquerda ou direita, da linha dianteira; p. ext. jogador que ocupa essa posição (s.m.). / Canto, ângulo, esquina. / Qualquer das três extremidades de um triângulo, das quatro de um quadrado etc. / Coreogr. Atitude da bailarina que se apóia nas pontas das sapatilhas. // Estar na ponta, estar avançado em primeiro lugar. // Saber (ou ter) na ponta da língua, saber de cor. // Pôr-se na ponta dos pés, apoiar-se só nos dedos dos pés. // Estar de ponta com alguém, estar aborrecido com essa pessoa. // A ponta de espada, a fio de espada, com emprego de espada para ferir ou matar; à força, com violência. // De ponta a ponta, completamente, do princípio até o fim.

Ponta-cabeca
s.f. Bras. Usa-se na loc. adv. de ponta-cabeça, que significa "de cabeça para baixo" (falando-se de queda).

Ponta-direita
s.m. Bras. Futebol. Jogador cuja posição é na extremidade direita da linha dianteira. O mesmo que extrema-direita.

Ponta-esquerda
s.m. Bras. Futebol. Jogador cuja posição é na extremidade esquerda da linha dianteira. O mesmo que extrema-esquerda.

Ponta-rimada
s.f. Peça em verso composta sobre rimas dadas. / &151; S.f.pl. Rimas dadas para versos.

Ponta-seca
s.f. Instrumento utilizado na gravura a água-forte; gravura obtida por esse sistema.

Pontada
s.f. Dor aguda e intermitente.

Pontal
s.m. Altura do navio da quilha à primeira coberta. / Ponta de terra que avança pelo mar ou pelo rio. / Pontalete do lenho serrado longitudinalmente. / &151; Adj. Diz-se de um prego de grandes dimensões.

Pontalete
s.m. Peça de madeira em que se apóia uma casa, um pavimento etc. / Espeque; escora de madeira. / Forquilha em que descansa o braço do andor nas procissões.

Pontao
s.m. Barca chata e estreita destinada a formar, por si só, ou com outras, as chamadas pontes de barcas. / Ponte de madeira. / Pequeno viaduto nas estradas. / Escora, espeque.

Pontape
s.m. Pancada com a ponta do pé. / Fig. Ofensa, desfeita.

Pontaria
s.f. Ação de apontar uma arma de fogo para o alvo, de assestá-la na direção da linha de mira. // Fam. Dormir na pontaria, visar o alvo demoradamente, para não errar o tiro. /

Pontavante
s.f. Anteparo ou ponte na proa do navio.

Ponte
s.f. Prancha que fecha a cavidade do casco de um navio; coberta de navio. / Fig. Tudo que serve de ligação ou comunicação. / Odontologia. Conjunto de dentes postiços, presos por meio de placas, a dois ou mais dentes naturais. // Ponte aérea, ligação aérea para uma zona em que as comunicações terrestres e marítimas são difíceis ou demoradas. // Ponte levadiça, ponte que se baixa e se levanta à vontade por meio de maquinismos, para facultar ou impedir a passagem de um fosso. // Anatomia. Ponte de Varólio, v. MESENCÉFALO. / Linguagem informal. Dia de trabalho ou de aulas entre dois feriados ou entre um feriado e um fim de semana, a que se deixa de comparecer. / Fim de semana prolongado por tal motivo.

Pontear
v.t. Marcar com pontos. / Coser; alinhavar. / Colocar os dedos sobre as cordas de um instrumento musical para produzir o som.

Ponteira
s.f. Peça de metal na ponta de um instrumento, de uma bengala.

Ponteiro
s.m. Pequena haste usada para apontar nos livros, quadros etc. / Instrumento de que se servem os canteiros e escultores para desbastar a pedra. / Lâmina com que se tocam as cordas de alguns instrumentos. / Agulha que indica as horas e frações de horas, nos mostradores dos relógios. / Bras. (S) Peão que vai na frente da tropa de gado. / Fig. O que dá mau conselho, mau exemplo. // Bras. Ponteiro da tabela, designação do clube que se acha à frente num campeonato. / Bras. Apostador.

Pontiagudo
adj. Aguçado na ponta; que termina em ponta.

Pontificado
s.m. Dignidade de pontífice ou de sumo pontífice. / Período durante o qual se exerce o poder de um papa.

Pontifical
adj. Relativo à dignidade de pontífice e, em particular, ao papa.

Pontificar
v.i. Oficiar como pontífice. / Celebrar missa com a capa pontifical. / Escrever ou falar com ênfase; doutrinar, ensinar dogmaticamente; deitar sabença.

Pontifice
s.m. Membro do conselho de autoridades que supervisionava as atividades religiosas da antiga Roma. &151; O conselho determinava quando ocorreriam as festividades e feriados religiosos. Os romanos consultavam-no para saber se atividades planejadas estavam de acordo com a lei sagrada. O pontifex maximus (pontífice máximo), a mais alta autoridade religiosa, chefiava o conselho. Mais tarde, o cargo passou a ser exercido pelo imperador.

Pontificio
adj. Referente a pontífice. / Próprio ou proveniente do papa.

Pontilha
s.f. Ponta muito aguda. / Franja estreita e delgada, geralmente de prata ou de ouro, que serve para ornar ou guarnecer.

Pontilhado
adj. e s.m. Que ou o que tem a forma de pontos.

Pontilhao
s.m. Pequena ponte.

Pontilhar
v.t. Pontoar; desenhar picando o pano ou o papel, ou marcando-o com pequenos pontos.

Pontilhismo
s.m. Pintura Técnica dos pintores neo-impressionistas, que consiste na decomposição dos tons, justapondo pequenas pinceladas sob a forma de pontos, em vez de fazer a mistura das cores na palheta. O mesmo que divisionismo e neo-impressionismo.

Pontilhista
adj. Relativo ao pontilhismo: Seurat e Signac são os principais representantes da escola pontilhista. / &151; s.m. e s.f. Artista que adota o pontilhismo.

Ponto
s.m. Sinal de pontuação que indica a pausa final de uma frase. / Sinal ortográfico empregado após uma palavra abreviada (ponto abreviativo), ou sobre as letras i e j. / Sinal gráfico empregado em diversas técnicas e ciências, para diversos fins. / Lugar determinado; lugar de parada de veículos de transporte coletivo, para embarque e desembarque de passageiros. / Furo feito num tecido com agulha enfiada de linha, retrós etc., para coser; pedaço de linha compreendido entre dois furos da agulha no fio costurado; tipo de bordado que se faz no tecido com uma agulha enfiada com linha de seda, de lã etc.: ponto de cruz. / Matemática. Figura geométrica sem dimensões; intersecção de duas linhas. / Música. Sinal colocado à direita de uma nota ou de uma pausa, para aumentar da metade a duração dessa nota ou dessa pausa. / Culinária. Grau de cozimento da calda do açúcar, conveniente à preparação da massa de certos doces. / Unidade empregada para aquilatar o aproveitamento de um aluno, o valor de um atleta etc. / Unidade de cálculo das vantagens do seguro de velhice em alguns regimes de aposentadoria. / Fig. Questão, assunto: insista sobre esse ponto; estado, situação: encontrar-se no mesmo ponto; período, grau: estar no ponto mais alto da carreira. // Pontos cardeais, o norte, o sul, o leste e o oeste. // Ponto de fusão, de ebulição, de liquefação, temperatura em que um corpo entra em fusão, em ebulição, ou se liquefaz. // Entregar os pontos, render-se ao adversário, desistir. // Pôr os pontos nos ii (ou is), recompor a verdade de uma situação, sem omissões ou disfarces. // Em ponto, exatamente, precisamente: às onze horas em ponto. // A ponto de, quase, prestes: o Ministério esteve a ponto de cair. // De ponto em branco, com apuro, com esmero. // Assinar o ponto, escrever o nome em livro próprio, existente nas repartições públicas, para controle de presença. // Bras. Pop. Dormir no ponto, não agir no momento oportuno. // Ponto de vista, lugar onde fica o observador; local de onde se vê melhor (uma paisagem, uma construção etc.). / Modo de considerar as coisas; opinião pessoal. / Em literatura, recurso de o autor falar sobre o que está narrando de modo abrangente, conspectivo.

Pontuacao
s.f. Gramática Ato ou efeito de pontuar. / Uso de certos sinais gráficos para tornar mais claro o significado do que se escreveu. &151; Esses sinais são geralmente divididos em dois grupos: (a) os que marcam principalmente as pausas e (b) os que marcam principalmente a melodia, a entonação. Há quem afirme, no entanto, que, em geral, os sinais de pontuação marcam pausa e melodia ao mesmo tempo.

Pontual
adj. Exato; que faz as coisas em tempo devido.

Pontualidade
s.f. Qualidade do que é pontual. / Exatidão, regularidade.

Pontuar
v.t. Marcar com pontuação; pôr os sinais ortográficos em.

Pontudo
adj. Que termina em ponta. / Bicudo, aguçado.

Poodle
s.m. (pal. ingl.) Raça de cães domésticos, de pelo ondulado ou encaracolado e orelhas pendentes. &151; Antigamente só eram usados para caça, na perseguição e apanha, mas já não são classificados como cães de campo. O poodle originou-se na Alemanha, no séc. XVI. Hoje é encontrado em quase todos os países. Os poodles podem ser brancos, pretos, cinzentos, castanhos ou cor de damasco. Sua pelagem pode ser tosquiada de diversas maneiras. As três variedades de poodles são classificadas pela altura da espádua. O de luxo ou de brinquedo tem até 25cm de altura; o miniatura tem de 25 a 38cm; e o padrão tem mais de 38cm. Os poodles pesam de 1,4 a 27kg.

Pool
s.m. (pal. ingl.) Grupamento ou sindicato de produtores. / Organismo internacional encarregado da organização de um mercado comum entre os países dele participantes.

Pop
adj. e s.m. (pal. ingl.) Redução de popular em expressões como pop art, traduzida como "arte pop". &151; Apos. Relativo à música pop ou à pop art: pintor pop, grupos pop.

Popa
s.f. Parte posterior do navio, oposta à proa. // Ir de vento em popa, ir muito bem, progredir.

Pope
s.m. Sacerdote do rito oriental entre os russos, os sérvios e os búlgaros.

Popelina
s.f. Tecido fino e lustroso para vestes femininas, camisas de homem etc.

Popliteo
adj. Anatomia. Que diz respeito à face posterior do joelho.

Populaca
s.f. O povo das classes baixas; plebe, ralé. / O mesmo que populacho.

Populacao
s.f. Conjunto de seres humanos que possuem uma característica particular: população rural. / Conjunto de animais ou vegetais que pertencem a uma categoria particular: população eqüina.

Populacheiro
adj. Que diz respeito a populacho; plebeu.

Populacho
s.m. O mesmo que populaça.

Populacionista
adj. e s.m. e s.f. Que ou quem é favorável ao aumento populacional.

Popular
adj. Que pertence ao povo; que concerne ao povo. / Vulgar; plebeu. / Que desperta a simpatia, o afeto do povo. / Muito conhecido, notório. / &151; S.m. Homem do povo, transeunte.

Popularidade
s.f. Caráter de uma pessoa que tem as simpatias do povo; estima pública.

Popularizar
v.t. Tornar popular; vulgarizar; propagar.

Populeao
adj. e s.m. Ungüento composto de brotos de álamo, banha de porco, folhas de dormideira, beladona etc., usado antigamente.

Populismo
s.m. Doutrina literária e artística que reage contra as expressões burguesas e mundanas e busca seus temas na vida e sentimentos das classes populares. / A doutrina dos partidos políticos chamados populistas.

Populista
adj. Amigo do povo. / Diz-se do partido político que defende ou diz defender as classes populares. / Que diz respeito à doutrina literária ou artística do populismo, ou que dele é adepto.

Populo
s.m. Gênero de plantas salicáceas, a que pertence o álamo ou choupo.

Populoso
adj. De população densa; onde há muitos habitantes.

Poquer
s.m. Jogo de cartas no qual os jogadores fazem apostas nas cartas que têm ou esperam ter. &151; Há, numerosas variedades de jogos de pôquer, mas todas se enquadram em duas classificações gerais.

Por
v.t. Colocar (em algum lugar). (Ocorre em inúmeras expressões, que revestem valores globais inteiramente particulares.) / Pôr ovos, desovar. (Diz-se também simplesmente pôr: a galinha já pôs hoje.) // Pôr a mão em, bater. // Pôr as mãos em, pegar, alcançar, prender: a polícia já lhe pôs as mãos. // Pôr a mesa, arrumá-la, prepará-la para uma refeição: ponha a mesa para quatro pessoas. // Pôr ombros a, empreender, dedicar-se resolutamente a: vamos pôr ombros à tarefa. // Pôr fogo a, queimar, incendiar. // Pôr a prêmio (ou pôr a preço), recompensar pela captura de alguém. // Pôr em campo (ou pôr em jogo), fazer mobilizar. // Pôr em dúvida, ter por discutível, não aceitar plenamente. // Fig. Pôr de quarentena, deixar de reserva para resolver posteriormente. // Pôr em debandada, dispersar, fazer fugir. // Pôr em discussão, abrir o debate sobre.

Poranduba
s.f. Bras. História; relação; notícia.

Porao
s.m. A parte mais baixa do interior de um navio. / Parte da habitação entre o chão e o assoalho do pavimento térreo.

Poraque
s.m. Bras. Peixe capaz de emitir intensa descarga elétrica. &151; Também é conhecido como enguia-elétrica e peixe-elétrico. O poraquê vive na América do Sul, nas águas lodosas rasas dos rios Amazonas e Orenoco. Não se trata de uma enguia verdadeira, apesar da semelhança decorrente de seu corpo longo e sinuoso. A cabeça é achatada e os olhos estão muito adiante em relação à boca. Internamente, porém, o poraquê difere bastante da enguia. A maioria de seus órgãos está localizada no quinto dianteiro do corpo. Os outros quatro quintos assolam principalmente os órgãos que produzem a corrente elétrica. Os tecidos destes órgãos constam de numerosas camadas formadas uma atrás da outra, como as placas de uma bateria elétrica. A corrente produzida flui da cabeça para a cauda.

Porca
s.m. Fêmea do porco. / Fig. e Pop. Mulher suja, desleixada. // Aí é que a porca torce o rabo, diz-se de situação decisiva ou reveladora. / Tecnologia Pequena peça de ferro, geralmente sextavada ou quadrada, munida de um furo rosqueado em que se atarraxa a extremidade do parafuso oposta à cabeça. / &151; Adj. Suja, imunda.

Porcalhao
s.m. Pop. Pessoa desasseada, imunda. / Trapalhão.

Porcao
s.f. Parte de um todo. / Quantidade de pão, de carne etc. dada a cada um; a parte de cada um. / Uma quantidade grande.

Porcaria
s.f. Pop. Sujeira, imundície. / Fig. Objeto sujo, nojento; coisa em mau estado ou sem valor. / Fig. Palavrão; atitude ou propósito obscenos.

Porcelana
s.f. Produto cerâmico de massa fina. &151; A porcelana se desenvolveu primeiramente a partir da cerâmica comum, mas é algo diferente dela. É um produto mais aperfeiçoado da arte da cerâmica sendo originária da China. Toda porcelana é cerâmica, no sentido de ser dos mais altos membros da grande família de cerâmicas. Mas nem toda cerâmica é porcelana. A porcelana difere completamente de todas as outras cerâmicas quanto ao material e suas características.

Porcelanaria
s.f. Fábrica de porcelana.

Porcentagem
s.f. O mesmo que percentagem.

Porcino
adj. Pertencente a porco; próprio de porco.

Porcionario
s.m. O que tem ou recebe porção ou renda. / O que recebe rendas eclesiásticas.

Porciuncula
s.f. Dimin. de porção. / Jubileu dos frades franciscanos. / O primeiro convento dos franciscanos.

Porco
s.m. Quadrúpede mamífero doméstico da família dos suídeos, ordem dos artiodáctilos. / P. ext. A carne desse animal: comer porco no jantar. / Fig. Indivíduo sujo, imundo. / Pop. O diabo. // Pop. Espírito de porco, espírito de contradição; sujeito de má índole que tende a contrariar os demais. / &151; Adj. Sujo, imundo. / Fig. Obsceno.

Porco-do-mato
s.m. Bras. Nome de duas espécies indígenas de porco selvagem; o mesmo que caititu e queixada.

Porco-espinho
s.m. Mamífero roedor que tem espinhos fortes e rijos no dorso, nos lados e na cauda. &151; Os espinhos são cerdas longas e agudas, de pêlos fundidos. Os porcos-espinhos se defendem batendo nos agressores com as caudas espinhentas. Os espinhos se soltam facilmente e perfuram a carne dos que os atacam. Nascem novos espinhos no lugar dos perdidos. Os porcos-espinhos não podem atirar os espinhos contra seus inimigos como muitas pessoas crêem. Em algumas espécies, a ponta de cada espinho é coberta de pequeninas saliências voltadas para trás, chamadas farpas. As farpas cravam-se na carne, o que torna quase impossível remover os espinhos. As vítimas dos porcos-espinhos podem morrer de infecções causadas por germes nos espinhos ou por dano a um órgão vital. Os espinhos podem encravar-se na maxila de um atacante, tornando-o incapaz de abrir a boca, o que o levará à inanição. As martas-pescadoras, da família das doninhas, atacam os porcos-espinhos, virando-os de costas.

Porejar
v.t. Verter pelos poros; ressumar, destilar. / &151; V.i. Sair pelos poros.

Porem
conj. Mas, contudo, todavia, entretanto.

Porfia
s.f. Discussão, disputa, contenda pertinaz com palavras. / Perseverança, pertinácia, obstinação. / Disputa. // &151; loc. adv. À porfia, em emulação, com rivalidade.

Porfiar
v.i. Discutir, alterar, contender obstinadamente. / Insistir, teimar. / Competir, disputar, lutar por.

Porfioso
adj. Teimoso, insistente, obstinado, incessante.

Porfiria
transtorno do metabolismo das porfirinas (pop)

Porfirico
adj. Que contém pórfiro.

Porfirina
s.f. Pigmento formado por quatro núcleos de pirrol, que entra na composição da hemoglobina e da clorofila.

Porfirio
s.m. Gênero de aves gruiformes, com diversas espécies espalhadas por quase todo o mundo.

Porfirita
s.f. O mesmo que pórfiro.

Porfiro
s.m. Nome de uma rocha ígnea na qual um tipo de cristal é muito maior que os restantes. &151; Um granito comum, por exemplo, consiste em uma massa sólida de pequenos cristais de quartzo, feldspato e alguns minerais de cor escura. Alguns granitos, porém, contêm grandes cristais de feldspato, de 2,5cm de comprimento ou mais espalhados na rocha. São chamados granito pórfiro. A massa de cristais menores onde se encontram os cristais grandes é chamada pasta, ou matriz.

Porfiroide
adj. Que tem aparência de pórfiro.

Pormenor
s.m. Minúcia, particularidade.

Pormenorizar
v.t. Narrar ou descrever com minuciosidades, com pormenores; detalhar.

Porneia
s.f. Devassidão, libertinagem.

Porno
adj. Pornográfico.

Pornografia
s.f. Tudo o que se relaciona à devassidão sexual; obscenidade, licenciosidade; indecência. / Caráter imoral de publicações, gravuras, pinturas, cenas, gestos, linguagem.

Pornografico
adj. Relativo à pornografia; obsceno, imoral.

Pornografo
adj. e s.m. Que ou aquele que pratica pornografia.

Poro
s.m. Interstício que separa as moléculas dos corpos. / Anat. Pequeno orifício de uma glândula da pele. &151; As glândulas parecem pequenos sacos localizados profundamente na pele. Se se trata de uma glândula sudorípara, as células nela contidas segregam suor; na glândula sebácea as células segregam uma substância oleosa. A face tem muitas glândulas sebáceas. O óleo que essas glândulas produzem é normalmente líquido. Quando ele se torna sólido nos poros, formam-se cravos. Se a pele se inflama ao redor dos cravos, surgem as espinhas da acne. Certas bactérias, ao penetrarem nos poros, provocam a formação de pus. Se a obstrução afeta as glândulas sudoríparas surgem brotoejas.

Poroforo
s.m. Composto químico utilizado na fabricação de materiais celulares e esponjosos.

Porongo
s.m. Bras. Planta cucurbitácea (também chamada porongueiro), de cujos frutos se fazem cuias ou cabaças.

Pororoca
s.f. Bras. Espécie de onda de maré que ocorre com grande violência em épocas de grandes marés oceânicas. &151; Tais ondas gigantescas se formam em desembocaduras e baías pouco profundas, onde existe uma grande variação entre a maré alta e a maré baixa.

Porosidade
s.f. Estado do que é poroso.

Poroso
adj. Que tem poros.

Porquanto
conj. Visto que, porque, por isso que.

Porque
conj. Introduz orações subordinadas que expressam a causa, equivalendo a "visto que". / Introduz orações coordenadas que expressam o motivo, a razão, ou encerram uma explicação ou justificativa, equivalente a "pois". / &151; Adv. interr. de causa. Por qual motivo, por qual razão ou causa. (Neste caso, tem separados os seus elementos "por que": por que não vieste?) / &151; S.m. A causa, o motivo: sempre se quer saber o porquê das coisas. (Como substantivo é sempre acentuado.)

Porqueira
s.f. Casa de porcos, pocilga. / Porcaria, coisa suja, sórdida ou sem valor.

Porqueiro
s.m. Guardador de porcos.

Porquinho-da-india
s.m. Também chamado cobaia, nome que se dá a um grupo de mamíferos peludos da América do Sul. &151; Há cerca de 20 espécies de porquinhos-da-índia. Os cientistas usam esses animais em experiências que os levam ao desenvolvimento de muitos medicamentos. Também têm sido usados em pesquisas nos campos de comportamento hereditariedade e nutrição. Muitas pessoas têm porquinhos-da-índia como animais de estimação, porque não mordem e são fáceis de cuidar.

Porra
s.f. Ant. Pau com saliência arredondada num dos extremos. / Lus. Chul. Pênis. / Bras. Chul. Esperma, sêmen.

Porrada
s.f. Cacetada, pancada; sova de pau.

Porrado
adj. Bras. Pop. Embriagado.

Porrao
s.m. Pote ou talha para água e mantimentos. / Fig. Homem baixo e atarracado.

Porre
s.m. Bras. Pop. Embriaguez, bebedeira, pifão.

Porreta
adj. Bras. (BA) Pop. Lindo, bom, excelente.

Porretada
s.f. Pancada com porrete.

Porrete
s.m. Cacete com uma saliência arredondada numa das extremidades. / Bras. Remédio heróico. / Recurso decisivo em certa conjuntura.

Porrista
adj. e s.m. e s.f. Bras. Pop. Ébrio contumaz.

Porro
s.m. Alho silvestre, também dito alho-porro. / Calo que se forma no lugar de uma fratura. / &151; Adj. Diz-se do alho silvestre.

Port-salut
s.m. (pal. fr.) Queijo de leite de vaca de coalho comprimido e crosta lavada, fabricado em Mayenne (França).

Porta
s.f. Abertura através da qual as pessoas entram e saem de um lugar. / Peça de madeira ou metal, que gira sobre gonzos, destinada a fechar essa abertura. / Prancha móvel usada em uma abertura desse tipo. &151; Essa prancha pode encaixar-se em dobradiças, deslizar em um sulco, girar em torno de um pivô como um eixo vertical, ou dobrar-se como uma sanfona.

Porta-avioes
s.m. Navio de guerra para transporte de aviões.

Porta-bagagem
s.m. Porta-malas. / Dispositivo que se adapta a um veículo (carro, bicicleta etc.) para transportar bagagem; xalmas.

Porta-bandeira
s.m. e s.f. Aquele, ou aquela, que carrega a bandeira (de um regimento, de uma associação, de um clube etc.) num desfile, num préstito; porta-estandarte; vexilário.

Porta-chapeus
s.m. Móvel em que se dependuram chapéus.

Porta-espada
s.m. Peça presa ao selim para carregar a espada.

Porta-estandarte
s.m. e s.f. Pessoa que leva o estandarte; porta-bandeira; vexilário.

Porta-guarda-chuvas
s.m. Móvel de formas diversas em que se colocam os guarda-chuvas.

Porta-joias
s.m. sing. e pl. Caixinha onde se guardam jóias. (Sin.: guarda-jóias.)

Porta-livro
s.m. Capa móvel com que se envolve um livro.

Porta-malas
s.m. sing. e pl. Parte do veículo de transporte ou do automóvel de passeio em que se acondiciona a bagagem. (No caso do automóvel, diz-se simplesmente mala.)

Porta-mitra
s.m. Clérigo que, em certas solenidades, leva nas mãos a mitra do prelado.

Porta-niqueis
s.m. sing. e pl. Bolsinha para carregar níqueis ou moedas.

Porta-notas
s.m. sing. e pl. Pequena carteira destinada à colocação de dinheiro em notas.

Porta-papel
s.m. Caixa destinada a conter papel, usada em escritórios etc. / Caixa encravada nas paredes dos gabinetes sanitários, na qual se colocam os rolos de papel higiênico.

Porta-pratos
s.m. sing. e pl. Descanso de metal, madeira, porcelana etc., para suporte dos pratos quentes que vão à mesa.

Porta-relogio
s.m. Pequena armação ou caixa em que se coloca o relógio quando não está em uso.

Porta-retratos
s.m. sing. e pl. Espécie de caixilho formado de uma placa de vidro e um cartão, ou de dois vidros, entre os quais se coloca uma fotografia, gravura etc.

Porta-seios
s.m. Peça do vestuário que as mulheres usam para acomodar e amparar os seios.

Porta-toalhas
s.m. sing. e pl. Cabide para toalhas (em banheiro ou lavabo); toalheiro.

Porta-vento
s.m. Tubo que nos órgãos conduz o vento dos foles para os someiros.

Porta-voz
s.m. Instrumento em forma de trombeta que serve para ampliar a voz; megafone. / Fig. Pessoa que fala por outrem ou que representa o pensamento de várias outras.

Portada
s.f. Porta grande com ornatos; portal, pórtico. / Frontispício, fachada. / Rosto de um livro.

Portador
adj. e s.m. Pessoa que carrega ou que conduz alguma coisa; carregador. / Pessoa que porta germes e que os transmite. // Ao portador, que não tem designação de pessoa certa: cheque ao portador.

Portafolio
s.m. Forma port. menos us., mas pref., de portfolio.

Portagem
s.f. Tributo que se paga por carga e passagem, às portas de uma cidade, ao atravessar uma ponte etc.; pedágio.

Portal
s.m. Porta grande e principal de um edifício; os ornatos que a circundam. / Ombreira da porta ou portão.

Portalo
s.m. Lugar por onde se entra em um navio ou por onde passa a carga.

Portanto
conj. Logo, por conseguinte.

Portao
s.m. Porta grande. / Porta de jardim, quintal, pátio, geralmente gradeada e aberta em cerca ou muro; cancela. / Bras. Barranco elevado, na região do rio São Francisco.

Portar
v.t. Levar, conduzir, carregar. / &151; v.pr. Haver-se, comportar-se, proceder.

Portaria
s.f. Porta principal (de convento, estabelecimento de ensino, ministérios, edifícios de apartamentos etc.), onde há geralmente um funcionário (porteiro) encarregado de receber correspondência, dar informações etc. / Vestíbulo, átrio. / Documento oficial de ato administrativo, baixado por autoridade pública e destinado a dar instruções ou fazer determinações de várias ordens.

Portatil
adj. Que se pode transportar com facilidade.

Portavel
adj. Diz-se da dívida que se paga no domicílio do credor e do pagamento assim efetuado.

Porte
s.m. Condução, carreto, carga. / O que se paga pela condução de alguma coisa; frete. / Maneira como uma pessoa anda, se apresenta etc. // Porte de arma, permissão para portar arma de fogo. // Porte de um navio, a sua capacidade de carga; tonelagem.

Porteira
s.f. A mulher do porteiro. / Mulher encarregada da guarda de uma porta ou portaria. / Cancela. / Portão de entrada de propriedade rural.

Porteiro
s.m. Pessoa incumbida de atender à entrada de um hotel, edifício de apartamentos, casa de diversões etc.

Portento
s.m. Coisa ou evento maravilhoso; prodígio.

Portentoso
adj. Que tem caráter de portento; raro, extraordinário, insólito.

Portfolio
s.m. (pal. ing.) Pasta flexível para guardar ou transportar papéis, documentos, fotos etc. / Álbum ou pasta, de folhas soltas ou não, com material em geral fixado (p. ex., leiautes de publicidade, fotos, trabalhos de um artista) para apresentação a outra pessoa (p. ex., clientes, editores, agências de modelos). / Fin. Carteira de títulos e/ou ativos fixos. (Forma port. pref.: portafólio.)

Portico
s.m. Portal de edifício nobre. / Espaço coberto cuja abóbada é sustentada por colunas e que serve de entrada ou vestíbulo.

Portinhola
s.f. Pequena porta, especialmente de automóvel ou de trem. / Bras. Portinha ou abertura pequena numa porta grande; postigo. / Espécie de pequena porta que, fechada, esconde as canhoneiras dos navios.

Porto
s.m. Abrigo natural ou artificial para os navios, munido de instalações necessárias ao embarque e desembarque de mercadorias e de passageiros. &151; Os portos grandes e movimentados dispõem de construções e equipamentos apropriados para receber, armazenar e reembarcar mercadorias. Essas instalações constam de desembarcadouros, depósitos, rebocadores, carregadores e descarregadores mecânicos, barcos de passagem, vagões e caminhões.

Porto-franco
s.m. Porto em que não há barreiras alfandegárias.

Porto-riquenho
adj. Relativo a Porto Rico. / &151; Adj. e s.m. Natural ou habitante de Porto Rico.

Portuario
adj. Relativo a porto.

Portugues
adj. De Portugal, relativo a esse país. / &151; Adj. e s.m. Diz-se do, ou o idioma nacional de Portugal e do Brasil. / Diz-se do, ou o natural ou habitante de Portugal.

Portuguesar
v.t. Aportuguesar.

Portulaca
s.f. Nome de um grupo de ervas com delicadas flores vermelhas, amarelas, róseas, brancas ou roxas. &151; A onze-horas do Brasil, cultivada como flor de jardim, cresce rente ao chão, tende a se alastrar pelo solo, ou pode atingir 30 cm de altura. Suas folhas são estreitas, suculentas, com cerca de 2,5cm de comprimento. A beldroega-pequena cresce até cerca de 45cm de altura; produz flores amarelas, com cerca de 15mm de diâmetro, e folhas largas. É, às vezes, usada na alimentação como tempero.

Portulacaceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas dicotiledôneas.

Portulano
s.m. Carta marítima do fim da Idade Média e do Renascimento, em que se descrevem a posição dos portos, as costas e as marés.

Porventura
adv. Acaso, por acaso; talvez.

Porvindouro
adj. Que há de vir, futuro. / &151; S.m.pl. As gerações futuras, os pósteros.

Porvir
s.m. Tempo futuro. / Fig. Bem-estar futuro. / A posteridade. / Futuro.

Pos-combustao
s.f. Combustão suplementar efetuada num turborreator para aumentar o calor. / Dispositivo que assegura essa combustão.

Pos-comunhao
s.f. Oração da missa, dita depois da comunhão.

Pos-comunismo
s.m. Situação resultante do abandono da ideologia comunista em certos países.

Pos-comunista
adj. Relativo ao pós-comunismo.

Pos-data
s.f. Data posterior à verdadeira em um documento.

Pos-datar
v.t. Datar um documento em um tempo posterior àquele em que ele é feito: pós-datar um cheque constitui delito.

Pos-escolar
adj. Diz-se de atividades destinadas a completar a formação dos alunos após a saída da escola.

Pos-escrito
s.m. Acrescento feito ao texto de uma carta após a assinatura; post scriptum.

Pos-glaciario
adj. Que se seguiu ao período glaciário.

Pos-guerra
s.m. Período que se segue a uma guerra.

Pos-impressionismo
s.m. Conjunto das correntes artísticas que, durante o período que vai aprox. de 1885 a 1905, divergem do impressionismo ou se opõem a ele (neo-impressionismo, sintetismo, simbolismo, os nabis etc.).

Pos-industrial
adj. Que se segue à era industrial.

Pos-menopausico
que ocorre após a menopausa (pop)

Pos-meridiano
adj. Posterior ao meio-dia.

Pos-modernidade
s.f. Conjunto de traços humanos, culturais e mesmo naturais que distinguiriam a contemporaneidade pós-industrial.

Pos-modernismo
s.m. Orientação do gosto, própria do último quartel do séc. XX, caracterizada por certa liberdade formal, ecletismo e fantasia, rompendo com o rigor severo do estilo dito moderno.

Pos-modernista
adj. Relativo ou pertencente ao pós-modernismo, ou apoiante dessa corrente.

Pos-moderno
adj. Relativo ou pertencente ao pós-modernismo, ou apoiante dessa corrente.

Pos-natal
depois do nascimento (pop)

Pos-operativo
depois de uma operação (pop)

Pos-operatorio
adj. Que se produz depois de uma operação cirúrgica.

Pos-parto
apos. e s.m. (Período ou estado) que se segue ao parto.

Pos-prandial
adj. Que se segue à refeição ou que se produz depois dela.

Pos-romantico
adj. Posterior ao período romântico.

Pos-sincronizacao
s.f. Cin. Ligação da palavra e do som à imagem já pronta: a dublagem é uma pós-sincronização.

Pos-sincronizar
v.t. Efetuar a pós-sincronização de.

Pos-traumatico
que ocorre depois de um traumatismo (pop)

Posar
v.i. Fazer pose, servir de modelo.

Poscenio
s.m. A parte do teatro atrás do palco; bastidores.

Pose
s.f. Postura, atitude do corpo. / Modo afetado, pretensioso. / Fotografia. Fotografia tirada com demora superior a um segundo. / Ação de posar (para um pintor ou fotógrafo).

Posfacio
s.m. Declaração final do autor ou de outrem, colocada no final do livro, ao contrário do prefácio, que é colocado no início.

Posfazer
v.t. Fazer depois.

Posicao
s.f. Situação de uma coisa, de uma pessoa. / Atitude. / Coreogr. Cada uma das diferentes maneiras de pousar os pés no chão e de arrumar os braços em relação aos pés. /

Positivamente
adv. Certamente, indiscutivelmente.

Positivar
v.t. Tornar positivo.

Positividade
s.f. Caráter do que é positivo (na linguagem de Augusto Comte).

Positivista
adj. Relativo ao positivismo. / &151; s.m. e s.f. Pessoa que é adepta do positivismo.

Positivo
adj. Certo, real, verdadeiro; inquestionável, indiscutível; baseado nos fatos; concreto, objetivo. / Afirmativo, decisivo, terminante. / Suscetível de aplicação prática. / Física. Diz-se da eletricidade que se desenvolve por atrito do vidro com a lã (também dita eletricidade vítrea, por oposição a eletricidade negativa, a que se desenvolve nos corpos resinosos). / Química. Diz-se das substâncias que, representando o papel de base nas combinações, se dirigem ao pólo negativo da pilha. / Matemática. Quantidade superior a zero: quantidade precedida (ou supostamente precedida) do sinal +. / Bras. Mensageiro, pessoa incumbida de determinada missão. // Homem (ou espírito) positivo, aquele que se inspira na realidade dos fatos, na utilidade prática. // Fotografia. Prova (ou imagem) positiva, aquela em que as luzes e as sombras correspondem às do original, ao contrário da negativa, em que elas aparecem invertidas. // Filosofia. Filosofia positiva, sistema filosófico que rejeita as noções a priori, admitindo apenas os princípios comprovados pela observação e a experiência (v. POSITIVISMO).

Positron
s.m. Partícula com a mesma carga e massa do elétron mas carregada positivamente. (Var.: positron.)

Posologia
s.f. Indicação das doses em que se devem ministrar os medicamentos.

Pospasto
s.m. Sobremesa.

Pospor
v.t. Pôr depois. / Delongar, adiar, procrastinar; postergar.

Possanca
s.f. Pujança, valentia, força, poder. / Geologia A espessura de um estrato geológico.

Possante
adj. Capaz de produzir efeito de vulto. / Que tem possança, força, robustez. / Poderoso.

Posse
s.f. Retenção ou fruição de alguma coisa ou direito. / Estado de quem possui uma coisa, de quem a detém como sua ou tem gozo dela. / Investidura nas funções de um cargo ou dignidade. / O ato de possuir uma mulher. / &151; S.f.pl. Haveres. / Aptidão; meios; força.

Posseiro
s.m. Aquele que tem a posse legal de imóvel indiviso. / Bras. O que está de posse de uma terra devoluta.

Possessao
s.f. Posse. / Terra que um Estado possui; domínio; colônia. / O ato de se tornar alguém possesso.

Possessividade
s.f. Qualidade de quem é possessivo; fato de se mostrar possessivo, dominador.

Possessivo
adj. Diz-se de uma palavra que indica posse. / Psicologia Traço de personalidade caracterizado pela tendência do indivíduo a ter o domínio ou a posse do que o rodeia.

Possesso
adj. Possuído do demônio; endemoniado.

Possessor
adj. e s.m. Que possui; possuidor.

Possessorio
adj. Relativo ou inerente a posse. // Dir. Ação possessória, ação com que se pretende ser mantido ou reintegrado na posse de alguma coisa.

Possibilidade
s.f. Qualidade do que é possível. / &151; S.f.pl. Posses, haveres, capacidade, recursos.

Possibilitar
v.t. Tornar possível. / Apresentar como possível.

Possivel
adj. Que pode ser; que se pode fazer; fácil de realizar-se. / &151; S.m. O que pode ser ou existir; esforço; diligência.

Possuidor
adj. e s.m. Que ou quem possui bens, propriedades, um objeto qualquer etc.

Possuir
v.t. Ter a posse de; ter como propriedade; ter em seu poder. / Conter, ser caracterizado por. / Conter, encerrar. / Ter relações sexuais com. (Na voz passiva, significa deixar-se dominar: estou possuída de indignação.)

Post-mortem
(loc. lat.)

Post-scriptum
s.m. (pal. lat.) Pós-escrito. (Abrev.: P.S.)

Posta
s.f. Talhada de peixe, toucinho, carne etc. / Fig. e Fam. Indivíduo moleirão, preguiçoso. / Administração pública para o transporte de correspondência; correio. / Ant. Estação de cavalos em uma estrada para muda das parelhas de tiro ou serviço dos viajantes.

Posta-restante
s.f. Indicação que se põe no sobrescrito de uma carta e significa que ela deve ficar na repartição até que seja reclamada. / Lugar onde ficam tais cartas.

Postal
adj. Que diz respeito à posta ou ao correio.

Postalista
s.m. e s.f. Bras. Funcionário dos correios.

Postar
v.t. Colocar num posto, num lugar. / Pôr no correio. / &151; v.pr. Pôr-se, colocar-se.

Poste
s.m. Pau fincado verticalmente no solo. / Pilar destinado a sustentar os fios telegráficos, telefônicos ou elétricos. / Coluna de portada de um edifício. / Ant. Espécie de coluna a que se prendiam os criminosos para os expor à ignomínia pública; pelourinho.

Poster
s.m. (adap. do ingl. poster) Cartaz vendido ao público, geralmente representando retratos de personalidades, artistas etc./ Ampliação fotográfica no tamanho desse cartaz.

Postergar
v.t. Deixar para trás. / Pospor, adiar, transferir. / Deixar em atraso. / Preterir, não fazer caso de; desprezar.

Posteridade
s.f. Série de indivíduos que descendem de uma mesma origem. / As gerações futuras. / Descendência, progenitura.

Posterior
adj. Que vem depois, que está depois na ordem do tempo. / Colocado atrás. / &151; S.m. Pop. Nádegas, traseiro.

Posterioridade
s.f. Caráter do que é posterior.

Postero
adj. Que há de vir depois de nós; porvindouro, futuro. / &151; S.m.pl. Posteridade, as gerações futuras.

Postico
adj. Acrescentado depois da obra pronta. / Que se pode pôr ou tirar. / Que não é natural; falso; artificial. / Bras. Que não é legítimo.

Postigo
s.m. Pequena porta que se abre em outra maior. / Marinha Tampa com que se fecham as vigias e goteiras dos navios. / Bs-art. Ala ou painel de retábulo.

Postila
s.f. Apostila.

Postilhao
s.m. Ant. Encarregado do serviço de posta. / Homem que transporta a cavalo notícias e correspondência. / P. ext. Mensageiro.

Postite
s.f. Inflamação do prepúcio.

Posto
s.m. Lugar que uma pessoa ou coisa ocupa. / Qualquer lugar ocupado por um corpo de tropas militares. / Cargo; função; graduação militar. / Lugar destinado a atendimento público: posto de saúde; posto telefônico. // Posto de comando, local onde se estabelece um chefe para exercer seu comando. // Posto meteorológico, estabelecimento onde há um conjunto de instrumentos destinados às observações meteorológicas em determinado lugar, em geral afastado da estação central.

Postremo
adj. Último, extremo, derradeiro.

Postulacao
s.f. Ato de postular; solicitação.

Postulado
s.m. Matemática Princípio ou fato indemonstrável ou não demonstrado, cuja admissão é necessária para estabelecer uma demonstração. (Cf. axioma.) / Tempo de exercícios e provações que antecede o noviciado nas casas religiosas.

Postulante
adj. e s.m. e s.f. Que ou quem postula ou pede com insistência. / Candidato. / Pessoa que cumpre o período de postulado nas casas religiosas.

Postular
v.t. Demandar, solicitar. / Requerer em juízo apresentando a documentação necessária para a instrução de um processo. / Filosofia. Apresentar como postulado.

Postumo
adj. Posterior à morte de alguém. / Publicado ou divulgado após a morte do autor.

Postura
s.f. Posição do corpo. / Compostura. / Os ovos que as aves põem durante certo número de dias; ação ou efeito de pôr ovos. // Postura municipal, ordem emanada das câmaras municipais que obriga ao cumprimento de certos deveres de ordem pública.

Postural
relacionado com a postura ou a posição (pop)

Posudo
adj. e s.m. Bras. Fam. Que ou quem faz ou tem pose; afetado; presumido; arrogante.

Posverbio
s.m. Lingüística Preposição que, posposta a um verbo, modifica o sentido fundamental deste, formando com ele uma nova unidade semântica; p. ex.: dar com, topar, encontrar: dei com ele na rua; dar em, resultar; ir ter em, desembocar: a disputa não deu em nada, esta rua vai dar na praça; dar para, defrontar-se com, deitar para: a sala dá para o jardim; ter vocação ou inclinação: não dá para professor.

Pot-pourri
s.m. (pal. fr.) Canção cujas estrofes são formadas de diferentes árias conhecidas. / Produção literária formada de diversos trechos do mesmo autor ou de autores diferentes; miscelânea. / Prato feito com diversas carnes cozidas.

Potamografia
s.f. Estudo, descrição dos rios; potamologia.

Potamologia
s.f. Geografia Nome dado ao estudo dos rios; potamografia.

Potamoquero
s.m. Porco selvagem da África, de pêlo acaju. (Altura média: 65 cm.)

Potassa
s.f. Hidróxido de potássio (KOH). &151; A palavra potassa é usada em geral para indicar o carbonato de potássio (K2CO3), que pode substituir a soda na fabricação de vidro. A potassa foi originalmente obtida pela lixívia de cinzas de madeira queimada fervidas em solução em grandes caldeirões abertos. A potassa a partir da lixívia é usada na preparação de sabão cru. O carbonato de potássio é preparado comercialmente a partir do minério silvita, um composto quase puro de cloro e potássio. / Nome comercial dado ao carbonato de potássio, e ao cloreto de potássio utilizado como adubo.

Potassico
adj. Que contém potássio ou potassa.

Potassio
s.m. Símbolo químico K, é elemento metálico prateado, que reage facilmente com oxigênio e água. &151; Na natureza, devido a essa característica, ocorre sempre combinado com outros elementos. É encontrado sob forma de minérios, como carnalita e silvita. Sir Humphry Davy, químico inglês, isolou o potássio como metal puro pela primeira vez em 1807.

Potavel
adj. Diz-se da água própria para ser bebida.

Pote
s.m. Grande vaso de barro para líquidos. / Qualquer vaso de barro, metal etc. / Pequeno vaso para cosméticos, pomadas etc. / Antiga medida para líquidos, correspondente a seis canadas, ou cerca de 8,400 l. // A potes, diz-se da chuva quando cai em grande quantidade.

Poteia
s.f. Óxido de estanho reduzido a pó muito fino, usado para polir espelhos de aço e outros objetos.

Potencia
s.f. Fís. Trabalho realizado por unidade de tempo. &151; O conceito de potência envolve três fatores: força, distância e tempo. Os físicos consideram que se realiza trabalho sempre que uma força move um corpo a certa distância. O trabalho é medido multiplicando a intensidade da força pela distância em que o objeto se move, segundo a direção em que a força está agindo. No Sistema Internacional de Unidades, a unidade de trabalho, o joule, equivale ao trabalho realizado por uma força de um newton ao deslocar um corpo por uma distância de um metro. A potência é medida dividindo o trabalho realizado pelo tempo gasto. No Sistema Internacional, a unidade de potência é o watt, que equivale a um joule por segundo.

Potenciacao
activação de uma droga por outra (pop)

Potencial
adj. Relativo a potência; virtual; que exprime possibilidade. / &151; S.m. Quantidade de eletricidade de que um corpo está carregado. / Força, poder de que se pode dispor. // Potencial energético, quantidade de energia elétrica de que pode dispor um país, uma região etc.

Potencialidade
s.f. Qualidade de potencial.

Potencializacao
activação de uma droga por outra (pop)

Potencializar
v.t. Tornar (mais) eficaz ou (mais) ativo: potencializar uma idéia. / Aumentar, reforçar os efeitos sobre o organismo de determinada substância ativa, especialmente de um medicamento (falando-se de outra substância): o álcool pode potencializar tal sonífero.

Potenciometro
s.m. Eletr. Instrumento que mede com precisão corrente elétrica, voltagem e resistência elétrica, indicando quedas de voltagem ou diferenças de potencial pela comparação de uma força eletromotriz desconhecida com uma conhecida. &151; É utilizado para calibrar voltímetros ou amperímetros, e para controlar a intensidade e a tonalidade da audição em radiodifusão. / Eletrôn. Resistor utilizado em aparelhos de radiodifusão, televisão etc., para graduar tensões.

Potentado
s.m. Soberano de poder absoluto. / Fig. Homem muito poderoso.

Potente
adj. Que pode; que tem potência ou poderio. / Que goza de importância ou influência. / Eficaz; enérgico; rijo.

Potenteia
adj. e s.f. Heráld. Diz-se da, ou a cruz vazada, cujas hastes são rematadas por figura quadrilonga.

Potentilha
s.f. Planta da família das rosáceas.

Poterna
s.f. Porta falsa ou galeria subterrânea, por onde se sai secretamente de um local fortificado.

Potestade
s.f. Potência, força, poder. / A divindade suprema, segundo a religião. / Potentado. / &151; S.f.pl. Um dos coros de anjos. // Potestades celestes, Deus, os anjos, os santos. // Potestades infernais, os demônios.

Potestativo
adj. Diz-se de quem está revestido de poder. / Dir. Que depende da vontade de uma das partes contratantes.

Potoca
s.f. Bras. Pop. Mentira.

Potoqueiro
s.m. Mentiroso, contador de potocas.

Potra
(ô)

Potranca
s.f. Bras. Fem. de potranco.

Potranco
s.m. Bras. Potro de menos de dois anos.

Potrear
v.t. Bras. Arrebanhar violentamente o gado cavalar do campo do proprietário. / Arrebanhar (cavalos bravios) para domar. / Desafiar, provocar com gracejos ou remoques. / &151; V.i. Bras. (S) Encolerizar-se; ralhar com ares de valente.

Potreia
s.f. Bebida desagradável ou estragada. / P. ext. Coisa que não presta.

Potro
s.m. Poldro, cavalo novo de menos de trinta meses.

Pouca-vergonha
s.f. Ato vergonhoso e imoral; patifaria. / Falta de vergonha.

Pouco
adv. Em pequena quantidade, não muito: comer pouco. (Ocorre nos superlativos: pouco viajado, pouco inteligente.) / &151; Adj. Reduzido, limitado: tem pouco dinheiro, poucos amigos. (Equivale, às vezes, a "nenhum": pouca-vergonha [falta de vergonha, impudicícia].) / &151; S.m. Pequena quantidade: um pouco de água, uns poucos pássaros. / &151; Pron. Pouco tempo: daí a pouco ele chegou; saiu faz pouco. // &151; loc. adv. Pouco a pouco, a pouco e pouco, aos bocados, com pequenos intervalos, vagarosamente. // Por pouco, por um triz, quase.

Poupa
s.f. Pequeno tufo de penas que adorna a cabeça de certas aves. / Zoologia Ave da ordem dos tenuirrostros, do tamanho de um melro, que tem um tufo de penas na cabeça.

Poupado
adj. Que restringe o mais possível a despesa. / Econômico.

Poupanca
s.f. Economia na despesa. / Fração da renda individual ou nacional que não é destinada ao consumo.

Poupar
v.t. Ajuntar por economia. / Gastar com reserva. / Evitar, dispensar. / Fig. Empregar com cautela. / Tratar com consideração: poupar a velhice. / Deixar subsistir: o bombardeio poupou esse edifício.

Pousada
s.f. Ação de pousar; parada em um local para descansar quando se está viajando. / Casa onde se descansa em viagem; lugar onde se pernoita.

Pousar
v.i.. e v.t. Repousar, descansar; empoleirar-se. / Recolher-se por breve tempo. / Colocar, pôr, assentar levemente.

Pousio
s.m. Descanso que se dá a uma terra cultivada, interrompendo-lhe a cultura por um ou mais anos. / O terreno que está de pousio. / &151; Adj. Inculto, não semeado.

Pouso
s.m. Ação de pousar (falando-se de aves e aviões). / Lugar onde se pousa, onde se costuma estar ou descansar. / Mó inferior dos moinhos ou azenhas. / Ancoradouro. / Bras. Telheiro ou choupana onde os viajantes se recolhem. / Bras. Rancho. / &151; S.m.pl. Travessa de madeira sobre que assenta a quilha do navio ou estaleiro.

Povileu
s.m. Populacho, plebe, ralé.

Povinho
s.m. Pop. Povo baixo, plebe, ralé; poviléu.

Povo
s.m. Conjunto de homens que vivem em sociedade. / Conjunto de indivíduos que constituem uma nação. / Conjunto de indivíduos de uma região, cidade, vila ou aldeia. / Conjunto de pessoas que não habitam o mesmo país, mas que estão ligadas por sua origem, sua religião ou por qualquer outro laço. / Conjunto dos cidadãos de um país em relação aos governantes. / Conjunto de pessoas que pertencem à classe mais pobre, à classe operária ou à classe dos não-proprietários; plebe. / Lugarejo, aldeia, vila, pequena povoação: um povo. / Público, considerado em seu conjunto. / Multidão de gente, as massas. / Fam. Família, a gente da casa:

Povoacao
s.f. Os moradores de determinado lugar. / Lugar povoado. / Ação ou efeito de povoar. / Bras. (AM) Conjunto de seringueiras agrupadas na floresta.

Povoado
s.m. Pequena localidade habitada; povoação.

Povoamento
s.m. Ato de povoar. / Estado do que está povoado.

Povoar
v.t. Fixarem-se os seres humanos (em número considerável) em lugar antes desabitado. / Fig. Encher ou estar cheio de.

Povoleu
s.m. O mesmo que poviléu.

Pozolana
s.f. Rocha vulcânica silicosa, que se encontra nos arredores de Pozzuoli (Itália) e que, misturada com cal, se usa como cimento hidráulico.

Praca
s.f. Largo espaço descoberto para onde convergem várias ruas. / Comércio local: esta mercadoria não existe na praça. / Soldado raso, militar que não tem patente de oficial. // Carro de praça, carro de aluguel, táxi. // Sentar praça, alistar-se nas forças armadas. // Fazer praça de, alardear, tornar público. // Ir à praça, ser posto em leilão.

Pracinha
s.m. Bras. Soldado da Força Expedicionária Brasileira, na Segunda Guerra Mundial.

Pracista
s.m. e s.f. Com. Vendedor que anda na praça por conta própria ou de alguma casa comercial.

Pracrito
s.m. Cada uma das línguas comuns oriundas do sânscrito, em uso na Índia antiga e que deram nascimento às línguas indo-arianas modernas.

Pradaria
s.f. Região plana ou ondulada recoberta principalmente por gramíneas altas. &151; A palavra se aplica de modo particular à extensa planície no centro da América do Norte, abrangendo parte dos E.U.A. e do Canadá. Pradarias são também o pampa argentino, que avança pelo Brasil formando a campanha rio-grandense, o velde da África do Sul e partes da Hungria, Romênia e União Soviética central.

Prado
s.m. Terreno coberto de plantas herbáceas que servem para pastagem. / Bras. O mesmo que hipódromo.

Praga
s.f. Ação de imprecar males contra alguém. / A imprecação de pragas. / Grande calamidade. / Pessoa ou coisa que aflige. / Grande quantidade de coisas importunas, de animais nocivos. / Bras. Erva daninha. // Rogar praga(s) a, fazer imprecações contra alguém.

Pragal
s.m. Terra árida onde só crescem plantas bravias.

Pragana
s.f. A barba das espigas dos cereais.

Pragmatica
s.f. Coleção de regras ou de fórmulas que regulam os atos e cerimônias da Corte e da Igreja. / Ant. Toda e qualquer lei que não fosse decreto ou ordenança real. / P. ext. Formalidade de cortesia ou de etiqueta.

Pragmatico
adj. Que diz respeito ao pragmatismo. / Fundamentado no estudo dos fatos. / Que toma o valor prático como critério da verdade.

Pragmatista
adj. Que diz respeito ao pragmatismo. / &151; s.m. e s.f. Partidário do pragmatismo.

Praguejar
v.i. Soltar pragas ou imprecações; amaldiçoar, vociferar.

Praguicida
adj. e s.m. Diz-se de, ou todo produto destinado a combater os parasitos animais e vegetais das culturas, ratos, insetos etc.

Praia
s.f. Faixa de terra coberta de lama, seixos, saibro ou areia às margens do mar, de um lago ou de um rio. &151; O material pode ter se originado de sedimentos de rios ou de restos recolhidos por ondas de mar tempestuoso. A areia às vezes é trazida pela água do leito de mar pouco profundo, e depositada na orla marítima.

Prairial
s.m. Nono mês do calendário republicano francês (20/21 de maio - 18/19 de junho).

Pralina
s.f. Espécie de confeito, preparado com amêndoa coberta de açúcar.

Prancha
s.f. Grande tábua grossa e larga, da qual se podem extrair outras menores. / Tábua larga que serve para dar passagem de uma embarcação para a terra. / Canoa ou embarcação fluvial em algumas regiões do Brasil. / Art. gráf. Estampa impressa.

Pranchao
s.m. Grande prancha; tábua larga, grossa e sólida que serve para dar passagem de um a outro lugar, especialmente de um barco a um cais e vice-versa.

Prancheta
s.f. Pequena prancha. / Prancha destinada a fixar o papel em que se escreve ou se pinta etc. / Instrumento que serve para o levantamento de plantas topográficas.

Prantear
v.t. Derramar pranto por. / Lamentar, lastimar. / &151; V.i. Chorar. / &151; v.pr. Lastimar-se.

Pranto
s.m. Choro; lágrimas. / Lamentação, lamúria. // Debulhar-se em prantos, chorar copiosamente.

Praseodimio
s.m. Elemento de símbolo Pr, número atômico 59, massa atômica 140,9076, e que é um metal terroso.

Prata
s.f. Moeda ou baixela feita desse metal. // Prata de lei, a que se apresenta os quilates de lei. // Prata da casa, os próprios recursos. / Bras. Dinheiro: este livro me custou vinte pratas. &151; A prata encontra-se raramente em estado puro no solo; está o mais das vezes combinada com enxofre ou antimônio. É o mais dúctil e maleável dos metais depois do ouro; funde-se a 960&186;C. Sua densidade é 10,5; liga-se ao cobre para lhe dar mais dureza. As moedas de prata são formadas com essas ligas.

Pratada
s.f. O conteúdo de um prato. / Prato muito cheio.

Prataria
s.f. Baixela e outros utensílios de prata.

Prateacao
s.f. Ato, arte de pratear.

Prateado
adj. Revestido de prata. / Fig. Com aspecto de prata.

Prateador
adj. e s.m. Que ou aquele que prateia.

Pratear
v.t. Revestir de uma tênue camada de prata. / Poética Dar o brilho, a alvura da prata.

Prateleira
s.f. Tábua disposta horizontalmente, na qual se colocam livros, papéis e outros objetos. / Cada uma das tábuas internas e horizontais de uma estante ou armário.

Pratica
s.f. Palestra, conferência, fala. / Pequeno discurso feito por um eclesiástico aos fiéis no intervalo da missa. / Execução de alguma coisa que se projetou (por opos. a teoria): planos muito bem imaginados, mas desastrosos na prática. / Processo, maneira de fazer: prática engenhosa. / Uso, costume, convenção: prática parlamentar. / Experiência, hábito: ter prática de nadar. // Pôr em prática, realizar: pôr em prática uma teoria. / &151; S.f.pl. Exercícios relativos ao culto: práticas religiosas.

Praticabilidade
s.f. Qualidade do que é praticável.

Praticagem
s.f. Ação de praticar; pilotagem.

Praticamente
adv. De modo prático, cômodo. / Quase, aproximadamente: os resultados são praticamente nulos.

Praticante
adj. e s.m. e s.f. Que observa as práticas de uma religião. / Que ou aquele que se está exercitando numa profissão.

Praticar
v.t. Cometer, realizar. / Pôr em prática, aplicar regras teóricas de uma arte ou de uma ciência; exercer; exercitar. / Ir adquirindo prática. / Pregar, ensinar por meio de práticas ou conversas educativas: o vigário praticava-lhes diariamente a doutrina cristã. / Ler, conhecer bem, ter trato freqüente com: praticar os clássicos da língua.

Praticavel
adj. Que se pode praticar; realizável.

Pratico
adj. Que é relativo à ação, à aplicação de regras ou princípios de uma ciência ou de uma arte: curso prático. / Que tem o senso da realidade; que sabe tratar de negócios: ter espírito prático. / Cômodo, de aplicação ou de uso fácil: instrumento prático. // S.m. Piloto, navegante que conhece bem determinado caminho marítimo. / Bras. Profissional que exerce a profissão sem diploma legal: prático de farmácia.

Prato
s.m. Utensílio de forma geralmente circular onde se serve a comida à mesa. / P. ext. A própria comida. / Cada uma das conchas da balança ordinária onde se põem os pesos e os objetos que se vão pesar. // Pôr tudo em pratos limpos, esclarecer um assunto.

Pratos
s.m.pl. Instrumento de percussão constituído por duas peças circulares de metal cujo formato se assemelha a um chapéu de abas largas. &151; Possui uma pequena saliência no centro com uma alça de couro para segurar. Vários tipos de sons podem ser obtidos batendo-se um prato contra o outro, ou batendo-se em um deles com uma espécie de maça. Existem pratos de todos os tamanhos, mas os percussionistas de orquestras sinfônicas preferem os de 36 a 38cm de diâmetro. Como os pratos são feitos à mão, não existem dois que produzam exatamente a mesma sonoridade.

Praxe
s.f. Uso, hábito, costume. / Etiqueta; pragmática. / Prática, realização.

Praxis
s.f. Na filosofia marxista, conjunto de atividades que visam a transformar o mundo e, particularmente, os meios e as realizações de produção, sobre a qual repousam as estruturas sociais. / No existencialismo sartriano, aquilo pelo qual o ser se revela na História. / Bras. Movimento de vanguarda da poesia brasileira, aparecido em São Paulo por volta de 1961.

Praxista
adj. e s.m. e s.f. Diz-se da, ou a pessoa versada nas práticas do foro ou da etiqueta. / Processualista.

Prazenteiro
adj. Jovial, afável, alegre. / Prazeroso.

Prazer
s.m. Contentamento, alegria, jovialidade. / Satisfação, deleite, delícia. / Boa vontade, agrado. / Distração, divertimento.

Prazo
s.m. Espaço de tempo dentro do qual se deve fazer alguma coisa; tempo fixo e determinado.

Pre
s.m. Vencimento diário dos militares que não têm patente oficial. // Praça de pré, soldado que recebe o pré, soldado raso.

Pre-adamismo
s.m. Doutrina do séc. XVII, segundo a qual Adão não teria sido o primeiro homem.

Pre-adamita
adj. Anterior a Adão. / &151; s.m. e s.f. Partidário do pré-adamismo.

Pre-adaptacao
s.f. Predisposição anatômica e fisiológica de um ser vivo a se adaptar a um meio diferente daquele onde ele vive.

Pre-adolescente
adj. e s.m.e f. Relativo ao período imediatamente anterior à adolescência; jovem que vai entrar na adolescência: temores pré-adolescentes.

Pre-cambriano
adj. e s.m. Diz-se do, ou o período da história da Terra cuja duração se avalia em quatro milhões de anos, de transição do arcaico para o cambriano e no qual teriam aparecido os primeiros vestígios fósseis.

Pre-carga
pré-carga (pop)

Pre-classico
adj. Anterior ao período clássico.

Pre-clinico
que ocorre antes da doença ser clinicamente reconhecível (pop)

Pre-colombiano
adj. Diz-se da época anterior a Colombo, na América: arte pré-colombiana.

Pre-combustao
s.f. Fase do funcionamento de um motor Diesel que precede a inflamação do combustível.

Pre-estreia
s.f. Apresentação informativa, destinada a jornalistas, críticos de arte, convidados especiais, autoridades, ou a fins de caridade, e que precede a representação pública de um filme, peça de teatro ou a abertura de uma exposição.

Pre-fabricado
adj. Cujas peças ou partes já estão prontas para serem montadas ou armadas.

Pre-helenico
adj. Anterior à invasão dórica do Mediterrâneo oriental (séc. XII a.C.).

Pre-historia
s.f. História dos tempos anteriores ao aparecimento dos primeiros documentos escritos. (A pré-história estende-se até a idade dos metais, isto é, por volta do ano 2000 a.C.)

Pre-historiador
adj. e s.m. Diz-se de, ou arqueólogo especializado na pré-história.

Pre-historico
adj. Que precede os tempos históricos.

Pre-hominideo
adj. e s.m. Diz-se de, ou hominídeo fóssil intermediário entre o macaco e o homem, mas mais próximo deste último.

Pre-islamico
adj. Anterior ao Islã.

Pre-letrado
adj. e s.m. Designação dos povos primitivos que não adquiriram a arte da leitura e da escrita.

Pre-logica
s.f. Conjunto de noções lógicas que afere a mentalidade dos povos bárbaros.

Pre-logico
adj. Que ainda não é lógico; que antecede ao desenvolvimento coerente do raciocínio.

Pre-medicacao
administração de medicamentos como sedativos antes de uma anestesia geral (pop)

Pre-menstrual
que ocorre antes da menstruação (pop)

Pre-molar
adj. e s.m. Diz-se do, ou dente que fica entre o canino e os molares.

Pre-natal
/antes do nascimento, durante a evolução da gravidez (pop)

Pre-nupcial
adj. Que precede o casamento.

Pre-operatorio
adj. e s.m. (Período) que precede uma intervenção cirúrgica, quando o paciente é preparado para ela.

Pre-rafaelismo
s.m. Doutrina e maneira dos pré-rafaelitas.

Pre-rafaelita
adj. e s.m. e s.f. Grupo de sete jovens pintores e poetas ingleses que queriam reformar a arte de seu país. &151; O nome foi por eles escolhido em 1848. Esses artistas decidiram chamar-se pré-rafaelitas porque admiravam o estilo simples e informal da pintura italiana anterior à obra de Rafael, do início do séc. XVI.

Pre-romantismo
s.m. Período da história literária que, no último quartel do séc. XVIII, preparou o romantismo.

Pre-seletor
s.m. Radiofonia Circuito destinado a melhorar a sintonia de um radiorreceptor. (Coloca-se entre a antena do aparelho e a entrada do circuito de sintonia.)

Pre-simbolista
adj. Anterior ao simbolismo. / &151; s.m. e s.f. Escritor(a) pertencente à fase anterior ao simbolismo.

Pre-sinatico
que se encontra adiante da zona de contacto entre dois neuronas (pop)

Pre-socratico
adj. Anterior a Sócrates. / &151; S.m. Cada um dos filósofos que antecederam a Sócrates (do séc. VII ao séc. IV a.C.), criadores da filosofia ocidental. V. PRÉ-SOCRÁTICA (filosofia).

Pre-universitario
adj. Antecedente aos estudos universitários. // Curso pré-universitário, o mesmo que curso vestibular. (V. VESTIBULAR.) / &151; Adj. e s.m. Diz-se de, ou estudante que se prepara para prestar os exames vestibulares.

Pre-vestibulando
s.m. Bras. Estudante que faz curso pré-vestibular.

Pre-vestibular
adj. Que antecede o vestibular. / &151; Adj. e s.m. Diz-se de, ou curso preparatório para o concurso vestibular.

Pre-vocacional
adj. Que visa a descobrir uma tendência vocacional.

Prea
s.m. e f. Bras. Mamífero roedor aparentado e semelhante, na forma e no comportamento, ao porquinho-da-índia. &151; A espécie mais comum, de Pernambuco até o sul do Brasil, Paraguai e norte da Argentina, não tem cauda e mede cerca de 25cm de comprimento. Tem pelagem áspera, um tanto longa, cinzento-escura na parte superior do corpo e esbranquiçada na inferior. Tem quatro dedos nas patas anteriores e três nas posteriores.

Preamar
s.f. Maré cheia, maré alta. (Var.: preia-mar.)

Preambulo
s.m. Exórdio, prefácio de um livro, uma narração, um discurso etc. / Relatório que precede uma lei, um decreto, uma portaria etc. / O que precede; preliminar. // Sem mais preâmbulos, sem demora, direto ao assunto.

Prear
v.t. Agarrar, aprisionar, tomar. / &151; V.i. Conquistar, fazer presa.

Prebenda
s.f. Rendimento de um canonicato. / Qualquer benefício eclesiástico. / Fig. Ocupação rendosa e com pouco trabalho. / Bras. Fam. Tarefa difícil ou onerosa.

Prebendeiro
s.m. Aquele que arremata as prebendas ou as rendas de um bispado.

Prebostado
s.m. Cargo de preboste.

Prebostal
adj. Relativo a preboste.

Preboste
s.m. Nome dado antigamente a um magistrado militar que havia nos corpos do exército e nos navios.

Precariedade
s.f. Qualidade do que é precário.

Precario
adj. Que tem pouca estabilidade ou duração; incerto, contingente. / Frágil, débil.

Precatar
v.t. Pôr de sobreaviso, acautelar, prevenir. / &151; V.pr. Acautelar-se, precaver-se.

Precatorio
s.m. Dívida já decidida na Justiça contra Estados e municípios. / Documento precatório. &151; Adj. Em que se pede algo, rogatório.

Precaucao
s.f. Cautela antecipada, prevenção. / Cuidado, prudência.

Precaver
v.t. Prevenir; acautelar, precatar. / &151; v.pr. Acautelar-se, proteger-se.

Precavido
adj. Prudente, acautelado, cheio de precauções.

Prece
s.f. Ato religioso pelo qual nos dirigimos a Deus para suplicar algum benefício, ou para adorá-lo; reza, oração. / Oração a um santo.

Precedencia
s.f. Antecedência no tempo, na ordem ou no lugar. / Direito de preceder; preferência.

Precedente
adj. Que precede; antecedente. / &151; S.m. Fato ocorrido; exemplo anterior.

Preceder
v.t. Estar adiante de; ir na frente de; chegar antes de. / Existir antes de.

Preceito
s.m. Regra, ensinamento, mandamento.

Preceituar
v.t. Estabelecer como preceito. / &151; V.i. Prescrever normas ou regras. / Ordenar.

Preceituario
s.m. Coleção de preceitos ou normas.

Preceptivo
adj. Que encerra preceitos. / Da natureza do preceito.

Preceptor
s.m. Pessoa incumbida de acompanhar e orientar a educação de uma criança ou de um adolescente.

Preceptoral
adj. Próprio de preceptor.

Precessao
s.f. Precedência. // Astronomia. Precessão dos equinócios, acrescentamento sucessivo e uniforme das longitudes astronômicas das estrelas, enquanto sua latitude fica constante.

Precinta
s.f. Faixa, cinta ou atadura que serve para atar alguma coisa. / Náutica Tira de lona com que se forram os cabos.

Precintar
v.t. Atar ou cingir com precintas.

Preciosidade
s.f. Qualidade do que é precioso, do que é raro e valioso. / Coisa preciosa; coisa rara.

Preciosismo
s.m. Requinte no falar ou no escrever.

Precioso
adj. Que tem alto preço. / Fig. Que é de grande apreço ou estimação. / Afetado.

Precipicio
s.m. Lugar escarpado e muito profundo; abismo; despenhadeiro. / Fig. Ruína; perdição; desgraça.

Precipitacao
s.f. Ato ou resultado de precipitar ou precipitar-se. / Extrema velocidade; grande pressa; afobação. / Rapidez em tomar uma resolução; irreflexão. / Química Fenômeno que se verifica quando um corpo insolúvel se forma num líquido e se deposita como sedimento no fundo do vaso. / Meteorologia Quantidade de água, neve, granizo, que se deposita no solo em determinado período.

Precipitado
adj. Que procede precipitadamente ou impensadamente; irrefletido; arrebatado. / &151; S.m. Química Matéria sólida formada num líquido por uma precipitação química.

Precipitar
v.t. Despenhar, impelir de cima para baixo. / Levar, arrastar a. / Apressar, antecipar. / &151; V.i. Química Formar-se o precipitado de alguma substância. / &151; v.pr. Lançar-se de cima para baixo; arrojar-se. / Correr vertiginosamente. / Proceder com precipitação, agir impensadamente. / Atirar-se violentamente sobre ou contra.

Precipite
adj. Que está prestes a precipitar-se; rápido, veloz.

Precipuo
adj. Principal, essencial. / Direito Diz-se dos bens que o herdeiro não é obrigado a trazer à colação. / &151; S.m. Vantagem conferida pela lei ou pelo testador a um dos co-herdeiros.

Precisao
s.f. Qualidade do que é preciso, exato, rigoroso. / Falta ou carência de alguma coisa; necessidade. / Exatidão na execução. / Nitidez rigorosa no pensamento ou no estilo.

Precisar
v.t. e v.i. Ter necessidade de, carecer. / Determinar, indicar com exatidão. / Ser pobre, passar necessidades.

Preciso
adj. Necessário, indispensável. / Exato, determinado, certo. / Claro, distinto. / Expresso com rigorosa nitidez e justeza.

Precitado
adj. Citado ou mencionado anteriormente.

Precito
adj. e s.m. Condenado; réprobo; maldito.

Preclaro
adj. Famoso, ilustre.

Preclusao
s.f. Fonética. Contato prévio de dois órgãos para a produção de um fonema explosivo, como p|, |b| etc. / Direito Perda de uma faculdade processual civil, pelo não-exercício dela na ordem legal, ou por se haver efetuado atividade incompatível com tal exercício, ou ainda por já ter sido ela validamente exercitada.

Preco
Fig. Recompensa: receber o preço do seu devotamento. / Castigo: receber o preço de suas faltas. / Valor, importância: o preço do tempo. // &151; loc. adj. Sem preço, superior a todo preço, inestimável. // &151; loc. adv. A todo preço, custe o que custar. //

Precoce
adj. Maduro antes da estação própria; prematuro. / Que se produz antes do tempo normal. / Formado antes da idade, física ou mentalmente. // Demência precoce, termo usado para um tipo de doença mental que atualmente é quase exclusivamente referida como esquizofrenia.

Precocidade
s.f. Qualidade do que é precoce.

Preconceber
v.t. Conceber antecipadamente. / Imaginar com antecipação.

Preconcebido
adj. Concebido antecipadamente; concebido sem fundamento sério; premeditado.

Preconceito
s.m. Forma de pensamento na qual a pessoa chega a conclusões que entram em conflito com os fatos por tê-los prejulgado. &151; O preconceito existe em relação a quase tudo e varia em intensidade da distorção moderada a um erro total.

Preconicio
s.m. Bras. Reclame, publicidade, propaganda.

Preconizacao
s.f. Ação ou efeito de preconizar. / Religião Ato solene pelo qual o papa declara a sua aprovação à nomeação de um eclesiástico para um bispado ou um benefício.

Preconizar
v.t. Recomendar, pregar; apregoar com louvor, fazer a propaganda de. / Religião Fazer a preconização de: preconizar um bispo.

Precordial
adj. Relativo à região adiante do coração: dor precordial.

Precursor
adj. e s.m. Que ou quem anuncia um acontecimento vindouro. / Que ou quem vem adiante de alguém para anunciar a sua chegada. / Que ou quem é o primeiro a pregar ou a defender certas idéias, tendências ou doutrinas: Goethe foi um dos precursores do Romantismo. / Bioquímica. (Composto) de que procede um outro, numa seqüência metabólica.

Predacao
s.f. Modo de nutrição dos animais predadores. / Modo de subsistência das populações predadoras.

Predador
s.m. O ser que destrói outro violentamente.

Predatorio
adj. Concernente a roubos ou a piratas ou a navios de corsários.

Predecessor
s.m. Antecessor; aquele que antecede alguém em alguma coisa.

Predestinacao
s.f. Teologia Crença de que cada acontecimento é determinado de antemão por Deus. &151; Os defensores dessa doutrina argumentam que se Deus não ordenar cada acontecimento, não se pode dizer que Ele é todo-poderoso.

Predestinado
adj. e s.m. Que ou aquele que está destinado de antemão a alguma coisa. / Teologia Que ou aquele que Deus destinou à glória eterna; eleito de Deus.

Predestinar
v.t. Destinar de antemão. / Teologia Conceder (Deus) aos eleitos a vida eterna.

Predeterminacao
s.f. Ação ou efeito de determinar com antecipação. / Teologia Ação pela qual Deus determina a vontade humana.

Predeterminar
v.t. Determinar antecipadamente. / Teologia Determinar (Deus) a vontade humana.

Predeterminismo
s.m. Filosofia. Sistema que considera os acontecimentos como determinados antecipadamente por Deus.

Predial
adj. Relativo a prédio.

Predica
s.f. Prática, sermão.

Predicacao
s.f. Gramática Caráter de um verbo quanto a requerer, ou não, a presença de complemento(s).

Predicado
s.m. Atributo ou propriedade característica de uma coisa. / Dote, prenda; virtude, qualidade. / Gramática Termo da oração no qual se afirma ou nega alguma coisa. // Predicado nominal, o que tem por núcleo um nome (subst., adj. ou pron.), articulado com o sujeito por um verbo de ligação (ser, estar, ficar etc.): ele é saudável, está alegre e ficou radiante com a notícia. // Predicado verbal, o que tem por núcleo um verbo, acompanhado ou não de complemento(s): o ladrão assaltou o banco e fugiu. // Predicado verbo-nominal, o que apresenta um núcleo verbal e um núcleo nominal: as cartas chegaram abertas.

Predicador
adj. e s.m. O mesmo que predicante.

Predicante
adj. Que predica. / &151; S.m. Pastor protestante.

Predicao
s.f. Ação ou efeito de predizer; prognóstico; vaticínio.

Predicar
v.t. e v.i. Pregar; aconselhar; fazer sermão ou prédica.

Predicativo
adj. e s.m. Diz-se do, ou o termo (subst., adj. ou pron.) que integra um predicado nominal, ou verbo-nominal, encerrando a definição, um estado ou a qualificação de um ser: a Terra é um planeta, o dono da casa sou eu, esta criança é linda, o mar estava revolto; o trem chegou atrasado, nomearam-no embaixador, achei-o magro.

Predilecao
s.f. Preferência acentuada por alguma coisa ou alguém.

Predileto
adj. e s.m. Preferido, amado acima de todos e de tudo.

Predio
s.m. Propriedade urbana ou rústica inamovível. / Edifício, casa.

Predispor
v.t. Dispor antecipadamente. / Preparar de antemão: a falta de higiene predispõe à doença.

Predisposicao
s.f. Ação ou efeito de predispor. / Disposição antecipada. / Disposição natural própria de determinado indivíduo. / Vocação; tendência.

Predizer
v.t. Dizer antecipadamente o que vai acontecer, seja por meio de regras certas, seja por pretensa adivinhação, seja por conjetura. / Prognosticar; profetizar; vaticinar.

Predominancia
s.f. Caráter do que é predominante; predomínio.

Predominante
adj. Que predomina. / Gramática Diz-se do acento mais forte de uma palavra e da sílaba ou vogal em que ela recai.

Predominar
v.i. Estar em primeiro lugar; ter domínio ou influência sobre. / Prevalecer, sobressair.

Predominio
s.m. Superioridade, preponderância.

Preeclampsia
estado antenatal que precede as convulsões eclâmpticas (pop)

Preeminencia
s.f. Qualidade de preeminente. / Excelência, vantagem, distinção.

Preeminente
adj. Que tem preeminência; que ocupa posição mais elevada. / Superior; distinto.

Preempcao
s.f. Direito Preferência que tem o primitivo vendedor de readquirir o objeto vendido; precedência na compra.

Preencher
v.t. Encher. / Ocupar. / Completar. / Desempenhar: preencher uma função. / Empregar: preencher o tempo. / Cumprir: preencher uma cláusula. / Satisfação: preencher o objetivo. // Preencher uma ficha, um formulário, lançar nas lacunas os dados requeridos.

Preenchimento
s.m. Ato ou efeito de preencher.

Preensao
s.f. Ato de segurar, apanhar ou agarrar.

Preensil
adj. Que tem a faculdade da preensão; que pode segurar.

Preensor
adj. Que segura, que agarra.

Preestabelecer
v.t. Estabelecer previamente; predispor; predeterminar.

Preestabelecido
adj. Estabelecido antecipadamente.

Preexcelencia
s.f. Superioridade; perfeição.

Preexcelso
adj. Muito superior, muito alto; sublime.

Preexistencia
s.f. Existência anterior.

Preexistir
v.t. Existir anteriormente.

Prefaciador
adj. e s.m. Que ou quem prefacia.

Prefaciar
v.t. Escrever prefácio.

Prefacio
s.m. Texto preliminar escrito pelo autor ou por outrem e colocado no começo do livro. / Litur. Parte da missa que precede o cânon, sob a forma de ação de graças.

Prefeita
s.f. Mulher que exerce a função de prefeito.

Prefeito
s.m. Chefe de administração municipal. / Pessoa que orienta os estudos e supervisiona os estudantes em um colégio. / Superior de uma comunidade eclesiástica. / Chefe de uma prefeitura, na antiga Roma.

Prefeitura
s.f. Edifício em que se localizam os gabinetes e demais dependências da administração municipal. / Função de prefeito. / Tempo de duração da função de prefeito. / Subdivisão do Império romano administrada por um prefeito.

Preferencia
s.f. Ato de preferir uma pessoa ou uma coisa a outra. / Manifestação de afeição ou de atenção prestada a alguém ou alguma coisa, em relação a outra(s) pessoa(s) ou a outra(s) coisa(s); predileção.

Preferencial
adj. Em que há preferência; que tem em si condições de preferência. / Bras. Diz-se da via pública em que os veículos têm preferência de passagem sobre os que procedem das que com ela se encontram.

Preferido
adj. Que tem a preferência; escolhido, eleito, predileto.

Preferir
v.t. Escolher uma pessoa ou uma coisa entre outras; determinar-se por; gostar mais.

Preferivel
adj. Que deve ou pode ser preferido. / Mais vantajoso.

Prefiguracao
s.f. Ato de prefigurar; representação de uma coisa por vir.

Prefigurar
v.t. Figurar ou representar antecipadamente; pressupor. / &151; v.pr. Afigurar-se, parecer.

Prefixacao
s.f. Ação ou efeito de prefixar. / Gramática Processo de formação de palavras pela adjunção de prefixo(s) ao radical.

Prefixado
adj. Que foi fixado com antecipação. / Gramática Que tem prefixo.

Prefixal
adj. Gramática Relativo à prefixo.

Prefixar
v.t. Fixar previamente; fixar; determinar; prescrever. / Gramática Juntar prefixo a.

Prefixo
adj. Fixado antecipadamente. / &151; S.m. Gramática Morfema que, anteposto a uma palavra, lhe altera e, às vezes, lhe reforça o sentido. / Música, sinal, ruído que uma estação de rádio ou de televisão repete no início da transmissão de um programa, para fins de identificação.

Prefixoide
s.m. Gramática Designação dada aos radicais latinos ou gregos que figuram, em regra, como primeiro elemento de palavras compostas, a exemplo de uxori e neo, respectivamente em uxoricídio e neologismo.

Prefloracao
s.f. Disposição das partes de uma flor antes de esta desabrochar.

Prefoliacao
s.f. Disposição especial das folhas antes de estas se desenvolverem.

Prega
s.f. Dobra feita deliberadamente num tecido e mantida por costura. / Dobra, marca que fica em alguma roupa ou objeto por terem sido dobrados. / O que se assemelha às pregas de uma fazenda; ruga. / Dobra ou depressão do terreno.

Pregacao
s.f. Ação de pregar; prédica; sermão. / Fam. Repreensão; admoestação; reprimenda.

Pregado
adj. Seguro por prego. / Cravado, espetado. / Bras. Pop. Cansado, esfalfado.

Pregador
s.m. Aquele que faz pregação; orador sacro. / Pop. Pessoa que gosta de ralhar, advertir, admoestar, censurar.

Pregao
s.m. Ato de apregoar. / Palavras com que se anuncia publicamente alguma coisa. / Divulgação feita por porteiros de auditórios, corretores de bolsas ou leiloeiros, das peças ou coisas a serem negociadas, com os lances oferecidos. / &151; S.m.pl. Proclamas de casamento.

Pregar
v.t. Abordar, comentar um assunto em sermão ou prédica. / Pronunciar um sermão. / Exaltar, preconizar: pregar a moralidade pública. / Apregoar, propagar. / Proclamar; comemorar. / Alardear, inculcar. / &151; V.i. Pronunciar, declamar sermões. / Evangelizar. / Fig. Bradar, vociferar. // Pregar no deserto ou pregar aos peixes, procurar convencer a quem não mostra interesse.

Pregnancia
s.f. Literatura Qualidade ou virtude do que se impõe ao espírito, do que produz forte impressão. / Psicologia Forma e estabilidade de uma percepção, na teoria da forma.

Prego
s.m. Peça metálica constituída por uma haste delgada, achatada num dos extremos (cabeça) e pontiaguda no outro, que serve para se cravar ou espetar no objeto que se pretende fixar ou segurar. / Cravo; brocha. / Fam. e Pop. Casa de empréstimo sobre penhores. / Fam. Cansaço; esfalfamento. / Espécie de macaco da Amazônia. // Nadar como um prego, não saber nadar. // Pôr no prego, empenhar; dar como penhor. // Dar o prego, ficar exausto; esfalfar-se; pregar; entregar-se; dar-se por vencido; desistir por cansaço. // Bras. (S) Dar os pregos, encolerizar-se, mostrar-se desapontado. // (NE) Ir no prego, ir atrasado, fora do horário. // Não pregar (ou meter, ou botar) prego sem estopa, não fazer favor sem visar a alguma vantagem, em troca.

Pregoar
v.t. Apregoar. / Divulgar. / Elogiar publicamente, louvar. / Preconizar, aconselhar.

Pregoeiro
s.m. O que divulga alguma coisa, o que lança em pregão. / Leiloeiro.

Pregresso
adj. Que aconteceu anteriormente.

Pregueado
s.m. Dobras feitas em uma fazenda para encurtá-la ou estreitá-la sem usar de corte.

Preguear
v.t. Fazer pregas em; franzir, plissar.

Preguica
s.f. Zoologia Subordem de mamíferos desdentados da América do Sul, de movimentos lentos. &151; Quando se deslocam nas árvores, fazem-no com o dorso para baixo, segurando-se nos ramos, com suas garras semelhantes a ganchos, e podem até adormecer nessa posição. A preguiça às vezes permanece suspensa nas árvores durante algum tempo depois de morta.

Preguiceira
s.f. Cadeira de recosto, o mesmo que espreguiçadeira. / Bras. Planta sapotácea. / &151; S.f.pl. Pequenas bolas ou rolos de madeira onde se resguardam de ferrugem as agulhas de metal.

Preguicosa
s.f. Cadeira de armar com assento e encosto de pano; espreguiçadeira. / Bras. Pequena abelha que deixa que lhe tirem o mel impunemente.

Preguicoso
adj. e s.m. Que ou aquele que não gosta de trabalhar, que tem aversão a qualquer esforço; indolente, mandrião.

Preia-mar
s.f. O mesmo que preamar.

Preito
s.m. Ajuste, concerto, pacto. / Homenagem; vassalagem; dependência.

Prejudicado
adj. Que sofreu prejuízo. / Lesado. / Danificado. / Anulado, sem efeito.

Prejudicar
v.t. Causar prejuízo, transtorno a. / Fazer mal a. / Diminuir o valor de. / Anular, tornar sem efeito. / Danificar; lesar.

Prejudicial
adj. Que prejudica, que causa dano. (Sin.: nocivo, danoso, lesivo, molesto, pernicioso, daninho.)

Prejuizo
s.m. Dano, perda. / Juízo antecipado e irrefletido. / Preconceito. // Em prejuízo de, em detrimento de. // Sem prejuízo de, sem causar detrimento a.

Prejulgar
v.t. Julgar antecipadamente; conjeturar; supor.

Prelacao
s.f. Direito de preferência que assistia aos filhos para ocuparem os cargos dos pais.

Prelado
s.m. Título honorífico de dignitário eclesiástico.

Prelatura
s.f. O mesmo que prelazia.

Prelazia
s.f. Dignidade, cargo ou jurisdição de prelado. / Diocese.

Prelecao
s.f. Exposição de uma matéria perante um auditório; conferência; discurso didático; lição.

Prelecionar
v.t. e v.i. Fazer preleções; lecionar; discursar perante um auditório.

Prelegado
s.m. Direito Legado que deve ser entregue antes da partilha.

Preletor
s.m. O que preleciona; professor; explicador.

Prelevar
v.i. Sobrelevar; exceder. / &151; V.t. Desculpar.

Preliar
v.i. Lutar, combater, contender.

Prelibar
v.t. Antegostar; antegozar; provar.

Preliminar
adj. Que precede a matéria principal e serve para esclarecê-la. / &151; Adj. e s.f. Diz-se de, ou prova ou competição esportiva que precede a principal. / &151; S.f. Condição prévia.

Prelio
s.m. Batalha, luta, peleja. / Disputa esportiva.

Prelo
s.m. Máquina de impressão tipográfica; prensa. // No prelo, diz-se do livro que se acha na tipografia, prestes a ser publicado.

Preludiar
v.t. e v.i. Fazer prelúdio a. / Prefaciar. / Preparar com antecedência. / Predispor, preceder como prelúdio. / Iniciar, estrear. / Improvisar, entoar, executar um trecho musical à moda de prelúdio.

Preludio
s.m. Música Peça musical, escrita ou improvisada, que serve de introdução a uma composição vocal ou instrumental. / Peça isolada, de forma livre. / Fig. O que precede; o que anuncia. / Prólogo, prefácio, preâmbulo.

Prematuridade
s.f. Condição ou qualidade de prematuro; precocidade.

Prematuro
adj. Que nasce antes do tempo normal. / Que amadurece antes do tempo; temporão. / Que vem, que se produz antes da ocasião própria. / Precoce.

Premeditacao
s.f. Ação de premeditar. / Decisão consciente que precede a execução do ato: a premeditação é circunstância agravante no crime de morte.

Premeditar
v.t. Decidir com antecedência, depois de reflexão.

Premencia
s.f. Qualidade, ação de premente; pressão; urgência.

Premente
adj. Que preme ou comprime. / Urgente.

Premer
v.t. Fazer pressão sobre; calcar; espremer. / Oprimir. / Apertar. / O mesmo que premir.

Premiar
v.t. Dar prêmio a; laurear; recompensar.

Premiere
s.f. (pal. fr.) Primeira representação de uma peça de teatro ou primeira apresentação de um filme.

Premio
s.m. Recompensa; galardão. / Distinção dada como encorajamento por trabalhos ou méritos. / Bras. Juros. / Soma que o segurado paga à companhia seguradora.

Premir
v.t. O mesmo que premer.

Premissa
s.f. Lógica Cada uma das duas proposições de um silogismo (a maior e a menor), das quais se tira a conclusão. / P. ext. Ponto de que se parte para armar um raciocínio.

Premium
apos. (pal. ing., lat.) De alta qualidade: cerveja premium. / De preço mais alto, especialmente por sua qualidade extra: gasolina premium.

Premocao
s.f. Inspiração ou ação divina que influi na vontade humana.

Premonicao
s.f. Sensação, pressentimento do que vai suceder. / Imagem ou sonho profético.

Premonitorio
adj. Que adverte com antecipação; que se deve considerar como aviso.

Premonstratense
adj. Diz-se de uma ordem de Santo Agostinho. / &151; S.m. Frade dessa ordem.

Premunir
v.t. Evitar com antecedência; prevenir. / &151; V.pr. Precaver-se, acautelar-se, prevenir-se.

Prenda
s.f. Presente, dádiva. / Qualidade, dom. / Aptidão; conhecimentos; arte; habilidade. / Bras. (RS) Jóia. // Fam. e Ironic. É uma boa prenda, diz-se de pessoa ruim, sem préstimo.

Prendado
adj. Dotado de muitas e boas qualidades. / Que tem esmerada educação.

Prendar
v.t. Dar prendas a; presentear.

Prender
v.t. Privar alguém da liberdade. / Atar, ligar. / Impedir, embaraçar. / Fig. Atrair. / Unir moralmente. / Seduzir. / &151; V.i. Criar raízes. / Encontrar obstáculo: a porta prende um pouco. / &151; V.pr. Ficar preso, seguro. / Deixar-se cativar. / Embaraçar-se. / Fam. Comprometer-se a se casar.

Prenocao
s.f. Noção antecipada. / Conhecimento vago e imperfeito de uma coisa. / Filosofia. Idéia inata.

Prenome
s.m. Nome de batismo; nome próprio; nome que precede o de família.

Prenominar
v.t. Dar ou pôr um prenome a; designar pelo prenome.

Prensa
s.f. Máquina manual ou mecânica para comprimir uma coisa entre as suas duas peças principais. / Prelo. / Caixilho de impressão. / Bras. (NE) Peça rústica de madeira usada no fabrico da farinha de mandioca.

Prensar
v.t. Comprimir ou apertar na prensa. / P. ext. Achatar, esmagar, apertar muito.

Prenunciar
v.t. Anunciar com antecedência; predizer.

Prenuncio
s.m. Anúncio de coisa futura; prognóstico.

Preocupacao
s.f. Ato ou efeito de preocupar ou preocupar-se. / Inquietude, cuidado. / Idéia antecipada; idéia fixa.

Preocupado
adj. Inquieto; cheio de preocupação.

Preocupar
v.t. Ocupar fortemente o espírito, prender a atenção de. / Causar cuidados a; inquietar. / &151; V.pr. Sentir preocupação, deixar-se absorver por; impressionar-se. / Inquietar-se; afligir-se.

Preparacao
s.f. Ação de preparar, de se preparar. / Fabricação: preparação de um remédio. / Coisa preparada: uma preparação química.

Preparado
adj. Que tem preparo, que tem certo conhecimento. / Que está pronto para (alguma coisa). // Estar de espírito preparado, estar prevenido, estar pronto para (alguma emergência). / &151; S.m. Produto químico ou farmacêutico.

Preparador
adj. e s.m. Que ou o que prepara. / &151; S.m. Auxiliar de professor de ciências, que cuida do laboratório e prepara o material necessário às aulas práticas. // Preparador físico, aquele que cuida do estado físico dos atletas.

Preparar
v.t. Aprontar, arranjar, dispor com antecedência. / Predispor favoravelmente. / Estudar, organizar previamente. / Dar preparo a, ensinar. / Química Obter (um corpo qualquer) por meio de composição ou decomposição: preparar o oxigênio. / &151; V.pr. Aparelhar-se, apetrechar-se. / Vestir-se convenientemente; enfeitar-se, ataviar-se.

Preparativo
adj. Que prepara ou contribui para preparação; preparatório. / &151; S.m.pl. Preparação, aprestos.

Preparatorio
adj. Que prepara, que dá preparação. / Preliminar, prévio. / &151; S.m.pl. Estudos de humanidades que se faziam fora da escola e dos quais se prestavam exames parceladamente perante bancas oficiais.

Preparo
s.m. Preparação, apresto. / Disposições preliminares. / Ação, efeito, arte de preparar. / For. Quantia adiantada ao escrivão para pagamento das custas do processo. / Cultura, instrução, competência. / &151; S.m.pl. Aviamentos, coisas necessárias ao acabamento de uma roupa. / Aparelhos de couro das carretas de bois.

Preponderancia
s.f. Qualidade de preponderante; supremacia.

Preponderante
adj. Que tem mais importância, mais autoridade, mais peso em relação a outro; predominante.

Preponderar
v.i. Ser mais pesado. / Prevalecer, ter mais influência, maior importância.

Prepor
v.t. Pôr ou colocar antes; antepor. / Preferir. / Nomear, designar (alguém) como preposto, para agir em seu lugar. (Conj 14.)

Preposicao
s.f. Ato de prepor, de pôr antes ou adiante de. / Ação de designar um preposto. / Gramática Palavra invariável que estabelece uma relação entre dois termos de uma oração, de tal maneira que o sentido do antecedente é explicado ou completado pelo do conseqüente. &151; Em a casa de pedra, de é uma preposição. Na língua portuguesa, as preposições podem ser simples e compostas. De, do exemplo acima, é uma preposição simples. Mas, em a casa perto do riacho, perto do é uma preposição composta, a que se dá o nome de locução prepositiva.

Prepositiva
s.f. Primeiro fonema de um ditongo ou tritongo.

Prepositivo
adj. Que se põe adiante ou primeiro. / Gramática Que diz respeito à preposição ou é da natureza dela.

Prepostero
adj. Posto do avesso, invertido; transposto; desordenado, contrário à boa ordem.

Preposto
s.m. Indivíduo que dirige um negócio, uma empresa, por indicação do proprietário. / Delegado, representante. / &151; Adj. Posto antes.

Prepotencia
s.f. Qualidade de prepotente. / Despotismo.

Prepotente
adj. Muito poderoso ou influente. / Opressor, despótico.

Prepucio
prega de pele que recobre a glande do pénis ou o clítoris (pop)

Prerrogativa
s.f. Privilégio, regalia, direito que possui uma pessoa ou corporação.

Presa
s.f. Ação de apresar, de tomar do inimigo. / Os objetos tomados ao inimigo. / O que o animal carnívoro apanha para comer. / Dente canino. / Garra de ave de rapina. / Mulher recolhida à prisão.

Presbiofrenia
s.f. Demência senil em que dominam os distúrbios de memória, sem perturbação do comportamento social.

Presbita
adj. e s.m. e s.f. Diz-se do, ou o indivíduo afetado de presbitismo.

Presbiteral
adj. Que concerne a presbítero ou a presbitério.

Presbiteranismo
s.m. Presbiterianismo.

Presbiterano
s.m. Presbiteriano.

Presbiterato
s.m. Dignidade ou cargo de presbítero. (Var.: presbiterado.)

Presbiterianismo
s.m. Sistema eclesiástico preconizado por Calvino, que dá o governo da Igreja a um corpo misto (pastores e leigos). / Conjunto de Igrejas calvinistas nos países de língua inglesa.

Presbiterio
s.m. Residência paroquial. / A capela-mor. / A igreja paroquial.

Presbitero
s.m Padre, sacerdote. / Bispo da Igreja protestante.

Presbitia
s.f. O mesmo que presbitismo.

Presbitismo
s.m. Diminuição do poder de acomodação do cristalino que impede de ver os objetos próximos; o mesmo que presbitia. (O presbitismo, que se torna mais acentuado nas pessoas idosas, pode ser corrigido por lentes convergentes.)

Presciencia
s.f. Ciência do futuro. / Previsão; pressentimento. / Teologia Conhecimento que tem Deus de tudo o que há de acontecer.

Presciente
adj. Que tem ciência antecipada do porvir. / Previdente. / Acautelado.

Prescindencia
s.f. Ação de prescindir.

Prescindir
v.t. Separar mentalmente; abstrair. / Dispensar, não precisar de. / Renunciar, recusar.

Prescindivel
adj. De que se pode prescindir.

Prescrever
v.t. e v.i. Ordenar; regular; comandar; estabelecer; preceituar; receitar; recomendar; fixar; limitar. / Deixar de existir com o decorrer do tempo (falando-se de leis e regulamentos).

Prescricao
s.f. Ato ou efeito de prescrever. / Ordem formal. / Preceito, ditame, regra. / Receita médica. // Dir. Prescrição aquisitiva, o mesmo que usucapião. // Prescrição de pena, extinção da punibilidade de um contraventor ou criminoso, em razão de não haver a Justiça, durante o prazo legal, exercitado contra ele seu direito de ação, ou não haver efetivado a condenação que lhe impôs.

Prescritivel
adj. Que se pode prescrever. / Dir. Que é suscetível de prescrição.

Prescrito
adj. Estabelecido, ordenado, regulado. / Que prescreveu, deixou de vigorar por motivo de prescrição.

Presenca
s.f. O fato de uma pessoa se encontrar em determinado lugar. / Existência de uma coisa em um lugar determinado. / Manifestação de forte personalidade. // Presença de espírito, facilidade de dizer ou fazer na hora, sem se perturbar, o que é mais próprio.

Presencial
adj. Relativo ou pertencente a pessoa presente. / Feito na presença ou à vista de alguém.

Presencialidade
s.f. Qualidade ou estado de presencial.

Presenciar
v.t. Assistir a, estar presente a. / Ver. / Verificar, observar.

Presentaneo
adj. Momentâneo, rápido. / Eficaz, eficiente.

Presente
adj. Que está no lugar de que se fala. / Que está no tempo atual. / Fig. Que permanece. / &151; S.m. Pessoa que comparece a certo lugar, em certo momento. / Dádiva, mimo, oferenda. /

Presentear
v.t. Dar presente a. / Brindar, obsequiar.

Presentificacao
s.f. Filosofia. Ato pelo qual um objeto se torna presente sob a forma de imagem. / Psicologia. Característica do tempo vivido, sentida como presente e integrada como tal na memória.

Presepada
s.f. Bras. Espetáculo ridículo, extravagante, bizarro. / Fanfarronada, fanfarrice. / Gír. Ato jactancioso ou extravagante com que alguém procura despertar a admiração alheia: ele fez mil e uma presepadas para impressionar as mulheres.

Presepe
s.m. O mesmo que presépio.

Presepeiro
adj. e s.m. Bras. Gír. Diz-se de, ou indivíduo escandaloso, fanfarrão, dado a falar ou agir de forma a chamar a atenção alheia. / Que ou quem faz presepadas. / &151; S.m. Bras. Armador de presepes.

Presepio
s.m. Lugar onde se recolhe gado; curral; estábulo. / Pequeno edifício ou maquete que representa o estábulo de Belém e as cenas que se seguiram ao nascimento de Jesus. (Var.: presepe.)

Presepista
s.m. e s.f. Farsante que entrava nos autos do Natal. / (N) Fabricante de figuras de presépio.

Preservacao
s.f. Ato ou efeito de preservar. / Conservação. / Precaução.

Preservador
adj. e s.m. Que ou o que preserva, preservativo; preventivo.

Preservar
v.t. Proteger de algum dano futuro; defender, resguardar.

Preservativo
adj. e s.m. Que ou o que preserva; próprio para preservar. / (Substância) que se adiciona a produtos alimentícios ou a soluções orgânicas, a fim de preservá-los de alterações químicas ou da ação bacteriana. / Objeto de material elástico (camisinha, diafragma etc.), usado para evitar a gravidez ou prevenir uma infecção durante o coito.

Presidencia
s.f. Função de presidente; ato de presidir. / Tempo durante o qual se exerce a presidência. / O poder executivo, nos países onde o chefe do Estado tem o título de presidente. / A casa onde reside ou funciona o presidente. / O estrado ou cadeira onde toma assento o presidente de uma assembléia, de um tribunal etc.

Presidencial
adj. Relativo ou pertencente ao presidente ou à presidência. // Regime presidencial, regime político em que a chefia do governo compete ao presidente.

Presidencialismo
s.m. Regime político em que a chefia do governo cabe ao presidente da república, mantendo-se a independência e a harmonia entre os três poderes (executivo, legislativo e judiciário). / Sistema presidencial. / Regime presidencial.

Presidencialista
adj. Relativo ao presidencialismo. / Em que domina o presidencialismo. / &151; Adj. e s.m. e s.f. Partidário do presidencialismo.

Presidenta
s.f. Mulher que exerce função de presidente.

Presidente
s.m. e s.f. Pessoa que dirige as deliberações de uma assembléia, de um tribunal. / Chefe do Estado, nas repúblicas. / &151; Adj. Que preside: juiz presidente.

Presidiar
v.t. Pôr presídio ou guarnição a; proteger, defender, custodiar.

Presidiario
adj. Que pertence ou diz respeito a presídio. / &151; S.m. Aquele que está condenado a cumprir pena em presídio.

Presidio
s.m. Estabelecimento público destinado a receber presos; prisão, cárcere, cadeia. / Guarnição militar. / Pena de prisão cujo cumprimento se deve realizar em praça de guerra.

Presidir
v.t. Ocupar a presidência de. / Dirigir como presidente. / Exercer as funções de presidente. / Dirigir; superintender; orientar.

Presidium
s.m. Nome dado à presidência do Conselho Supremo dos Sovietes.

Presigo
s.m. O que se come com o pão. / Presunto; toucinho.

Presilha
s.f. Cordão, fita ou correia, em forma de aselha, que serve para prender, apertar, esticar etc.

Preso
adj. Amarrado, unido, ligado. / Metido em prisão, encarcerado. / Fam. Casado. / Fig. Ligado moralmente. / Impedido, tolhido. / &151; S.m. Pessoa que está presa; prisioneiro.

Pressa
s.f. Rapidez, ligeireza, celeridade. / Urgência, presteza, afã. / Impaciência, precipitação. / Necessidade súbita, grande precisão. / Grande atividade, azáfama. // Dar-se pressa, apressar-se. // &151; loc. adv. Às pressas ou à pressa, rapidamente, apressadamente. // A toda pressa, com a maior urgência, velozmente.

Pressagiar
v.t. Anunciar por presságios; agourar. / Prever o que vai acontecer; prognosticar; predizer.

Pressagio
s.m. Sinal que se supõe indicar um acontecimento futuro. &151; Um bom presságio prediz acontecimentos desejáveis, enquanto um mau presságio prediz acontecimentos desastrosos. Algumas vezes os presságios partem de uma tentativa deliberada de antecipar o futuro, tal como a "leitura de cartas".

Pressago
adj. Que anuncia coisa futura, que prevê, que prognostica.

Pressao
s.f. Grandeza normalmente definida como força por unidade de área. &151; Em física, aplica-se o conceito geralmente aos fluidos. Quando um fluido é submetido a forças, exerce-se uma pressão sobre ele. Quanto maior a força, maior a pressão. A pressão é expressa no Sistema Internacional de Unidades em newton por metro quadrado (N/m&178;), unidade também denominada pascal.

Pressentido
adj. Que se pressentiu; que se previu. / Desconfiado.

Pressentimento
s.m. Ato ou efeito de pressentir; sentimento instintivo que faz prever o que vai acontecer.

Pressentir
v.t. Sentir, perceber por instinto o que ainda não aconteceu. / Prever de maneira vaga. / Pressagiar.

Pressionar
v.t. Fazer pressão sobre alguém ou alguma coisa. / Fig. Coagir.

Pressirrostro
adj. Zoologia Que tem bico comprido.

Pressupor
v.t. Supor previamente; conjeturar.

Pressuposicao
s.f. Ação ou efeito de pressupor; suposição antecipada; pressuposto.

Pressuposto
adj. Que se pressupõe. / &151; S.m. Conjetura, pressuposição. / Pretexto. / Desígnio, propósito. / Plano, projeto. / Direito Fato, circunstância que se considera como antecedente necessário de outra.

Pressurizacao
s.f. Ação ou efeito de pressurizar.

Pressurizar
v.t. Manter a pressão normal no interior de algo, p. ex., um avião que voa na atmosfera rarefeita das grandes altitudes, equipamentos de mergulho a grande profundidade etc.

Pressuroso
adj. Apressado. / Irrequieto, azafamado, afanoso, impaciente.

Prestabilidade
s.f. Qualidade de prestável; prestimosidade.

Prestacao
s.f. Ação ou efeito de prestar. / Direito O ato de dar ou fazer o que se ajustou em um contrato. / Contribuição a que alguém está obrigado; quota. / Pagamento a prazos; quantia que se paga em cada prazo. // Prestação de contas, ato de apresentar em público, ou a superior ou a substituto, o movimento financeiro por que é responsável. / &151; S.m. Bras. Vendedor ambulante pelo sistema de prestações; prestamista.

Prestadio
adj. Amigo de servir. / Prestável; serviçal.

Prestamista
s.m. e s.f. Pessoa que dá dinheiro a juros. / Pessoa que possui títulos da dívida pública. / Pessoa que paga uma coisa a prestações.

Prestancia
s.f. Qualidade de prestante. / Superioridade, excelência.

Prestante
adj. Útil, prestimoso, prestadio.

Prestar
v.t. Dar com presteza; dispensar. / Conceder. / Dar ou fazer segundo certas condições. / Exibir: prestar contas. / Dedicar, render: prestar homenagens. / &151; V.i. Ser útil, ter préstimo: isto não presta mais. / &151; V.pr. Acomodar-se; ser adequado. / Adaptar-se, condescender: não me presto a certas exigências.

Prestatario
s.m. Direito Aquele que recebe alguma coisa por empréstimo.

Prestativo
adj. Que se presta, que está pronto para servir; prestadio.

Prestavel
adj. Que presta ou pode prestar. / Prestativo.

Prestes
adj. sing. e pl. Pronto, preparado, disposto. / Próximo, iminente. // &151; loc. prep. Prestes a, a ponto de, na iminência de. / &151; Adv. Com presteza, prontamente.

Presteza
s.f. Rapidez, agilidade, ligeireza.

Prestidigitacao
s.f. Arte de prestidigitador, presteza de mãos, escamoteação; ilusionismo.

Prestidigitador
s.m. Aquele que faz prestidigitação; ilusionista, mágico.

Prestigiacao
s.f. Ação de prestigiador; bruxaria, feitiçaria; magia.

Prestigiador
s.m. Aquele que opera prestígios; feiticeiro. / Prestidigitador.

Prestigiar
v.t. Dar prestígio a. / Tornar prestigioso.

Prestigio
s.m. Valor sciocultural positivo atribuído a um indivíduo ou a um grupo. / Grande influência exercida por pessoa ou coisa sobre outra ou outras pessoas. / Ilusão dos sentidos produzida pela magia. / Fig. Sedução, fascinação; poder de atração.

Prestigioso
adj. Que tem prestígio. / Que exerce grande influência. / Que encerra feitiço ou magia.

Prestimanear
v.t. Adquirir ou roubar, como prestímano ou prestidigitador. / &151; V.i. Proceder como prestímano ou prestidigitador.

Prestimano
s.m. O mesmo que prestidigitador. / Destro; hábil com as mãos.

Prestimo
s.m. Qualidade do que é útil, do que presta. / Utilidade, serventia. / Benefício. / Serviços, auxílio.

Prestimoniado
adj. e s.m. Que ou aquele que recebe ou tem prestimônio.

Prestimonial
adj. Referente a prestimônio; prestimoniário.

Prestimoniario
adj. Prestimonial.

Prestimonio
s.m. Pensão ou bens destinados ao sustento de um padre e separados da renda de um benefício.

Prestimosidade
s.f. Qualidade de prestimoso; prestabilidade.

Prestimoso
adj. Que tem préstimo; prestadio, prestante.

Prestissimo
adv. Música Com grande rapidez (falando-se de um andamento musical). / &151; S.m. Trecho escrito nesse andamento.

Prestite
s.m. Aquele que, na antiga Roma, presidia a certas solenidades.

Prestito
s.m. Procissão, cortejo, marcha solene. / Saimento: um préstito fúnebre. / &151; S.m.pl. Bras. Desfile de carros alegóricos, no carnaval.

Presto
adv. Música Com rapidez (falando-se de um andamento musical). / &151; S.m. Trecho escrito nesse andamento. / &151; Adj. Ligeiro, rápido, prestes.

Presumido
adj. Conjeturado, suposto. / Presunçoso, vaidoso.

Presumir
v.t. Julgar segundo certas probabilidades; considerar como provável; conjeturar. / Supor, suspeitar. / Ter presunção; vangloriar-se: os que presumem de sábios. / Implicar, pressupor.

Presumivel
adj. Que se pode presumir; que se pode supor ou suspeitar.

Presuncao
s.f. Ato ou efeito de presumir. / Suposição que se tem por verdadeira até prova em contrário. / Opinião elevada de si mesmo; fatuidade; vaidade; afetação.

Presuncoso
adj. Que tem opinião muito elevada de si mesmo; vaidoso, pretensioso. / Que tem a marca da presunção.

Presunho
s.m. Parte do pé do porco junto às unhas.

Presuntivo
adj. Pressuposto; presumível. / Designado de antemão pelo parentesco: herdeiro presuntivo.

Presunto
s.m. Parte da perna traseira (quarto traseiro) do porco que vai do joelho ao quadril. &151; O presunto contém substâncias alimentícias essenciais ao corpo humano. Cerca de 100g de presunto sem osso, cozido, possuem aproximadamente 21g de proteína e 461 calorias. O presunto contém também vitaminas como a tiamina, a riboflavina e a niacina.

Presuria
s.f. Reivindicação ou reconquista pelas armas. / Açude. / Aterro à beira de rio, para proteger contra inundações os campos e terras ribeirinhos.

Pret-a-porter
s.m. (pal. fr.) Conjunto de roupas executadas segundo medidas padronizadas (por opos. às roupas sob medida).

Pretalhada
s.f. Depr. Grande porção de pretos. / Os pretos.

Pretaria
s.f. Depr. Pretalhada.

Pretejar
v.i. Ficar preto; escurecer.

Pretendente
adj. e s.m. e s.f. Que ou quem pretende ou solicita alguma coisa; candidato, requerente. / O que aspira à mão de uma mulher.

Pretender
v.t. Reclamar como um direito. / Ter a intenção de. / Aspirar a; desejar. / Sustentar; afirmar. / &151; v.pr. Julgar-se, ter-se na conta de.

Pretendida
s.f. Noiva, prometida. / Mulher requestada por um pretendente.

Pretendido
adj. Pretenso, suposto, que pretende ser o que não é; falso. / &151; S.m. O homem com quem uma mulher aspira a casar-se.

Pretensao
s.f. Ação ou efeito de pretender. / Vontade ambiciosa. / Presunção, vaidade. / Aspiração infundada a talentos, honras etc. (Mais us. no pl.)

Pretensioso
adj. e s.m. Que ou aquele que tem pretensões, presunção ou vaidade. / &151; Adj. Afetado, rebuscado.

Pretenso
adj. Que pretende ou supõe ser o que de fato não é; suposto, imaginado.

Preterdolo
s.m. Direito Causalidade psíquica complexa do crime preterdoloso; preterintenção.

Preterdoloso
adj. Direito Diz-se de crime em que a vontade do criminoso, dirigida à prática de crime menos grave, foi superada por um resultado mais grave, imputável a título de culpa, de maneira que estabelece uma causalidade psíquica complexa, por dolo no antecedente e culpa no conseqüente. / O mesmo que preterintencional.

Pretericao
s.f. Ação ou efeito de preterir. / Figura retórica pela qual se declara não querer falar de um assunto, mas se vai dele falando. / O fato de não ser um funcionário promovido a um cargo a que tinha direito.

Preterintencao
s.f. Direito O mesmo que preterdolo.

Preterintencional
adj. Direito Em que houve preterintenção.

Preterintencionalidade
s.f. Qualidade de preterintencional.

Preterir
v.t. Desprezar; deixar de lado. / Ultrapassar, ir além de. / Prescindir de, abstrair. / Deixar de promover a posto sem motivo legal. / Ser ilegalmente nomeado para posto ou cargo que competia a outrem.

Preterito
adj. Que passou. / &151; S.m. Gramática Tempo dos verbos que designa ação ou estado anterior: pretérito perfeito; pretérito mais-que-perfeito; pretérito imperfeito.

Pretermissao
s.f. Ato ou efeito de pretermitir.

Pretermitir
v.t. O mesmo que preterir.

Preternatural
adj. Que ultrapassa o natural; que não é atribuído à natureza; sobrenatural.

Pretexta
s.f. Toga branca, debruada de púrpura, que usavam os magistrados de Roma e os jovens das famílias patrícias.

Pretextar
v.t. Tomar por pretexto; alegar.

Pretexto
s.m. Razão aparente de que alguém se serve para esconder o verdadeiro motivo. // &151; loc. prep. A pretexto de, com o fim aparente de, sob a desculpa de.

Pretidao
s.f. Qualidade do que é preto; negrume.

Preto
adj. Diz-se de um corpo que apresenta a cor mais escura; negro. / Fig. Difícil, perigoso: as coisas estão pretas. / &151; S.m. O indivíduo de raça preta. / A cor própria do ébano. // Pôr o preto no branco, lavrar por escrito o que se prometeu verbalmente.

Preto-aca
s.m. Bras. Negro albino.

Preto-aco
s.m. Bras. Pop. Preto-aça.

Preto-mina
s.m. Indivíduo dos minas, casta de negros do grupo sudanês.

Pretonico
adj. Gramática Diz-se da sílaba que está imediatamente antes da sílaba tônica.

Pretor
s.m. Funcionário da justiça na Roma antiga. &151; Os cidadãos apresentavam suas queixas ao pretor e este decidia quais eram justificadas e as despachava para serem julgadas pelos juízes. Quando um pretor assumia o cargo, publicava um edito que estabelecia a maneira como interpretaria a lei ao conceder julgamentos. Cada novo pretor em geral copiava ou melhorava os editos dos pretores anteriores.

Pretoria
s.f. Sala, nos conventos, onde se julgavam os pleitos.

Pretorial
adj. O mesmo que pretoriano.

Pretoriano
adj. Relativo ao pretor. / Pertencente à guarda dos imperadores entre os antigos romanos.

Pretorio
s.m. A tenda de um general em campanha, na antiga Roma. / Tribunal do pretor e de outros magistrados em Roma. / Qualquer tribunal (atualmente).

Pretume
s.m. A cor negra. / Negrume, negror; escuridão.

Pretura
s.f. Dignidade ou cargo de pretor.

Prevalecente
adj. Que prevalece.

Prevalecer
v.i. Levar vantagem; vencer; preponderar. / &151; v.pr. (com prep. de) Tirar partido; servir-se, aproveitar-se de.

Prevalecido
adj. Bras. (S) Diz-se daquele que abusa de sua posição, ou da consideração que desfruta, e se mostra despótico e intratável com os outros; atrevido; confiado.

Prevalencia
s.f. Qualidade daquele ou daquilo que prevalece; superioridade.

Prevaricacao
s.f. Ato ou efeito de prevaricar.

Prevaricador
adj. e s.m. Que ou aquele que prevarica.

Prevaricar
v.i. Faltar ao cumprimento do dever. / Direito Cometer (o funcionário público) crime de prevaricação, que consiste em retardar ou deixar de praticar ato de ofício, ou praticá-lo contra disposições legais, por interesse ou má-fé. / Perpetrar adultério.

Prevencao
s.f. Opinião formada sem exame; parcialidade. / Ato ou efeito de prevenir.

Prevenido
adj. Prudente, acautelado. / Avisado. / Que tem prevenção ou má vontade.

Prevenir
v.i. Dispor as coisas de sorte que se evite (mal, dano). / &151; V.t. Impedir que se execute ou que aconteça. / Evitar, baldar, atalhar. / Avisar, informar com antecedência. / &151; v.pr. Precaver-se, acautelar-se. / Premunir-se, preparar-se.

Preventivo
adj. e s.m. Que ou o que tem por finalidade prevenir contra alguma coisa. // Prisão preventiva, v. PRISÃO. / &151; S.m. Camisa-de-vênus.

Preventorio
s.m. Estabelecimento onde são tratadas preventivamente pessoas predispostas a certas doenças, como a tuberculose. / Bras. Internato para crianças, filhos de leprosos ou tuberculosos, que são criadas separadas dos pais para evitar contágio.

Prever
v.t. Julgar antecipadamente que uma coisa vai acontecer; antever; conjeturar; prognosticar.

Previa
s.f. Bras. Pesquisa anterior a eleições, realizada junto aos eleitores, para prever-lhe as tendências.

Previdencia
s.f. Faculdade de prever; conjetura; precaução; previsão. // Previdência social, conjunto de medidas e de instituições para proteção ao trabalhador ou ao funcionário (e seus dependentes ou beneficiários), na doença, na velhice, no desemprego etc.

Previdencial
adj. Concernente às normas da previdência social; previdenciário.

Previdenciario
adj. Relativo à previdência social; previdencial: o regime previdenciário. / &151; S.m. Bras. Funcionário de instituto de previdência, particularmente do Instituto Nacional da Previdência Social (I.N.P.S.).

Previdente
adj. Que prevê. / Precavido; prudente, sensato.

Previgente
adj. Previgorante.

Previgorante
adj. Que vigorou anteriormente àquilo de que se trata; previgente.

Previo
adj. Que deve ser feito, dito, examinado com antecipação, antes de outra coisa; antecipado. // Aviso prévio, v. AVISO. // Questão prévia, questão ou proposta que uma assembléia aceita ou rejeita para não apreciar determinada matéria. // Censura prévia, censura feita antes da publicação, irradiação, ou transmissão por televisão, de livros, jornais, programas etc.

Previsao
s.f. Ação de prever. / O que se prevê. / Conjetura; suposição.

Previsibilidade
s.f. Qualidade de previsível.

Previsivel
adj. O que pode ser previsto.

Previsto
adj. Conjeturado, calculado. / Prenunciado, pressentido.

Previver
v.i. Sentir existência futura; prever que não será esquecido.

Prezado
adj. Querido, estimado; digno de estima.

Prezar
v.t. Querer muito. / Ter grande estima por alguém ou alguma coisa. / Ter em alta consideração. / Apreciar. / Desejar. / &151; V.pr. Respeitar-se; orgulhar-se, honrar-se, ufanar-se.

Priapesco
adj. Respeitante ao priapismo. / Em que há priapismo.

Priapico
adj. Que diz respeito ao deus Priapo, da mitologia grega.

Priapismo
s.m. Ereção involuntária e dolorosa do pênis, sintomática de diversas doenças. / P. ext. Excitação sexual exagerada.

Priapo
s.m. Falo, pênis.

Prima
s.f. A primeira e mais delgada das cordas de vários instrumentos musicais como violão, viola etc. // Hora de prima, a primeira hora do ofício divino (6 horas).

Prima-dona
s.f. Principal cantora de uma ópera.

Primacial
adj. Pertencente ou que concerne a primaz. / Em que há primazia; principal.

Primado
s.m. Prioridade; o primeiro lugar; primazia.

Primagem
s.f. Percentagem paga ao capitão de um navio, como acessório do frete.

Primar
v.t. Ser o primeiro; ter a primazia. / Esmerar-se; distinguir-se.

Primario
adj. e s.m. Que está primeiro. / Que pertence ao ensino do primeiro grau: escola primária. / Que ou aquele que tem pouca cultura; limitado, estreito, medíocre: mentalidade primária; é um primário. // Geologia Era primária ou era paleozóica, segunda divisão dos tempos geológicos, posterior ao pré-cambriano. // Setor primário, conjunto de atividades econômicas produtoras de matérias-primas (agricultura e indústrias extrativas).

Primarismo
s.m. Qualidade de primário, daquilo ou daquele que revela cultura e experiência limitadas; mediocridade.

Primata
adj. Zoologia Relativo aos primatas. / &151; S.m. Espécime dos primatas.

Primatas
s.m.pl. Zoologia Animais mamíferos, da ordem Primates, que compreende os macacos, os antropóides e o homem.

Primavera
s.f. Botânica Nome comum dado a um grupo de plantas. &151; Muitas são derivadas da primavera comum, que cresce em estado silvestre nas florestas e planícies da Europa, no início da primavera; daí a origem de seu nome. As primaveras cultivadas se encontram entre as mais belas plantas ornamentais de jardim.

Primaveril
adj. Que pertence à primavera. / Adequado à primavera: roupa primaveril. / Fig. Jovem, próprio da juventude: graça primaveril.

Primaz
s.m. Prelado que ocupa posição superior a dos bispos e arcebispos. / &151; Adj. Que ocupa o primeiro lugar.

Primazia
s.f. Dignidade do primaz; primado. / Superioridade de categoria; prioridade; excelência.

Primeira
s.f. Autom. Marcha mais potente do motor, usada na arrancada do veículo e nas subidas e descidas de aclive ou declive muito forte. / Primeira classe: só viajo na primeira. // De primeira, de boa qualidade, de primeira ordem: é uma mercadoria de primeira.

Primeira passagem
primeiro passo (pop)

Primeira vacinacao
primeira vacina (pop)

Primeiranista
s.m. e s.f. Estudante que freqüenta o primeiro ano do curso de uma escola ou faculdade: só participam da greve os primeiranistas de direito.

Primeiro
adj. Que precede os outros no tempo, no lugar e na ordem. / O melhor, o mais notável. / Indispensável, urgente: primeiras necessidades. / Rudimentar: adquirir os primeiros conhecimentos. / Diz-se de um título ligado a certos cargos: o primeiro médico do rei. // Filosofia. Causa primeira, causa que seria a origem do encadeamento de causas e efeitos, isto é, de todo o universo.

Primeiro-de-abril
s.m. Trote que se costuma passar no dia 1.&186; de abril: ele caiu no primeiro-de-abril.

Primevo
adj. Relativo aos primeiros tempos; antigo, primitivo.

Primiceriato
s.m. Cargo, funções de primicério.

Primicerio
s.m. Primeiro em qualquer dignidade. / Ant. Chantre.

Primicias
s.f.pl. Os primeiros frutos da terra. / Os primeiros animais que nascem de um rebanho. / Fig. As primeiras produções do espírito. / Os primeiros sentimentos. / Primeiras causas. / Primeiros efeitos. / Começos, prelúdios.

Primigenio
adj. Primordial, primitivo. (Var.: primígeno.)

Primigeno
adj. O mesmo que primigênio.

Primina
s.f. Primeiro invólucro do óvulo, contando-se de fora para dentro. / Botânica. Tegumento externo do óvulo vegetal.

Primipara
adj. e s.f. Que ou aquela que pare pela primeira vez; que tem o primeiro parto.

Primiparidade
s.f. Estado ou condição de primípara.

Primipilar
s.m. Primeiro centurião de uma legião romana.

Primitiva
s.f. Os primeiros tempos; a fonte, o princípio. / Matemática Primitiva de uma função, qualquer função com derivada, em algum intervalo, igual a f(x) nos pontos em que esta é definida.

Primitivismo
s.m. Qualidade ou estado de primitivo. / Tendência artística que busca seus modelos na ingenuidade de forma dos povos primitivos, ou se inspira no desenho infantil e outras manifestações da sensibilidade da criança.

Primitivista
adj. Relativo ao primitivismo. / Que é adepto do primitivismo. / &151; Adj. e s.m. e s.f. Diz-se de, ou artista que cultiva o primitivismo; primitivo.

Primitivo
adj. Que é o primeiro a existir; que precede. / Que tem a simplicidade, o caráter das primeiras eras. // Igreja primitiva, a Igreja dos primeiros tempos do cristianismo. // Pintura primitiva, a pintura anterior à Renascença, ou a que tem as características dessa pintura. // Gramática Palavra primitiva, a que serve de radical e da qual muitas outras são derivadas. // Gramática

Primo
s.m. O filho de tio ou tia em relação aos sobrinhos destes, ou vice-versa. / Parentes afastados sem designação especial.

Primogenito
adj. Que nasceu antes dos outros irmãos. / &151; S.m. Filho mais velho.

Primogenitura
s.f. Prioridade de nascimento entre irmãos. // Direito de primogenitura, vantagem que tinha o primogênito sobre os demais irmãos na sucessão ou herança dos pais.

Primor
s.m. Suntuosidade; magnificência. / Perfeição, beleza, esmero.

Primordial
adj. Primeiro; primitivo; originário.

Primordio
s.m. Princípio, origem, fonte.

Primoroso
adj. Feito com primor. / Excelente, distinto, belo.

Primula
s.f. Gênero de plantas herbáceas, da família das primuláceas, também denominada primavera.

Primulaceas
s.f.pl. Botânica. Família de plantas dicotiledôneas herbáceas a que pertence a primavera.

Primulina
s.f. Substância corante e extraída da prímula.

Princeps
adj. (pal. lat.) Diz-se da primeira ou da principal edição de um livro. O mesmo que príncipe: edição princeps.

Princesa
s.f. Filha ou mulher de príncipe. / Soberana de principado. / P. ext. Soberana de qualquer Estado. / Fig. Pessoa do sexo feminino, que se distingue por sua graça e finura de maneiras.

Principado
s.m. Dignidade de príncipe. / Território cujo governo pertence a um príncipe ou a uma princesa. / Teologia Terceiro coro dos anjos.

Principal
adj. Que é o primeiro, o mais importante. // Gramática Oração principal, aquela a que todas as outras orações de um período estão subordinadas. / Fís. Diz-se de um dos planos conjugados de um sistema óptico em relação aos quais o aumento linear transversal é -1.

Principalmente
adv. Sobretudo; de preferência; mormente.

Principe
s.m. Título da mais alta nobreza. &151; A palavra vem do latim, princeps, que significa primeiro. Princeps era um título dado aos funcionários civis e militares entre os antigos romanos. As tribos germânicas de visigodos e lombardos que se estabeleceram no Império Romano usavam a palavra príncipe no sentido de autoridade independente. Os cruzados adotaram essa prática quando formaram governos no Oriente Próximo.

Principe-de-gales
apos. e s.m. sing. e pl. (Tecido) que apresenta um padrão de linhas cruzadas em diversos tons de uma mesma cor.

Principesco
adj. Relativo ou pertencente a príncipe ou principado. / Suntuoso, digno de um príncipe.

Principiante
adj. Que principia. / &151; s.m. e s.f. Pessoa que está nos primeiros elementos de uma arte ou ciência; iniciante, incipiente.

Principiar
v.t. e v.i. Iniciar, começar.

Principio
s.m. Começo, origem, fonte. / Física. Lei de caráter geral que rege um conjunto de fenômenos verificados pela exatidão de suas conseqüências: princípio da equivalência. / &151; S.m.pl. Regra da conduta, maneira de ver. / Regras fundamentais admitidas como base de uma ciência, de uma arte etc.

Prior
s.m. Cura de uma paróquia; pároco. / Superior de um convento ou de certas ordens religiosas.

Priora
s.f. O mesmo que prioresa.

Priorado
s.m. Dignidade de prior. / Duração dessa dignidade.

Prioral
adj. Relativo ou pertencente a prior ou priorado.

Priorato
s.m. Priorado.

Prioresa
s.f. Superiora de convento em certas ordens religiosas; abadessa.

Prioridade
s.f. Preferência; primazia. / Anterioridade na ordem do tempo.

Prioritario
adj. Que tem prioridade: os projetos sociais são prioritários.

Prioste
s.m. Antigo cobrador de rendas eclesiásticas.

Prisao
s.f. Ação de prender alguém, de o privar da liberdade. &151; A palavra também é usada para referir-se ao local onde as pessoas ficam detidas. Chama-se prisão legal aquela que decorre de crimes previstos em lei e é feita através de mandado de prisão da autoridade competente. O mandado de prisão é dispensável no caso da prisão em flagrante, que pode ser efetuada pelas autoridades policiais ou por qualquer cidadão. A prisão em flagrante é efetuada quando o indivíduo está cometendo a infração, acaba de cometê-la, ou é surpreendido, logo após, com objetos ou armas que façam presumir ser ele o autor. Prisão preventiva é a prisão do acusado durante um inquérito policial ou processo criminal, antes do julgamento. A prisão preventiva é decretada por juiz, desde que haja provas da existência da infração e indícios suficientes de que o acusado é o seu autor.

Prisao de ventre
obstipação (pop)

Priscador
adj. e s.m. Bras. (S) Que ou aquele que prisca.

Priscar
v.i. Bras. (S) Dar priscos; saltar ou pular para os lados: um cavalo priscador. / Fugir, priscando. / &151; v.pr. Afastar-se (de algum lugar), retirar-se.

Priscila
Nome Latim - Significado: Do passado ou dos tempos primitivos.

Prisco
adj. Que pertence a tempos idos; antigo, velho.

Prise
s.f. Bras. Autom. Posição de marcha na caixa de mudanças de um veículo automotor, que lhe faculta a maior velocidade. / Gír. Pitada de cocaína.

Prisioneiro
s.m. Indivíduo privado da liberdade; preso; cativo; condenado. / Fig. Aquele que não consegue livrar-se de alguma coisa.

Prisma
s.m. Geometria Sólido limitado por dois polígonos congruentes, e três ou mais paralelogramos. &151; Os polígonos, que devem estar situados em planos paralelos, são as bases, e os paralelogramos são as faces laterais. O sólido é um prisma reto se as arestas laterais são perpendiculares à base. De outro modo, é chamado prisma oblíquo.Os prismas utilizados em binóculos, periscópios e diversos outros instrumentos ópticos são de vidro ou quartzo. Eles variam em forma e tamanho. Podem ser usados para refletir raios luminosos, refratá-los ou separar suas cores.

Prismatico
adj. Que tem a forma de prisma. // Cores prismáticas, as cores produzidas pelo prisma.

Prismatoide
adj. Derivado de um prisma. / &151; S.m. Poliedro cujos vértices estão em dois planos paralelos.

Prismoide
adj. Que tem forma parecida à do prisma. / &151; S.m. Prismatóide cujas bases são polígonos com igual número de lados.

Pristino
adj. Poética Prisco.

Pritane
s.m. Antig. gr. Principal magistrado em muitas cidades. / Cada um dos cinqüenta delegados de cada tribo que formavam, em Atenas, o Conselho dos Quinhentos.

Pritaneu
s.m. Em Atenas, edifício ocupado pelos prítanes. / Atualmente, estabelecimento fundado em favor dos beneméritos da pátria: pritaneu militar.

Privacao
s.f. Ato ou efeito de privar; perda de um bem, de uma vantagem: privação de direitos políticos. / Falta das coisas necessárias: passar grandes privações.

Privacidade
s.f. Intimidade pessoal ou de grupo definido de pessoas.

Privado
adj. Particular, que não é função pública: empresa privada. / Que é reservado para certas pessoas: sessão privada. / Que diz respeito particularmente ao indivíduo, à sua intimidade familiar: vida privada. / Que sofre alguma privação: privado de liberdade. / &151; S.m. Favorito; confidente.

Privanca
s.f. Intimidade; familiaridade.

Privar
v.t. e v.i. Impedir ou tirar alguma coisa de alguém: privar uma criança de brincar; privar um homem de seus direitos civis. Estar em convivência íntima; conviver: privar da intimidade dos governantes. / &151; v.pr. Impor-se privações; abster-se.

Privativo
adj. Que priva: pena privativa de liberdade. / Próprio, exclusivo, particular: estacionamento privativo.

Privatizar
v.t. Proceder à privatização de.

Privatizavel
adj. Que pode ser objeto de privatização (diz-se de empresa do setor público).

Privilegiado
adj. Que goza de algum privilégio de fortuna, nascença etc.: as classes privilegiadas. // Credor privilegiado ou crédito privilegiado, aquele que deve ser pago antes dos outros.

Privilegio
s.m. Vantagem concedida a uma ou mais pessoas, com exclusão de outros e contra a regra geral: os privilégios da nobreza. / Licença, permissão especial ou pessoal. / Direito, prerrogativa: presidir por privilégio de idade. / Dom natural: a fala é um privilégio do homem.

Pro
adv. A favor. / &151; S.m. Vantagem, conveniência: o pró e o contra.

Pro forma
loc. adv. (expr. lat.) Para salvar as aparências, por simples formalidade.

Pro rata
loc. adj. ou adv. (lat.) Diz-se do cálculo, divisão, estimativa de uma quantidade em relação a um todo dessas quantidades: na divisão do prêmio, a cada um caberá cota parte &151;

Pro-ocidental
adj. e s.m. Que ou quem é favorável ao Ocidente, a seus valores. / Que ou quem apóia o sistema de alianças político-militares que unem os E.U.A., os Estados da Europa ocidental e alguns outros Estados do mundo (especialmente o Japão).

Proa
s.f. Parte anterior de um navio, por opos. a popa. / Fig. A parte anterior de qualquer coisa. / Fam. Soberba, presunção, orgulho: pessoa de muita proa.

Probabilidade
s.f. Razão ou indício que faz supor a verdade ou possibilidade de um fato. &151; Existe uma proposição matemática para todas as situações de probabilidade. Seja M o número de eventos igualmente prováveis em uma dada situação. Seja N o número destes eventos que nos interessam. Então a probabilidade de suceder algum destes eventos é N/M.

Probabilismo
s.m. Doutrina segundo a qual toda opinião tem certo grau de probabilidade, sem ser jamais nem totalmente falsa nem totalmente verdadeira.

Probabilista
adj. Relativo ao probabilismo. / &151; s.m. e s.f. Pessoa que é partidária do probabilismo.

Probante
adj. Que prova; comprovante: argumento de valor probante.

Probatico
adj. Diz-se de uma piscina de Jerusalém em que se lavavam as vítimas (animais) destinadas ao sacrifício.

Probatorio
adj. Que serve de prova. // Estágio probatório, período em que alguém (funcionário, profissional) exerce provisoriamente cargo ou função até provar sua competência para exercê-la em caráter permanente.

Probidade
s.f. Honestidade; integridade; retidão de caráter.

Problema
s.f. Matemática Questão a ser resolvida por um processo científico: problema de geometria. / Fig. Tudo que é difícil de explicar, resolver, tratar, lidar etc.: essa criança é um problema.

Problematica
s.f. Conjunto de problemas da mesma natureza: a problemática da adolescência. / Natureza dos problemas que são propostos por um filósofo: a problemática kantiana.

Problematico
adj. De resultado duvidoso.

Problemista
s.m. e s.f. Enxadrista que se dedica a armar ou solucionar problemas desse jogo.

Probo
adj. Honesto, honrado.

Proboscide
s.f. A tromba do elefante. / Tromba ou aparelho bucal dos insetos dípteros. / &151; Adj. e s.m. e s.f. Que ou o que tem apêndice nasal em forma de tromba.

Proboscideo
adj. e s.m. Zoologia Diz-se do, ou o animal que tem o nariz em forma de tromba, como o elefante. / &151; S.m.pl. Zoologia Ordem dos mamíferos que têm trombas como o elefante.

Procacidade
s.f. Qualidade de procaz.

Procaina
s.f. Química Substância cristalina, usada como anestésico local.

Procainado
adj. Química Diz-se do medicamento que contém procaína: penicilina procainada.

Procariota
s.m. Espécime dos procariotas ou procariotos. // Procariotas ou procariotos, seres vivos, em geral unicelulares, que não possuem verdadeiramente um núcleo nem organelas em seu citoplasma (por opos. aos eucariotas). (Os procariotas englobam todas as bactérias.)

Procarioto
s.m. Espécime dos procariotas ou procariotos. // Procariotas ou procariotos, seres vivos, em geral unicelulares, que não possuem verdadeiramente um núcleo nem organelas em seu citoplasma (por opos. aos eucariotas). (Os procariotas englobam todas as bactérias.)

Procaz
adj. Descarado; impudente; insolente.

Procedencia
s.f. Proveniência; origem. / Lugar de onde alguém ou alguma coisa provém. / Razão, fundamento.

Procedente
adj. Que procede de; proveniente; oriundo. / Conseqüente; lógico: não é procedente esse argumento.

Proceder
v.i. Agir; operar; comportar-se: ele procede bem. / Ter seguimento; prosseguir. / Entregar alguém ou algum negócio à justiça; instaurar processo. / Descender, ter origem: procede de família estrangeira. / Fazer alguma coisa, praticá-la: procedeu à leitura da ata.

Procedimento
s.m. Conduta; comportamento, maneira de agir: ter procedimento correto. / Direito Forma estabelecida pela lei para se encaminharem as causas em juízo.

Procela
s.f. Tormenta no mar; tempestade. / Fig. Grande agitação.

Procelaria
s.f. Zoologia Gênero de aves palmípedes que, em bandos, prenunciam tempestade.

Procelariideos
s.m.pl. Zoologia Família de aves palmípedes, marinhas, cujo tipo é a procelária.

Procelariiformes
s.m.pl. Zoologia Ordem de aves marinhas palmípedes, de cor branca ou desmaiada, a que pertence o albatroz.

Proceloso
adj. Relativo a procela; tempestuoso. / Sujeito a procelas.

Procer
s.m. Homem importante de um partido, de uma classe etc.; magnata. (Var.: prócere.)

Procere
s.m. Var. de prócer.

Procero
adj. Alto. / Importante, famoso.

Processado
adj. Que está submetido a processo penal; denunciado, querelado./ &151; S.m. Tudo que consta de um processo, desde seu início até certo ponto de seu desenvolvimento. / Aquilo que já faz parte de um processo.

Processador
adj. e s.m. Que ou quem processa. / Informática Diz-se de, ou conjunto de circuitos eletrônicos que realiza as computações de dados num computador. / Informática Microprocessador. / Informática Diz-se de, ou unidade central de processamento (U.C.P.).

Processamento
s.m. Ato de processar, de formar um processo, de reunir os papéis e documentos relativos a um processo. / Andamento de um processo. // Informática Processamento de dados, preparação que contém dados ou elementos básicos de informações e o trabalho com esses dados de acordo com regras precisas tais como operações de classificação, cálculos, relatórios, registros etc.

Processante
adj. Diz-se da autoridade judicial ou administrativa que preside a um processo.

Processar
v.t. Instaurar processo contra. / Autuar. / Intentar ação judicial contra. / Conferir, verificar. / Fazer, realizar.

Processionaria
s.f. Zoologia Larva fitófaga de lepidópteros que vive em colônias nos pinheiros e que caminha com outras lagartas, como que em procissão.

Processionario
s.m. Livro de rezas que se usa nas procissões.

Processo
s.m. Método; sistema: adotar novos processos de ensino. / Conjunto de atos por que se realiza uma operação qualquer (química, farmacêutica, industrial etc.): um processo de fabricação de nitroglicerina. / Seqüência contínua de fatos que apresentam certa unidade, ou que se reproduzem com certa regularidade; andamento, desenvolvimento: o processo de uma crise econômica. / Direito Os autos e todos os documentos apresentados num litígio: um processo muito volumoso. / Conjunto de peças (informações, pareceres, recursos etc.) que servem à instrução de alguma coisa que se pleiteie por via administrativa: o diretor despachou vários processos de aposentadoria.

Processologia
s.f. Estudo ou conhecimento dos processos aplicáveis a uma arte ou ciência.

Processual
adj. Relativo a processo judicial.

Processualista
s.m. e s.f. Direito Pessoa versada em matéria de processos.

Processualistica
s.f. Teoria do processo judicial.

Procidencia
s.f. Medicina Deslocamento de alguma parte mole; prolapso.

Procidente
adj. Que acusa procidência, que cai para diante.

Procionideos
s.m.pl. Zoologia Família de mamíferos carnívoros, a que pertence o quati.

Procissao
s.f. Marcha solene de caráter religioso, acompanhada de cantos e rezas.

Proclama
s.m. Banho ou pregão de casamento lido na igreja. (Usa-se mais no pl.) / Proclamação. / Denunciação.

Proclamacao
s.f. Ação de proclamar; declaração solene: a proclamação da República. / Escrito que contém o que se proclama: publicar uma proclamação.

Proclamador
s.m. Aquele que faz uma proclamação.

Proclamar
v.t. Pronunciar-se publicamente em alta voz e com solenidade. / Reconhecer solenemente. / Decretar, publicar ou promulgar uma lei. / &151; v.pr. Arvorar-se em, tomar publicamente o título de: proclamou-se presidente da República.

Proclise
s.f. Gramática Emprego de palavra proclítica.

Proclitico
adj. Gramática Diz-se da palavra que, anteposta a outra, fica sujeita à acentuação desta, formando ambas um só vocábulo fonético. (Diz-se especialmente do pronome átono quando anteposto ao verbo.)

Proclive
adj. Inclinado para diante.

Proclividade
s.f. Qualidade ou estado de proclive.

Proconsul
s.m. Funcionário da antiga Roma encarregado do governo de uma província.

Proconsulado
s.m. Dignidade ou cargo de procônsul. / Duração dessa função.

Procrastinacao
s.f. Adiamento.

Procrastinador
adj. e s.m. Que ou aquele que procrastina, que adia.

Procrastinar
v.t. e v.i. Adiar, espaçar, delongar. / Usar de delongas.

Procriacao
geração, reprodução, propagação (pop)

Procriador
adj. e s.m. Que ou aquele que procria.

Procriar
v.t. Gerar; dar nascimento a; conceber.

Procronismo
s.m. Anacronismo consistente em atribuir a um fato data anterior à verdadeira.

Proctalgia
s.f. Dor no ânus.

Proctectasia
s.f. Patologia Dilatação do ânus.

Proctite
s.f. Patologia Inflamação do reto.

Procto
s.m. Medicina Ânus e reto.

Proctocele
s.f. Patologia Queda do reto.

Proctoclise
s.m. Medicina Injeção de quantidade vultosa de líquido no reto.

Proctologia
s.f. Especialidade médica que trata das doenças do ânus e do reto.

Proctologista
s.m. e s.f. Médico especialista em proctologia.

Proctopexia
s.f. Cirurgia. Fixação do reto.

Proctorragia
s.f. Patologia Hemorragia anal.

Proctorragico
adj. Respeitante à proctorragia.

Proctoscopia
s.f. Exame do reto por meio do proctoscópio; retoscopia.

Proctoscopio
s.m. Endoscópio especial para exame do reto. O mesmo que retoscópio.

Procumbente
adj. Botânica. Rastejante: caule procumbente.

Procumbir
v.i. Cair para diante. / Estirar-se morto ou ferido. / Curvar-se até o chão; prosternar-se.

Procura
s.f. Ação de procurar. / Pesquisa, busca, indagação. / Soma dos produtos ou serviços pedidos ao comércio ou à indústria: a lei da oferta e da procura.

Procuracao
s.f. Poder que uma pessoa dá a outra de agir em seu nome. / Instrumento legal que confere esse poder. / Mandato.

Procurador
s.m. Aquele que trata de negócios de outrem, tendo para isso procuração. / Medianeiro. / Advogado. // Procurador da República, membro do Ministério Público Federal em primeira instância. // Procurador do Estado, aquele que representa o Estado perante a justiça.

Procuradoria
s.f. Ofício ou cargo de procurador. / Repartição pública onde o procurador-geral e os outros procuradores exercem seus cargos.

Procurar
v.t. Diligenciar por encontrar, afadigar-se por descobrir: procurar alguém na multidão. / Tentar conseguir: procurar socorro; procurar uma saída honrosa. / Ser atraído por: o ferro procura o ímã. // Procurar uma pessoa, ir vê-la, ir ter com ela, visitá-la: não procura os irmãos há muito tempo. // Procurar agulha em palheiro, tentar encontrar algo extremamente difícil de achar.

Prodiagnostico
s.m. Diagnóstico antecipado.

Prodicao
s.f. Desus. Traição. / Entrega de mulher para ato obsceno.

Prodigalidade
s.f. Caráter de pessoa pródiga; generosidade. / Esbanjamento, desperdício. / Direito Incapacidade de administrar os próprios bens, que provoca a interdição decretada pelo juiz a requerimento de parente próximo.

Prodigalizar
v.t. Gastar em profusão; dissipar; dilapidar. / Dar em grande quantidade: prodigalizar elogios.

Prodigio
s.m. Acontecimento que é ou parece estar em contradição com as leis da natureza. / Pessoa ou coisa extraordinária; maravilha, milagre. / &151; Adj. Diz-se das crianças de excepcional inteligência para sua idade: menino prodígio.

Prodigioso
adj. Que tem o caráter de prodígio; miraculoso; maravilhoso; espantoso; extraordinário.

Prodigo
adj. e s.m. Que ou aquele que dissipa seus bens, gasta mais do que o necessário; gastador, esbanjador, perdulário. / Generoso, liberal. / Que produz em abundância: terra pródiga. // Filho pródigo, aquele que, à imitação da parábola do Evangelho, volta à casa dos pais depois de longa ausência.

Prodito
adj. Atraiçoado, traído. / Divulgado, revelado.

Proditor
s.m. Desus. Traidor.

Proditorio
adj. Que revela ou encerra traição; traiçoeiro.

Prodromo
s.m. Sinal anunciador, primeiros indícios de alguma coisa: os pródromos de uma rebelião. / Medicina Sintoma que precede uma doença: os pródromos do tifo.

Producao
s.f. Economia política. Primeiro estágio em uma série de processos econômicos que levam bens e serviços às pessoas. &151; Os outros estágios são a distribuição e o consumo. Por exemplo, os produtores de pão são as pessoas que plantam o trigo, as que fazem a farinha e as que assam o pão. Vendedores e entregadores são os distribuidores. Os consumidores são os que compram e comem o pão.

Producente
adj. Que produz. / Concludente, lógico: argumentos producentes.

Produtibilidade
s.f. Qualidade ou estado de produtível ou produtivo.

Produtividade
s.f. Capacidade de produzir: a produtividade da terra. / Caráter do que é produtivo: aumento da produtividade do trabalhador rural.

Produtivo
adj. Que produz ou pode produzir. / Que produz com abundância: solo produtivo. / Lucrativo, rendoso.

Produto
s.m. Resultado da produção; coisa produzida: produto da terra. / Resultado de uma transação, de um esforço: produto da venda, do trabalho. / Rendimento, lucro, proveito. / Química. Resultado de uma operação. / Matemática. Resultado de uma multiplicação. / Fisiologia. Substância resultante de uma elaboração. / Medicina. Tecido anormal desenvolvido no organismo. // Filosofia. Produto da concepção, o embrião. // Produtos químicos, os preparados em laboratório.

Produto liofilizado
produto preparado mediante congelação e desidratação (pop)

Produtor
adj. e s.m. Que ou aquele que produz, que cria, que gera. / Cin. e Teatro Pessoa física ou jurídica que assume a responsabilidade financeira na realização de filmes, na montagem de peças, no patrocínio de espetáculos em geral.

Produzir
v.t. Apresentar produto; gerar: aquela terra produz bom trigo. / Dar lugar ao aparecimento de: a falta de higiene produz doença. / Ser o berço de: a Grécia produziu grandes filósofos. / Compor, criar pela imaginação: produzir poemas. / Causar, ocasionar: tão violenta emoção produziu a morte do velho artista. / &151; V.i. Ser fértil: durante a seca, a terra não produz. / Economia política. Criar utilidades para satisfazer as necessidades econômicas do homem.

Proeminencia
s.f. Estado ou aspecto do que é proeminente; saliência; relevo. / Superioridade, preeminência.

Proeminente
adj. Que se eleva acima do que o cerca. / Saliente; alto. / Notável, superior.

Proemio
s.m. Exórdio; prefácio; preliminar. / Princípio.

Proeza
s.f. Ato de bravura; façanha, coragem: fazer uma proeza. / Procedimento ou vantagens de que alguém se gaba: vive a contar proezas.

Profanacao
s.f. Ação ou efeito de profanar; sacrilégio.

Profanador
adj. e s.m. Que ou aquele que desrespeita as coisas sagradas.

Profanar
v.t. Tratar com irreverência as coisas sagradas; desrespeitar a santidade de: profanar uma igreja. / Fig. Ofender; manchar; macular: profanar a arte.

Profanidade
s.f. Ato ou dito profano.

Profano
adj. Que é estranho, que não pertence à religião. / Que viola a santidade de coisas sagradas. // Música profana, a que não é religiosa. / &151; S.m. Leigo, que não é religioso: o sagrado e o profano. / Pessoa estranha a uma seita, uma religião etc., que não é iniciada em certos conhecimentos.

Profase
s.f. Citologia. Primeira fase da mitose celular.

Profecia
s.f. Predição por inspiração divina. / Toda predição de acontecimentos futuros, por conjetura ou acaso.

Proferir
v.t. Pronunciar, dizer em voz alta. / Exarar, decretar, publicar: o juiz proferiu a sentença.

Professar
v.t. Declarar; reconhecer publicamente; confessar. / Preconizar, ter a convicção de: professa idéias socialistas. / Ensinar. / &151; V.i. Fazer votos, entrando para uma ordem religiosa.

Professo
adj. e s.m. Que ou aquele que fez votos religiosos. / Fig. Perito, adestrado.

Professor
s.m. O que ensina; mestre: a escola tem bons professores. // Professor assistente, membro do ensino superior que organiza os trabalhos práticos e colabora nas pesquisas. / Fig. Pessoa versada em belas-artes. / Pessoa que professa em público a verdade de uma religião. / Pessoa que exerce alguma arte liberal. // Professor catedrático, o que conquista a cátedra em concurso de títulos e provas.

Professora
s.f. Mulher que ensina alguma disciplina; mestra.

Professorado
s.m. Função de professor; magistério. / O conjunto de professores: o professorado do Rio de Janeiro.

Professoral
adj. Relativo ou pertencente a professor: tom professoral. / Diz-se de quem fala como se estivesse a ensinar.

Professorando
s.m. Bras. Estudante que está prestes a concluir o curso de professorado.

Profeta
s.m. Palavra originária do grego que significa aquele que proclama. &151; Os profetas bíblicos falavam principalmente dos males de sua época. Mas a profecia bíblica também descrevia o que aconteceria se as pessoas fizessem ou não fizessem determinadas coisas, e o que o profeta esperava para o futuro de seu povo.

Profetico
adj. Que pertence ou é relativo a profeta ou profecia; que tem a natureza de profeta ou de profecia: tom profético. / Que tem o dom de prever o futuro.

Profetisa
s.f. Fem. de profeta.

Profetismo
s.m. Doutrina religiosa baseada nas predições dos profetas. / Conjunto de profecias.

Profetizar
v.t. Predizer o futuro por inspiração divina. / Prever, predizer por conjetura ou acaso.

Proficiencia
s.f. Cabal conhecimento com que se executa ou discute alguma coisa. / Competência, capacidade.

Proficiente
adj. Que faz as coisas com proficiência. / Hábil, capaz.

Proficuidade
s.f. Caráter do que é profícuo; proficiência.

Proficuo
adj. Proficiente; útil; proveitoso, rendoso.

Profilactico
adj. Profilático.

Profilatico
adj. Relativo à profilaxia: medida profilática. (Var.: profiláctico.)

Profilaxia
medicina preventiva (pop)

Profilo
s.m. Botânica. A primeira folha, ou o primeiro par de folhas, de um broto lateral.

Profissao
s.f. Gênero de trabalho habitual de uma pessoa. / Emprego; trabalho; ofício. / Declaração ou confissão pública.

Profissional
adj. Que se relaciona com determinada profissão: sindicato profissional; artista profissional. // Escola profissional, estabelecimento de ensino técnico que prepara para diversas profissões. / &151; s.m. e s.f. Pessoa que faz uma coisa por profissão (por opos. a amador).

Profissionalismo
s.m. Procedimento característico dos profissionais. / Conjunto de profissionais. / Bras. Carreira profissional, especialmente nos esportes e nas artes.

Profissionalizacao
s.f. Ato ou efeito de profissionalizar(-se).

Profissionalizar
v.t. Bras. Dar o caráter de coisa profissional a. / &151; v.pr. Tornar-se profissional.

Profitente
adj. Que professa.

Profligacao
s.f. Ato ou efeito de profligar.

Profligar
v.t. Arruinar, destruir, derrotar. / Verberar. / Tentar destruir com argumentos.

Profugo
adj. Fugitivo; desertor. / Vagabundo, vadio.

Profundamente
adv. Muito para baixo; muito para dentro. / Muito do íntimo. / Muito, em alto grau: ser profundamente honesto. // Dormir profundamente, dormir a sono solto.

Profundar
v.t. e v.i. Tornar fundo; escavar; aprofundar. / Fig. Investigar, pesquisar; estudar, pensar. / Indagar intimamente; sondar. / &151; v.pr. Estranhar-se, embrenhar-se.

Profundas
s.f.pl. Pop. Profundidade, fundo. / O inferno.

Profundeza
s.f. Profundidade.

Profundidade
s.f. Distância do fundo à borda, à superfície: profundidade de um rio. / Uma das três dimensões de um sólido. / Fig. Caráter ou qualidade do que é profundo, complexo, difícil de entender: profundidade de idéias.

Profundo
adj. Muito fundo; que tem o fundo longe da borda, da entrada: poço profundo. / Que penetra muito adentro: galeria subterrânea profunda. / Fig. Grande, vasto: noite profunda, dor profunda. / Difícil de entender; muito complexo: ciência profunda.

Profusao
s.f. Abundância; grande quantidade; exuberância: uma profusão de cores.

Profuso
adj. Que espalha ou dá com profusão; pródigo; dissipador. / Exuberante, copioso.

Progenie
s.f. Ascendência, origem. / Geração, descendência, os filhos, a prole. (Sin.: progenitura.)

Progenito
adj. e s.m. Poética Descendente; procriado.

Progenitor
s.m. O que procria antes do pai; o pai; o avô. / Ascendente, antepassado.

Progenitura
s.f. O mesmo que progênie.

Progesterona
s.f. Hormônio produzido pelo corpo amarelo do ovário durante a segunda parte do ciclo menstrual e durante a gestação.

Progestogeno
hormona que prepara o útero para a recepção e desenvolvimento do óvulo fecundado (pop)

Prognata
adj. e s.m. e s.f. Que ou aquele que tem as maxilas alongadas e proeminentes. / &151; Adj. Forma de crânio que apresentam certas raças humanas da África e Austrália.

Prognatismo
s.m. Caráter de prognata.

Prognato
adj. e s.m. Var. (menos us.) de prognata.

Prognose
prognóstico (pop)

Prognosticar
v.t. e v.i. Predizer; prever. / Agourar, pressagiar. / Medicina Estabelecer o prognóstico.

Prognostico
s.m. Ato ou efeito de prognosticar. / Previsão, suposição sobre o que deve acontecer. / Sinal, indício de acontecimento futuro. / Medicina Parecer do médico a respeito da evolução provável de uma doença.

Progono
s.m. O primeiro; o mais ilustre. / Precursor de um movimento literário, artístico etc.

Programa
s.m. Indicação das matérias que constarão em um concurso, uma prova, um exame etc. / Relação dos números de uma festa, um espetáculo etc. / Objetivos e modalidades de uma atividade industrial, financeira ou política: um programa de investimentos; um programa eleitoral. / Informática Seqüência de etapas que devem ser executadas pelo computador para resolver um problema determinado. // Programa de computador, seqüência de instruções ou declarações expressas em uma linguagem de programação, com o objetivo de obter um resultado específico.

Programacao
s.f. Planejamento de operações a serem realizadas por computadores ou outras máquinas automáticas. / Ato ou efeito de programar; estabelecimento de um programa: fazer a programação de uma estação de rádio.

Programado
adj. De que se fez um programa. / Planejado: ensino programado.

Programador
s.m. Especialista encarregado da preparação de um programa (de rádio, de televisão, de computador eletrônico, de diagramação etc.). / Eletrôn. Aparelho cujos sinais de partida comandam a execução de uma série de operações correspondentes a um programa. / Informática Pessoa que se dedica a projetar, escrever e testar programas de computador.

Programar
v.t. Fazer o programa de; planejar; incluir em programação.

Progredir
v.i. Caminhar para a frente, avançar. / Melhorar; aperfeiçoar-se; desenvolver-se.

Progressao
s.f. Desenvolvimento progressivo, progresso; continuação; marcha. / Matemática Série de números ou de quantidades que derivam sucessivamente umas das outras segundo uma mesma lei. // Matemática Progressão aritmética ou por diferença, série de termos em que a diferença entre um deles e aquele que o precede é uma quantidade constante, chamada razão. // Progressão geométrica, série de números em que o quociente de cada termo pelo precedente é uma quantidade constante, chamada razão.

Progressista
adj. e s.m. e s.f. Que, ou pessoa que tem idéias políticas e sociais avançadas. / Favorável ao progresso; que não é conservador ou reacionário.

Progressivo
adj. Que avança, que se desenvolve gradualmente.

Progresso
s.m. Movimento para a frente: o progresso de uma inundação. / Aumento, desenvolvimento para melhor ou para pior: o progresso de um aluno; o progresso de uma doença. / Desenvolvimento de um país, de uma região, da civilização etc.: o progresso da humanidade.

Proibicao
s.f. Ação ou efeito de proibir; interdição.

Proibicionismo
s.m. Sistema econômico que preconiza a proibição de certos produtos, de certas importações etc. / Nos Estados Unidos da América, interdição das bebidas alcoólicas entre 1919 e 1933.

Proibicionista
adj. e s.m. e s.f. Favorável ao proibicionismo; que diz respeito ao proibicionismo.

Proibido
adj. Que não é permitido; interdito, defeso, vedado. // Graus proibidos, grau de parentesco entre um homem e uma mulher em que a lei civil ou a lei canônica impedem o casamento.

Proibir
v.t. Ordenar que não se faça: proibir o porte de arma. / Vedar; impedir; obstar; opor-se a.

Proibitivo
adj. Que proíbe, que impede: lei proibitiva. / Muito elevado; excessivo: preço proibitivo.

Projecao
s.f. Ação ou efeito de projetar; lanço; arremesso. / Geom. Figura que se obtém em um plano baixando sobre esse plano perpendiculares de todas as pontas do objeto que nele se pretende representar. / Imagem iluminada refletida num plano. / Ação de projetar um filme: projeção cinematográfica. / Psicanálise Mecanismo pelo qual o ser humano atribui a outra pessoa seus próprios sentimentos e motivações. // Projeção ortogonal, a que é feita por perpendiculares abaixadas de cada ponto projetado sobre o plano de projeção.

Projecionista
adj. e s.m. e s.f. Diz-se de, ou profissional encarregado da projeção de filmes.

Projetar
v.t. Atirar à distância; arremessar; arrojar. / Fazer um projeto ou uma planta de: projetar uma casa. / Planejar; formar o desígnio de: projetar uma viagem. / Fazer passar (filmes, slides, gravuras etc.) num aparelho que estampa tais imagens numa tela. / Geom. Figurar ou representar por meio de projeções.

Projetil
s.m. Corpo ao qual, em conseqüência de um impulso, pode ser comunicada velocidade e dada determinada direção. / Objeto que se arremessa para ferir, matar, ou destruir: bala, pedra, seta, granada etc. / Corpo arremessado por arma de fogo. (Var.: projetil.)

Projetista
s.m. e s.f. Diz-se de engenheiro que se encarrega de executar plantas ou projetos arquitetônicos. / Pessoa que faz numerosos planos ou projetos.

Projeto
s.m. O que se tem a intenção de fazer; desígnio; intento; plano de realizar qualquer coisa. / Estudo, com desenho e descrição, de uma construção a ser realizada. / Primeira forma de uma medida qualquer: ainda é um projeto. // Projeto de lei, texto redigido e em tramitação numa Casa legislativa, o qual depende de aprovação para se transformar em lei.

Projetor
adj. e s.m. Que projeta. / Aparelho utilizado para mostrar figuras sobre uma tela. &151; Um tipo comum é uma máquina para projetar diapositivos. Em sua forma mais simples, um projetor consiste em uma lâmpada, um refletor que concentra a luz, uma lente de focalização e uma lente projetora.

Prol
s.m. Ant. Vantagem, proveito. (Us. quase só nas expressões em (ou a) prol de, a favor de, em defesa de.)

Prolacao
s.f. Ação ou efeito de proferir, de pronunciar. / Pronunciação. / Música Prolongação do som. / Adiamento.

Prolactina
s.f. Hormônio produzido pela hipófise, o qual provoca a lactação.

Prolapso
s.m. Medicina Queda de um órgão ou de parte dele, que sai de sua posição natural em conseqüência do relaxamento dos meios de fixação: prolapso do útero.

Prolatar
v.t. Proferir, articular, pronunciar: prolatar uma sentença. / Adiar.

Prolator
adj. s.m. Que ou aquele que faz a ação de prolatar.

Prole
s.f. Descendência; progênie. / Os filhos. / Fig. Sucessão.

Prolegomenos
s.m.pl. Longa introdução no começo de uma obra. / Conjunto de noções preliminares de uma ciência.

Prolepse
s.f. Gramática Deslocação de um termo de uma oração para outra precedente; antecipação: os homens parece que nunca estão satisfeitos com a própria sorte. (Em vez de: parece que os homens nunca estão satisfeitos com a própria sorte.)

Proleptico
adj. Relativo a prolepse. / Medicina Diz-se da febre que se manifesta antes da hora habitual. / Diz-se de um fato que se fixa segundo uma era ou um método cronológico ainda desconhecidos quando ocorreu esse fato.

Proletariado
s.m. A classe dos proletários.

Proletario
adj. e s.m. Em Roma, cidadão pobre que só era útil pelos filhos que procriava. / P. ext. (Modernamente), pessoa que só tem seu salário para viver, isto é, a remuneração da sua força de trabalho.

Proletarizacao
s.f. Ação de proletarizar. / Ação de reduzir uma categoria de produtores independentes (agricultores, artesãos, comerciantes etc.) à necessidade de pôr sua força de trabalho à disposição dos proprietários dos meios de produção.

Proletarizar
v.t. Reduzir à condição de proletário. / Dar caráter proletário a.

Proliferacao
s.f. Ato ou efeito de proliferar. / Biologia. Multiplicação do número de células pela divisão. / Botânica. Anomalia em que aparecem botão e flor em parte da planta em que não é costume aparecerem.

Proliferar
v.i. Multiplicar-se rapidamente. / Ter prole; reproduzir-se.

Prolifero
adj. Que se multiplica; que faz prole; fecundante; prolífico.

Prolificar
v.i. Dar origem a prole, a descendência. / Possuir qualidades prolíficas. / Reproduzir-se.

Prolifico
adj. O mesmo que prolífero.

Proligero
adj. Que contém germes.

Prolixidade
s.f. Qualidade de prolixo.

Prolixo
adj. Difuso, muito longo: discurso prolixo. / Que se perde em explicações supérfluas: orador prolixo.

Prolog
s.m. (abrev. do ing. programming in logic) Informática Linguagem de programação simbólica usada em aplicações e pesquisas de inteligência artificial.

Prologo
s.m. Advertência ou esclarecimento, em geral breve, que precede uma obra e em que o autor fala das intenções dela; prefácio, preâmbulo, proêmio. / Parte introdutória de um romance ou de uma peça teatral, em que se passam acontecimentos anteriores aos contidos na obra propriamente dita. / Música Na ópera, ato situado entre a abertura e a tragédia lírica.

Prolonga
s.f. Demora, delonga. / Corda por meio da qual se unia o reparo ao armão para fazer fogo, nas peças de artilharia.

Prolongacao
s.f. Ação ou efeito de prolongar. / Tempo acrescentado à duração normal de uma coisa.

Prolongado
adj. De grande comprimento ou de longa duração. / Demorado, duradouro.

Prolongamento
s.m. Extensão, continuação, acréscimo de comprimento: o prolongamento de uma rua. / Continuação de uma ação: o prolongamento de um noivado.

Prolongar
v.t. Alongar; encompridar; dilatar; aumentar: prolongar uma estrada. / Fazer durar mais tempo: prolongar uma conversa.

Proloquial
adj. Relativo a prolóquio.

Proloquio
s.m. Sentença, máxima, adágio, rifão.

Promanar
v.i. Brotar, provir, dimanar.

Promecio
s.m. Símbolo químico Pm, é um dos metais denominados terras raras. &151; Seu número atômico é 61. Foram identificados 11 isótopos do promécio; seu isótopo mais estável tem número de massa 145, e seu isótopo mais abundante, 147.

Promessa
s.f. Compromisso de fazer, dar ou dizer alguma coisa: cumprir a promessa. / Ação ou efeito de prometer. / Voto feito aos santos ou a Deus para obter alguma graça. / Fig. Esperança que se funda em aparências: a promessa de bom tempo.

Prometazina
s.f. Anti-histamínico derivado da fenotiazina e ligeiramente hipnótico; cloridrato de prometazina.

Prometedor
adj. e s.m. Que ou quem promete. / Que dá esperanças; convidativo: um sorriso prometedor.

Prometer
v.t. Afirmar, verbalmente ou por escrito (que se há de fazer, dar ou dizer alguma coisa): prometer uma recompensa. / Fig. Prenunciar, pressagiar, fazer esperar: o tempo promete chuva. / Obrigar-se a, asseverar: prometo aparecer. / &151; V.i. Dar esperanças de; oferecer probabilidades de (bom futuro): esta criança promete muito.

Prometido
adj. De que se fez uma promessa: uma coisa prometida. // Terra prometida, o mesmo que terra da promissão, a terra de Canaã, que Deus prometeu aos hebreus. / Fig. Terra muito fértil. // Estar prometido ou prometida, diz-se de uma pessoa cujo casamento está contratado. / &151; S.m. Noivo.

Promielocito
s.m. Célula da medula óssea, estádio de desenvolvimento de um leucócito granular entre o mieloblasto e o mielócito. / Grande célula uninuclear que ocorre no sangue de pacientes com leucemia mielócita.

Promiscuidade
s.f. Convivência chocante de pessoas de sexo diferente e de condições sociais diversas; mistura confusa e desordenada de seres no mesmo ambiente; heterogeneidade.

Promiscuir-se
v.pr. Misturar-se, confundir-se, intrometer-se.

Promiscuo
adj. Que tem o caráter da promiscuidade; misturado; agregado confusamente; sem ordem nem distinção: reunião promíscua.

Promissao
s.f. O mesmo que promessa. // Terra da promissão, terra prometida aos judeus depois do cativeiro no Egito; Canaã.

Promissario
s.m. A pessoa em favor da qual se faz uma promessa.

Promissivo
adj. Relativo a promessa. / Que encerra promessa.

Promissor
adj. e s.m. Que ou aquele que promete; promitente: um futuro promissor.

Promissoria
s.m. Título passado por pessoa física ou jurídica, comprometendo-se a pagar, em tempo e lugar determinados, uma quantia em dinheiro. O mesmo que nota ou letra promissória.

Promissorio
adj. O mesmo que promissivo.

Promitente
adj. e s.m. e s.f. Que ou aquele que promete.

Promocao
s.f. Ato ou efeito de promover; elevação de um grau, uma dignidade, posto ou função, a outro superior: a promoção de um tenente a capitão. // Promoção de vendas, o mesmo que propaganda, técnica de anunciar um produto para vendê-lo. / P. ext. Dar publicidade a qualquer fato: a promoção de uma festa, de uma data, de um acontecimento etc.

Promontorio
s.m. Cabo elevado formado de rochas que avançam sobre o mar.

Promotor
adj. e s.m. Que promove; que ou o que dá o principal impulso a alguma coisa: o promotor de um melhoramento. // Bras. Promotor público, representante de ministério público, encarregado da acusação nos processos criminais.

Promotoria
s.f. Cargo ou ofício de promotor. / Repartição de um promotor.

Promover
v.t. Elevar a uma dignidade, a uma função, a uma categoria ou a um grau superior. / Dar impulso a; pôr em execução: promover uma política progressista. / Dar publicidade a; fazer a propaganda de.

Prompter
s.m. (pal. ing.) Teleprompter.

Promulgacao
s.f. Ato pelo qual o chefe do Estado assina uma lei e manda publicá-la a fim de produzir os devidos efeitos.

Promulgar
v.t. Fazer a promulgação de. / Publicar oficialmente e tornar aplicável uma lei.

Pronacao
s.f. Movimento de rotação da mão em que o polegar vai colocar-se junto ao corpo. / Rotação do pé de modo a baixar sua borda medial.

Pronador
adj. e s.m. Diz-se de, ou um dos músculos que executam a pronação, especialmente os do antebraço.

Pronau
s.m. Parte anterior dos templos antigos.

Pronome
s.m. Gramática Palavra que, em um determinado ponto da cadeia falada, representa um substantivo ou o acompanha, determinando-lhe a extensão do significado. &151; No primeiro caso desempenha a função de um substantivo e por isso é chamado pronome substantivo. Exemplo: O menino não estudou suas lições; por esse motivo ele foi repreendido pelos seus mestres. No segundo caso, aparece junto de um substantivo com o qual concorda em gênero e número, como se fosse um adjetivo; por essa razão, é chamado pronome adjetivo. Exemplo: O menino não estudou suas lições.

Pronominal
adj. Gramática Relativo ao pronome.

Prontidao
s.f. Qualidade do que é pronto; presteza: obedece com prontidão. / Facilidade de compreensão ou de execução de alguma coisa. / Bras. Pop. Falta de dinheiro. / &151; S.m. Soldado em serviço de guarda. // Estar de prontidão, diz-se das tropas militares quando estão de sobreaviso nos quartéis, prontas para sair em caso de necessidade.

Prontificar
v.t. Ministrar; oferecer; aprontar. / &151; V.pr. Mostrar-se pronto; oferecer-se para; dispor-se a: prontificou-se a pagar as despesas.

Pronto
adj. Rápido, ligeiro, que não se demora: pronto atendimento. / Concluído, terminado: o trabalho já está pronto. / Disposto, desimpedido: estou pronto para ajudá-lo. / Bras.

Prontuario
s.m. Lugar onde se arrecada qualquer coisa de que se venha a precisar. / Livro com a matéria resumida e de modo que facilmente se pode consultar; manual. / Bras. Ficha policial etc., com os antecedentes de uma pessoa. / Esses mesmos antecedentes.

Pronubo
adj. Poética Relativo ou pertencente a noivo ou noiva. / Casamenteiro.

Pronuncia
s.f. Articulação do som das letras, sílabas ou palavras; pronunciação. / Ato ou maneira de pronunciar. / Maneira especial de pronunciar os sons de certa língua: conhece bem o inglês mas não tem boa pronúncia. / Direito Despacho de um juiz declarando que alguém é indiciado como autor ou cúmplice de um crime.

Pronunciacao
s.f. Ação ou efeito de pronunciar. / Maneira de articular as palavras.

Pronunciado
adj. Marcado, acentuado, saliente, evidente: traços muito pronunciados. / Direito Que sofreu pronúncia do promotor; que foi considerado réu no sumário de culpa.

Pronunciamento
s.m. Proclamação que acompanha o ato pelo qual uma autoridade (especialmente militar) se apodera ilegalmente do governo. / Declaração pública.

Pronunciar
v.t. Articular, proferir: pronunciar mal as palavras. / Decretar, publicar, declarar com autoridade: pronunciar um julgamento. / Direito Dar contra alguém o despacho de pronúncia. / &151; V.pr. Manifestar sua opinião: pronunciou-se contra o projeto.

Propagacao
s.f. Ação ou efeito de propagar, de multiplicar por meio de reprodução: a propagação do gênero humano. / Fig. Extensão, difusão, desenvolvimento: a propagação das idéias. / Física. Modo de transmissão das ondas sonoras ou luminosas.

Propagador
adj. e s.m. Que ou aquele que propaga ou difunde; divulgador.

Propaganda
s.f. Ação ou efeito de propagar ou difundir idéias, princípios, teorias etc. / Vulgarização. / Promoção.

Propagandista
adj. e s.m. e s.f. Que ou aquele que faz propaganda.

Propagar
v.t. Multiplicar por meio da reprodução. / Difundir, divulgar, comunicar: propagar notícias falsas.

Propagulo
s.m. Botânica. Elemento de propagação vegetativa.

Propalar
v.t. Propagar; tornar público; divulgar; espalhar.

Propano
s.m. Hidrocarboneto saturado gasoso (C3H8), empregado como combustível.

Proparoxitono
adj. e s.m. Gramática Diz-se dos, ou os vocábulos com acento tônico na antepenúltima sílaba; esdrúxulo.

Propedeutica
s.f. Ciência preliminar preparatória. / Introdução à ciência.

Propedeutico
adj. Preliminar; que serve de introdução.

Propelir
v.t. Impelir para a frente; arremessar.

Propender
v.i. Inclinar-se, pender para algum lado: a vitória propendia para o nosso lado. / Ter tendência para.

Propensao
s.f. Inclinação para diante. / Tendência ou força natural que impele um corpo em determinada direção. / Fig. Inclinação, vocação, tendência: propensão para as artes.

Propenso
adj. Disposto, inclinado. / Que mostra tendência para alguma coisa.

Propergol
s.m. Corpo ou corpos cuja reação química, sem intervenção do oxigênio do ar, produz, com a liberação de vultosa quantidade de energia, um grande volume de gases aquecidos, mantendo assim o movimento de um motor autopropulsor.

Propiciacao
s.f. Ação para tornar propício; intercessão.

Propiciar
v.t. Tornar propício, favorável. / Proporcionar.

Propiciatorio
adj. Que tem a virtude de tornar propício: sacrifício propiciatório. / &151; S.m. Entre os antigos hebreus, lâmina de ouro que estava em cima da arca santa.

Propicio
adj. Favorável: tempo propício para estudar.

Propileno
s.m. Hidrocarboneto etilênico, que deriva do propano.

Propileu
s.m. Pórtico monumental na entrada de um templo grego.

Propina
s.f. Gratificação dada a alguém por serviços prestados; gorjeta, suborno.

Propinar
v.t. Oferecer, dar a beber: propinaram-lhe um veneno violento.

Propinquo
adj. Próximo, vizinho. / &151; S.m.pl. Parentes.

Propole
s.f. Substância resinosa colhida nos rebentos das plantas pelas abelhas e usada para obturar fissuras em suas colmeias. (Var.: própolis.)

Proponente
adj. e s.m. e s.f. Que ou aquele que propõe, que apresenta uma proposta.

Propor
v.t. Oferecer a exame, submeter à apreciação; fazer uma proposta: proponho-lhe a compra de meu automóvel. / Alvitrar, sugerir: o deputado propôs nova redação para a lei. /

Proporcao
s.f. Relação das diferentes partes de um todo, comparadas entre si ou cada uma com o todo. / Matemática Igualdade entre razões. &151; A razão entre um número a e um número b é o quociente obtido através da divisão do primeiro pelo segundo. Assim, a razão entre a e b pode ser escrita como ab e a razão entre c e d como c|d. Outra maneira, também utilizada, é escrever a:b e c:d. Os dois pontos significam dividido por.

Proporcionado
adj. Que tem proporções harmoniosas.

Proporcional
adj. Que tem proporção; que está em proporção; simétrico; regular. / Matemática Relativo a uma proporção.

Proporcionalidade
s.f. Estado das quantidades proporcionais entre si.

Proporcionar
v.t. Pôr em proporção; harmonizar; adaptar. / Dar; oferecer; dar ensejo para: proporcionei-lhe a oportunidade de viajar.

Proposicao
s.f. Ação de propor, de submeter à apreciação ou a exame; proposta. / Gramática Sinônimo (pouco usado na terminologia gramatical brasileira) de oração. / Retórica Parte de um discurso, ou de um poema épico, na qual se apresenta o tema que se vai desenvolver: a proposição de "Os Lusíadas" se contém nas três primeiras estrofes. / Matemática Teorema; enunciado de uma verdade que se quer demonstrar, ou de um problema que se pretende resolver.

Propositado
adj. Intencional; acintoso.

Proposito
s.m. Deliberação, resolução, decisão: tinha o firme propósito de vencer na vida. / Desígnio, tenção, intento: saiu com o propósito de voltar logo. // &151; loc. adv. A propósito, convenientemente; a tempo: o dinheiro chegou a propósito. // &151; loc. adv. De propósito, deliberadamente: ofendeu-me de propósito. // &151; loc. adv. Fora de propósito, fora da ocasião própria, inoportunamente. // &151; loc. prep. A propósito de, pelo fato de, por motivo de: falou-se nisso a propósito de você ter pedido demissão.

Proposta
s.f. Ação de propor; promessa, oferta. / Declaração verbal ou escrita com a qual se visa obter uma concessão, realizar uma obra, estabelecer um contrato etc.: vencerá a proposta mais econômica. / Proposição, sugestão: não aceito sua proposta.

Propriedade
s.f. O que distingue particularmente uma coisa de outra do mesmo gênero: uma das propriedades da esfera é ter os pontos da sua superfície eqüidistantes do centro. / Qualidade inerente aos corpos: a porosidade é uma propriedade da matéria. / Virtude particular, qualidade especial: esta planta tem propriedades purgativas. / Emprego exato das palavras, uso adequado da linguagem, com relação ao que se deve exprimir: escrever com propriedade.

Proprietario
adj. e s.m. Que ou quem tem a propriedade de alguma coisa. / Pessoa que possui bens imóveis.

Proprio
adj. Que pertence exclusivamente a: cada ser tem seus caracteres próprios. / Que pertence à pessoa mesma: mora em casa própria; escrever com a própria mão. / Idêntico; que é exatamente o mesmo; textual: foram estas as suas próprias palavras. / Conveniente; apropriado: uma roupa própria para o frio. / Peculiar; natural: o gato, com a agilidade própria de sua raça, pulou do telhado. / Gramática Diz-se do substantivo referente a um ser, individualmente (por opos. a substantivo comum). / Diz-se do sentido denotativo de uma palavra (por opos. a sentido figurado). / Funciona como um demonstrativo de identidade: falei ao próprio dono da casa. / &151; S.m. Caráter inerente a: o próprio do homem é pensar. / O que é natural de uma região ou local; aborígine, indígena. / Imóvel pertencente ao Estado: um próprio nacional.

Propriocepcao
s.f. Sensibilidade própria aos ossos, músculos, tendões e articulações e que fornece informações sobre a estática, o equilíbrio, o deslocamento do corpo no espaço etc.

Proprioceptivo
adj. Próprio à propriocepção. // Sensibilidade proprioceptiva, propriocepção.

Proprioceptor
adj. e s.m. Diz-se de, ou cada um dos órgãos terminais sensitivos existentes nos músculos, tendões, articulações (p. ex., os fusos musculares, os órgãos de Golgi).

Proptose
distensão excessiva de qualquer parte do corpo; deslocamento de um órgão para a frente; proptoma (pop)

Propugnar
v.t. e v.i. Sustentar luta física ou moral. / Defender lutando; pelejar, lutar por.

Propulsao
s.f. Ação ou efeito de propulsar, de impelir para a frente.

Propulsar
v.t. Impulsar para diante; expelir; repelir; repulsar.

Propulsivo
adj. Que produz propulsão, que impele para a frente.

Propulsor
adj e s.m. Que ou o que produz propulsão; que impele para a frente. // Propulsor a jato, motor que se movimenta com gás comprimido. / Propulsor em tubo, propulsor que gira no interior de um dispositivo de forma cilíndrica chamado duto ou tubo. Os propulsores ou hélices em tubo são usados em veículos a colchão de ar e em aeronaves de decolagem e pouso verticais. A instalação de um propulsor em tubo torna-o mais eficiente. O tubo captura o ar normalmente lançado lateralmente pelo propulsor, o que aumenta a pressão do ar atrás das lâminas do propulsor, aumentando em conseqüência sua força de propulsão.

Prorrogacao
s.f. Ação ou efeito de prorrogar, dilação. / Adiamento.

Prorrogar
v.t. Prolongar, fazer durar além do tempo estabelecido. / Adiar.

Prorrogativo
adj. Que prorroga; que serve para prorrogar.

Prorromper
v.i. Sair com ímpeto. / Manifestar-se subitamente: a assembléia prorrompeu em aplausos.

Prosa
adj. e s.f. Maneira usual de o homem exprimir-se através da linguagem falada ou escrita. Basicamente, é qualquer expressão lingüística escrita ou falada que não seja poesia. Em prosa são escritos romances, peças de teatro, contos, artigos, relatos jornalísticos e ensaios. Quando os homens falam entre si, normalmente fazem-no em prosa. / Conversa informal. / Fig. Lábia, bazófia, prosápia. / &151; Adj. Diz-se de um indivíduo pedante, contador de vantagens, cheio de si, enfatuado: sujeito prosa.

Prosador
s.m. Aquele que escreve obras em prosa.

Prosaico
adj. Relativo ou pertencente à prosa; que tem a natureza da prosa. / Que não tem elevação, que é comum, vulgar, rasteiro. / Que não tem poesia.

Prosaismo
s.m. Qualidade do que é prosaico. / Defeito do que é comum, vulgar, sem poesia.

Prosapia
s.f. Progênie, linhagem, ascendência, raça. / Orgulho, jactância, vaidade.

Prosar
v.i. Escrever em prosa. / Conversar.

Proscenio
s.m. Parte do palco adiante do cenário, junto à ribalta.

Proscrever
v.t. Banir, exilar, degredar. / Expulsar. / Abolir, extinguir; proibir.

Proscricao
s.f. Ato de proscrever. / O efeito desse ato; banimento, desterro; expulsão. / Abolição, extinção; proibição.

Proscrito
adj. e s.m. Que ou aquele que foi condenado a proscrição; degredado, desterrado, exilado, banido.

Proscritor
adj. e s.m. Que ou quem proscreve.

Prosear
v.i. Bras. Conversar; falar muito. / Jactar-se.

Proselitismo
s.m. Zelo ou diligência em fazer prosélitos: o proselitismo religioso.

Proselito
s.m. Antig. Pessoa que abjurava suas crenças para adotar a religião judaica. / Pessoa que se converteu a uma religião. / P. ext. Adepto, partidário; pessoa que abraçou uma seita, uma doutrina, um partido.

Prosobranquios
s.m.pl. Zoologia Ordem de moluscos gastrópodes que têm as brânquias adiante do ventrículo.

Prosodia
s.f. Parte da gramática normativa que trata da reta acentuação dos vocábulos e, ainda, dos fenômenos de entoação.

Prosodico
adj. Relativo à prosódia.

Prosopografia
s.f. Descrição das feições do rosto. / Esboço de uma figura.

Prosopopeia
s.f. Figura pela qual o orador ou escritor empresta a seres inanimados, a mortos ou a ausentes, sentimentos e palavras. / Fig. Discurso empolado. / Bras. Pop. Vaidade, empáfia.

Prospeccao
s.f. Pesquisa, sondagem para descobrir os filões ou jazidas de uma mina.

Prospectiva
s.f. Var. de prospetiva.

Prospectivo
adj. Var. de prospetivo.

Prospecto
s.m. Var. de prospeto.

Prosperar
v.i. Melhorar de condição, progredir. / Ir em aumento, crescer, desenvolver-se. / Enriquecer.

Prosperidade
s.f. Estado do que é próspero, do que melhora ou progride. / Abundância, fartura. / Riqueza.

Prospero
adj. Que melhora, que progride, bem-sucedido. / Afortunado; rico.

Prospetiva
s.f. Ciência que tem por objeto o estudo das causas técnicas, científicas, econômicas e sociais que aceleram a evolução do mundo moderno, e a previsão das situações que poderiam decorrer de suas influências conjugadas.

Prospetivo
adj. Que faz ver adiante ou ao longe.

Prospeto
s.m. Aspecto, vista. / Plano; traçado. / Folheto destinado a apresentar um produto comercial e distribuído com fins meramente publicitários, ou, em alguns casos, com fins instrutivos.

Prossecucao
s.f. Prosseguimento.

Prosseguimento
s.m. Ato ou efeito de prosseguir. / Continuação, prossecução.

Prosseguir
v.t. e v.i. Continuar, levar adiante: prossiga a lição. / Dar seguimento a. / Continuar falando. / Seguir avante.

Prostaglandina
s.f. Hormônio presente em diversos tecidos e órgãos e cujas diferentes espécies exercem ações bioquímicas diversas. (Desempenham papel especialmente na maior parte dos processos de reprodução.)

Prostaglandina(s)
substâncias derivadas de ácidos gordos (pop)

Prostata
s.f. Anatomia. Órgão que se compõe de tecido muscular e tecido glandular. &151; Só existe no sexo masculino. Segrega uma substância que transporta os espermatozóides. A próstata, do tamanho de uma noz, fica logo abaixo da bexiga. A uretra, tubo através do qual se expele a urina, atravessa a próstata. Com o correr da idade, a próstata tende a aumentar de tamanho. Pode, então, comprimir a uretra e interferir na passagem da urina. O tratamento pode ser cirúrgico, com extirpação total ou parcial da próstata, ou com medicação que faz este órgão diminuir de tamanho.

Prostatectomia
s.f. Ablação cirúrgica da próstata.

Prostatico
adj. Relativo à próstata.

Prostatismo
hipertrofia e obstrução da próstata (pop)

Prostatite
s.f. Inflamação da próstata.

Prosternar
v.t. O mesmo que prostrar, abater, deitar por terra: prosternar a soberba dos poderosos. / &151; V.pr. Curvar-se ao chão, em sinal de profundo respeito: os fiéis prosternaram-se diante do papa. / Fig. Humilhar-se.

Prostetico
adj. Grupamento prostético, fração não proteica contida na molécula das heteroproteínas e liberada por hidrólise.

Prostibulo
s.m. Lugar de prostituição; bordel; alcouce.

Prostilo
s.m. Arquitetura. Edifício ou templo que só tem uma fila de colunas na fachada.

Prostituicao
s.f. Ação de prostituir. / Comércio profissional do sexo. / Fig. Uso degradante de uma coisa.

Prostituir
v.t. Entregar à devassidão por dinheiro; corromper; desmoralizar. / Fig. Degradar, aviltar, desonrar: prostituiu sua arte. / &151; V.pr. Entregar-se ao comércio do sexo. / Fig. Degradar-se, aviltar-se; rebaixar-se, humilhar-se: prostituiu-se aos poderosos.

Prostituta
adj. e s.f. Mulher que se prostitui, que tem relações sexuais por dinheiro; meretriz. / Gír. Piranha.

Prostituto
adj. Que se prostituiu.

Prostracao
s.f. Ação ou efeito de prostrar-se. / Estado de profundo abatimento, proveniente de doença ou cansaço.

Prostrado
adj. Lançado de bruços no chão. / Abatido; sem forças; fraco.

Prostrar
v.t. Fazer cair; derrubar. / Humilhar, submeter, abater: prostrou o adversário a seus pés. / Fig. Enfraquecer, extenuar: o cansaço me prostrou. / &151; V.pr. Lançar-se ao chão em postura de súplica ou de adoração. / Fig. Abater-se, curvar-se, humilhar-se.

Protactinio
s.m. Símbolo químico Pa, é um metal radioativo pertencente à série de elementos actinídios. &151; Duas equipes de cientistas isolaram, independentemente, o elemento em 1917: Otto Hahn e Lise Meitner da Alemanha, e Frederick Soddy e John Cranston da Grã-Bretanha. O protactínio ocorre naturalmente em todos os minérios de urânio. É produzido artificialmente pelo bombardeamento de tório com partículas alfa.

Protagonista
s.m. e s.f. Ator ou atriz que faz o principal papel em uma peça teatral, filme etc. / Fig. Pessoa que tem o primeiro lugar em um acontecimento.

Protalo
s.m. Botânica. Pequena lâmina verde onde se encontram os anterídios e arquegônios de uma planta criptógama.

Protamina
s.f. Polipeptídeo utilizado para a fabricação de certas insulinas e como antídoto da ação anticoagulante da heparina.

Protandria
s.f. História natural Estado de um ser hermafrodita que se desenvolve primeiro como masculino e depois como feminino. (Opõe-se-lhe protoginia.)

Protase
s.f. Numa estrutura sintática de dois membros correlacionados, aquele que, subordinado ou dependente, cria uma expectativa para a enunciação do segundo, chamado apódose. (Ex.: Se queres a paz [prótase], prepara a guerra [apódose].) / Fonética. Parte melódica ascendente de um enunciado. / Lógica. Primeira proposição de uma demonstração. / Teatro. Parte introdutória de uma peça teatral que constitui sua exposição.

Protease
enzima proteolítica, enzina que destrói as proteínas (pop)

Protecao
s.f. Ação ou efeito de proteger; apoio, ajuda, socorro: a proteção da lei.

Protecionismo
s.m. Economia política. Sistema que consiste em proteger a agricultura, o comércio ou a indústria de um país contra a concorrência estrangeira, por meio de um conjunto de medidas (limitação das importações pela instituição de tarifas alfandegárias ou pela subordinação ao sistema de licença prévia de importação; incentivo à exportação pela liberação do pagamento de impostos; estabelecimento de controle cambial).

Protecionista
adj. Relativo ao protecionismo. / &151; s.m. e s.f. Partidário(a) desse sistema.

Protectivo
/que protege, protector (pop)

Proteger
v.t. Tomar a defesa de alguém ou de alguma coisa: proteger os fracos. / Defender; preservar; amparar; resguardar.

Protegido
adj. e s.m. Diz-se do, ou o indivíduo que recebe proteção ou apoio de alguém; valido, favorito; afilhado.

Proteico
adj. Multiforme; polimorfo. / Medicina Que apresenta vários aspectos.

Proteiforme
adj. Que muda de forma freqüentemente (como Proteu, deus da mitologia grega).

Proteina
s.f. Macromolécula constituída pela associação de aminoácidos unidos por ligações pépticas. / Heteroproteína.

Proteina plasmatica
proteína do plasma (pop)

Proteinuria
s.f. Medicina Presença de proteína na urina; albuminúria.

Protelar
v.t. Adiar, procrastinar, prorrogar.

Protelo
s.m. Mamífero da família dos hienídeos, da fauna africana.

Proteolise
s.f. Lise (desorganização, destruição) das substâncias protéicas complexas.

Proteolitico
adj. Química Que diz respeito ao desdobramento das proteínas por influência de fermentos solúveis ou agentes químicos.

Proterozoico
adj. e s.m. Diz-se de, ou subdivisão mais recente do Pré-Cambriano, com uma duração de aproximadamente 2.000 milhões de anos.

Protervia
s.f. Desaforo, insolência, impudência, descaramento.

Protervo
adj. Descarado, impudente, desavergonhado.

Protese
s.f. Cirurgia. Substituição de uma parte do corpo por uma peça artificial. &151; Constitui um ramo da medicina, particularmente em cirurgia ou odontologia. Por exemplo, uma pessoa pode perder um braço ou uma perna em acidente. Um membro artificial suprirá as funções da parte perdida. Ao membro artificial também se dá o nome de prótese, como aos dentes artificiais, pontes fixas ou móveis, implantados pelos dentistas. Existem fábricas de partes artificiais do corpo, feitas de madeira, plástico ou aço inoxidável.

Protestacao
s.f. Ação ou efeito de protestar; protesto. / Declaração; confissão; afirmação.

Protestante
adj. e s.m. e s.f. Que ou quem protesta. / Nome genérico dado aos adeptos da Reforma. / Que pertence ao protestantismo: religião protestante; país protestante.

Protestantismo
s.m. Conjunto de doutrinas religiosas e de Igrejas oriundas da Reforma. &151; Os principais ramos do protestantismo são: 1) o luteranismo, professado na Alemanha, nos países escandinavos etc.; 2) o calvinismo, professado na França, na Suíça, nos Países Baixos, na Escócia, nos Estados Unidos da América etc.; 3) o anglicanismo, professado na Grã-Bretanha etc., ao qual se vêm reunir numerosas seitas sobre outras denominações.

Protestar
v.t. e v.i. Insurgir-se contra alguma coisa; reclamar; dar demonstrações de repulsa ou revolta contra alguma coisa. / Comprometer-se solenemente a; afirmar solenemente, prometer. / Professar. / Declarar que se tem uma coisa por ilegal. / Fazer o protesto de um título comercial por falta de pagamento.

Protestatorio
adj. Que envolve protesto, ou serve para protestar.

Protesto
s.m. Protestação, afirmação solene, declaração pública que se faz da própria vontade. / Declaração formal pela qual se reclama contra alguma coisa. / Ato pelo qual o portador de um título comercial, não aceito, nem pago no dia do vencimento, se resguarda o direito de qualquer procedimento futuro.

Protetico
adj. Relativo a prótese. / &151; S.m. Bras. Profissional que se dedica à prótese dentária.

Protetor
adj. e s.m. Que ou o que protege; que serve para proteger ou defender.

Protetorado
s.m. Situação de um Estado estrangeiro que é colocado sob autoridade de outro Estado, principalmente no que concerne às relações exteriores e à segurança. &151; Os protetorados possuem geralmente alguma autonomia, mas a nação "protetora" tem a palavra final nos assuntos importantes. As potências protetoras conduzem todas as relações externas do protetorado, além de manipularem sua defesa e suas finanças.

Proteu
s.m. Bacteriologia. Gênero de enterobacteriáceas gram-negativas, das quais algumas são patogênicas. / Zoologia. Espécie de salamandra. / Fig. Indivíduo que facilmente muda de opinião.

Protidio
s.m. Bioquímica. Matéria protéica ou albuminóide que, por hidrólise, não fornece apenas aminoácidos e é constituída por uma proteína combinada com outro composto, de função variável.

Protista
adj. e s.m. Relativo aos, ou espécie dos protistas. // Protistas, grupo que abrange todas as espécies vivas unicelulares de núcleo distinto. (Distinguem-se os protófitos, espécies clorofilianas com afinidades vegetais, e os protozoários [ameba, paramécio etc.], destituídos de clorofila e com afinidades animais.)

Proto
pref. Significa primeiro: protomártir. / Química Palavra que se coloca no início dos nomes de compostos inorgânicos, para indicar a menor proporção em que esse corpo se pode combinar com o outro: protóxido de ferro.

Proto-historia
s.f. Época da história da humanidade compreendida entre a pré-história e o período histórico propriamente dito.

Proto-historiador
adj. e s.m. Diz-se de, ou especialista em proto-história.

Proto-industrializacao
s.f. Atividade de fabricação rural, doméstica e sazonal, para mercados exteriores à região de produção, que precedeu na Europa a revolução industrial.

Protocaceas
s.f.pl. O mesmo que protococáceas.

Protococaceas
s.f.pl. Botânica. Família de algas clorofíceas, cujo tipo é o protococo.

Protococo
s.m. Alga unicelular abundante nas manchas verdes das cascas de árvore, em pequenos grupos.

Protocolar
v.t. Registrar em protocolo.

Protocolo
s.m. Documento que contém o relatório das conversações desenvolvidas por representantes diplomáticos. &151; Esse documento mostra que os diplomatas concordaram em importantes questões. Um protocolo é um documento governamental oficiais, mas só adquire força de tratado quando ratificado pelos governos interessados. / O termo protocolo também se refere à elaborada etiqueta oficial das cerimônias governamentais. / Livro de registro da correspondência, ou entrada de documentos, de uma firma ou repartição.

Protoestrela
s.f. Massa de matéria interestelar no processo de condensação que precede a formação de uma estrela.

Protofitos
s.m.pl. Botânica. Vegetais unicelulares.

Protofonia
s.f. Prelúdio musical; abertura.

Protoginia
s.f. História natural Estado dos seres hermafroditas que se desenvolvem primeiro como femininos e depois como masculinos. (Opõe-se-lhe protandria.)

Protogino
s.m. Rocha ácida formada por uma variedade de granulito com clorita, encontrada nos Alpes.

Protolinguagem
s.f. Linguagem reconstituída ou hipotética ancestral.

Protomartir
s.m. e s.f. O primeiro mártir de uma religião ou de um ideal político. / No Brasil, designação especial de Tiradentes.

Proton
s.m. Partícula de carga elétrica positiva, encontrada no núcleo de um átomo. &151; Os prótons, com os nêutrons e elétrons, são as unidades que constituem os átomos. Um próton tem uma massa 1.836 vezes mais pesada que a massa do elétron. O átomo de hidrogênio tem um próton. Os átomos mais pesados têm maior quantidade.

Protonema
s.m. Botânica. Conjunto dos filamentos do espório do musgo, nos quais se formam rebentos que se desenvolvem em novas plantas.

Protonotario
s.m. Antig. rom. Primeiro ou principal notário dos imperadores romanos; arquinotário. / Oficial da cúria romana que tem uma hierarquia superior à de todos os notários.

Protoplasma
s.m. Fisiologia. Diz-se do liquido contido nas células vegetais ou animais. / P. ext. Qualquer substância contida no interior das células.

Protoplasmatico
adj. O mesmo que protoplásmico.

Protoplasmico
adj. Relativo ao protoplasma.

Protorax
s.m. Parte anterior do tórax dos insetos, constituída por um anel.

Prototipo
s.m. Primeiro exemplar, primeiro modelo, original. / Fig. O exemplar mais exato, mais perfeito.

Protoxido
s.m. Química O óxido menos oxigenado de um elemento: protóxido de nitrogênio, N2O.

Protozoario
adj. e s.m. Zoologia Diz-se dos, ou os animais unicelulares. Distinguem-se dois grupos: os infusórios (dotados de membrana) e os rizópodes (sem membrana).

Protozoologia
s.f. Ramo das ciências zoológicas que trata do estudo dos protozoários. &151; As pessoas que se especializam neste campo de investigação são chamadas protozoologistas.

Protrair
v.t. Tirar para fora. / Demorar, prolongar. / Adiar, protelar, procrastinar.

Protratil
adj. Que se pode protrair, ou alongar para a frente.

Protrombina
s.f. Substância contida no sangue e que participa de sua coagulação. (A taxa de protrombina, normalmente de 100%, baixa entre 20 e 40% no decurso de tratamentos anticoagulantes.)

Protrusao
/deslocação para a frente de um órgão (pop)

Protuberancia
s.f. Saliência, eminência. // Anatomia. Protuberância anular, parte do sistema nervoso central, situada acima do bulbo, abaixo dos pedúnculos cerebrais e à frente do cerebelo; o mesmo que ponte de Varólio. // Astronomia. Protuberância solar, matéria gasosa avermelhada, que, como se fosse uma labareda, se desprende do disco do Sol, sobretudo durante os eclipses.

Protuberante
adj. Que forma uma protuberância; saliente.

Proturos
s.m.pl. Insetos primitivos da ordem Protura, constituída de cerca de 90 espécies. &151; Todos os insetos desta ordem são de dimensões muito reduzidas; todos são desprovidos de antenas e asas. Vivem em locais úmidos, como, por exemplo, entre folhas em decomposição ou em charcos.

Protutor
s.m. Direito Indivíduo nomeado pelo conselho de família para exercer a tutela juntamente com o tutor, curador e conselho de família.

Prova
s.f. O que demonstra a veracidade de uma proposição, ou a realidade de um fato. / Testemunho, demonstração: dar prova de boa vontade. / Argüição, oral ou escrita, em exame: prova de literatura. / Experiência, ensaio que se faz de uma coisa: submeti o carro a várias provas. / Fig. Desgosto, dor, desgraça: passar por duras provas. / Matemática. Operação pela qual se confirma a exatidão de um cálculo: a prova dos nove, a prova real. / Tipografia Folha impressa para sofrer revisão: já revi a segunda prova do meu livro. / Fotografia. Exemplar obtido de uma chapa fotográfica. // Desportos. Competição: prova de salto em altura. // Direito. Prova circunstancial, a que se baseia em indícios. // Direito. Prova testemunhal, a que resulta do depoimento de testemunhas. // &151; loc. adj. A toda prova, capaz de resistir a tudo: coragem a toda prova. // Pôr à prova, experimentar.

Provacao
s.f. Ação ou meio de pôr à prova a constância, a resignação, a virtude. / Situação difícil; transe; sofrimento.

Provador
adj. e s.m. Que ou quem prova.

Provar
v.t. Demonstrar a verdade, a realidade, a autenticidade de uma coisa com razões, fatos, testemunhos, documentos etc. / Dar testemunho de; mostrar; demonstrar; submeter a prova; dar prova de./ Conhecer por experiência própria; experimentar; sofrer, padecer: provar as fadigas da guerra. / Vestir antes de estar pronto para ver se fica bem: provar um vestido. / Comer ou beber para saber se é bom: provar o vinho.

Provavel
adj. Que se pode provar. / Que pode acontecer; verossímil. / Que tem grande aparência de verdade.

Provecto
adj. Adiantado; que tem progredido. / Avançado em anos./ Fig. Experimentado, muito sabedor.

Provedor
s.m. Aquele que provê ou que fornece o que é necessário, em especial o chefe de certos estabelecimentos pios: o provedor da Santa Casa.

Provedoria
s.f. Ofício ou encargo de provedor. / Jurisdição do provedor. / Repartição do provedor.

Proveito
s.m. Vantagem que se tira de alguma coisa: tirar proveito de um negócio. / Ganho; lucro; utilidade; benefício.

Proveitoso
adj. Que traz proveito; lucrativo; útil.

Provencal
adj. Relativo à Provença (França) ou a seus habitantes. / &151; Adj. e s.m. e s.f. Natural ou habitante da Provença.

Proveniencia
s.f. Origem, procedência: mercadorias de proveniência estrangeira; uma pessoa de proveniência ignorada.

Proveniente
adj. Que provém; derivado; oriundo, procedente.

Provento
s.m. Lucro; rendimento: os proventos de um cargo.

Prover
v.t. Providenciar acerca de; regular; dispor: tudo proveu a tempo e a hora. / Abastecer, munir: prover a cidade de víveres. / Acudir, ocorrer: prover à segurança pública. / Efetivar a ocupação de um cargo: já proveram a cadeira de filosofia. / Nomear, investir: prover alguém num emprego. / Direito Dar deferimento a (um recurso). / &151; V.pr. Abastecer-se, munir-se: proveu-se do necessário para viajar.

Proverbial
adj. Relativo a provérbio. / Que tem a natureza de provérbio. / Que é sempre citado como modelo ou tipo: a proverbial crueldade de Nero.

Proverbio
s.m. Máxima expressa em poucas palavras e que se tornou popular; rifão, anexim, adágio.&151;O rifão tem estilo vulgar, às vezes com termos baixos; o anexim, sentencioso, contém ironia ou chiste. O adágio, o rifão e o anexim são chamados pelo povo de ditados. Todas as línguas têm seus provérbios. Com freqüência os mesmos provérbios com formas diferentes ocorrem entre muitos povos e cm épocas diferentes. Às vezes, provérbios semelhantes têm a mesma origem. Em outros casos não têm provavelmente nenhuma conexão. A Bíblia contém um livro inteiro de provérbios. Estes provérbios são até hoje de uso comum, especialmente em países de maioria protestante.

Proveta
s.f. Vaso de vidro em forma de tubo fechado em uma das extremidades, e em que se fazem experiências, dosagens etc.: uma proveta graduada.

Providencia
s.f. Prevenção, disposição prévia dos meios necessários para conseguir um fim, para evitar um mal ou para remediar alguma necessidade. / Teologia A suprema sabedoria atribuída a Deus, com que ele governa todas as coisas. (Nesta acepção, grafa-se com inicial maiúscula.) / Acontecimento feliz.

Providencial
adj. Relativo à Providência. / Que vem da Providência divina. / Que acontece por um feliz acaso; oportuno.

Providenciar
v.t. Determinar, dispor providentemente; prover: providenciar os recursos necessários. / &151; V.i. Tomar providências.

Providente
adj. Que provê. / Acautelado, prudente.

Provido
adj. Que possui tudo o que é necessário; cheio. / Direito Diz-se do recurso a que se deu provimento. / Que foi nomeado para uma função pública.

Provimento
s.m. Ação ou efeito de prover. / Abastecimento, provisão, sortimento. / Víveres, mantimentos. / Providência, cautela. / Despacho de um requerimento. / Nomeação de uma pessoa para um cargo. / Determinações administrativas baixadas por um corregedor.

Provincia
s.f. Divisão territorial colocada sob a autoridade de um delegado do poder central: as províncias romanas. / Qualquer parte do território de um país que não é capital; interior: viver na província. / Distrito de ordem religiosa.

Provincial
adj. Relativo à província; pertencente à província; provinciano. / &151; S.m. Superior regional de várias casas religiosas de uma mesma ordem.

Provincialado
s.m. Cargo de provincial. / Sua duração. (Var.: provincialato.)

Provincialato
s.m. O mesmo que provincialado.

Provincianismo
s.m. Costume próprio de uma província. / Sotaque, acentuação, maneira de alguém se exprimir peculiar a uma província. / Locução ou palavra usada especialmente em uma província. / O mesmo que provincialismo.

Provinciano
adj. Relativo à província. / &151; Adj. e s.m. Que ou aquele que é da província.

Provir
v.t. Vir de algum lugar. / Proceder; resultar. / Derivar-se. / Descender; originar-se.

Provisao
s.f. Ato ou efeito de prover. / Abastecimento de coisas necessárias ou úteis: provisão de água. / Carta pela qual o governo confere cargo, autoriza o exercício de uma profissão ou expede instruções. / Prescrição, decreto, ordem, disposição, providência.

Provisionado
adj. e s.m. Bras. Diz-se de, ou pessoa que, não sendo bacharel em Direito, recebeu provisão para advogar em juízo de primeira instância, após inscrição na Ordem dos Advogados. /

Provisional
adj. Relativo a provisão. / Provisório; interino.

Provisionar
v.t. O mesmo que aprovisionar.

Provisor
adj. e s.m. Que ou o que faz provisões de mantimentos. / Magistrado eclesiástico a quem os bispos delegam sua jurisdição contenciosa.

Provisorado
s.m. O mesmo que provisoria.

Provisoria
s.f. Cargo de provisor.

Provisorio
adj. Transitório, passageiro; interino, temporário. / Feito por provisão.

Provitamina
s.f. Substância inativa, presente nos alimentos, que o organismo transforma em vitamina ativa; precursor vitamínico.

Provocacao
s.f. Ato ou efeito de provocar. / Desafio. / Tentação.

Provocador
adj. Que provoca: um tom provocador. / Provocante. / &151; S.m. Aquele que faz provocações.

Provocar
v.t. Incitar, estimular: provocar o povo à desordem. / Desafiar: provocar a fera. / Promover, produzir, ocasionar: o ópio provoca o sono. / Exercer tentação sobre: a mulata provocava todos os homens.

Proxemica
s.f. Estudo da separação espacial que os indivíduos mantêm naturalmente entre si (p. ex., nas diversas situações sociais e interpessoais) e da relação que isso tem com fatores culturais e ambientais.

Proxeneta
s.m. e s.f. Pessoa que faz profissão de intermediário em amores. / Rufião; cáften.

Proxenetismo
s.m. Profissão ou qualidade de proxeneta.

Proximidade
s.f. Pequena distância; pequeno intervalo de tempo; vizinhança; iminência. / &151; S.f.pl. Arredores, cercanias.

Proximo
s.m. O homem considerado em relação a outro homem; conjunto dos homens em relação a um entre eles: amar ao próximo como a nós mesmos. / &151; S.m.pl. As pessoas que nos são chegadas; os parentes.

Prudencia
s.f. Virtude que faz prever e procura evitar as inconveniências e os perigos; cautela, precaução.

Prudencia
s.f. Virtude que faz prever e procura evitar as inconveniências e os perigos; cautela, precaução.

Prudente
adj. Que tem prudência; cauteloso, precavido.

Pruido
s.m. Prurido.

Pruina
s.f. Botânica. Pó céreo que cobre certos frutos.

Pruir
v.i. Prurir.

Prumada
s.f. Vertical da linha de prumo.

Prumar
v.i. Náutica Lançar o prumo para sondar.

Prumo
s.m. Instrumento formado de uma peça metálica presa à extremidade de um fio metálico ou não e que serve para determinar a direção vertical. / Fig. Prudência, tino, cautela; agudeza, penetração. / Garfo de enxerto. // &151; loc. adv. A prumo, verticalmente, a pino.

Prurido
s.m. Coceira molesta, comichão. / Fig. Impaciência, inquietação; desejo forte.

Prurigem
s.f. Nome de diversas afecções cutâneas caracterizadas por intensa comichão. O mesmo que prurigo.

Pruriginoso
adj. Que tem, que causa prurido, comichão: erupção pruriginosa.

Prurir
v.t. e v.i. O mesmo que pruir. / Causar prurido ou comichão. / Fig. Estimular; estar ansioso, inquieto. (Conj.: defectivo, não se conjuga nas formas em que ao r da raiz se seguiria o ou a.)

Pruritico
pruriginoso, que faz comichão (pop)

Prussiano
adj. Da Prússia, antigo Estado da Alemanha, atualmente dividido entre a Polônia e a U.R.S.S. / &151;&160;Adj. e s.m. Natural ou habitante da Prússia.

Prussiato
s.m. Química Sal de ácido prússico ou cianídrico. (Diz-se de preferência cianeto.)

Pschent
s.m. (pal. egípcia) Toucado dos faraós, composto pelas coroas do Alto e Baixo Egito conjugadas, símbolo de sua soberania sobre esses dois reinos.

Pseudartrose
s.f. Cirurgia. Articulação anormal entre as extremidades de uma fratura cuja consolidação não chegou a fazer-se.

Pseudo-tumor
falso tumor (pop)

Pseudociencia
s.f. Saber organizado que carece do rigor de uma ciência.

Pseudomembranoso
pseudomenbranoso (pop)

Pseudonimo
s.m. Nome falso ou suposto, com que um autor assina algumas ou todas as suas obras. (Us. também como adj.)

Pseudopode
s.m. Biologia. Expansão do protoplasma, que serve de aparelho locomotor ou preensor aos protozoários e aos leucócitos.

Pseudozoario
adj. Botânica. Diz-se dos vegetais que se assemelham a animais.

Psi
s.m. Vigésima terceira letra do alfabeto grego (Y), correspondente ao som [ps].

Psicanalisar
v.t. Submeter à psicanálise.

Psicanalise
s.f. Investigação psicológica que tem por fim trazer à luz da consciência os sentimentos obscuros ou recalcados. (A psicanálise foi criada por Sigmund Freud.) Diz-se também análise. / O termo se refere também às teorias em que se baseia esse tratamento. &151; O médico austríaco Sigmund Freud desenvolveu a psicanálise nos últimos anos do séc. XIX e no início do séc. XX. Outros psiquiatras desenvolveram variações de sua técnica.

Psicanalista
s.m. e s.f. Especialista em psicanálise.

Psicanalitico
adj. Relativo à psicanálise: método psicanalítico; cura psicanalítica.

Psicastenia
s.f. Enfraquecimento mental, com repercussão no conjunto das faculdades psíquicas e físicas.

Psicastenico
adj. Relativo à psicastenia. / Acometido de psicastenia.

Psiche
s.m. (aport. do fr. pysché) Grande espelho móvel, montado numa armação e que se pode inclinar à vontade.

Psicoanaleptico
adj. e s.m. (Substância) que tem ação estimulante ou excitante sobre as funções psíquicas.

Psicobiologia
s.f. Disciplina que estuda o psiquismo em suas articulações com as funções biológicas.

Psicocinese
s.f. Em parapsicologia, suposta ação direta da mente sobre a matéria, que daria lugar a fenômenos tais como a levitação ou a deformação de objetos à distância.

Psicocirurgia
s.f. Cirurgia praticada no encéfalo, a fim de fazer desaparecer certos sintomas de doenças mentais.

Psicocritica
s.f. Método de crítica literária, inspirado pela psicanálise, que consiste no estudo da freqüência e da estrutura de temas prediletos da obra que formam a personalidade íntima do autor.

Psicodelico
adj. Que está sob a ação de um alucinógeno. / &151; S.m. Droga que produz um estado de alucinação.

Psicodelismo
s.m. Estado psíquico de quem está sob a ação de um alucinógeno, do grupo representado pela dietilamida do ácido lisérgico (D.L.S., mais conhecido pela sigla do inglês L.S.D.), e por alcalóides como a mescalina e outras substâncias.

Psicodideos
s.m.pl. Zoologia Família de insetos dípteros nematóceros, a que pertence o mosquito-pólvora ou birigui.

Psicodisleptico
adj. e s.m. (Substância) que provoca perturbações análogas às das psicoses.

Psicodrama
s.m. Método de psicoterapia em grupo, criado em Viena pelo médico romeno Jakob Levy Moreno e que consiste em fazer os neuróticos improvisarem uma representação com cenas que retratem seu próprio comportamento na vida.

Psicodramatico
adj. Relativo ao psicodrama: o método psicodramático.

Psicofarmacologia
s.f. Estudo dos comportamentos individuais sob a ação dos medicamentos chamados "psicotrópicos".

Psicofisiologia
s.f. Estudo científico das relações entre os fenômenos psíquicos e os fenômenos fisiológicos.

Psicogenese
s.f. Estudo das causas psíquicas suscetíveis de explicar uma neurose ou uma psicose.

Psicogenetica
s.f. Estudo da aquisição pela criança das formas de pensamento.

Psicogenico
que tem origem emocional ou psicológica (pop)

Psicogeno
adj. Que é de origem psíquica.

Psicografar
v.t. Escrever (o médium) o que se presume que um espírito (lhe) dita.

Psicoleptico
adj. e s.m. (Substância) que tem uma ação moderadora ou calmante sobre as funções psíquicas.

Psicologico
adj. Que se refere à psicologia: fenômeno psicológico. // Momento, instante psicológico, momento oportuno para agir.

Psicologismo
s.m. Sistema pelo qual se relaciona a psicologia com a filosofia.

Psicologo
s.m. Profissional da psicologia. / Pessoa versada em psicologia. / Indivíduo que, sem formação especializada de psicólogo, tem, todavia, certa acuidade instintiva para entender a personalidade dos outros.

Psicometria
s.f. Medida quantitativa da força e duração dos fenômenos mentais. / Medida do grau de inteligência.

Psicomotor
adj. Psicologia Diz-se do comportamento da criança relativamente à aquisição dos reflexos (maturação): desenvolvimento psicomotor. / Diz-se das perturbações da motilidade sem anomalia das vias nervosas periféricas e sem alteração muscular ou óssea.

Psicomotricidade
s.f. Integração das funções motrizes e mentais sob o efeito da educação e do desenvolvimento do sistema nervoso.

Psiconeurose
s.f. Medicina Estado intermediário entre a neurose e a psicose.

Psicopata
s.m. e s.f. Doente mental.

Psicopatia
s.f. Perturbação da personalidade que se manifesta essencialmente por comportamentos anti-sociais (passagens a ato), sem culpabilidade aparente.

Psicopatologia
s.f. Estudo das doenças mentais.

Psicopedagogia
s.f. Utilização pedagógica da psicologia (por meio de testes, prática de métodos ativos ou emprego da psicanálise).

Psicose
s.f. Designação genérica das doenças mentais caracterizadas pela perda do contato com a realidade. / Obsessão provocada por uma comoção de origem social: psicose de guerra. /

Psicossensorial
adj. Que concerne simultaneamente às funções psíquicas e às funções sensoriais.

Psicossensoriomotor
adj. Diz-se das perturbações cujas causas se prendem ao domínio intelectual (atenção, compreensão, memória), à deficiência dos órgãos dos sentidos (vista, ouvido, olfato, paladar), à motricidade defeituosa (mancinismo ou canhotismo, inabilidade etc.).

Psicossocial
adj. Que concerne simultaneamente à psicologia individual e à vida social.

Psicossociologia
s.f. Estudo psicológico dos fatos sociais; psicologia social.

Psicossociologo
s.m. Especialista em psicossociologia.

Psicossomatico
adj. Que concerne simultaneamente ao corpo e ao espírito. / Ligado especialmente a fatores de ordem psíquica (conflitos etc.), quando faltam sintomas de doença mental (diz-se de perturbações orgânicas).

Psicotecnica
s.f. Conjunto dos métodos científicos que permitem apreciar as reações psicológicas e fisiológicas (motrizes) dos indivíduos. (É freqüentemente utilizada para orientação profissional.)

Psicotecnico
adj. Relativo à psicotécnica: exame psicotécnico. / &151; S.m. Especialista em psicotécnica.

Psicoterapeuta
s.m. e s.f. Especialista em psicoterapia.

Psicoterapia
s.f. Denominação dada a qualquer tratamento que tenta curar o paciente através de meios psicológicos e não através de meios físicos. &151; Na psicoterapia, o médico e o paciente falam um com o outro. Em outros tipos de tratamento, o médico receita algum remédio, realiza uma intervenção cirúrgica ou trata do paciente com aparelhos, como o de raios-X.

Psicotico
adj. Relativo à psicose. / &151; S.m. Doente de psicose.

Psicotonico
adj. e s.m. Diz-se de, ou substância dotada de ação estimulante do psiquismo.

Psicotropico
adj. e s.m. Diz-se de, ou substância medicamentosa que atua sobre o psiquismo, quer como calmante, quer como estimulante.

Psicrometro
s.m. Instrumento que serve para determinar o estado higrométrico da atmosfera.

Psilio
s.m. Planta que produz sementes mucilaginosas empregadas como laxante.

Psilo
s.m. Artista que domestica serpentes.

Psique
s.f. A alma, o espírito.

Psiquiatra
adj. e s.m. e s.f. Diz-se de, ou médico(a) especialista em doenças mentais.

Psiquiatria
s.f. Estudo e tratamento das doenças mentais.

Psiquiatrico
adj. Relativo à psiquiatria: tratamento psiquiátrico; pavilhão psiquiátrico.

Psiquico
adj. Concernente à alma, ao espírito: fenômenos psíquicos.

Psiquismo
s.m. Conjunto dos caracteres psíquicos de um indivíduo. / Conjunto dos fenômenos relativos à alma.

Psitacideos
s.m.pl. Zoologia Família de aves trepadoras, que compreende os papagaios, os periquitos, as araras.

Psitacismo
s.m. Perturbação psíquica que consiste em repetir as palavras sem ter em mente as idéias por elas representadas. / Repetição mecânica de noções não assimiladas.

Psitacose
s.f. Doença contagiosa transmitida por certas aves. &151; É também chamada ornitose e doença do papagaio. A psitacose ocorre principalmente em aves da família do papagaio, mas também se observa em pombos e aves de granja. O homem pode contrair a doença ao lidar com aves doentes ou material infectado.

Psiu
interj. Som sibilante com que se chama alguém ou lhe atrai a atenção.

Psoas
s.m. sing. e pl. Nome de dois músculos pares situados ao lado das vértebras lombares, que se estendem até o pequeno trocanter do fêmur, e que contribuem para a flexão da coxa junto ao tronco.

Psofiideos
s.m.pl. Zoologia Família de aves gruiformes a que pertence o agami.

Psoraleno
s.m. Substância que provoca fotossensibilização e que se emprega no tratamento de certas dermatoses (vitiligo, psoríase).

Psoriase
s.f. Dermatose crônica caracterizada por placas vermelhas recobertas de espessas escamas brancas.

Pteranodonte
s.m. Réptil fóssil, voador, da era secundária. (Ordem dos pterossauros.)

Pteridofitas
s.f.pl. Zoologia Divisão da botânica que compreende as plantas criptógamas vasculares tais como os fetos.

Pteridospermas
s.f.pl. Botânica. Ordem de plantas da era carbonífera, de folhas semelhantes às dos fetos, que se reproduzem, todavia, por sementes, pelo que se classificam entre as gimnospermas.

Pterigoideo
adj. e s.m. Anatomia. Diz-se dos, ou os músculos que permitem o deslocamento lateral da maxila inferior.

Pterigotos
s.m.pl. Zoologia Subclasse de insetos que sofrem metamorfoses. / &151; S.m.sing. Animal aquático fóssil da era primária, próximo dos crustáceos, e que podia atingir 2 m de comprimento.

Pterodactilo
s.m. Gênero de répteis voadores da era secundária.

Pterodatilo
adj. Var. de pterodáctilo.

Pterofagia
s.f. Ato de devorarem (as aves) as penas umas das outras.

Pteropodes
s.m.pl. Zoologia Ordem de moluscos gastrópodes que vivem em grupos, no mar, e têm, no máximo, 2 cm de comprimento.

Pterossauros
s.m.pl. Ordem de répteis da era secundária, habilitados a voar graças a uma larga membrana presa ao quinto dedo da mão, bastante alongado.

Ptialina
s.f. Diástese da saliva, que transforma o amilo em maltose e dextrina.

Ptialismo
s.m. Secreção abundante de saliva.

Ptolomaico
adj. Pertencente ou pertinente a Ptolomeu do Egito ou a seus homônimos célebres.

Ptomaina
s.f. Nome de vários compostos químicos relacionados com o amoníaco. &151; Formam-se como produtos residuais da ação de bactérias que causam a decomposição de matéria orgânica vegetal ou animal. Têm certa semelhança com os alcalóides encontrados em vegetais e animais venenosos.

Ptose
s.f. Descimento, caimento dos órgãos, devido ao relaxamento dos músculos ou dos ligamentos que os mantêm na posição normal.

Pua
s.f. Ponta aguçada, bico, espigão. / Espigão da espora, em cuja extremidade está a roseta. / Parte aguçada da verruma. / Ferramenta constituída por uma haste de aço, estriada ou helicoidal, com a qual se fura a madeira mediante movimento rotatório; broca. / Arco, ou peça provida de manivela e roda denteada que faz girar uma haste a cuja extremidade se adapta a broca, ou pua.

Pub
s.m. (pal. ing.) Estabelecimento comercial onde se servem bebidas alcoólicas, na Grã-Bretanha. / Bar decorado à maneira dos pubs ingleses.

Puba
s.f. Bras. A mandioca posta na água ou enterrada na lama até amolecer e fermentar. / Terreno úmido, coberto de capim. / Faceirice. / Bras. (N) Boi de corte, gordo. / &151; Adj. Mole, molenga.

Puberdade
s.f. Período da vida em que se inicia a atividade das glândulas reprodutoras e se manifestam certos caracteres sexuais secundários (no homem: pilosidade, mudança da voz; na mulher: desenvolvimento dos seios, menstruação).

Pubere
adj. Que atingiu a época de puberdade: menina púbere.

Pubertario
adj. Relativo à puberdade: crise pubertária.

Pubescencia
s.f. Estado da superfície de uma haste, uma folha, um fruto pubescente.

Pubescente
adj. Diz-se de uma superfície coberta de pêlos finos. / Botânica. Diz-se de uma haste, uma folha, de um fruto provido de pêlos muito finos, semelhantes a uma lanugem. / Zoologia Diz-se da pele de um animal cujos pêlos são finos e curtos.

Pubescer
v.i. Chegar à puberdade; tornar-se púbere.

Pubiano
adj. O mesmo que púbico.

Pubico
adj. Relativo ao púbis: região púbica. O mesmo que pubiano.

Pubis
s.m. Parte anterior dos ossos ilíacos. / Parte inferior do hipogastro que se cobre de pêlos a partir da puberdade.

Publica-forma
s.f. Cópia autêntica de um documento, feita e reconhecida por tabelião e que substitui o original.

Publicacao
s.f. Ato pelo qual se torna público um fato; divulgação. / Ato de publicar, de entregar um escrito ao público: publicação de um livro. / Obra impressa, escrita, publicada:

P